rede ex aequo

Olá Visitante06.mar.2021, 01:24:56

Autor Tópico: Dúvidas de Mãe  (Lida 1715 vezes)

 
Dúvidas de Mãe
#0

Thought

  • Visitante
Recentemente contei à minha mãe de início, achei que tinha aceitado a 90%, agora vejo que não é bem assim.

Ela já se encontra na casa dos 60 mais uma educação extremamente virada para o catolicismo e apesar de me respeitar, tem imensas ideias pré-definidas e tenta culpar a minha homossexualidade a traumas, factor hereditários e coisas que tais, no factor trauma então deve achar que o psicólogo ajuda, isso e ela dizer para si mesma que ainda pode ser uma fase, acho que só quando for a um ela vai descansar, até tenho pensado nisso apenas para acalma-la e para esse psicólogo falar sim com ela e ajudá-la, porque se calhar nesta temática precisa de mais ajuda do que eu.

Resumindo: este post é para saber se já passaram por algo semelhante e como deram volta à questão, pois ela no fundo quer saber porque eu sou assim e a resposta de que sou assim, porque simplesmente sou ou que não há nenhum mal em o Ser não está a corresponder ás suas expectativas e sinceramente não sei mesmo que resposta dar às suas questões.

    Dúvidas de Mãe
    #1

    Offline Caty Elric

    • **
    • Membro Júnior
    • Género: Feminino
    Posso responder-te que a minha mae e igual a tua e disse-me que se recusava a aceitar ter uma filha lesbica e que se eu fosse lesbica levava-me a um psicologo com a tua secalhar nao levava porque os meus irmaos nao deixaram mas... Ela é como a tua eu nao sou lesbica descobri que nao sou, se foi um alivio? Nao sei bem mas se fosse era quer aceitassem quer nao, mas nao sou e bem ainda me sinto rejeitada na familia a mesma por outras razoes. Querem que me case e nao viva mais com eles etc... coisas estupidas.
    O que posso dizer-te nao sei se a tua mae houve alguem a minha percisa de ajuda psicologica e nao admite tem varios problemas e eu digo e ela rejeita-se e diz que eu sou a louca e chama-me todos os nomes que lhe vier a cabeça, queria ajudar a minha mae e nao posso.
    A tua mae tem um problema ela nao aceita que sejas assim e julga que é doença, porque antes os pais levavam filhos a psicologos depois psiquiatras e faziam tratamento de choque para assim supostamente acordarem e verem que tem de amar o sexo oposto  e nao o seu proprio sexo. Hoje em dia no nosso pais nao deve existir isso claro, mesmo assim ires a um psicologo so para satisfazeres a tua mae nao e de todo bom porque estas a ir um  bocado contra os teus principios estas a dizer para ti que realmetne percisas como a tua mae diz, nao é isso que se passa a tua mae tem de perceber ser homossexual nao é doença, nao é escolha , nao é de um trauma é algo que foi inevitavel e aconteceu na tua vida tu gostas mais do teu proprio sexo do que do oposto. Porque nao aceitam? E a vida da filha dela nao é dela qual o problema? Compreendo que possa n querer ver-te com a tua namorada/o incialmente seria um grande choque nao esta habituada ainda assim ela tem de compreender que es homossexual e tem de aceitar-te como es porque se nao te aceita é porque nao gosta de ti.
    E eu sei que a minha mae nao gosta de mim... Ela nao aceitaria se eu fosse lesbica, mae que ama os filhos aceita eles nao importa como sejam, e assim que vejo.

