rede ex aequo

Olá Visitante29.fev.2020, 05:45:05

Autor Tópico: Feminismo e educação  (Lida 3343 vezes)

 
Feminismo e educação
#0

Offline Jp21

  • *
  • Novo Membro
  • Género: Masculino
Boa noite. Não sei se o tópico faz sentido mas acredito que existam aqui muitas mulheres fortemente feministas e gostava de ouvir algumas opiniões. Acredito que se anteriormente uma cultura machista possa ter deixado marcas uma educação feminista de hoje em dia também.


Deixo aqui algumas questão para comparar com algumas experiências.


-Castigariam um educando vosso se vissem nele sinais de machismo?
-Usariam coisas tipicamente femininas para punir o machismo?
- lidariam com normalidade ao expor alguém em situações que aos olhos da sociedade ainda poderão ser estranhas?


    Feminismo e educação
    #1

    Offline Fernando Pinheiro

    • ***
    • Membro Total
    • Género: Masculino
    • Sou bissexual e não-binário/Amo-te, Anocas.
      • Draco Magnus - LGBTI - Página inicial
    Boa noite. Não sei se o tópico faz sentido mas acredito que existam aqui muitas mulheres fortemente feministas e gostava de ouvir algumas opiniões. Acredito que se anteriormente uma cultura machista possa ter deixado marcas uma educação feminista de hoje em dia também.


    Deixo aqui algumas questão para comparar com algumas experiências.


    -Castigariam um educando vosso se vissem nele sinais de machismo?
    -Usariam coisas tipicamente femininas para punir o machismo?
    - lidariam com normalidade ao expor alguém em situações que aos olhos da sociedade ainda poderão ser estranhas?


    Podes explicar melhor esta frase: "Usariam coisas tipicamente femininas para punir o machismo?"  ???

    É que feminino e feminista são duas coisas diferentes. Uma mulher gostar de moda é considerado feminino socialmente mas não é feminista. O feminismo é a luta pela igualdade de género e que as mulheres e os homens tenham os mesmo direitos e deveres no trabalho, na saúde, economicamente e socialmente. Como por exemplo as mulheres poderem votar ou conduzir um carro. E um homem ser cabeleireiro é também um exemplo feminista. Pode parecer confuso, mas é esta a definição verdadeira de feminismo.

    O machismo e o sexismo são as ideologias opostas ao feminismo. Mas um homem ler o jornal, ter pêlos no peito ou elogiar uma mulher não são exemplos de machismo, são exemplos de masculinidade considerados socialmente. Masculino e machista também são coisas diferentes. Um homem elogiar uma mulher ou gostar de futebol não são exemplos de machismo. Um homem assediar sexualmente uma mulher porque acha que as mulheres são "fáceis" ou achar que uma mulher é mais fraca que os homens ou que não pode fazer trabalhos socialmente masculinos já são exemplos de machismo ou sexismo.

    Já agora também existe mulheres machistas e sexistas. Quando uma mulher diz que outra mulher é uma p*ta porque usa um vestido vermelho e que ela devia ter vergonha ou pudor também é um exemplo de puro sexismo. Aliás existe muitas mais mulheres machistas do que se imagina.

    Daí a minha pergunta inicial, sobre a frase "Usariam coisas tipicamente femininas para punir o machismo?" Pode ser mal interpretada. Punir o machismo com coisas tipicamente femininas pode ser um paradoxo social, pois não haveria igualdade social entre homens e mulheres, pois as mulheres vestem sempre roupas femininas e os homens roupas masculinas. Lembra-te que uma das vitórias do feminismo foi as mulheres também poderem usar calças no trabalho, que até lá eram roupa "masculina". As mulheres serem sempre associadas as coisas "femininas" como sapatos, vestidos, jóias, perfumes, limpeza da casa ou moda e os homens serem sempre associados as coisas "masculinas" como futebol, jornais, cerveja, carros ou tecnologia irá apenas perpetuar os estereótipos masculinos e femininos e não haverá nenhuma igualdade social de género. Agora punir o machismo com coisas feministas já faria mais sentido. ^^ Por exemplo as mulheres receberem o mesmo que os homens numa empresa seria uma forma de punir o machismo.

