rede ex aequo

Olá Visitante26.nov.2020, 01:37:09

Sondagem

A tua familia te aceita?

sim, perfeitamente. dão-m mto apoio
sim, mas ninguem fala do assunto
ainda não contei a ninguem
não aceitam totalmete
não iriam aceitar
outro motivo

Autor Tópico: A minha familia não me aceita  (Lida 33949 vezes)

 
A minha familia não me aceita
#20

Maniuk

  • Visitante
Oh meu deus! [smiley=choro.gif]

Amae do BBO acabou de lhe bater por ter um chupão no pescoço! Bateu-lhe com uma colher d pau e partiram pratos e tudo! Disse k ia contar ao pai dele e logou para avo que o ameçou que ia lhe bater e que iam à minha universidade para falarem cmg!

eu nao sei como o ajudar! sinto-me tao mal! a culpa foi toda minha1 ela agr vai fazer-nos a vida negra! [smiley=choro.gif] [smiley=choro.gif] [smiley=choro.gif] [smiley=choro.gif]

detesto a familia dele, pk o fazem sofre tanto? n o amam?
« Última modificação: 27 de Maio de 2005 por CC »

    A minha familia não me aceita
    #21

    Offline v

    • *****
    • Associad@ Honorári@
    • Membro Elite
    • Género: Feminino
    CC, tenta acalmar-te.. estares tu também alterado, depois não conseguem tratar a situação de cabeça fria.

    Não estou dentro da vossa perspectiva real, mas pelo que pude ler...

    Há que perceber que eles, os familiares do teu namorado, nunca lidaram com esta situação e nem sabem como o fazer de outra forma para além da reacção imediata.
    Não está nada correcto recorrer à violência física, mas tentem contra atacar com argumentos, informação. O diálogo poderá ser a melhor forma de resolver as inseguranças de ambas as partes.
    Diálogo imposto, porque pelo que percebi... a mãe continua a fugir à realidade do filho ter um namorado.

    Talvez a melhor tentativa será, se eventualmente forem falar contigo/com ele, explicarem a vossa relação de cabeça fria. Mostrar que realmente não há nada com que se preocuparem. Se se mostrarem com raiva, decerteza que a reacção deles não será diferente e se já recorreram à violência física é melhor então agir de cabeça bem fria.

    É díficil, e tem de se ir buscar forças para lidar com tudo isto sabe-se lá onde, mas força, coragem e calma. É lutar por aquilo que se gosta e ama, nem que seja aos poucos.

      A minha familia não me aceita
      #22

      Offline bluejazz

      • *****
      • Associad@ Honorári@
      • Membro Vintage
      • Género: Feminino
        • Homofobia
      Neste tipo de situação é muito difícil dizer algo e muito menos há fórmulas mágicas, porque cada caso é um caso.

      Como a V disse é preciso acima de tudo calma (embora não seja fácil). Se a mãe do BBO está a partir para a agressão física é muito grave de facto. Precisas de facto contar com aliados para te apoiar, BBO.

      De qualquer modo estas situações podem por vezes ser algo pontual, um momento em que as pessoas perdem a cabeça e depois arrependem-se. Não conhecemos a mãe do BBO, que tipo de pessoa é e qual o seu temperamento usual.

      O que posso sugerir para além do que disse é que mantenhas a tua dignidade. Tenta mostrar-lhe que é quem tu és. Que não é por bater-te que vais deixar de amar quem amas e que se te quer feliz, só és feliz sendo quem és, realmente. Ou seja, vai pela via do diálogo, da racionalidade (embora por vezes essa seja mesmo inútil tal o estado do pai ou da mãe) e da calma.

      De outro modo, sugiro que saias de casa (não falo definitivamente, pode ser umas horas, um dia, ou mais) para um local seguro (casa de um amigo ou amiga que saibam e lidem bem com o assunto). Pensa sensatamente e age de cabeça fria.

      Resta-me por fim dizer, que ninguém quer denunciar pais que ama, mas agressão física é crime e podes contactar alguns números de apoio:

      http://www.ex-aequo.web.pt/novo/numapoio.html
        "I cannot be, as Bourdieu suggests, a fish in water that 'does not feel the weight of the water, and takes the world about itself for granted'" - Felly Simmonds

        A minha familia não me aceita
        #23

        Offline Sacerdotisa

        • *****
        • Membro Ultra
        • Género: Feminino
        • "Sê plural como o universo" - Pessoa
        Mto sinceramente ao ler estes posts...até me vieram as lágrimas aos olhos... pela injustiça aki retratada e a inkompreensão k me invade... uma koisa é podermos pensar k estas koisas podem akontecer... outra é saber k akontecem....
        meu kridos nem sei o k vos dizer....num momento komo este ...mta força...e lutem em nome do amor k vos une!!!! :-* :-*
          Sacer

