rede ex aequo

Olá Visitante24.set.2019, 09:52:31

Sondagem

Quando era criança era maria-rapaz/manuel-menina?

Sim, era maria-rapaz
238 (38.4%)
Um pouco maria-rapaz
133 (21.5%)
Não era maria-rapaz
37 (6%)
Não sei se era maria-rapaz
12 (1.9%)
Sim, era manuel-menina
30 (4.8%)
Um pouco manuel-menina
95 (15.3%)
Não era manuel-menina
54 (8.7%)
Não sei se era manuel-menina
20 (3.2%)

Votos totais: 423

Autor Tópico: Quando era criança era maria-rapaz/manuel-menina?  (Lida 102848 vezes)

 
Quando era criança era maria-rapaz
#20

Offline cacao

  • *****
  • Associad@ Honorári@
  • Membro Vintage
  • Género: Feminino
  • "There´s no sin, but stupidity" Oscar Wilde
    • Mais sobre mim...
E «Mários-raparigas» não existem neste fórum?!!!  :P ::)
    Another one will bite the dust...

    "Se não houvesse nem mar nem amor, ninguém escreveria livros." -  Duras

    "A felicidade é o livre uso das nossas capacidades". - V. Woolf

    Quando era criança era maria-rapaz
    #21

    Offline abreasasas

    • *****
    • Membro Ultra
    Mários-raparigas é o máximo!!!!!

    Eu respondi "um pouco", porque não era "MESMO" uma maria-rapaz, também brinquei com bonecas, também gostava de usar vestidos e enfeitar-me com colares de plástico e essas coisas. Mas também adorava brincar com carros, playmobis, subir  àrvores, chafurdar na lama :blush. Por várias alturas cortei o cabelo curtinho, porque me dava imenso trabalho penteá-lo quando estava grande (m**** de cabelo encoracolado!)...

    A fase mais "maria-rapaz" começou com cerca de 12 anos, quando recusei completamente ser como as minhas amigas começavam a ser: fazia-me impressão toda aquela feminilidade exagerada e fiz o processo inverso. Usava fato de treino e roupas largas, comecei a fumar, portava-me horrivelmente mal na escola, era mal-criada e andava com "más-companhias".

    Mais perto, no secundário, voltei a ser muito atinadinha (fui eleita delegada de turma lol lol lol lol lol lol lol),  vezes até usava saias e etc, mas não durou muito porque:

    Entretanto, há cerca de 2 anos e tal percebi que como me sentia mais confortável assim, voltei a ser o que se chama uma "Maria-rapaz".
      todos compreendem a utilidade do que é útil.
      ninguém compreende a utilidade do que é inútil
      chuang tse em "capítulos interiores"

      Quando era criança era maria-rapaz
      #22

      ana

      • Visitante
      :curtain

      Pronto, decidi dar com a língua nos dentes... Ser maria rapaz não é só o aspecto...
      Aqui me confesso:
      Em miúda, era toda bolinha, bochechinhas rosadas, saias e vestido de folhos, sapatinhos de verniz com lacinhos  :blush
      Brincava com as meninas  comadres, tinha as minhas bonecas e costurava roupitas para elas.
      Quando me apanhava com o meu irmão, fazia bolos de lama (que gozo que me dava), arrancava ervas dos canteiros, ia roubar pêras  quintas, jogava ao berlinde quando faltava algum dos amigos dele e jogava à bisca a apostar cromos de jogadores de futebol. Sabia o nome dos clubes todos de futebol da 1ª divisão e os nomes dos respectivos jogadores.
      Não era maria-rapaz de aspecto, mas sim nas atitudes. ;)

        Quando era criança era maria-rapaz
        #23

        Offline cacao

        • *****
        • Associad@ Honorári@
        • Membro Vintage
        • Género: Feminino
        • "There´s no sin, but stupidity" Oscar Wilde
          • Mais sobre mim...
        Uau!!!

        Demorou a sair mas arrasou!!! É bem Ana!!! ;)
          Another one will bite the dust...