    Ou mandar um assediador sexual para a cadeia também é uma forma de punir o machismo! xD Literalmente neste caso.

    A série O Sexo e a Cidade é sempre mencionada como feminista, mas está na minha opinião errada esta afirmação, a série é feminina (socialmente claro) mas não é feminista. A série perpetua muitos estereótipos femininos como as mulheres todas gostarem de vestidos. Na vida real existem mulheres que não gostam de usar vestidos. Tal como existe homens que não gostam de futebol.

    Eu por exemplo apesar de adorar o Benfica e a Selecção Portuguesa mas o futebol não é o meu desporto favorito, o meu desporto favorito são as artes marciais. Mas sou um homem à mesma.


    Espero que tenhas percebido o meu ponto de vista.  lol
    « Última modificação: 18 de Abril de 2019 por Fernando Pinheiro »
      I'm bisexual and proud! xD Tu podes controlar o teu próprio destino e tomar as tuas próprias escolhas, podes fazer tudo, a única coisa que não podes controlar é a morte. https://www.facebook.com/FernandoEmanuelPinheiro/

      https://www.facebook.com/DracoMagnus27/

      Feminismo e educação
      #2

      Offline Pat_Porto

      • *
      • Novo Membro
      • Género: Feminino
      Por alguma razão, o teu post fez-me lembrar deste: https://www.rea.pt/forum/index.php?topic=37188.0


      O teu post é um pouco vago, e não compreendo exactamente o que queres dizer, ou como se insere num tópico lgbt, mas acho que há alguma confusão quanto ao feminismo - feminismo significa igualdade, não é um paralelo do machismo, não significa feminização forçada, e está longe de ser o paradigma dominante na educação ou qualquer outra área :/
      « Última modificação: 18 de Abril de 2019 por Pat_Porto »

        Feminismo e educação
        #3

        Offline Jp21

        • *
        • Novo Membro
        • Género: Masculino
        Só coloco a questão de feminismo numa situação de educação de um adolescente e a influência que esse mesmo poderá ter numa vida futura.


        Habitualmente os meninos "puxam" ao pai, jogam futebol, brincam com carros etc etc mas se isso não acontecer? pode ou não influenciar o comportamento e postura futura? será certo ou errado, fazer alguém próximo, que temos á nossa responsabilidade a nível de educação a sentir o peso de feminismo sem ter opção de escolha ou de abordagem?


        Eu, agora, mais crescido sinto que fui criado e educado por uma pessoa fortemente feminista e acredito que isso marcou o meu "tipico" crescimento.




        Cresci com a minha tia e hoje acredito que por alguns comportamentos que possam ser sido incorrectos do meu pai eu paguei e fui castigado por isso.


        Quando falam da igualdade no feminismo que é o valor principal que defendem, nunca o senti. Cresci a acreditar que os homens não inferiores ás mulheres e que o quotidiano trazia luta e dedicação aos homens.


        Os meus amigos iam jogar futebol ou andar de bicicleta e eu iria aprender a cozinhar ou a limpar algo.
        Lembro-me de ter cerca de 18 anos a pensar que isso era o habitual e o normal, não jogava futebol... cozinhava, não andava de bicicleta... passava a ferro, não "arriscava" com namoradas... limpava a casa.


        O Feminismo na altura não era igualdade era inferioridade. Aprendi que a lide doméstica implicava esforço e por os homens supostamente serem mais fortes, as tarefas eram adequadas para eles. Na realidade acreditava que assim era o certo.


        Lembro-me que em situações de visita toda a gente achava "piada" ao jovem rapaz que limpava e arrumava, com alguma especie de avental.