          A minha familia não me aceita
          #24

          Offline Metatron

          • ***
          • Membro Total
          • Género: Masculino
          Isto não se faz, é cruel  :(

          Força CC e BBO

            A minha familia não me aceita
            #25

            Maniuk

            • Visitante
            Mt cruel!
             >:( :'(

            N vejo a hora de estar com ele! :'(

            tenho exame amanha e n tenho cabeça para estudar! :'( >:( :(
            « Última modificação: 29 de Maio de 2005 por CC »

              A minha familia não me aceita
              #26

              Offline reguila

              • *****
              • Membro Ultra
              • Género: Feminino
              • "Sê Plural como o Universo" F. Pessoa
              Compreendo o que sentes! Lamento!
              Tens de dar a volta por cima e procurar apoios nos amigos, nessa tia que te aceita como és, no teu namorado que tanto te ama, embroa sabendo que não substitui, é uma forma de receberes afectos numa altura em que precisas tanto deles!
              Se alguma vez sentires que estás a ser agredido, liga para uma linha de apoio como te indicou a Blue, nem que seja para conversares um pouco...
              De qualquer modo cá te esperamos nas reuniões da Rede, não precisas de mentir totalmente, diz que vais sair com uns amigos...
              Força aí! :-*
                EFEITO BORBOLETA:
                “You can't change who people are without destroying who they were.” * “Predictabilidade: O bater de asas de uma borboleta no Brasil poderá provocar um tornado no Texas”

                A minha familia não me aceita
                #27

                Offline reguila

                • *****
                • Membro Ultra
                • Género: Feminino
                • "Sê Plural como o Universo" F. Pessoa
                Os teus pais hão-de um dia perceber que se estão a ferir também quando te magoam... Oxalá!
                Tu tens que te organizar e tornar mais forte para perceberes que não tens culpa do que se passa!  :-*
                  EFEITO BORBOLETA:
                  “You can't change who people are without destroying who they were.” * “Predictabilidade: O bater de asas de uma borboleta no Brasil poderá provocar um tornado no Texas”

                  A minha familia não me aceita
                  #28

                  Offline morenacascais

                  • **
                  • Membro Júnior
                  • Género: Feminino
                  tentar explicar q sou a mesma pessoa, com a mm forma de ser é em vao, preferem q fosse drogada pk nas palavras deles podia ser curada...."f***", "p***", "interesseira" marcaram o dia em q a minha mae disse q n queria mais morar com uma f*** nem olhar mais pra minha cara..........nao me aceitam de todo >:( como é possivel

                    A minha familia não me aceita
                    #29

                    Offline morenacascais

                    • **
                    • Membro Júnior
                    • Género: Feminino
                    foi o choque porque khes falei abertamente, ao tao menos mal cmg, mas ninguem fala do tema

                      A minha familia não me aceita
                      #30

                      Maniuk

                      • Visitante
                      Eu falei à minha médica de família que estava em baixo devido a uns problemas mas nao disse kuais! E ela logo a seguir foi contar à minha mãe que talvez eu podia andar com más companhias, companhias gays! Hoje obtive a confirmação! Alguemsabe o que posso fazer? >:(

                        A minha familia não me aceita
                        #31

                        lagarto

                        • Visitante
                        Eu falei à minha médica de família que estava em baixo devido a uns problemas mas nao disse kuais! E ela logo a seguir foi contar à minha mãe que talvez eu podia andar com más companhias, companhias gays! Hoje obtive a confirmação! Alguemsabe o que posso fazer? >:(

                        processa-la  >:(

                        e podes chicotea-la (na lingua) tambem, que é o que ela merece  [smiley=chicote.gif]

                          A minha familia não me aceita
                          #32

                          Offline [Marcus]

                          • ****
                          • Membro Sénior
                          • Género: Masculino
                          • Anti Social
                            • Naruto Yaoi forum
                          Sei como é e ja passei pela mesma situação.
                          Tens de aguentar...a não deixes de ter tua vida por te dizerem que é errado ser LGBT.

