rede ex aequo

Olá Visitante03.jun.2020, 14:36:08

Autor Tópico: Desafio: Poesia-te!  (Lida 4231 vezes)

 
Desafio: Poesia-te!
#0

Offline carolinalg

  • *****
  • Moderação Geral
  • Membro Elite
  • Género: Feminino
  • call it Magic... call it true...
Boas, pessoal!

Surgiu-me uma ideia, que passa por também ser um jogo. Até pode vir a sair daqui alguma ideia alucinante! Qualquer um pode participar! Passo a explicar:

Cada um que por aqui passar, deve deixar um poema escrito por si (não importa o tamanho, nem se rima entre si ou não), respeitando as exigências do utilizador anterior.
Por exemplo:

Balelas escreveu:
Responder
Tema: Camisolas que encolhem.
Palavra obrigatória: Lindo.

Serenata005 escreveu depois:
Responder
Adoro camisolas que encolhem.
Acho lindo como se torcem
dentro da máquina de lavar
e ficam tão pequenas
que não as consigo usar!




Sejam originais, totós também (se quiserem), ou muito bonitinhos e lamechas.

Divirtam-se, que é o mais importante!


Portanto:


TEMA: INSÓNIA(S).
PALAVRA OBRIGATÓRIA: Dia.  ;)
« Última modificação: 13 de Abril de 2016 por carolinalg »
    - carolinalg -

    Desafio: Poesia-te!
    #1

    Offline سامانتا

    • *****
    • Associad@
    • Membro Ultra
    • Género: Feminino
    • pretty in scarlet
    Spoiler (clica para mostrar/esconder)

    De noite são a companhia
    frustrante, inquietante e fria.
    O desespero que se manifesta
    como uma noite na floresta
    por ter dormido a sesta durante o dia.

     ----------------------------------

    TEMA: Viagens
    PALAVRA OBRIGATÓRIA: Sapo
      «Open your eyes, open your mind,
      proud like a god, don't pretend to be blind.
      Trapped in yourself, break out instead,
      beat/feed the machine that works in your head»
      - Guano Apes

      Desafio: Poesia-te!
      #2

      Offline natz88

      • ****
      • Membro Sénior
      • Género: Feminino
      • Por vezes encontra-se aquilo que não se procura.
      Spoiler (clica para mostrar/esconder)

      A vida é uma viagem atribulada
      Cheia de amor e desencontros
      Quem sabe encontre minha amada
      Em Almada ou na Alemanha
      Ou encontre um SAPO encantado  ;D lol


      ----------------------------------------------------------------

      TEMA: Música
      PALAVRA OBRIGATÓRIA: Noite
        "Tristes tempos os nossos, é mais fácil desintegrar um átomo que um preconceito"
                    Albert Einstein

        Desafio: Poesia-te!
        #3

        Offline Dreamer

        • *****
        • Associad@
        • Membro Total
        • Género: Masculino
        • Veni. Vidi. Vici.
        Também não tenho jeito nenhum para isto, mas aqui vai!  lol lol

        No sereno de uma noite escura dou por mim a pensar...
        entre ideias e lamentos coloco musica a tocar...
        No murmurio do vento sinto a paz no ambiente
        Nesta noite calma irei descansar a minha mente!



        TEMA: Universo
        PALAVRA OBRIGATÓRIA: Estrela
          Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez.
          Jean Cocteau

          Desafio: Poesia-te!
          #4

          Offline unicorn39

          • *****
          • Membro Elite
          • Género: Feminino
          • I think u’re made of stronger stuff than u think
          Spoiler (clica para mostrar/esconder)

          Olho-te de longe, e sinto-me tão pequena.
          Como podes ser tão grandioso?
          Conheço tão pouco de ti apesar de nada esconderes.
          Tens tanto para descobrir e eu não consigo saber nem um bocadinho.
          Uma estrela brilha, quieta e cintilante.
          Sei que olhas por mim.


          TEMA: Primavera
          PALAVRA OBRIGATÓRIA: Flor

          Desafio: Poesia-te!
          #5

          Offline mfpsantos

          • ****
          • Membro Sénior
          • Género: Feminino
          Chegaste e nem te vi… será que já chegou o fim?
          Onde andas? Porque és assim?
          Ora insolas ora choves em mim.
          Não sou de estufa, mas flor de jardim.


