rede ex aequo

Olá Visitante23.jul.2019, 15:11:12

Autor Tópico: Notícias diversas (região Porto)  (Lida 31773 vezes)

 
Notícias diversas (região Porto)
#20

EYre

  • Visitante
Dia do santo padroeiro da instituição, a oficina de São José, de onde eram originários a maioria dos miúdos que mataram há um mês a Gisberta, abre hoje as portas aos jornalistas.

    Notícias diversas (região Porto)
    #21

    Offline Scorpio_Angel

    • *****
    • Membro Vintage
    • Género: Feminino
    • I faced it all and I stood tall; And did it My Way
      • My Way

    Este mundo estranho das escolas
    [/size][/b]


    "Mais uma professora agredida. Esta quarta-feira, no Porto, um aluno deixou uma docente com um hematoma e foi suspenso. Há uma semana, outra professora foi esbofeteada por um rapaz que não frequentava a escola. No início de Fevereiro, em Ovar, um aluno de 12 anos atacou a professora pelas costas com uma pancada na cervical que a levou ao hospital.

    Mas os casos não param: o PortugalDiário sabe que, recentemente, uma professora em Coimbra e outra no Porto, numa escola em Aldoar, sofreram na pele a intimidação que os alunos sujeitam os docentes. E não fizeram queixa. Além do «medo da retaliação», os professores não querem que a classe mostre ainda mais «fragilidades». Arminda Bragança, da Federação Nacional de Educação (FNE), garante que «a população escolar pode retaliar» e os professores sentem esse receio num dia-a-dia recheado de violência física e psicológica.


    É a selva nas escolas

    Com os números a aumentar para o dobro, o Gabinete de Segurança do Ministério registou 1.232 ofensas à integridade física. Os números de 2003 já eram preocupantes. 293 professores e 315 funcionários foram vítimas de insultos ou agressões físicas. A violência cresceu mais de 40 por cento, em relação a 2002.


    O primeiro caso

    Há cerca de 16 anos, o primeiro caso mediatizado aconteceu no Rodrigues de Freitas. O liceu no Porto foi palco de episódio peculiar: um aluno entrou encapuzado numa sala de aula, deu dois murros no professor e saiu. Só muito tempo depois se apurou a identidade do agressor.

    Ontem, outra professora recebeu dois murros em plena aula, depois de ter expulsado o aluno por mau comportamento. Mas em pleno século XXI, este caso vem juntar-se a centenas de outros. A docente recebeu assistência hospitalar e o aluno suspenso preventivamente.

    No início de Fevereiro, o PortugalDiário divulgou o caso de uma docente, agredida enquanto estava de costas, por um aluno de 12 anos. A professora ficou internada durante toda a tarde, depois de ter recebido uma pancada forte. Até hoje, não regressou às aulas. O aluno foi expulso."


    Fonte: http://www.portugaldiario.iol.pt/noticia.php?id=664047

     :(
      ~ Journey Towards Angel Wings ~

      "People should be allowed to fall in love with whoever they want. I mean, otherwise what's the point of living?..." - O&A

      "A vontade, se não quer, não cede; é como a chama ardente, que se eleva com mais força quanto mais se tenta abafá-la." - Dante Alighieri

      Notícias diversas (região Porto)
      #22

      SV

      • Visitante

      Este mundo estranho das escolas
      [/size][/b]


      "Mais uma professora agredida. Esta quarta-feira, no Porto, um aluno deixou uma docente com um hematoma e foi suspenso. Há uma semana, outra professora foi esbofeteada por um rapaz que não frequentava a escola. No início de Fevereiro, em Ovar, um aluno de 12 anos atacou a professora pelas costas com uma pancada na cervical que a levou ao hospital.

      Mas os casos não param: o PortugalDiário sabe que, recentemente, uma professora em Coimbra e outra no Porto, numa escola em Aldoar, sofreram na pele a intimidação que os alunos sujeitam os docentes. E não fizeram queixa. Além do «medo da retaliação», os professores não querem que a classe mostre ainda mais «fragilidades». Arminda Bragança, da Federação Nacional de Educação (FNE), garante que «a população escolar pode retaliar» e os professores sentem esse receio num dia-a-dia recheado de violência física e psicológica.