      Dúvidas de Mãe
      #2

      Thought

      • Visitante
      Posso responder-te que a minha mae e igual a tua e disse-me que se recusava a aceitar ter uma filha lesbica e que se eu fosse lesbica levava-me a um psicologo com a tua secalhar nao levava porque os meus irmaos nao deixaram mas... Ela é como a tua eu nao sou lesbica descobri que nao sou, se foi um alivio? Nao sei bem mas se fosse era quer aceitassem quer nao, mas nao sou e bem ainda me sinto rejeitada na familia a mesma por outras razoes. Querem que me case e nao viva mais com eles etc... coisas estupidas.
      O que posso dizer-te nao sei se a tua mae houve alguem a minha percisa de ajuda psicologica e nao admite tem varios problemas e eu digo e ela rejeita-se e diz que eu sou a louca e chama-me todos os nomes que lhe vier a cabeça, queria ajudar a minha mae e nao posso.
      A tua mae tem um problema ela nao aceita que sejas assim e julga que é doença, porque antes os pais levavam filhos a psicologos depois psiquiatras e faziam tratamento de choque para assim supostamente acordarem e verem que tem de amar o sexo oposto  e nao o seu proprio sexo. Hoje em dia no nosso pais nao deve existir isso claro, mesmo assim ires a um psicologo so para satisfazeres a tua mae nao e de todo bom porque estas a ir um  bocado contra os teus principios estas a dizer para ti que realmetne percisas como a tua mae diz, nao é isso que se passa a tua mae tem de perceber ser homossexual nao é doença, nao é escolha , nao é de um trauma é algo que foi inevitavel e aconteceu na tua vida tu gostas mais do teu proprio sexo do que do oposto. Porque nao aceitam? E a vida da filha dela nao é dela qual o problema? Compreendo que possa n querer ver-te com a tua namorada/o incialmente seria um grande choque nao esta habituada ainda assim ela tem de compreender que es homossexual e tem de aceitar-te como es porque se nao te aceita é porque nao gosta de ti.
      E eu sei que a minha mae nao gosta de mim... Ela nao aceitaria se eu fosse lesbica, mae que ama os filhos aceita eles nao importa como sejam, e assim que vejo.

      Pelo que percebi chegaste à conclusão de que eras heterossexual?

      Ela tem vindo a demonstrar que respeita apenas não compreende e lá está, as ideias pré-concebidas, segundo ela o psicólogo é para tirar as minhas dúvidas mas sim se calhar tens razão e isso é o mesmo que dizer que acha que vou mudar de certeza por ir a um. Eu penso nisso do psicólogo apenas para ajudar a ela, porque se eu fosse explicaria a situação e pedia para essa pessoa "educar" a minha mãe e fazê-la perceber que não tenho qualquer tipo de problema. Eu até já dei a ideia da médica de família, é nova e tal e acho que em pouco tempo fa-la ver algumas coisas, não sei.

        Dúvidas de Mãe
        #3

        Offline Caty Elric

        • **
        • Membro Júnior
        • Género: Feminino
        Sim entendi que sou hetero, realmente e complicado quando as pessoas tem ideias pre concebidas nao digo que alguem de fora da tua familia como medico ou psicologo possam ajudar mas nunca pensando que e 100 % fiavel, mas e uma opcao, eu creio que a questao e que a tua mae esta com dificuldades em aceitar como és.

          Dúvidas de Mãe
          #4

          iNd

          • Visitante
          No meu caso os meus pais tambem tem uma certa idade e tambem foram educados numa visao tradicionalista e catolica do mundo. Para mim e' impensavel dizer-lhes o que quer que seja sobre a minha preferencia pelo sexo feminino, tal seria o choque entre geracoes. Uma vez disse ao meu irmao, quando estava mais fragil, e as vezes tenho medo que ele diga alguma coisa.

          Curiosamente a minha mae ate percebe a transexualidade - mas nao a homossexualidade.

          Eu ja tenho 38 anos, na minha familia conhece-se a historia de um namorado e a minha mae diz que nunca me casei porque nao tenho paciencia para aturar um homem.

          Mas e' realmente impensavel para mim que eles soubessem de alguma coisa. Acho que seria traumatico para todos os envolvidos. [smiley=nao.gif]
          « Última modificação: 24 de Novembro de 2014 por iNd »