          Tema: Arco-íris
          Palavra: Unicórnio
            Marta Santos

            Desafio: Poesia-te!
            #6

            Offline carolinalg

            • *****
            • Moderação Geral
            • Membro Elite
            • Género: Feminino
            • call it Magic... call it true...
            Unicórnio!
            Pandicórnios, Fénix...
            Criaturas míticas, para que vos quero,
            se não me sabeis lá levar?;
            se não me fazeis acreditar no Reino da Fantasia,
            onde moram a paz, o amor, a magia,
            a alegria, o bem-estar?

            Escorrego desesperadamente, com os olhos,
            por aquelas sete cores a cada dia que passa:
            vermelho, amarelo, verde,...
            (Porra de ansiedade que não passa!)
            laranja, roxo, violeta,
            (Que fazer com este aperto maldito?)
            Sinto-me mal, porque não acredito!
            Sinto-me criança da treta.

            Numa última tentativa,
            fixo o céu recheado de nuvens,
            inspiro, expiro, suspiro,
            e retiro o pedaço que falta:
            tranquilidade, doce azul -
            - a chave-mestra para rumar a Sul.




            Tema: Coragem
            Palavra obrigatória: Navio


            Spoiler (clica para mostrar/esconder)
              - carolinalg -

              Desafio: Poesia-te!
              #7

              Offline oasisgirl

              • ****
              • Membro Sénior
              • Género: Feminino
              É preciso ir,
              Por muito que não apeteca,
              É preciso dar o primeiro passo,
              Deixa te de preguiça é só ir a sorrir...

              Não tens coragem pois não?
              Mas o navio não espera por ti,
              Precisas de lutar por uma vida melhor,
              Se não não sais desse marasmo sem chão...

              Vai, não olhes para trás,
              Quando lá chegares diz
              Um dia hás de voltar
              Não te preocupes, tu és capaz...


              Tema: solidão
              Palavra obrigatória: Lamento
                "E se eu te olhar cem vezes, acredita, em cada uma delas estarei me apaixonando um pouco mais..."

                Desafio: Poesia-te!
                #8

                Mónicaf

                • Visitante
                É preciso ir,
                Por muito que não apeteca,
                É preciso dar o primeiro passo,
                Deixa te de preguiça é só ir a sorrir...

                Não tens coragem pois não?
                Mas o navio não espera por ti,
                Precisas de lutar por uma vida melhor,
                Se não não sais desse marasmo sem chão...

                Vai, não olhes para trás,
                Quando lá chegares diz
                Um dia hás de voltar
                Não te preocupes, tu és capaz...


                Tema: solidão
                Palavra obrigatória: Lamento

                  Desafio: Poesia-te!
                  #9

                  Offline miúda esquisita

                  • *****
                  • Membro Elite
                  Existe um lamento em mim
                  De ser flor sem jardim.
                  Rosa a perfurmar o vazio.
                  Meu coração está tão frio
                  Vendo o tempo passar
                  Sem outra flor encontrar

                  tema; juvrntude
                  palavra obrigatória:Xadrez

                    Desafio: Poesia-te!
                    #10

                    Offline oasisgirl

                    • ****
                    • Membro Sénior
                    • Género: Feminino
                    Num jogo de xadrez,
                    Não há espaço para pequenez..
                    O fraco sai vencido,
                    De tal forma enraivecido.
                    Agora nesta idade,
                    Já só penso com saudade
                    No tempo em que jogava
                    Nos meus tempos de tenra idade
                    Quando era jovem,
                    Sem preocupações de maior
                    Eu era o herói,
                    E da minha vida o condutor.

                    Tema: viagem
                    Palavra obrigatória: liberdade
                      "E se eu te olhar cem vezes, acredita, em cada uma delas estarei me apaixonando um pouco mais..."