      É a selva nas escolas

      Com os números a aumentar para o dobro, o Gabinete de Segurança do Ministério registou 1.232 ofensas à integridade física. Os números de 2003 já eram preocupantes. 293 professores e 315 funcionários foram vítimas de insultos ou agressões físicas. A violência cresceu mais de 40 por cento, em relação a 2002.


      O primeiro caso

      Há cerca de 16 anos, o primeiro caso mediatizado aconteceu no Rodrigues de Freitas. O liceu no Porto foi palco de episódio peculiar: um aluno entrou encapuzado numa sala de aula, deu dois murros no professor e saiu. Só muito tempo depois se apurou a identidade do agressor.

      Ontem, outra professora recebeu dois murros em plena aula, depois de ter expulsado o aluno por mau comportamento. Mas em pleno século XXI, este caso vem juntar-se a centenas de outros. A docente recebeu assistência hospitalar e o aluno suspenso preventivamente.

      No início de Fevereiro, o PortugalDiário divulgou o caso de uma docente, agredida enquanto estava de costas, por um aluno de 12 anos. A professora ficou internada durante toda a tarde, depois de ter recebido uma pancada forte. Até hoje, não regressou às aulas. O aluno foi expulso."


      Fonte: http://www.portugaldiario.iol.pt/noticia.php?id=664047

       :(



      Realmente isto tá cada vez pior está! Aqui na escola tambem já aconteceram casos parecidos em que alunos diziam que iam chamar os pais e faze-los "lamber o chão", um aluno que ia andando à pancadaria com o porteiro,etc... Os professores cada vez teem menos autoridade sobre os alunos, decaminho são os alunos que mandam nos professores...  :-\

        Notícias diversas (região Porto)
        #23

        EYre

        • Visitante

        Esta última agressão aconteceu numa escola EB2/3 junto ao Bairro do Cerco. O aluno tinha 15 anos e frequentava o 5º ano. Conheço a escola, está mesmo lá enfiadinha no bairro e é frequentada maioritariamente por alunos do próprio bairro.

          Notícias diversas (região Porto)
          #24

          Offline Scorpio_Angel

          • *****
          • Membro Vintage
          • Género: Feminino
          • I faced it all and I stood tall; And did it My Way
            • My Way

          Homicídio de transexual: Oficina de S. José ilibada

          Diocese lamenta, mas diz que «não houve violação das normas»

          "O inquérito efectuado pela Diocese do Porto, na sequência do homicídio de um sem-abrigo transexual em que estiveram alegadamente envolvidos 11 jovens da Oficina de S. José, concluiu pela inexistência de violação dos regulamentos internos desta instituição, foi hoje anunciado. (...) Adianta, no entanto, que «lamenta e reprova, com veemência, a acção grave atribuída a estes adolescentes e jovens, bem como o processo e procedimento cujo desfecho se conhece."

          Portugaldiario


          Noticia completa aqui: http://www.ex-aequo.web.pt/forum/index.php?topic=7169.msg305489#msg305489
            ~ Journey Towards Angel Wings ~

            "People should be allowed to fall in love with whoever they want. I mean, otherwise what's the point of living?..." - O&A

            "A vontade, se não quer, não cede; é como a chama ardente, que se eleva com mais força quanto mais se tenta abafá-la." - Dante Alighieri

            Notícias diversas (região Porto)
            #25

            Offline free_thinker

            • ****
            • Membro Sénior
            • Género: Masculino
            • Ninguém é de ninguém, mesmo quando se ama alguém
              • Causas com Causa
            Violação das normas?! Claro que nãaaaooo!
            Eles até nem deviam estar nas aulas...

              Notícias diversas (região Porto)
              #26

              EYre

              • Visitante
              É. Alguma coisa está a funcionar muito mal nas oficinas de São José, espero que eles aprendam com o que aconteceu e que mudem alguma coisa. Os vizinhos dizem, por exemplo, que os miúdos andam pelos arredores quase ao abandono, que para miúdos daquela idade têm demasiada liberdade...