          "Se não houvesse nem mar nem amor, ninguém escreveria livros." -  Duras

          "A felicidade é o livre uso das nossas capacidades". - V. Woolf

          Quando era criança era maria-rapaz
          #24

          Offline VirginiaWoolf

          • ****
          • Membro Sénior
          • Género: Feminino
          Eu tb era o que chamam maria-rapaz, mas que para mim era ser uma rapariga que gostava de brincar a certas coisas que a maioria das minhas amigas não gostava e que os meus amigos rapazes ( alguns amigos que tinha desde pequenina) gostavam.
          Gostava mais do tipo de actividades que eles faziam, porque eram mais criativas, mais libertadoras e mais aventureiras  do que estar  a pentear e vestir as barbies.
          O ter cabelo curto tb me poderia "classificar" como maria-rapaz, mas a razão porque preferia tê-lo curto era porque cabelo encaracolado ...bem...o cabelo encaracolado tem vontade própria, então qd é para crescer...  :´
          Mas também gostava de brincar com bonecas, e fazer brincadeiras com elas das mais variadas, brincar  familias, etc... fazer o que a maginação permitia. E brincava ao elástico com as minhas amigas e faziamos cozinhados.
          Também gostava bastante dessas brincadeiras " de raparigas " :D
          Mas os bonecos com os quais eu adorava mesmo brincar eram os bonecos da Playmobil  :heart  Acho que foi das melhores invenções que fizeram  :up
          Acho que andava mais com os meus amigos rapazes, isto até aos 12 anos, mais ou menos, porque não tinha amigas próximas com as quais me identificasse muito nos aspectos que referi, embora gostasse de ter tido. Depois chega a altura em que a idade das brincadeiras vai passando (bem, nunca chega mesmoa passar, e ainda bem  :clown ) e começa-se a ficar teenager e então comecei a conviver mais com raparigas (e rapazes tb). Mas infelizmente tanto as raparigas que conhecia como os rapazes tinham ideais "muito heterossexuais" , o que era um pouco desmotivante  :( Embora eu compreendesse, porque com essas idades e sem termos bem o conhecimento das coisas (porque a ideia que fazemos de determinados assuntos é a ideia que é transmitida pelos adultos, que muitas vezes não é a mais esclarecedora) é um bocado "estranho" a existência da homossexualidade. Eu tb achava "estranho", fora do "normal", mas como era uma coisa que me tocava pessoalmente, tentava ter uma maior compreensão. O que não é fácil quando vivemos num meio pequeno em que a maioria não é como nós.
          Mas depois crescemos e torna-se um bocado mais fácil encontrarmos pessoas que tenham algo em comum connosco, rapazes e raparigas.
          Apesar de tudo a internet ajuda bastante nesse aspecto. :up

          :)

            Quando era criança era maria-rapaz
            #25

            Offline Eo

            • ****
            • Membro Sénior
            • Género: Feminino
            Eu também era maria-rapaz, acho que ainda sou! :D
            Desde pequena o meu pai brincou sempre comigo à bola, ensinou-me a andar de bicicleta, deixava-me mexer nas ferramentas de mecânica dele, ainda hoje quando dá o Benfica na televisão vemos o jogo juntos, é como se fosse sagrado! ;D
            Depois no sítio onde morava também só havia rapazes portanto formamos o nosso grupo. Na escola jogavamos sempre à bola (para variar :)) e ao berlinde. Eu vestia-me como eles, claro, camisas e calças largas. Há pouco tempo, quando andava a ver fotos antigas, achei muita piada a uma fotografia da turma na 4º classe. Todas as raparigas estavam muito bem vestidas, algumas com laços na cabeça e depois na ponta estava eu com o cabelo todo desalinhado, numa pose meio arrapazada e vermelha que nem um tomate (tinhamos andado a correr no intervalo). :) Na Primavera subiamos  àrvores e víamos os ninhos com os pássaros lá dentro, uma das coisas mais amorosas que já vi na minha vida são pintassilgos bebés! :heart Uma vez até conseguimos salvar um pardalito que tinha caído do ninho!! Foi a nossa boa acção do dia. :up
            Agora na universidade estou outra vez tramada. No meu curso quase só existe rapazes!! :wor As coisas tornam-se bastante aborrecidas quando eles começam a falar só de carros, mas eles até são porreiros! :) E o lado positivo é que estamos quase sempre a falar de raparigas!!  ;) ;D

            P.S.: Eu também adorava brincar com Playmobiles, aliás começo a verificar que eles foram bastante populares por estas bandas!! lol
              "I love quotations because it is a joy to find thoughts one might have, beautifully expressed with much authority by someone recognized wiser than oneself."