        [/size][size=78%]Lembro-me que em algumas situações, talvez por cansaço ou mau humor ter dito que não gostava de fazer isto porque era coisa de mulher. Era a pior coisa que podia dizer a minha tia, era castigado.[/size]
        [/size]
        [/size][size=78%]Lembro-me de uma situação onde me arranjou um emprego de verão que era fazer limpezas. Tinha 18 anos, cria aproveitar com amigos e namorada e reclamei com o argumento que isso era de mulher. Lembro-me de me levar a uma loja perto de casa e pedir á senhora "Uma bata para este menino", a senhora respondeu " não temos batas de homem", talvez a pensar que seria a tipica branca ou azul que normalmente procuram.[/size]
        [/size]
        [/size][size=78%]A minha tia respondeu ao ver várias penduradas, "aquelas não tem o seu tamanho?, é para trabalhar" fazendo-me experimentar batas de mulher.[/size]
        [/size][size=78%]Senti-me diminuido ao ser colocado numa situação dessas em publico no entanto reconheco o gosto que tenho em vestir algo assim feminino. Nâo pedi, não escolhi... não tive escolha... o feminismo acho que fez de mim "frouxo". Detesto receber visitas, amigos ou namorada com bata ou avental porque desde os 12 anos que isso era o meu habitual.[/size]
        [/size]
        [/size]A minha namorada diz muita vez que é machismo da minha parte, que não tem mal, etc etc mas sinto que se é machismo é porque o feminismo assim o fez.[size=78%]

        [/size]E como é possivel alguem proximo fazer e moldar alguem proximo para algo que pode ser motivo de gozo[size=78%]

          Feminismo e educação
          #4

          Offline Fernando Pinheiro

          • ***
          • Membro Total
          • Género: Masculino
          • Sou bissexual e não-binário/Amo-te, Anocas.
            • Draco Magnus - LGBTI - Página inicial
          Só coloco a questão de feminismo numa situação de educação de um adolescente e a influência que esse mesmo poderá ter numa vida futura.


          Habitualmente os meninos "puxam" ao pai, jogam futebol, brincam com carros etc etc mas se isso não acontecer? pode ou não influenciar o comportamento e postura futura? será certo ou errado, fazer alguém próximo, que temos á nossa responsabilidade a nível de educação a sentir o peso de feminismo sem ter opção de escolha ou de abordagem?


          Eu, agora, mais crescido sinto que fui criado e educado por uma pessoa fortemente feminista e acredito que isso marcou o meu "tipico" crescimento.




          Cresci com a minha tia e hoje acredito que por alguns comportamentos que possam ser sido incorrectos do meu pai eu paguei e fui castigado por isso.


          Quando falam da igualdade no feminismo que é o valor principal que defendem, nunca o senti. Cresci a acreditar que os homens não inferiores ás mulheres e que o quotidiano trazia luta e dedicação aos homens.


          Os meus amigos iam jogar futebol ou andar de bicicleta e eu iria aprender a cozinhar ou a limpar algo.
          Lembro-me de ter cerca de 18 anos a pensar que isso era o habitual e o normal, não jogava futebol... cozinhava, não andava de bicicleta... passava a ferro, não "arriscava" com namoradas... limpava a casa.


          O Feminismo na altura não era igualdade era inferioridade. Aprendi que a lide doméstica implicava esforço e por os homens supostamente serem mais fortes, as tarefas eram adequadas para eles. Na realidade acreditava que assim era o certo.


          Lembro-me que em situações de visita toda a gente achava "piada" ao jovem rapaz que limpava e arrumava, com alguma especie de avental.

          [/size][size=78%]Lembro-me que em algumas situações, talvez por cansaço ou mau humor ter dito que não gostava de fazer isto porque era coisa de mulher. Era a pior coisa que podia dizer a minha tia, era castigado.[/size]
          [/size]
          [/size][size=78%]Lembro-me de uma situação onde me arranjou um emprego de verão que era fazer limpezas. Tinha 18 anos, cria aproveitar com amigos e namorada e reclamei com o argumento que isso era de mulher. Lembro-me de me levar a uma loja perto de casa e pedir á senhora "Uma bata para este menino", a senhora respondeu " não temos batas de homem", talvez a pensar que seria a tipica branca ou azul que normalmente procuram.[/size]
          [/size]
          [/size][size=78%]A minha tia respondeu ao ver várias penduradas, "aquelas não tem o seu tamanho?, é para trabalhar" fazendo-me experimentar batas de mulher.[/size]
          [/size][size=78%]Senti-me diminuido ao ser colocado numa situação dessas em publico no entanto reconheco o gosto que tenho em vestir algo assim feminino. Nâo pedi, não escolhi... não tive escolha... o feminismo acho que fez de mim "frouxo". Detesto receber visitas, amigos ou namorada com bata ou avental porque desde os 12 anos que isso era o meu habitual.[/size]
          [/size]
          [/size]A minha namorada diz muita vez que é machismo da minha parte, que não tem mal, etc etc mas sinto que se é machismo é porque o feminismo assim o fez.[size=78%]