                Notícias diversas (região Porto)
                #27

                Offline mIsS

                • *****
                • Membro Elite
                • Género: Feminino
                • my smile
                É. Alguma coisa está a funcionar muito mal nas oficinas de São José, espero que eles aprendam com o que aconteceu e que mudem alguma coisa. Os vizinhos dizem, por exemplo, que os miúdos andam pelos arredores quase ao abandono, que para miúdos daquela idade têm demasiada liberdade...


                A história das Oficinas de S.José no Porto está a denegrir toda uma imagem das OSJ em geral como excelente instituição que é! 

                http://www.correiomanha.pt/noticia.asp?idCanal=10&id=193143
                  Gosto que me ensinem a ver o que me rodeia com outros olhos, não importa se é bom ou mau, isso eu decido.

                  Notícias diversas (região Porto)
                  #28

                  EYre

                  • Visitante
                  É. Alguma coisa está a funcionar muito mal nas oficinas de São José, espero que eles aprendam com o que aconteceu e que mudem alguma coisa. Os vizinhos dizem, por exemplo, que os miúdos andam pelos arredores quase ao abandono, que para miúdos daquela idade têm demasiada liberdade...


                  A história das Oficinas de S.José no Porto está a denegrir toda uma imagem das OSJ em geral como excelente instituição que é! 

                  http://www.correiomanha.pt/noticia.asp?idCanal=10&id=193143


                  Pois... Eu por acaso tenho sempre dúvidas relativamente ás "excelentes instituições" que acolhem jovnes para os formar para a vida. A Casa Pia também era uma "excelente instituição" e agora é o que se vê. O Instituto do Terço, no Porto, era uma "excelente instituição" e no entanto foram denunciados casos de maus tratos lá. Penso que neste tipo de instituições há sempre o perigo de os direitos das crianças, fragilisadas por serem pobres e por serem crianças, serem desrespeitados e abusados. Em todo o caso admito que haja instituições deste género a funcionar bem e reconheço a sua necessidade. Acho que é preciso é que haja alguma fiscalização.

                  Quanto à oficina de São José no Porto propriamente dita, espero que seja feita alguma coisa. E acho que é nefasto os miúdos terem tanta liberdade como têm tido, com os vizinhos a dizer que é frequente os miúdos andarem por lá a deambular.

                    Notícias diversas (região Porto)
                    #29

                    Offline mIsS

                    • *****
                    • Membro Elite
                    • Género: Feminino
                    • my smile
                    É. Alguma coisa está a funcionar muito mal nas oficinas de São José, espero que eles aprendam com o que aconteceu e que mudem alguma coisa. Os vizinhos dizem, por exemplo, que os miúdos andam pelos arredores quase ao abandono, que para miúdos daquela idade têm demasiada liberdade...


                    A história das Oficinas de S.José no Porto está a denegrir toda uma imagem das OSJ em geral como excelente instituição que é! 

                    http://www.correiomanha.pt/noticia.asp?idCanal=10&id=193143


                    Pois... Eu por acaso tenho sempre dúvidas relativamente ás "excelentes instituições" que acolhem jovnes para os formar para a vida. A Casa Pia também era uma "excelente instituição" e agora é o que se vê. O Instituto do Terço, no Porto, era uma "excelente instituição" e no entanto foram denunciados casos de maus tratos lá. Penso que neste tipo de instituições há sempre o perigo de os direitos das crianças, fragilisadas por serem pobres e por serem crianças, serem desrespeitados e abusados. Em todo o caso admito que haja instituições deste género a funcionar bem e reconheço a sua necessidade. Acho que é preciso é que haja alguma fiscalização.

                    Quanto à oficina de São José no Porto propriamente dita, espero que seja feita alguma coisa. E acho que é nefasto os miúdos terem tanta liberdade como têm tido, com os vizinhos a dizer que é frequente os miúdos andarem por lá a deambular.