                      Desafio: Poesia-te!
                      #11

                      Offline monik

                      • ****
                      • Membro Sénior
                      • Género: Feminino
                      Nenhum era exactamente igual.
                      Regras próprias.
                      Pessoas diferentes.
                      Frio, calor, ameno, chuvoso ou solarengo.
                      Agitado ou pacífico.
                      Doce, picante ou salgado.
                      Hostis ou Amáveis, Próximos ou Distantes.
                      O sangue esse é semelhante.
                      Os meus pés tocaram a terra em diferentes posições do nosso planeta.
                      Mas a verdade é que não precisava de dar um único passo.
                      A utópica  liberdade só a consegui, contigo aqui.

                      Tema: Vida
                      Palavra Obrigatória: Tempo
                       
                        "Aquilo a que chamamos o nosso <<eu>> é um processo ininterrupto e constantemente mutável"

                        Desafio: Poesia-te!
                        #12

                        Offline miúda esquisita

                        • *****
                        • Membro Elite
                        O tempo que se perde
                        Só com medo de perder
                        O medo do que nos precede
                        E do que se vai suceder

                        É tudo jogo perdido
                        Por falta de comparência
                        Mais um ser triste e vencido
                        Com peso na consciência

                        E um dia o jogo finda
                        E o que se leva afinal?
                        Joque agora que ainda
                        Dá para mudar o final.

                        Tema: gratidão
                        Palavra obrigatória:Harém

                          Desafio: Poesia-te!
                          #13

                          Offline carolinalg

                          • *****
                          • Moderação Geral
                          • Membro Elite
                          • Género: Feminino
                          • call it Magic... call it true...
                          "Em tempos de aborrecimento,
                          em tardes chuvosas e desmotivadoras,
                          perco paciência,
                          perco entendimento.

                          Aterro de chofre na cadeira da secretária,
                          ligo música aos altos berros,
                          Agarro-me, como ferros, ao papel que me chama.

                          No harém que são as palavras encontro refúgio,
                          encontro-me, encontro-te.
                          Tiro quinze quilos de cima
                          E sinto-me outra."



                          (Este era difícil, f*!)
                          Siga:

                          Tema - Ciúme
                          Palavra - Olhos
                          « Última modificação: 17 de Abril de 2016 por carolinalg »
                            - carolinalg -

                            Desafio: Poesia-te!
                            #14

                            Offline miúda esquisita

                            • *****
                            • Membro Elite
                            Em teus olhos eu vejo
                            A fagulha do desejo
                            Que já não sentes por mim.
                            Quem invadiu meu jardim
                            Com vestes de flor banal
                            Para se mostrar afinal
                            Cruel erva daninha?
                            Tua alma se afasta da minha
                            Sem eu que a possa travar.
                            Em ti meu amor já não tem lugar.

                            Tema:jardim
                            Palavra obrigatória: horas

                              Desafio: Poesia-te!
                              #15

                              Offline carolinalg

                              • *****
                              • Moderação Geral
                              • Membro Elite
                              • Género: Feminino
                              • call it Magic... call it true...
                              Spoiler (clica para mostrar/esconder)



                              Passe um dia,
                              passem horas...
                              Ver-te, oh verde, não me cansa.
                              Colho de ti a mais bela imagem
                              de fauna, de flora, de memórias de outrora;
                              Tremo à doce aragem
                              que acolhe todos os que te visitam;
                              essa aragem branca, leve, pura,
                              que serena, que descansa.

                              (A criança que ria
                              com simplicidade, inocente, nua,
                              colhendo brilhantes amoras,
                              não ouve o que lhe ditam:
                              "Sai do jardim, menina, que a dança
                              da noite fria, dura e crua
                              não tarda em chegar!
                              Vais-te constipar!")




                              - Tema: Horizonte.
                              - Palavra: Café.
                                - carolinalg -

                                Desafio: Poesia-te!
                                #16

                                Offline miúda esquisita

                                • *****
                                • Membro Elite
                                Spoiler (clica para mostrar/esconder)



                                Obrigada :blush
                                Eu acho todos os poemas que aqui vejo muito bem conseguidos. Não nos limitamos a fazer rimas, construimos um momento de encanto com as palavras e gosto disso

                                O cafá já está frio
                                E meus olhos ainda focam o vazio.
                                Olho a linha não visivel
                                Onde  se cruza o nivel
                                Da terra com o céu.
                                Tento ver p'ara lá do véu
                                Mas esbarro com a neblina
                                Que em meus olhos faz de cortina
                                E me deixa sem perceber
                                Que há para lá do esmorecer

                                Tema :magia
                                Palavra obrigatória:Wc

                                  Desafio: Poesia-te!
                                  #17

                                  Offline carolinalg

                                  • *****
                                  • Moderação Geral
                                  • Membro Elite
                                  • Género: Feminino
                                  • call it Magic... call it true...
                                  Atenção a menores de 18; contém calão.