                          A minha familia não me aceita
                          #33

                          Offline [Marcus]

                          • ****
                          • Membro Sénior
                          • Género: Masculino
                          • Anti Social
                            • Naruto Yaoi forum
                          n sei se oz acontece o mesmo que a mim....
                          os meus pais e nao so tratam-me bastante mal por ser lesb enfim tds os dias discusoes atras dde discusoes para a semana faço anos e eles kerem me meter na rua porque n tao pa criar uma filha assim, falam cm se tive se uma doença contagioza cm se pega-se :'(

                          Nem sei o k dizer...ninguem tem o direito de fazer sofrer tanto uma pessoa, neste caso tu...existe tanta falta de sensibilidade e principalmente ignorancia nas pessoas... >:(tens k seguir em frente, dar tempo ao tempo, quem sabe talvez as opiniões mudem... ;)
                          não sei pelo k estas a passar, mas imagino, daí n ter coragem para me assumir, em que arrisco viver toda a vida em segredo...
                          FORÇA...NÂO DESANIMES conta com todos nós!!!
                          beijinhos :-*


                          Se te meterem na rua,se fores menor de idade vai as autoridades,Preconceito sexual é crime,e como pais teem obrigação de te sustentar ate os 18,porq não fizeste nada de errado.
                          Quanto aos comentarios,se eles não se inportam ocm teus sentimentos porque te estas a inportar com os deles?,vais ver que te magoas muito menos a ignorar essas coisas.

                          A minha familia não me aceita
                          #34

                          Offline Sakura

                          • *****
                          • Associad@ Honorári@
                          • Membro Elite
                          • Género: Feminino
                          • "Nobody sits in my chair."
                            • SNAFU
                          Apesar de, infelizmente, não ser essa a tua situação, ainda me dou por contente de conhecer casos de pessoas que se assumiram aos pais e que eles aceitaram com o pretexto de "Deixa lá, tu não deixas de ser nosso filho por isso."
                          Mas falando concrectamente do teu caso (e de tantos outros que se assemelham *sigh*) escusado será dizer que os teus pais de facto não estarão a agir da maneira mais correcta. A homosexualidade já deixou há muito tempo de ser uma doença.
                          Fico mesmo embasbacada com este tipo de coisas... sempre que me dizem isso só posso pensar que é uma brincadeira (de mau gosto), caso contrário reflectiria uma ignorância imperdoável. Dizer que a homosexualidade é uma doença, passível de tratamento, é quase pueril.
                          Portugal será tanto mais justo quanto mais aceitar a diferença e respeitar a igualdade de direitos.

                          E mais nada.

                          Força nisso *
                            "I always felt there were two kinds of people: wolves and sheep - those who kill and those who get killed."

                            A minha familia não me aceita
                            #35

                            Maniuk

                            • Visitante
                            Tenho de ter uma conversa com a médica! >:(

                              A minha familia não me aceita
                              #36

                              Offline epilepsy

                              • ****
                              • Membro Sénior
                              • Género: Masculino
                              Falta de profissionalismo. Desde quando um médico diz que companhias gays são más companhias? Só mesmo alguém com muita falta de informação,e logo uma médica que não deveria fazer distinções! É ipressionante como neste pais ainda hajam situações destas. É muito dificil lidar com esta situações, o que ela fez não está correcto, mas sabes que neste país vence o dinheiro e o interesse, e por mais direitos que tenhas vai sempre ser uma luta dificil. Primeiramente fala com ela e vê a sua reacção. Se ela pensar que fez o correcto, aí pensa em algo...

                                A minha familia não me aceita
                                #37

                                nakedboy

                                • Visitante
                                CC e BBO...
                                Muito sinceramente, nem sei que vos diga. Ainda não contei aos meus pais, por isso não posso dizer qual foi a reacção deles :-\
                                Agora sei que mentir não deverá ser a melhor solução :-\ Ficas tu com um peso de consciência, dás falsas esperanças - o que depois se tornará pior quando confrontada com a realidade - e não resolve nada.

                                Eu falei à minha médica de família que estava em baixo devido a uns problemas mas nao disse kuais! E ela logo a seguir foi contar à minha mãe que talvez eu podia andar com más companhias, companhias gays! Hoje obtive a confirmação! Alguemsabe o que posso fazer? >:(
                                Processa-a na Ordem dos Médicos! >:( Ela não tem esse direito! Não pode transmitir informações dadas em consulta pra fora do consultório, muito menos fazer juizos de valor das pessoas e errados!! >:(

                                Desejo-vos muitas felicidades, boa sorte, mas sobretudo muita FORÇA para ultrapassarem esse obstáculo. Não deixem que isso vos afecte a relação ;)

                                  A minha familia não me aceita
                                  #38

                                  Offline Maria Jaquina

                                  • **
                                  • Membro Júnior
                                  • Género: Feminino
                                  • Amar é descobrirmos a nossa riqueza fora de nós
                                  Atitude POSITIVA, sempre!

                                  Já me aconteceu o mesmo... à muitos anos atrás... quando se calhar ainda tinha a tua idade... foi... é ainda hoje um tópico de séria chatice lá por casa...

                                  Na altura os meus pais disseram-me: "Ou nós ou essa... opção!" Escolhi eu mesma... nem uma coisa nem outra... Escolhi SER! Fui-me embora de casa nessa mesma noite... a minha mãe fazia anos nesse dia e ainda hoje não mo deixa esquecer...

