rede ex aequo

Olá Visitante20.set.2019, 19:27:03

Autor Tópico: Sozinho!  (Lida 1163 vezes)

 
Sozinho!
#0

Magnets

  • Visitante
Olá a todos!
É um bocado chato para mim falar sobre isto, mas a verdade é que eu me sinto muito só. Epah, não percebo.. É que eu nem sou má pessoa e assim. Ainda se fosse.. Mas não sou!
Há dias em que as pessoas se lembram de mim, mas parece que é só para aquilo que lhes convém. Faz-me confusão as pessoas só se lembrarem que eu existo em datas comemorativas ou quando precisam. Não sei. Sabem aquele grupo de pessoas que parece que toda a gente tem e com quem pode contar? Eu não tenho.. Não tenho ninguém em quem possa realmente confiar e desabafar. Não tenho ninguém a quem possa chamar de "melhor amigo". E isto deixa-me triste.. Porque eu passei a ser o meu melhor amigo. Se há alguém com quem eu sei que posso realmente contar é comigo..
Vocês devem estar a achar isto uma estupidez.. Mas pronto. O que é que acham que eu deva fazer?
« Última modificação: 15 de Junho de 2016 por Magnets »

    Sozinho!
    #1

    Offline Klun

    • *
    • Novo Membro
    • Género: Masculino
    • Come closer, and hear me rawr :3
    Houve um tempo em que achava que tinha um grupo de amigos em que podia contar também, mas eventualmente apercebi-me que não era assim. Na minha experiência é muito raro encontrar alguém com quem possa contar a 100% e mesmo quando encontro, as pessoas mudam com o tempo. O meu melhor amigo desde o infantário, que sempre imaginei que fosse a amizade que ia durar para sempre, agora mal quer saber de mim, e não foi por conflitos ou assim, ele mudou e arranjou amigos com interesses mais parecidos e afastou-se. Ja passei (e ainda passo) por fases em que sinto que não tenho ninguém que esteja lá para mim, mas olha, é viver com isso, se fores conhecendo pessoas, eventualmente encontras uma dessas raras em que podes contar, mesmo que não dure para sempre. Não há muito mais a fazer :p quanto menos te preocupares com o que os outros fazem, melhor, porque isso só dá dores de cabeça.

      Sozinho!
      #2

      Magnets

      • Visitante
      Muito obrigado pela tua resposta :)

        Sozinho!
        #3

        Offline lunasibe

        • *
        • Novo Membro
        • Género: Outro
        • Time waits for no one
          • SIBE.PW
        Olá a todos!
        É um bocado chato para mim falar sobre isto, mas a verdade é que eu me sinto muito só. Epah, não percebo.. É que eu nem sou má pessoa e assim. Ainda se fosse.. Mas não sou!
        Há dias em que as pessoas se lembram de mim, mas parece que é só para aquilo que lhes convém. Faz-me confusão as pessoas só se lembrarem que eu existo em datas comemorativas ou quando precisam. Não sei. Sabem aquele grupo de pessoas que parece que toda a gente tem e com quem pode contar? Eu não tenho.. Não tenho ninguém em quem possa realmente confiar e desabafar. Não tenho ninguém a quem possa chamar de "melhor amigo". E isto deixa-me triste.. Porque eu passei a ser o meu melhor amigo. Se há alguém com quem eu sei que posso realmente contar é comigo..
        Vocês devem estar a achar isto uma estupidez.. Mas pronto. O que é que acham que eu deva fazer?


        Hey Magnets,
        Percebo a tua frustração. Também me sinto só por vezes. Vivo numa ilha e tenho estado com dificuldades a acabar o secundário, quase todos os meus amigos já sairam da ilha entretanto. Gosto de passar o tempo a ler livros às vezes, deixa-me distrair-me um bocado da minha vida e viver outras vidas mais interessantes. Não sou muito do tipo de socializar, mas não me importo com isso.
        "Aquele grupo de pessoas que parece que toda a gente tem e com quem pode contar" muitas vezes não é o que parece. Talvez a definição de "Sonder" ajude:
        Responder
        Sonder
        n. A realização de que qualquer pessoa a passar está a viver uma vida tão vivida e complexa como a tua - populada com as suas próprias ambições, amigos, rotinas, preocupações ou inerente loucura - uma história épica que continua invisivelmente à tua volta como um formigueiro que se espalha bem por baixo do chão, com passagens elaboradas para milhares de outras vidas que nunca saberás terem existido, que poderão aparecer apenas uma vez, como o som de um café a mais a ser bebido no plano de fundo, como um borrão no trânsito que passa na autoestrada ou como uma janela acesa no crepúsculo. Original em Inglês, The Dictionary of Obscure Sorrows

