rede ex aequo

Olá Visitante02.mar.2021, 08:10:23

Autor Tópico: Coming out para os pais  (Lida 2251 vezes)

 
Coming out para os pais
#0

Offline MPCMC

  • *
  • Novo Membro
  • Género: Masculino
Hey, como resolver a situação de se assumir perante os pais, dado que são ambos preconceituosos e mal informados? ps. uma mãe que acha ser uma doença

    Coming out para os pais
    #1

    Offline Imaterial

    • ****
    • Membro Sénior
    • Género: Masculino
    • Go ask Alice, I think she'll know
    MPCMC:

    Não existe nenhuma fórmula mágica para fazer o coming out aos pais, nada que te assegure a 100% ausência de represálias ou trocas de palavras menos agradáveis.

    Se sentes que o ambiente familiar é realmente hostil em relação à homossexualidade, a recomendação que te faço é que só faças o coming out quando/se fores independente em termos financeiros. Os pais passam por diversas questões - dependendo do seu à-vontade com o tema e com o facto dos seus filhos serem lgbti - e acabam por se confrontar a si mesmos com a sua homo/lesbo/bi/transfobia, podendo perguntar-se a si mesmos onde erraram, como é que os seus filhos "ficaram assim", ao receio do que os vizinhos e outros familiares vão pensar, ou medo porque os filhos assim serão discriminados, etc. É um processo muitas vezes complicado, e há pais que podem realmente ficar furiosos e dizer aos filhos que já não são pais deles/expulsar de casa/etc.

    Faço estas ressalvas menos positivas porque mencionaste que o ambiente em tua casa é hostil a essas questões. O que te recomendo a ti, talvez para "abrir caminho", é tratares o tema com 100% naturalidade. Se te perguntarem dizeres que não te faz confusão, até podes dizer que conheces alguém e que estás na boa. Mostrares tu uma abertura de mente sem te comprometeres com o assunto, basicamente. E, acima de tudo, teres uma rede de amigos/familiares em quem te possas apoiar se as coisas não correrem bem por alguma razão..

    Boa sorte! Sei que o texto está um bocado para o pessimista, mas acho que nestas situações o melhor é protegermo-nos, contando com o pior...
      It all starts when you sink into his arms and ends with your arms on his sink

      Coming out para os pais
      #2

      Offline Endovélico

      • ****
      • Membro Sénior
      • Género: Masculino
      • Are we to hang our hearts on such little things?
      Isto é uma daquelas perguntar que só tu podes responder... Assumir-se aos pais é uma decisão que não deve ser tomada de ânimo leve, muito menos quando sabes que são ambos preconceituosos! Nem sempre as coisas correm bem por isso deves pensar muito bem nas possíveis consequências.

      Como a mim me correu muito bem não sei que conselhos te dar para além de pensares muito bem. Seja como for, sempre que precisares de falar sobre alguma coisa, por favor dispõe!  ;)

        Coming out para os pais
        #3

        Offline T-Rex

        • *****
        • Associad@
        • Membro Ultra
        • Género: Masculino
        • Hakuna Batata!
          • Um gajo trans a falar de cenas
        Subscrevo ao que já disseram neste tópico, e aproveito para deixar o link da AMPLOS (associação de maes e pais pela liberdade de orientação sexual e identidade de género) » http://www.amplos.pt/


        Coming out para os pais
        #4

        Offline MPCMC

        • *
        • Novo Membro
        • Género: Masculino
        Obrigado a todos pelas respostas. É de facto uma situação chata, bastante. Custou-me muito aceitar quem sou, agora estou na boa comigo mesmo, resolvido. Todos os meus verdadeiros amigos o sabem, e por serem verdadeiros foi tudo na boa, mas não deixo de sentir pena não poder contar cá em casa, ainda para mais quando tenho namorado há já um ano e para ir ter com ele, tenho de ir "estudar" ou outra desculpa semelhante. É triste as pessoas mais próximas de nós serem tao estúpidas ao ponto de nos obrigarem a mentir para podermos viver a nossa vida de forma sã e feliz. A agravante é o facto de, antes de me ter resolvido, ter tido "namoradas" e eles saberem. Como também não preencho nenhum típico estereótipo preconceituoso daquilo que imaginam ser um gay, ainda menos lhes passa pela cabeça tal cenário. Parece que é preciso parecer para se ser algo. Enfim, desculpem o desabafo, e mais uma vez obrigado!

          Coming out para os pais
          #5

          sleepthrough

          • Visitante
          Um mini conselho: se eles são preconceituosos e mal informados (bem, geralemnte o preconceito vem da ignorância), podes começar por "informá-los" sobre a homossexualdiade (educá-los um pouco).

          Nunca há conversas sobre isso aí em casa? podes dar exemplos de homens conhecidos que não têm "aspeto" de gay, como atores de séries, ou ministros (como há algumas noticias ultimamente).