                                  Arranjei trabalho durante o dia, continuei a licenciatura à noite... houve dias em que para pagar casa, propinas, contas, passei fome... comia uma banana e mais uma ou outra peça de fruta todo o dia... andava que nem modelo de capa de revista (há que saber rir destas coisas também)...  ;D

                                  Uns meses mais tarde, chegaram, num dos nossos encontros ocasionais (em que me tentavam convencer a deixar de ser aquilo que sempre fui) chegaram inclusivé a dizer-me que "Deixas de ser nossa filha!", recordo esse momento como se tivesse ocorrido neste momento... já passaram 10 anos e ainda me vêem as lágrimas aos olhos... na altura, também chorei e de seguida disse-lhes: "Esta é uma opção vossa... eu deixarei de ser vossa filha mas, voçês nunca vão deixar de ser os meus pais... não importa tudo o que digam e continuem a dizer... vou amar-vos na mesma... o resto não interessa..."

                                  Tentei colocar-me na posição deles e ali estava eu... a filha... a primeira filha... aquela pela qual a minha mãe quase perdeu a vida a dar à luz... aquela que eles tinham idealizado em casar ter filhos... e agora para eles, o tremendo vazio, o nada...

                                  Com a agravante de que como sou bi, eles sempre acharam que eu podia "só escolher homens", quase cómico não é?

                                  Á uns tempos atrás quando me divorciei do meu marido - ao qual fiz questão de contar as minhas opções sexuais - (o amor acabou... foi pena... continuamos amigos...) a primeira pergunta da minha mãe foi: "Então mas agora já não vais ter mais nada com mulheres pois não? Só homens..."

                                  Respirei fundo, tentei manter a calma, sentei-me ao lado dela, peguei-lhe na mão e disse-lhe com muita calma: "Querida, mas porquê perguntares uma coisa que já sabes a resposta? A resposta só te vai magoar... ainda mais..." a minha mãe, pela primeira vez chorou perante esta situação (coisa de se marcar porque já lá vão 14 anos de "gelo"), e comentou "Que pena...", abracei-a e disse-lhe apenas: "Não é pena... continuo a ser a tua filha, a amar-te como sempre mas às vezes mãe, até para mim é dificil continuar este esforço de amor sem ser retribuída..." ficámos assim em silêncio uns minutos...

                                  Em todos estes anos houve uma ou outra coisa mantive sempre: Certeza de quem sou, fiel a mim mesma e às minhas opções, orgulho da pessoa em quem me tornei e que... devo parte disso aos meus pais mas, também a mim...

                                  Não te esqueças tu disso também...

                                  Maria Jaquina
                                    "O que somos é a consequência do que pensamos" Siddhartha

                                    A minha familia não me aceita
                                    #39

                                    Miguel_1986

                                    • Visitante
                                    n sei se oz acontece o mesmo que a mim....
                                    os meus pais e nao so tratam-me bastante mal por ser lesb enfim tds os  dias discusoes atras dde discusoes para a semana faço anos e eles kerem me meter na rua porque n tao pa criar uma filha assim, falam cm se tive se uma doença contagioza cm se pega-se :'(

                                    a unica coisa que t posso dizer... é k tens de ter mt força... coisa k eu ñ tenho :-\...  tenho medo k essa seja a reaccçao dos meus pais e por isso ñ lhes digo nada...
                                    axo k todos os pais k reagem assim, um tempo dp, da poeira abaixar, eles acabam por entender ou respeitar..
                                    eu ainda ñ tomei a decisão de contar aos meus pais, tb, axo eu, pk ñ tenho um namorado um relacionamento serio...
                                    mas começo a ficar farto tb de todo o segredo, e das escapadelas escondidas...

                                    linda, é serio se positiva como disse a Maria J. puxa la do fundo todas as forças k conseguires... e apoia-t nos teus amigos (os verdadeiros) k eles vão realmente  saber ajudar-t

                                    bjocas
                                    « Última modificação: 21 de Julho de 2005 por Miguel_1986 »

                                       

                                      Tópicos relacionados

                                        Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                                      55 Respostas
                                      25371 Visualizações
                                      Última mensagem 27 de Fevereiro de 2012
                                      por ACats
                                      3 Respostas
                                      2461 Visualizações
                                      Última mensagem 9 de Janeiro de 2017
                                      por Spektrum
                                      15 Respostas
                                      3876 Visualizações
                                      Última mensagem 9 de Fevereiro de 2016
                                      por carolinalg
                                      8 Respostas
                                      1878 Visualizações
                                      Última mensagem 28 de Março de 2014
                                      por V24
                                      7 Respostas
                                      3950 Visualizações
                                      Última mensagem 4 de Março de 2018
                                      por Dinis Sousa