        Não estamos sozinhos. Toda a gente tem as suas próprias benevolências e os seus próprios azares. Pode ser que aquela outra pessoa tenha a bênção de ter um bom grupo de amigos, mas sabes lá se essa pessoa não terá alguns problemas mais preocupantes, como uma doença séria, ou pior ainda, uma mente fechada incapaz de compreender o mundo para além do aparente "normal" (que na verdade não existe, o que me espanta mais são aquelas pessoas que se dizem perfeitamente normais. O que é "normal"? Sabe-se lá).
        Não te preocupes com "melhores amigos". Eu nunca gostei de avaliar amigos, fico contente por todos os que posso ter, e não digo que um é melhor que outro. Certamente é bom ter alguém em quem confiar. Não posso fazer com que apareçam amigos na tua vida, isso é o teu trabalho, mas posso dizer-te uma coisa, não estás só. Confia nos outros, especialmente naqueles como tu, e não faças expectativas. Se não forem tão apoiantes como mereces, lembra-te: eles é que perdem. Não tens obrigação de os satisfazer.
        Posso, no entanto, dar-te algumas sugestões. Certamente terás alguns gostos específicos, que fazem parte apenas de ti. Procura comunidades de pessoas que gostam do mesmo que gostas, a internet é uma grande ferramenta para isso. Partilha, e fala com outros, certamente encontrarás alguém que te inspire e que valha o teu tempo, e, quiçá encontres um/a grande amig@.
        E se as pessoas deste país não são o teu tipo, há muitas mais culturas por este mundo. Aventura-te. Aprende novas línguas e novas culturas, e talvez venhas a encontrar uma nova identidade em ti que desconhecias.
        Não fiques é parado! Vai com força, e leva isso na desportiva. Aproveita a vida.
        « Última modificação: 19 de Junho de 2016 por lunasibe »

          Sozinho!
          #4

          MarcyPt

          • Visitante
          Olá a todos!
          É um bocado chato para mim falar sobre isto, mas a verdade é que eu me sinto muito só. Epah, não percebo.. É que eu nem sou má pessoa e assim. Ainda se fosse.. Mas não sou!
          Há dias em que as pessoas se lembram de mim, mas parece que é só para aquilo que lhes convém. Faz-me confusão as pessoas só se lembrarem que eu existo em datas comemorativas ou quando precisam. Não sei. Sabem aquele grupo de pessoas que parece que toda a gente tem e com quem pode contar? Eu não tenho.. Não tenho ninguém em quem possa realmente confiar e desabafar. Não tenho ninguém a quem possa chamar de "melhor amigo". E isto deixa-me triste.. Porque eu passei a ser o meu melhor amigo. Se há alguém com quem eu sei que posso realmente contar é comigo..
          Vocês devem estar a achar isto uma estupidez.. Mas pronto. O que é que acham que eu deva fazer?

          Sózinho? Podes não acreditar só de ler esta mensagem fiquei contente! Sou tal e qual o que descreves aí!! Caramba... Nunca tinha achado ninguém assim, por um lado fico feliz de achar, por outro sinto muito o que estás a passar, pois sei como é...
          Não somos más pessoas, mas a sociedade não aceita a "DIFERENÇA", certamente gostarias de falar de coisas bem loucas que nem fazem sentido pois todos querem um melhor amigo para isso... pelo menos eu queria... :\  Não te sintas mal por isso, pensa que não és o único e quando tiver de vir alguém aparecerá para ficar! Se quiseres manda pm para conversarmos  ;)

            Sozinho!
            #5

            Offline Sergio_costa

            • *
            • Novo Membro
            • Género: Masculino
            Em primeiro lugar ama-te e valoriza quem tu és. De facto eu já experienciei essa situação e sei quão mal nos sentimos com essa solidão e confesso que ainda hoje em dia passo por isso, oo que eu faço é desvalorizar essa situação, porque mais vale só que mal acompanhado. Muitas vezes tentei me integrar em grupos e nunca consegui e sempre sentia me excluído e devido a minha grande timidez sempre tive grandes dificuldades em socializar. Mas fazes bem em pensar que o teu melhor amigo és tu próprio, porque não estejas a espera de alguém para te fazer feliz, porque isso é uma ilusão, falo te por experiência. Mas irás encontrar a pessoa certa ou alguém parecido contigo e que esteja contigo em todas os momentos , acredita quando menos esperares vai aparecer e ate lá investe em ti e no teu bem-estar dias após dia e verás como a vida vai te trazer boas surpresas.

               

              Tópicos relacionados

                Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
              Viver sozinho ou viver com os pais

              Iniciado por Cnidaria « 1 2 ... 15 16 » Outras Conversas

              312 Respostas
              45377 Visualizações
              Última mensagem 18 de Junho de 2012
              por Geez
              28 Respostas
              7517 Visualizações
              Última mensagem 29 de Setembro de 2013
              por winkie
              Sozinho no escuro - Sentir falta de ter alguém

              Iniciado por Alone_in_the_dark « 1 2  Todas » Apoio

              23 Respostas
              8214 Visualizações
              Última mensagem 21 de Setembro de 2009
              por Blackdi
              5 Respostas
              3641 Visualizações
              Última mensagem 29 de Setembro de 2013
              por V24
              Falas sozinho?

              Iniciado por extremelyalive « 1 2 ... 35 36 » Outras Conversas

              717 Respostas
              58111 Visualizações
              Última mensagem 23 de Janeiro de 2018
              por R1992