          No fundo, tentares que eles "normalizem" ou "naturalizem" a questão, quebrar o estereótipo que há na cabeça deles, ver que os LGBT são "pessoas como eles" e que a sexualidade não influencia o carácter d uma pessoa :)

          Beijinho e Boa sorte! :)


            Coming out para os pais
            #6

            Offline MPCMC

            • *
            • Novo Membro
            • Género: Masculino
            Sim, já pensei nisso, mas a última vez que tentei falar com o meu pai acabou-se aos gritos um com o outro porque é assim que as coisas por aqui funcionam. É contra o casamento, contra a adopção por casais do mesmo sexo e está sempre a referir-se às pessoas lgbt como uma praga que quer obrigar, e passo a citar: "todos a levar no c*". Ya, sad but true. Ele defende que um gay deve viver a sua vida tranquilamente sem andar a espalhar aos sete mares o que é ou do que gosta, o que eu até compreendo e concordo em parte, mas não lhe consigo explicar que cada um é como é e que n há ninguém a obrigar ninguém a fazer tal coisa... Até me sinto ridiculo em escrever a frase. Pela altura da eurovisão, por exemplo, outra situação que aconteceu ao jantar aquando do surgimento daqueles sketch's entre as musicas em que apresentam os países, foi o comentário "agora para se ser politicamente correcto têm de aparecer dois maricas a dar um beijinho" quando apareceu um casal de dois homens, como amostragem de que é uma coisa completamente normal haver um casal de homem e mulher, como homem homem, ou mulher mulher. Ou seja, e não me alongando mais, como é que posso sequer alguma vez contar que sou gay quando é impossível educar os meus pais para a homossexualidade? Isto só vai ter um fim quando eu largar a bomba, pq vão ter de lidar com o assunto à força. Só não sei quando nem como é que tal coisa vai acontecer porque me falta a coragem, falta-me o momento, não sei se é o timing certo e n sei quais vao ser as reacções de saberem que têm um filho gay (que eles acham que só acontece aos outros pais: "coitados, o filho deles é maricas"). Sinto-me a viver uma mentira porque apesar de serem estupidos que nem uma porta, são os meus pais, queria que fizessem parte da minha vida e que pudesse trazer cá a casa o meu namorado com quem estou há mais de 1 ano da mesma forma que a minha irmã traz o namorado dela. Peço desculpa por este testamento  :-X
            « Última modificação: 6 de Julho de 2015 por MPCMC »

              Coming out para os pais
              #7

              Offline Imaterial

              • ****
              • Membro Sénior
              • Género: Masculino
              • Go ask Alice, I think she'll know
              MPCMC, é perfeitamente natural que, se tiveres um envolvimento maior com os teus pais, queiras contar-lhe e ter essas pequenas coisas, e realmente é uma pena ter de se lutar por isso.

              Há umas semanas atrás perguntei numa tertúlia com a AMPLOS (Associação de Mães e Pais pela Liberdade de Orientação Sexual e Identidade de Género) e perguntei o que é que eles, como pais que tiveram filhos LGB e/ou T a fazer o Coming Out sem o esperarem, acham que se deveria fazer numa situação destas. A resposta é que achavam que o filho deveria contar (sempre com a ressalva da independência económica), porque muitos deles se sentiram algo tristes por o filho/a ter passado por isto sozinho apesar do turbilhão que houve na altura da revelação.

              Eu pessoalmente acho que não há fórmula para isto. Estamos a lidar com afectos e com preconceitos enraizados. É possível que o teu pai reaja de forma estúpida e diga coisas horríveis, é possível que ele se passe mas ultrapasse isso, há tantas possibilidades. Até é possível que seja preciso muito tempo para, após a revelação, resolverem as coisas. Ou até há aquela possibilidade dele te surpreender.

              No final, a decisão vai ser tua. O máximo que podemos fazer aqui é apoiar-te.
                It all starts when you sink into his arms and ends with your arms on his sink

                Coming out para os pais
                #8

                Offline MPCMC

                • *
                • Novo Membro
                • Género: Masculino
                Claro, eu sei disso. Muito Obrigado :)

                  Coming out para os pais
                  #9

                  Offline Fábio Ventura

                  • *
                  • Novo Membro
                  • Género: Masculino
                  • só mais um. who cares?
                  Boa sorte!

                  Era bom que houvesse pózinhos mágicos que assim punha-os no café do meu pai que é bastante homofóbico. E eu, que sou o menino de ouro dele, ainda lhe dou um ataque cardíaco caso algum dia ele venha a saber, mas enfim, a minha relação com ele é cada vez mais formal - falamos exclusivamente quando é necessário, visto que ele se encontra no outro hemisfério há já 6 anos.