                                  "Squaaaaaaaaaaaash!
                                  Lá se foi o presente;
                                  desapareceu estranhamente
                                  pelo buraco fundo.
                                  Nem passado um segundo,
                                  o espaço já está pronto para receber
                                  outro 'monstro' que deseja viajar
                                  para onde ninguém o possa acompanhar.
                                  Pessoas atrás de pessoas,
                                  umas más, outras boas,
                                  todas realizam, no wc, as mesmas ações:
                                  É magia, meus grandes cab*ões!"


                                  "A vida de um presente", in Poemáticas Aleatóricas.
                                  Carolina LG.
                                  Lisboa, a 20 de Abril de 2016.



                                  Para o próximo (vem muito a propósito!):

                                  TEMA: LIBERDADE
                                  PALAVRA: CRAVOS
                                  « Última modificação: 29 de Abril de 2016 por carolinalg »
                                    - carolinalg -

                                    Desafio: Poesia-te!
                                    #18

                                    Offline mfpsantos

                                    • ****
                                    • Membro Sénior
                                    • Género: Feminino
                                    Marchei ao teu sabor
                                    Mesmo não sabendo o que foi lutar para te ter.
                                    No peito transbordo amor,
                                    Com olhar de quem te absorve.
                                    Está-me nos genes a marca de quem te procurou,
                                    Quem por ti chorou…

                                    Avó, olha aí de cima,
                                    Carrego-te ao peito,
                                    Carrego-te no olhar,
                                    Carrego-te em mim inteira...
                                    Serei eternamente tua recruta,
                                    Mas aceita os cravos já que recolhi o fruto da tua luta.


                                    TEMA: Esperança
                                    PALAVRA: Humanidade
                                      Marta Santos

                                      Desafio: Poesia-te!
                                      #19

                                      Offline miúda esquisita

                                      • *****
                                      • Membro Elite
                                      o mundo é uma escola concorrida
                                      onde se aprende sobre a vida
                                      e os alunos são a humanidade.
                                      lá se ensina a verdade
                                      o amor e o respeito.
                                      mas ás vezes não tem jeito
                                      chumbamos no exame final.
                                      não o fazemos por mal
                                      mas ás vezes custa  a aprender
                                      a forma certa de viver.
                                      aí temos que repetir a lição
                                      com mais amor e compaixão
                                      para quando formos repetir
                                      podermos em frente seguir
                                      e passar para um nivel superior
                                      tendo em nós mais amor

                                      Tema: natureza
                                      Palavra obrigatória:Dogma



                                        Desafio: Poesia-te!
                                        #20

                                        Offline monik

                                        • ****
                                        • Membro Sénior
                                        • Género: Feminino
                                        As águas vestem-se de preto,
                                        O gelo converte-se em água,
                                        O suor corre como um rio,
                                        O rio cresce pelo céu,
                                        Os ventos lançam-se como para um pano vermelho,
                                        O pequeno coelho lamenta pela sua perda,
                                        O fogo roubou a sua inocência.

                                        Foste gentil ofereceste a tua casa,
                                        Agora observa enquanto nós a violamos,
                                        Presos pelo Dogma do Ter,
                                        Arrancamos as tuas raízes, queimamos o teu corpo e cuspimos na tua tumba.
                                        Não é pessoal. Simplesmente temos de Ter.
                                        Perdoaria-as as nossas limitações racionais ?