              Marlene Dietrich

              Quando era criança era maria-rapaz
              #26

              Offline kalypigirl

              • ****
              • Membro Sénior
              • Género: Feminino
              • wazza!?
              :curtain
              Eowyn, fizeste-me bue lembrar algumas cenas comicas k me aconteceram kdo eu andava praih no 5º ano... tenhu 1foto exactamente cm tu descreveste, eheh... e tb andavamos sp a cuscar os ninhos... lembro-me d1 x em k 1amiga minha tava em cima duma arvore completamente babada a ver passarinhos bebes e escorregou e veio parar ca abaixo... so k o terreno tinha 1certa inclinaçao e ela veio mmo a rolar desde la de cima ateh ca abaixo... foi tao comico... ainda me rio kdo me lembro... :devil ela era dakelas k nunka dizia 1asneira... dessa x ultrapassou-se... lol

              gezz.. k saudades desses tempos...
              :)
                An It Harme None, Do As Ye Will.

                "My mother always used to warn me about men but she didn't say anything about women.." - Tallulah Bankhead

                Quando era criança era maria-rapaz
                #27

                Offline Lorca

                • ***
                • Membro Total
                • Género: Feminino
                • "...Amanhã será outro dia..."
                Como a maioria das pessoas deste fórum, até agora, eu também fui Maria-Rapaz, mas se querem que vos diga, acho que a maioria das raparigas, pelo menos as que conheço (que são todas hetero) tb o eram...quando somos crianças e principalmente quando nós éramos crianças, toda a gente gostava de uma boa aventura...andar pelos pinhais a brincar  descobertas, como se houvesse por lá grandes mistérios para desvendar, subir  árvores, andar de bicicleta, "borrarmo-nos" todos na terra , sei lá essas coisas... :)...faz parte. Por outro lado tb brincava  bonecas, ao elástico à macaca, mas o que dava mesmo gozo era a sensação de liberdade que as brincadeiras, supostamente mais masculinas davam! Todas estas brincadeiras de que falo, eram entre mim e as minhas amigas meninas, que eram na altura em maior numero!Não acho que haja uma relação directa entre uma coisa e outra...muitas vezes as brincadeiras são mais fruto das circunstâncias e do meio em que estamos do que da tendência de se ser mais masculino ou feminino.Hoje em dia acho que de Maria Rapaz, não tenho nada...e não por me esforçar para isso por este ou aquele motivo. Os míudos querem é liberdade e se ela estiver mais presente a subir  árvores e a fazer coisas perigosas associadas aos meninos ninguém quer saber (ninguém, as crianças claro :))

                Um Abraço  ;)
                  "This is my world my pinky world, that some made me believe that exist"

                  Quando era criança era maria-rapaz
                  #28

                  Offline kalypigirl

                  • ****
                  • Membro Sénior
                  • Género: Feminino
                  • wazza!?
                  very true, concordo plenamente... it's all about freedom  :)
                    An It Harme None, Do As Ye Will.

                    "My mother always used to warn me about men but she didn't say anything about women.." - Tallulah Bankhead

                    Quando era criança era maria-rapaz
                    #29

                    Offline VirginiaWoolf

                    • ****
                    • Membro Sénior
                    • Género: Feminino
                    Mas também tem a ver com uma certa identificação com o género masculino não tem? Provavelmente não para toda a gente...

                    :)

                      Quando era criança era maria-rapaz
                      #30

                      Offline Eo

                      • ****
                      • Membro Sénior
                      • Género: Feminino
                      Não posso falar por todos os casos, claro, mas eu pessoalmente queria ser como eles. Eles eram o meu "role model".

                      kalypigirl, tens razão, aquilo é que eram bons tempos... ;) ;D
                        "I love quotations because it is a joy to find thoughts one might have, beautifully expressed with much authority by someone recognized wiser than oneself."

                        Marlene Dietrich

                        Quando era criança era maria-rapaz
                        #31

                        Offline Videl

                        • *****
                        • Membro Ultra
                        • Género: Feminino
                        • Some place where no-1 calls it wrong
                          • Blog
                        Eu nunca kis ser um rapaz, nem como um rapaz...eu simplesmente gostava de fazer as mesmas coisas k eles, e as mesmas coisas k elas tb, e irritava-me kuando eles axavam k as "meninas" nao eram capazes de fazer o k eles faziam!!! eu sempre fiz tudo o k eles faziam, e tudo o k elas faziam (lol, sempre fui bi em tudo, lol)...ker dizer, eu axo k mais ou menos a partir dos 12 anos ateh aos 14 as meninas ficam mt mais superficiais, e nisso mt sinceramente nunca alinhei... mas sempre adorei ser menina :)
                          "-Lesbian?? You think I´m a lesbian? (...)
                          - Well, u´re a girl in love with a girl, aren´t u?
                          - No! I´m Paulie, in love with Tory!!!Remember?And Tory is, she IS in love with me, because I´m hers, and she´s mine,and neither of us are lesbians!!" - Lost and Delirious