          [/size]E como é possivel alguem proximo fazer e moldar alguem proximo para algo que pode ser motivo de gozo[size=78%]

          Novamente volto a dize-lo isso não é feminismo. Feminismo é luta pela igualdade de género entre os homens e as mulheres. Os homens e as mulheres terem os mesmo direitos e deveres. Essa educação que passaste não é feminista, é sexista.  Podes ver na minha resposta anterior o que é o sexismo. Como disse a Pat_Porto feminismo não é feminização forçada. A feminização forçada a existir seria na realidade apenas outra forma de sexismo. Nota-se que não sabes o significado da palavra feminismo, com ideias que fazem lembrar os mitos antifeministas criados pela extrema-direita. Como deves reparar isto é um fórum LGBTI, aqui nós não acreditamos em teorias da conspiração como a da inexistente ideologia de género, lobby LGBTI. heterofobia (que não existe) ou que o feminismo quer efeminizar os homens através da educação ou de medidas governamentais.

          E um homem não jogar à bola continua a ser um homem. Uma mulher gostar de carros continua a ser uma mulher. Cozinhares ou não jogares à bola não te faz feminino em lado nenhum.
            I'm bisexual and proud! xD Tu podes controlar o teu próprio destino e tomar as tuas próprias escolhas, podes fazer tudo, a única coisa que não podes controlar é a morte. https://www.facebook.com/FernandoEmanuelPinheiro/

            https://www.facebook.com/DracoMagnus27/

            Feminismo e educação
            #5

            Offline Jp21

            • *
            • Novo Membro
            • Género: Masculino
            Percebi tudo que me foi dito e respeito, no entanto o que estava a tentar indicar a a influencia que algumas atitudes passadas possam ter no que somos e gostamos hoje me dia.


            Sou hetero, com muito respeito por todos LGBT com muita curiosidade pelo T. Curiosidade que criou conflito e me fez pensar numa explicação.... acredito seriamente que terá vindo de comportamentos passados. Infelizmente, ao contrário de muitos de vocês ainda não lido bem com esse gosto, nem tenho abertura para sair do "armário" mas reconheco que não me é indiferente. Por vezes há opiniões que dizem que "nasce connosco", eu acredito que me foi colocado... apenas isso.


            Desculpem a confusão mas para mim também é confuso :D

              Feminismo e educação
              #6

              Offline Fernando Pinheiro

              • ***
              • Membro Total
              • Género: Masculino
              • Sou bissexual e não-binário/Amo-te, Anocas.
                • Draco Magnus - LGBTI - Página inicial
              Percebi tudo que me foi dito e respeito, no entanto o que estava a tentar indicar a a influencia que algumas atitudes passadas possam ter no que somos e gostamos hoje me dia.


              Sou hetero, com muito respeito por todos LGBT com muita curiosidade pelo T. Curiosidade que criou conflito e me fez pensar numa explicação.... acredito seriamente que terá vindo de comportamentos passados. Infelizmente, ao contrário de muitos de vocês ainda não lido bem com esse gosto, nem tenho abertura para sair do "armário" mas reconheco que não me é indiferente. Por vezes há opiniões que dizem que "nasce connosco", eu acredito que me foi colocado... apenas isso.


              Desculpem a confusão mas para mim também é confuso :D


              Se a tua identidade de género não coincide com o teu sexo biológico, esta não está relacionada com educação sexista que recebeste quando jovem. É algo que tu já és desde de nascença, não foi colocado. Tu sentes que és um homem ou uma mulher? Ou que és não-binário ou intersexo?


              Como te identificas?