                                        Tema: Depressão
                                        Palavra Obrigatória: Luz


                                         
                                        « Última modificação: 27 de Abril de 2016 por monik »
                                          "Aquilo a que chamamos o nosso <<eu>> é um processo ininterrupto e constantemente mutável"

                                          Desafio: Poesia-te!
                                          #21

                                          Offline miúda esquisita

                                          • *****
                                          • Membro Elite
                                          Quantas vezes dás por ti
                                          Sozinho longe daqui
                                          Sem uma réstia de luz
                                          Não vês o fio que conduz
                                          De volta á tua vida
                                          Estás num beco sem saída
                                          Com vontade de fugir
                                          Sabes que estás a cair
                                          E não te consegues erguer.
                                          Só queres desaparecer

                                          Tema: camadas
                                          Palavra obrigatória:Quarto

                                            Desafio: Poesia-te!
                                            #22

                                            Offline carolinalg

                                            • *****
                                            • Moderação Geral
                                            • Membro Elite
                                            • Género: Feminino
                                            • call it Magic... call it true...
                                            "(Saem o primeiro, o segundo,
                                            o terceiro, o quarto!...
                                            E, logo a seguir, vem um pedaço farto.)
                                            Se cortares o bolo até ao fundo,
                                            com calma, com paciência,
                                            as fatias ficam com mais camadas,
                                            Se tu, Hortência,
                                            não fosses alheia às matemáticas lixadas,...
                                            sabê-lo-ias de sobra!"

                                            "Ca ma das", in Poemáticas Aleatóricas.



                                            PRÓXIMO!
                                            Tema: Tensão sexual
                                            Palavra: Medo
                                            « Última modificação: 29 de Abril de 2016 por carolinalg »
                                              - carolinalg -

                                              Desafio: Poesia-te!
                                              #23

                                              Offline miúda esquisita

                                              • *****
                                              • Membro Elite
                                              Este sentimento dá medo
                                              Até de mim por vezes guardo segredo
                                              Daquilo que eui estou a sentir.
                                              Não sei se quero fugir
                                              Ou trincar o fruto tentador.
                                              Quase sinto o sabor
                                              Na minha pele desejosa.
                                              Minha boca está gulosa
                                              Daquilo que nunca provou.
                                              Não sei se fico ou se vou
                                              Para lá da tentação.
                                              E assim vou perdendo a razão
                                              E ganhando ansiedade
                                              Nesta luta com a vontade.

                                              Spoiler (clica para mostrar/esconder)
                                              Tema:Versatilidade
                                              Palavra obrigatória:Riso

                                                Desafio: Poesia-te!
                                                #24

                                                Offline carolinalg

                                                • *****
                                                • Moderação Geral
                                                • Membro Elite
                                                • Género: Feminino
                                                • call it Magic... call it true...
                                                "Sou capaz de fazer um pouco de tudo,
                                                Desde Ballet a Judo;
                                                Tanto sou falador como mudo;
                                                Se quiserem ajuda, eu ajudo!

                                                Gosto de azul, gosto de vermelho;
                                                Gosto de me olhar ao espelho,
                                                Mas também de dar um bom conselho.

                                                Gosto do riso do velho,
                                                Sorrio para o novo...

                                                Para mim, a versatilidade é alegria."






                                                Tema: A minha pátria
                                                Palavra obrigada: Gente
                                                « Última modificação: 8 de Maio de 2016 por carolinalg »
                                                  - carolinalg -

                                                  Desafio: Poesia-te!
                                                  #25

                                                  Offline miúda esquisita

                                                  • *****
                                                  • Membro Elite
                                                  gente simples, gente complexa
                                                  tudo isto me deixa preplexa
                                                  e ao mesmo tempo fascinada
                                                  é esta a consciência sagrada
                                                  que somos uma nação
                                                  por entre as diferenças surge a união
                                                  o apoio incondicional
                                                  de quem vê no outro sentimento igual
                                                  de se pertencer a algum lado
                                                  e tudo o resto é ultrapassado

                                                  Tema:última oportuniadde
                                                  Palavra obrigatória:simples

                                                    Desafio: Poesia-te!
                                                    #26

                                                    Offline carolinalg

                                                    • *****
                                                    • Moderação Geral
                                                    • Membro Elite
                                                    • Género: Feminino
                                                    • call it Magic... call it true...
                                                    Sei que o tempo voa,
                                                    Que dizer a verdade muitas vezes magoa,
                                                    E insisto para que saibas que vou tentar,
                                                    Uma e outra vez, sem cessar,
                                                    Até os lagos secarem,
                                                    Até os céus desabarem.
                                                    Quero mudar este meu horrível pensamento
                                                    E transformar-me, renascer com o vento.