                          Quando era criança era maria-rapaz
                          #32

                          Offline kalypigirl

                          • ****
                          • Membro Sénior
                          • Género: Feminino
                          • wazza!?
                          VirginiaWoolf,
                          probably, kdo disse k concordava plenamente tava a pensar so em mim... p n variar ;D eu nunka kis ser como eles, ou como elas... acho k eh cm a Videl diz.. sp kis fazer tudo... se issu implica ter atitudes ditas mais masculinas (?).. oh well.. screw it! mas acho k n passa por ai... se as raparigas tb gostassem de 'andar a esfolar-se' (e ha mtas, se calhar sao so em menor numero) eu n ia pensar k tb keria ser cm elas.. tal cm nunca pensei k keria ser cm eles... eu era como eles na medida em k fazia o k eles ou elas faziam consoante me dava mais ou menos prazer.. a parte disso sp fui simplesmente EU 8) ...só estilo, eheh.. ::)

                          Eowyn, ihih... eh por causa desses tempos k eu nunca kis crescer... :baby
                            An It Harme None, Do As Ye Will.

                            "My mother always used to warn me about men but she didn't say anything about women.." - Tallulah Bankhead

                            Quando era criança era maria-rapaz
                            #33

                            Offline VirginiaWoolf

                            • ****
                            • Membro Sénior
                            • Género: Feminino
                            Compreendo o que estás a dizer kalypigirl  :)
                            E apesar de o ser maria-rapaz ter a ver com certas atitudes e comportamentos que estão mais associados aos rapazes, há raparigas heterossexuais que tb têm esse tipo de comportamentos. Acho é que em certos casos há uma identificação com o género masculino por parte das raparigas. No meu caso pelo menos houve , nessa fase de início de adolescência. E apesar de tudo ainda não estava consciente que o que sentia por certas reparigas era mais do que pura "admiração", afinal essa admiração era algo mais  :blush
                            E depois como pensava que os relacionamentos só poderiam ocorrer na plenitude em todos os campos se as pessoas envolvidas fosem do sexo oposto , então pensava...se eu fosse rapaz já poderia namorar com tal rapariga e viveriamos felizes para sempre  :)
                            Mas depois descobri que a falta de conhecimento sobre as coisas cria-nos complicações desnecessárias, em termos emocionais principalmente. :´

                              Quando era criança era maria-rapaz
                              #34

                              Offline Eo

                              • ****
                              • Membro Sénior
                              • Género: Feminino
                              A minha razão para querer ser como um rapaz é que assim não teria alguns problemas que tive. Especialmente certos "comentários" de pessoas a quererem-me pôr no meu devido "lugar" e uma ou outra situação desagradável. :( E depois ainda tinha discussões com a minha mãe cada vez que lhe dizia que queria jogar futebol com os amigos, ela reagia de um modo quase irracional. Agora, pensando melhor naquele tempo, talvez ela se tivesse a aperceber de certas coisas, das quais eu ainda não tinha consciência, e aquele era o jeito dela de o tentar prevenir.
                              Em resumo, eu não era maria-rapaz porque queria ser rapaz, antes, eu queria ser rapaz porque o meu comportamento natural não se enquadrava no estereótipo feminino e isso trazia situações que eu queria evitar. Espero que me estejam a entender!! ??? :D :blush
                                "I love quotations because it is a joy to find thoughts one might have, beautifully expressed with much authority by someone recognized wiser than oneself."

                                Marlene Dietrich

                                Quando era criança era maria-rapaz
                                #35

                                ana

                                • Visitante
                                Curioso...sempre gostei tanto das meninas que queria ser como elas, de me identificar ao máximo com elas, mais e mais  e sempre, mais... ;D
                                :P Perspectivas :P

                                  Quando era criança era maria-rapaz
                                  #36

                                  Offline kalypigirl

                                  • ****
                                  • Membro Sénior
                                  • Género: Feminino
                                  • wazza!?
                                  LOL ana :P

                                  Eowyn, percebo perfeitamente :)
                                  acho k tive 1sorte dos diabos c os meus pais... sp me deixaram fazer td... sao tao compreensivos k as x n da p perceber se eh mmo compreensao ou se eh blindness
                                  :)
                                    An It Harme None, Do As Ye Will.