              Contudo não confundas travestismo com identidade de género, pois são coisas diferentes.


              Podes ser travesti e identificares-te como homem e seres heterossexual. E é perfeitamente normal.


              Portanto.


              És travesti mas identificas-te como homem ou és travesti e identificas-te como mulher?




              Como te sentes?
                I'm bisexual and proud! xD Tu podes controlar o teu próprio destino e tomar as tuas próprias escolhas, podes fazer tudo, a única coisa que não podes controlar é a morte. https://www.facebook.com/FernandoEmanuelPinheiro/

                https://www.facebook.com/DracoMagnus27/

                Feminismo e educação
                #7

                Offline Jp21

                • *
                • Novo Membro
                • Género: Masculino
                Sou travesti e identifico me com homem... Cria-me confusão como pode acontecer ser travesti e ser hetero, sei que para vocês provavelmente parece estupido mas para quem anda "refundido" tudo é estranho... lembro-me que já desde de miudo que sempre que havia alguma possibilidade de vestir algo de "mulher", muitas vezes em situação de castigo, forçava para conseguir... estranho

                  Feminismo e educação
                  #8

                  Offline Fernando Pinheiro

                  • ***
                  • Membro Total
                  • Género: Masculino
                  • Sou bissexual e não-binário/Amo-te, Anocas.
                    • Draco Magnus - LGBTI - Página inicial
                  Sou travesti e identifico me com homem... Cria-me confusão como pode acontecer ser travesti e ser hetero, sei que para vocês provavelmente parece estupido mas para quem anda "refundido" tudo é estranho... lembro-me que já desde de miudo que sempre que havia alguma possibilidade de vestir algo de "mulher", muitas vezes em situação de castigo, forçava para conseguir... estranho


                  É perfeitamente normal seres um homem heterossexual e seres travesti.


                  O travestismo não está ligado com a homossexualidade. Existe muito homens homossexuais que são bastante masculinos e mulheres homossexuais que são bastante femininas. Não devemos ligar a estereótipos que os homens homossexuais são sempre efeminados ou as mulheres homossexuais são sempre machonas. Não é assim que funciona.


                  Apesar de existir de facto muitas drag queens que são homossexuais ou bissexuais. Muitos drag queens são heterossexuais.


                  Se assim não fosse metade dos actores em Portugal seria homossexual, mas isso não é verdade.


                  Até já existe drag queens de barba e cabelo comprido e tudo. 8-)
                    I'm bisexual and proud! xD Tu podes controlar o teu próprio destino e tomar as tuas próprias escolhas, podes fazer tudo, a única coisa que não podes controlar é a morte. https://www.facebook.com/FernandoEmanuelPinheiro/

                    https://www.facebook.com/DracoMagnus27/

                    Feminismo e educação
                    #9

                    Offline Jp21

                    • *
                    • Novo Membro
                    • Género: Masculino
                    Sim sei isso tudo mas na verdade é sempre complicado,
                    Por ter esse gosto nunca consegui usar o carnaval para sair da "casca" porque comigo mexe mesmo e a forma que arranjo de "disfarçar" é dizer "Eu, nunca, eles é que..."


                    como se fiz á nossa namorada por exemplo desse gosto? ainda há a ideia geral que diminui o homem... Se a nossa companheira não é de confiança e de futuro usa isso contra nós?


                    No entanto sinto que isso nasceu porque me foi imposto ou pelo menos influenciado na adolescencia...

                       

                      Tópicos relacionados

                        Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                      20 Respostas
                      7592 Visualizações
                      Última mensagem 27 de Setembro de 2018
                      por daniel_ferreira666
                      8 Respostas
                      4788 Visualizações
                      Última mensagem 15 de Setembro de 2010
                      por Cariño28
                      13 Respostas
                      5017 Visualizações
                      Última mensagem 15 de Novembro de 2011
                      por Miguel★
                      24 Respostas
                      4614 Visualizações
                      Última mensagem 29 de Janeiro de 2018
                      por solitude
                      0 Respostas
                      3219 Visualizações
                      Última mensagem 21 de Janeiro de 2019
                      por anadeoli