                    As instituições citadas por ti são reformatórios e casas de correcção para jovens com problemas sociais, familiares, económicos, etc ...
                    Se queres que te diga acho que há aqui qualquer lapso. A escola que falo é o Colésio Salesiano de Lisboa, escola sem regime interno, privada, em que se queres andar pagas e bem!já para não falar que o acesso é limitado porque és sujeita a provas de candidatura e em muitos casos a cunhas. Falas de crianças vítimas de maus tratos e crianças pobres? Vais-me desculpar mas isso naquele caso é impossível, ou não fosse aquela escola frequentada pelos filhos/netos das principais figuras públicas da nossa praça pública!...
                      Gosto que me ensinem a ver o que me rodeia com outros olhos, não importa se é bom ou mau, isso eu decido.

                      Notícias diversas (região Porto)
                      #30

                      Eyre

                      • Visitante
                      Inquilinos do Aleixo ameaçam deixar de pagar renda

                      As 64 famílias inquilinas de uma torre de 13 andares no bairro municipal do Aleixo ameaçaram ontem suspender o pagamento das rendas caso continuem privadas de elevadores em boas condições de funcionamento. Em comunicado, a Associação de Promoção Social da População do Bairro do Aleixo (APSPBA) acusa a Empresa Municipal de Habitação e Manutenção (EMHM) de "ignorar ostensivamente o problema" , que ocorre na primeira das 5 torres do bairro, e assegura que "os moradores estão dispostos a endurecer a luta".

                      in Público, 13 Abril 2006

                      Entretanto a Empresa Municipal da Habitação assume que um dos seus objectivos para 2006 é o de aumentar as vendas e de diminuir os custos. Em 2005 a EMH recuperou 569 casas e vendeu apenas 67.

                      No concelho ao lado, Matosinhos, é o Bairro do Seixo que continua a dar dores de cabeça ao município. Desta vez ficou-se a saber que alegado autor do homicídio na boite Night & Day reside no Seixo, naquele que é um dos bairros mais problemáticos do concelho.

                        Notícias diversas (região Porto)
                        #31

                        Eyre

                        • Visitante
                        Estou com o jornal aqui à minha frente e calhei a reparar no concurso público promovido pelo Espaço t, associação que nos cede actualmente as suas instalações para as nossas reuniões, para uma empreitada relativa à "Demolição, reconstrução, alteração de utilização e ampliação do edifício" na Rua do Vilar, 54 e 54-A, Porto.

                          Notícias diversas (região Porto)
                          #32

                          Lipe22

                          • Visitante
                          Estou com o jornal aqui à minha frente e calhei a reparar no concurso público promovido pelo Espaço t, associação que nos cede actualmente as suas instalações para as nossas reuniões, para uma empreitada relativa à "Demolição, reconstrução, alteração de utilização e ampliação do edifício" na Rua do Vilar, 54 e 54-A, Porto.

                          È verdade desde dá muito que o espaço t anuncia aos seus associados e colaboradores, uma nova sede. Alias na sala de convivio podem ver a planta do novo edificio. :P

                          Já agora, pedia-vos uma ideia para um presente, forma de agradecimento pelo o espaço cedido. Relembro que o espaço T cedeu-nos desde 2004, uma sala sem nos exigir qualquer exigência, pura generosidade e solidariedade.


                            Notícias diversas (região Porto)
                            #33

                            Offline SafeLight

                            • *****
                            • Membro Vintage
                            • Género: Masculino
                            • Sinto-me ex aequo com o resto do mundo!
                              • SafeLight Vídeos
                            Porto: Obras arrancam na Avenida da Ponte - A Avenida da Ponte começa a ser requalificada esta semana. A intervenção de ordenamento do espaço público na Avenida de D. Afonso Henriques, na Praça de Almeida Garrett (em frente à estação de S. Bento) e de parte da Rua das Flores será consignada hoje pela Empresa do Metro, que custeará as obras.
                            Fonte: JN online

                            há mtas obrar por concluir no porto.. xpero k ponham mesmo "mãos à obra" para despaxar isso..
                            Parece k as obrar n têm fim, nunca mais acabam, a baixa (aliados) está em obras há 4 anos. é inconsebivel.. :-\

                            Notícias diversas (região Porto)
                            #34

                            Eyre

                            • Visitante
                            Já agora, pedia-vos uma ideia para um presente, forma de agradecimento pelo o espaço cedido. Relembro que o espaço T cedeu-nos desde 2004, uma sala sem nos exigir qualquer exigência, pura generosidade e solidariedade.