                  MPCMC, caso venhas a contar aos teus pais, partilha connosco como correu :)

                    Coming out para os pais
                    #10

                    Offline MPCMC

                    • *
                    • Novo Membro
                    • Género: Masculino
                    A bomba rebentou, o meu Pai anda arrependido pelas coisas que outrora disse, mas ainda estranha e a minha mãe anda super incomodada com a ideia. Não sei como educar e faze-los entender que é uma coisa normalíssima. Percebo que estranhem algo novo, mas não percebo como é que pode ser um choque perceber que se tem um filho feliz. Gostaria que fizessem perguntas, que falassem comigo, em vez de me pedirem para ocultar determinadas coisas porque incomoda os outros, nomeadamente a minha mãe. Ocultar coisas, refiro-me a fotografias normais por exemplo. Enfim, pensei que ia ser pior, sinceramente, mas agora que dei este passo, não sei como dar o seguinte porque não entendo: Se eu tivesse um filho, queria é que ele fosse feliz, mais nada. E pronto, vim aqui deixar o testemunho, como muitos me pediram, obrigado a todos pelas respostas :)

                      Coming out para os pais
                      #11

                      Offline Imaterial

                      • ****
                      • Membro Sénior
                      • Género: Masculino
                      • Go ask Alice, I think she'll know
                      A bomba rebentou, o meu Pai anda arrependido pelas coisas que outrora disse, mas ainda estranha e a minha mãe anda super incomodada com a ideia. Não sei como educar e faze-los entender que é uma coisa normalíssima. Percebo que estranhem algo novo, mas não percebo como é que pode ser um choque perceber que se tem um filho feliz. Gostaria que fizessem perguntas, que falassem comigo, em vez de me pedirem para ocultar determinadas coisas porque incomoda os outros, nomeadamente a minha mãe. Ocultar coisas, refiro-me a fotografias normais por exemplo. Enfim, pensei que ia ser pior, sinceramente, mas agora que dei este passo, não sei como dar o seguinte porque não entendo: Se eu tivesse um filho, queria é que ele fosse feliz, mais nada. E pronto, vim aqui deixar o testemunho, como muitos me pediram, obrigado a todos pelas respostas :)

                      A "fase estranha" é normal, trata-se de uma fase de adaptação à tua revelação e de tentarem perceber que não se trata de algo assim tão importante que deva afetar a vossa relação. Mostra-te só disponível para falar sobre o assunto e deixa-os digerir..
                        It all starts when you sink into his arms and ends with your arms on his sink

                        Coming out para os pais
                        #12

                        Offline Dipsy

                        • *****
                        • Membro Ultra
                        • Género: Feminino
                        A bomba rebentou, o meu Pai anda arrependido pelas coisas que outrora disse, mas ainda estranha e a minha mãe anda super incomodada com a ideia. Não sei como educar e faze-los entender que é uma coisa normalíssima. Percebo que estranhem algo novo, mas não percebo como é que pode ser um choque perceber que se tem um filho feliz. Gostaria que fizessem perguntas, que falassem comigo, em vez de me pedirem para ocultar determinadas coisas porque incomoda os outros, nomeadamente a minha mãe. Ocultar coisas, refiro-me a fotografias normais por exemplo. Enfim, pensei que ia ser pior, sinceramente, mas agora que dei este passo, não sei como dar o seguinte porque não entendo: Se eu tivesse um filho, queria é que ele fosse feliz, mais nada. E pronto, vim aqui deixar o testemunho, como muitos me pediram, obrigado a todos pelas respostas :)

                        A "fase estranha" é normal, trata-se de uma fase de adaptação à tua revelação e de tentarem perceber que não se trata de algo assim tão importante que deva afetar a vossa relação. Mostra-te só disponível para falar sobre o assunto e deixa-os digerir..
                        Quando contei a minha mãe o que mais me custou foi ela pedir para não contar a minha irmã, esconder. E o facto de desde esse dia ela ignorar isso, simplesmente não se fala disso CA em casa :/ e isso magoa me

                          Coming out para os pais
                          #13

                          Offline MPCMC

                          • *
                          • Novo Membro
                          • Género: Masculino
                          Pois, é perceptível. Mas o que me pediram foi mesmo para n ostentar a situação, embora toda a gente saiba.

                            Coming out para os pais
                            #14

                            Bc

                            • Visitante
                            Pois, é perceptível. Mas o que me pediram foi mesmo para n ostentar a situação, embora toda a gente saiba.

                            Oi MPCMC, estou exactamente com o mesmo problema que tu, queria contar para me sair este peso de cima,mas ao mesmo tempo tenho tanto medo que nem sei o que fazer :/
                            Estou a espera do momento certo,mas talvez não haja momento certo :/

                               

                              Tópicos relacionados

                                Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                              318 Respostas
                              62337 Visualizações
                              Última mensagem 17 de Janeiro de 2016
                              por Juh'
                              245 Respostas
                              40635 Visualizações
                              Última mensagem 29 de Abril de 2007
                              por Gharam
                              52 Respostas
                              12274 Visualizações
                              Última mensagem 27 de Maio de 2013
                              por Destiny
                              Coming Out

                              Iniciado por trme « 1 2  Todas » Geral

                              32 Respostas
                              6202 Visualizações
                              Última mensagem 11 de Abril de 2016
                              por carolinalg
                              6 Respostas
                              6270 Visualizações
                              Última mensagem 30 de Março de 2018
                              por carolinalg