                                    "My mother always used to warn me about men but she didn't say anything about women.." - Tallulah Bankhead

                                    Quando era criança era maria-rapaz
                                    #37

                                    Offline Ines

                                    • ****
                                    • Membro Sénior
                                    • Género: Feminino
                                    • aprende a amar as tempestades, não fujas delas...
                                    :curtain :)


                                    Hmmmm engraçado, eu nunca senti k fosse mto "maria-rapaz" mas é um facto que, adorava estar com rapazes, jogar à bola com eles, ao berlinde, baskete, etc... E realmente não me encaixava mto no "esteriótipo feminino", pois enquanto as minhas colegas fugiam das bolas eu corria atrás delas lol lol lol  :devil

                                    Qt a roupa...ainda hj me sinto + à vontade de calças... mas sinto-me feminina e gosto de o ser ::)




                                    :-* a tod@s :up
                                      De todos os canto do mundo
                                      Amo com um amor mais forte e mais puro
                                      Aquela praia extasiada e nua,
                                      Onde me uni ao mar, ao vento e à lua.

                                      Quando era criança era maria-rapaz
                                      #38

                                      Offline VirginiaWoolf

                                      • ****
                                      • Membro Sénior
                                      • Género: Feminino
                                      Apesar das minhas dúvidas e das suposições de que as coisas seriam diferentes se fosse rapaz, principalmente nesse aspecto que em que falas Eowyn, quando dizes"Em resumo, eu não era maria-rapaz porque queria ser rapaz, antes, eu queria ser rapaz porque o meu comportamento natural não se enquadrava no estereótipo feminino e isso trazia situações que eu queria evitar" , porque realmente nisso eu ficava a perguntar a mim mesma: Mas qual é o mal?? , sempre me senti bem comigo como rapariga e à medida que fui crescendo fui-me sentido cada vez melhor.  :heart ;D

                                        Quando era criança era maria-rapaz
                                        #39

                                        Offline Magia

                                        • *****
                                        • Membro Ultra
                                        • Género: Feminino
                                        • É preciso luz... senão a escuridão não descansa!
                                          • A minha galeria
                                        ana said: Quando me apanhava com o meu irmão, fazia bolos de lama (que gozo que me dava), arrancava ervas dos canteiros,


                                        eheheh bolos de lama, tb os fazia.. hehe ka mia vizinha.. akela k.. pontux, fugiu!  :zzz :´

                                        ouvi ai alguem dizer kos ninos eram tipo role.models... pois, era isso mesmo, pa mim! o meu era o meu vizinho, o igor! mas se calhar mais k role-model, era mais tipo um orientador, eu via-o fazer cenas e falamos e tal e passados 2 anos tava a pensar e a fazer exactamente o kele fizera.. n sei explikar, mas sp tivemos um hiato de 2anitos..  :P

                                        tb ouvi ai a falar em maria-rapaz nas atitudes... pois, eu kd disse kera e sou maria-rapaz é por aí tb.. enkto k kd era kenina era maria-rapaz mais nas roupas e algumas atitudes, ag e kd digo k me dá mais gosto tem a ver com isso, a atitude, mesmo! é k ag tenho a consciencia disso e ja nao exagero tt na roupa, ou melhor, se kalar ag é k exagero, nao? a andar d gravata, mas nao é isso.. eu n vejo nenhum colega meu d gravata, ag já nao sigo ng, ja n tenho role-models, atingi a independencia, digamos!



                                        (heya, k kafusao paki bai...)
                                          Podem fazer-me de tudo que eu perdoo, desde que não me mintam.

                                           

                                          Tópicos relacionados

                                            Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                                          481 Respostas
                                          53745 Visualizações
                                          Última mensagem 8 de Maio de 2016
                                          por ÉssePê
                                          222 Respostas
                                          29265 Visualizações
                                          Última mensagem 8 de Julho de 2015
                                          por Odra
                                          32 Respostas
                                          10247 Visualizações
                                          Última mensagem 6 de Junho de 2008
                                          por Hitsugaya
                                          21 Respostas
                                          2714 Visualizações
                                          Última mensagem 17 de Janeiro de 2015
                                          por indecisiveness
                                          3 Respostas
                                          760 Visualizações
                                          Última mensagem 1 de Outubro de 2015
                                          por T-Rex