                            Ora bem, não é propriamente um presente, mas podíamos fazer um agradecimento público ao Espaço t, nomeadamente nos jornais, dando a conhecer a rede ex aequo e, ao mesmo tempo, a colaboração da associação com o Espaço t e elogiando publicamente aquela instituição. Tipo, podíamos enviar uma carta para o JN e outra para o Público, por exemplo. E depois davamos um presente também, mas que fosse algo que les pudessem afixar nas suas instalações e que simbolizasse a rede, seria giro. :D ;)
                            « Última modificação: 18 de Abril de 2006 por Eyre »

                              Notícias diversas (região Porto)
                              #35

                              Eyre

                              • Visitante
                              Oposição critica apoio reduzido à Fundação Ciência e Desenvolvimento

                              Receitas não chegam a cobrir metade das despesas com o pessoal no Teatro do Campo Alegre, Pavilhão da Água e Planetário, os 3 equipamentos que funcionam na órbita da FCD.

                              Oposição considera que a Fundação Ciência e Desenvolvimento não foi capaz de captar receitas próprias e continua demasiado dependente dos apoios camarários.

                              in Público, 18.04.06

                                Notícias diversas (região Porto)
                                #36

                                Offline Phoenix

                                • *****
                                • Membro Elite
                                • Género: Masculino
                                • Non ducor, duco
                                Já agora, pedia-vos uma ideia para um presente, forma de agradecimento pelo o espaço cedido. Relembro que o espaço T cedeu-nos desde 2004, uma sala sem nos exigir qualquer exigência, pura generosidade e solidariedade.

                                Ora bem, não é propriamente um presente, mas podíamos fazer um agradecimento público ao Espaço t, nomeadamente nos jornais, dando a conhecer a rede ex aequo e, ao mesmo tempo, a colaboração da associação com o Espaço t e elogiando publicamente aquela instituição. Tipo, podíamos enviar uma carta para o JN e outra para o Público, por exemplo. E depois davamos um presente também, mas que fosse algo que les pudessem afixar nas suas instalações e que simbolizasse a rede, seria giro. :D ;)
                                Muitíssimo brevemente os coordenadores dos grupos locais terão e disponibilizarão detalhes sobre um trabalho que a associação está a preparar nesse sentido!  ;)
                                      

                                  Notícias diversas (região Porto)
                                  #37

                                  Offline free_thinker

                                  • ****
                                  • Membro Sénior
                                  • Género: Masculino
                                  • Ninguém é de ninguém, mesmo quando se ama alguém
                                    • Causas com Causa
                                  Invicta TV arranca hoje com emissões definitivas na rede TvTel
                                   
                                  O canal de televisão por cabo Invicta TV, da empresa luso-americana Finanzza Investments, dá hoje início às suas emissões, às 19h00, avançou o administrador Vítor Fernandes.

                                  "Hoje é o dia D da Invicta TV. As emissões arrancam oficialmente às 19h00, prolongando-se até à uma da manhã", referiu o empresário.

                                  De acordo com Vítor Fernandes, o primeiro dia de emissões do canal informativo dedicado à região do Grande Porto será preenchido, entre outros formatos, pelo "Jornal do Grande Porto", que terá três edições actualizadas, pelo espaço de entrevistas "Nós Aqui ao Lado" e pelo comentário sobre a actualidade informativa de Teresa Lago, ex-presidente da Sociedade Porto 2001 - Capital Europeia da Cultura.

                                  "Vamos manter este esquema de programação pelo menos nos primeiros dois meses, podendo depois passar para as 12 horas diárias de programação", adiantou.

                                  Com uma equipa de 20 pessoas, a direcção de programas e de informação da estação temática vai ser assegurada pela jornalista Carla Mendes Rocha.