                                                    Por favor, ajuda-me; ampara-me, que eu vou cair outra vez.
                                                    Não suporto continuar a ser a alma que tu vês,
                                                    Não tolero ser esse em que tu não crês.
                                                    Recuso-me! Renego-me, renuncio-me.
                                                    (E se a vida fosse simples!...)
                                                    Porque o mereço: Denuncio-me.




                                                    Tema: Viagens/Viajar
                                                    Palavra: Pródigo(a)
                                                      - carolinalg -

                                                      Desafio: Poesia-te!
                                                      #27

                                                      Offline miúda esquisita

                                                      • *****
                                                      • Membro Elite
                                                      Sou pródigo em experiência
                                                      Não deixo ao acaso a minha existência
                                                      Não fico parado no tempo
                                                      Se poiso  aqui logo me invento
                                                      E me tranporto para outro lugar
                                                      Hoje aterro, amanhã vou largar
                                                      Largar, voo, largar laços
                                                      Andar sem medir os passos
                                                      Feliz por viver assim
                                                      Saltando de jardim em jardim
                                                      Ou demontanha em montanha
                                                      Pássaro livre que ninguém apanha

                                                      Tema:Palhaçadas
                                                      Palavra obriagatória:mania

                                                        Desafio: Poesia-te!
                                                        #28

                                                        Offline carolinalg

                                                        • *****
                                                        • Moderação Geral
                                                        • Membro Elite
                                                        • Género: Feminino
                                                        • call it Magic... call it true...
                                                        Tens a mania, pequenino.
                                                        Tem-na e não a dispensas.
                                                        Não há outro igual a ti. Porque raio...!?
                                                        Estás sempre a fazer-me rir.
                                                        Perco o equilíbrio com a tua graça e quase caio.
                                                        Desfaço-me nas tuas caretas e anedotas imensas.
                                                        Podes ir para palhaço. Ou comediante. Como preferires, menino.


                                                        Próximo tema: Caiar uma casa
                                                        Palavra: Tradição
                                                          - carolinalg -

                                                          Desafio: Poesia-te!
                                                          #29

                                                          Offline miúda esquisita

                                                          • *****
                                                          • Membro Elite
                                                          A antiga tradição
                                                          É avivada todo o verão
                                                          Quando em cada parede alva
                                                          Se derrama como lava
                                                          Uma nova camada
                                                          De tinta imaculada

                                                          Próximo tema: Dores de alma
                                                          Palavra: Sino

                                                            Desafio: Poesia-te!
                                                            #30

                                                            Offline carolinalg

                                                            • *****
                                                            • Moderação Geral
                                                            • Membro Elite
                                                            • Género: Feminino
                                                            • call it Magic... call it true...



                                                            Bate, bate, bate com força.
                                                            Soa a repique, sente-se uma grande crise.
                                                            Saltam faíscas, fagulhas,
                                                            Deste corpo, agora inerte.
                                                            À culpa de uns, à miséria de outros
                                                            vou brindando, dia-após-dia.

                                                            Bate, bate, bate com força o sino do meu peito.
                                                            Peito este que se amolga com as más notícias,
                                                            Com a ausência, com a ciência;
                                                            Com a abstinência me cria esta demência.
                                                            Não há nada a remediar; Está tudo (imper)feito
                                                            Dentro (das dores) do meu peito.

                                                            Tema: ciclos da vida
                                                            Palavra: Respirar
                                                              - carolinalg -

                                                               

                                                              Tópicos relacionados

                                                                Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                                                              15 Respostas
                                                              20125 Visualizações
                                                              Última mensagem 18 de Abril de 2008
                                                              por source_code
                                                              6 Respostas
                                                              5583 Visualizações
                                                              Última mensagem 8 de Outubro de 2013
                                                              por eddiessc
                                                              Poesia

                                                              Iniciado por Magia « 1 2 ... 12 13 » Artes & Letras

                                                              247 Respostas
                                                              111299 Visualizações
                                                              Última mensagem 1 de Abril
                                                              por Sinvastatina
                                                              291 Respostas
                                                              41069 Visualizações
                                                              Última mensagem 2 de Maio de 2018
                                                              por carolinalg