                                  No campo comercial, Vítor Fernandes afirmou que o canal conta, neste momento, com uma ocupação de 15 por cento do espaço máximo de publicidade, prevendo que nos próximos 15 dias possa atingir uma ocupação comercial de 40 por cento.

                                  Com um investimento total previsto para os primeiros seis meses de transmissões na ordem dos 500 mil euros, o projecto do canal por cabo da Finanzza Investments começou a ser divulgado no princípio de Dezembro de 2004.

                                  O canal deu os seus primeiros passos em Janeiro do ano passado, quando começou a transmitir a mira técnica.

                                  O sinal da Invicta TV só vai estar disponível para os clientes do operador TvTel, empresa participada pelo grupo Cofina, BPI e PME Capital que opera no Grande Porto.

                                  O canal vai estar de forma provisória na posição 47 do pacote clássico da grelha comercializada pelo operador de cabo, segundo o administrador da Invicta TV.

                                  http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1254421

                                    Notícias diversas (região Porto)
                                    #38

                                    Eyre

                                    • Visitante
                                    Mais de 30 anos depois de ter sido pensado e iniciado, o Bairro da Bouça, no Porto, desenhado por Siza, está pronto. É hoje inaugurada a sua conclusão: ás 56 casas antigas, juntam-se 72, um ATL, um café, 5 lojas e estacionamento subterrâneo. O Bairro da Bouça fica junto à Rua da Boavista e junto à estação de metro da Lapa.

                                      Notícias diversas (região Porto)
                                      #39

                                      Lipe22

                                      • Visitante
                                      Câmara assume gestão de Clérigos Shopping


                                      O Clérigos Shopping é hoje uma galeria comercial fantasma, onde sobram as marcas de abandono e se encontram os primeiros sinais de vandalismo. Este espaço, que nunca cumpriu a expectativa de se impor como alavanca para a revitalização comercial da Cordoaria, vai passar para as mãos da Câmara do Porto.

                                      O Executivo deu, na reunião de ontem de manhã, o aval unânime à revogação da concessão da exploração da galeria comercial à SPEL - Sociedade de Parques de Estacionamento (iniciada a 15 de Outubro de 1992), que continuará a explorar as áreas de aparcamento. A autarquia não parece ter ainda um projecto para a ocupação do espaço. Nada disse sobre o futuro da galeria aos autarcas da Oposição, embora tenha recusado as propostas apresentadas pelo PS e pela CDU.

                                      "Tive a percepção de que não há a mais pequena ideia do que lá vão instalar", acusou Francisco Assis (PS). Da bancada socialista, saíram duas sugestões a instalação de uma Loja do Cidadão na Praça de Lisboa (será a segunda no Porto) e o lançamento de um concurso de ideias, proposto por Miguel Von Hafe.

                                      "Rui Rio indicou que quer uma segunda Loja do Cidadão no Porto, mas não ali. É uma área nobre que inexplicavelmente não teve sucesso", lamenta Assis. O presidente da Câmara lembrou que o Governo e a autarquia portuense chegaram a acordar a instalação da segunda Loja do Cidadão na Baixa, mas, desde a eleição de Sócrates, esse entendimento ainda não foi concretizado.

                                      Já Rui Sá (CDU) recuperou a proposta eleitoral de transformação da galeria comercial no Pólo Zero da Federação Académica do Porto (FAP). "A FAP queria colocar salas de estudo e de informática e trazer alguma animação. Era uma boa medida para, rapidamente, ocuparem o espaço", assinalou o comunista, também desfavorável ao lançamento de um concurso de ideias.

                                      "O problema do concurso de ideias é o timing. Acho que não podemos correr o risco de ficar seis meses ou um ano sem resolver o problema", explicou, receando que a demora instale o vandalismo na praça.

                                      As únicas pistas sobre a futura ocupação das duas dezenas de lojas na Praça de Lisboa surgem na proposta de revogação da concessão, apresentada à vereação. No documento, adianta-se apenas o objectivo de "implementar um novo conceito" na galeria comercial, "o qual implicará uma forte dinamização da mesma", através de eventos lúdicos, recreativos e culturais. CSL

                                      Fonte: JN