            Dúvidas de Mãe
            #5

            Offline Dééé

            • *****
            • Orador(a)
            • Membro Total
            • Género: Feminino
              • Foto Débora A.
            Though, quanto aos meus pais não posso exemplificar de uma forma muito claro, porque felizmente eles aceitaram bem e aos poucos tem vindo a tentar eles mesmos lidar melhor com a situação. Sim porque embora tenham aceite, a minha mãe por exemplo ao início custava-lhe a falar do assunto e muitas das vezes acabávamos a discutir porque ela tinha nela também alguns estereótipos o que é normal, pois nós vivemos numa sociedade onde só se fala e só se ensina às crianças o que os adultos acham que deve ser e o que se acha politicamente correto. Não dando muitas vezes o espaço que todos/as deviam ter direito para abrir os seus horizontes e etc...e é normal existirem essas coisas mesmo que aceitem a homossexualidade ou bissexualidade do filho/a.
            Cabe-nos a nós, filhos/as, tentar desmistificar isso de uma forma natural, não impingindo nada porque assim parecia quase que um desespero em mostrar algo e etc e isso poderia não ajudar.
            Li todos os comentários deste tópico e concordo com a Caty Elric, ires ao psicólogo só por fazeres a vontade à tua mãe, não faz grande sentido porque estarias a reforçar a ideia de que se calhar precisas realmente de ajuda. O que não quer dizer que o venhas a fazer.
            Eu por exemplo, quando contei aos meus pais (embora tenham aceite), eu disse-lhes que queria procurar ajuda e mesmo já tendo lido IMENSAS coisas antes sobre o tema e a melhor forma de lhes contar e blá blá eu quis procurar um psicologo após contar para ir eu mesma desmistificando alguns estereótipos que eu tinha também incutidos em mim e também para conseguir descobrir a melhor forma de falar com eles (pais/família) não que exista uma formula certa para isso acontecer mas às vezes pequenas palavras pequenas coisas podem fazer a diferença ;)

            Não me parece que a tua mãe não esteja numa negação da situação, mas sim a interrogar-se de muitas coisas e com os medos que qualquer pai e mãe de filhos homossexuais sente que é aceitação das pessoas e o quanto isso pode afetar as nossas vidas. Porque infelizmente afeta em vários aspectos...apenas me parece isso, cabe-te a ti procurar a melhor forma de conseguires responder-lhe as perguntas, indo também tu informando-te das coisas.
              "Enfrentar preconceitos é o preço que se paga por ser diferente!"

              Dúvidas de Mãe
              #6

              Thought

              • Visitante
              Obrigada pelas respostas :)

                Dúvidas de Mãe
                #7

                Offline tomasbarao

                • *****
                • Direção
                • Membro Sénior
                • Género: Masculino
                  • Tomás Barão
                Olha, Thought, se dizes que a tua mãe "aceita mas não compreende", fazes-me lembrar muitas histórias que ouvi contadas em eventos da AMPLOS... Não sei se sabes, mas a AMPLOS está progressivamente a expandir a sua rede de contactos de pais de jovens LGBTI, e uma das coisas que eles fazem para ajudar é basicamente marcar encontros entre pais/mães.

                Manda-lhes um e-mail, diz de onde és, e eles vêem se há alguma mãe ou algum pai aí perto dessa zona. Depois se conseguires marcar um encontro (um café, uma cena do género).

                Segundo o que a Margarida Faria está sempre a dizer, muitas vezes basta os pais/mães conhecerem outr@s que também têm filh@s LGBTI para começarem a perceber que não são @s únic@s, que é possível aceitar... Acabam por perceber que há outras pessoas na mesma situação e que vivem bem e são felizes e aceitam e não têm problema nenhum, e só o facto de terem contacto com essa realidade já é como um acender do rastilho para depois quererem conversar mais, pesquisar, tentar perceber... É tudo um processo que demora mais tempo ou menos tempo, mas é possível, e acredito mesmo que a tua mãe daqui a uns tempos possa estar melhor com isso.

                Manda-lhes um mail. :)

                Dúvidas de Mãe
                #8

                Offline anviegas19

                • *
                • Novo Membro
                • Género: Feminino
                Isto são casos que acontecem muito frequentemente certo ?
                Quando nós contamos aos nossos pais que de certa forma somos "diferentes" eles irão sempre questionar-se do porque de termos escolhido que as coisas fossem assim.
                Eu lembro-me que quando contei à minha mãe ela aceitou, mas depois teve de ter aquela fase de aceitação e aquela fase para pensar se realmente seria o mais acertado.
                As pessoas à primeira irão sempre pensar que se trata apenas de um mau bocado na nossa vida, que vai passar, que são apenas novas experiências.
                Acredito que não seja fácil para os nossos próximos saberem que não vamos ter aquele futuro que eles tanto queriam que tivéssemos, mas a vida é nossa, as escolhas são nossas, o coração é nosso.
                Por isso, é preciso tempo para que os nossos pais aceitem e estejam 100% ou pelo menos respeitem :) Portanto, é preciso muita força e coragem.
                Beijinho para ti e boa sorte *
                  la, sou a Ana | vivo perto de Beja ☀ | amo música, guitarra & piano

                  Dúvidas de Mãe
                  #9

                  Thought

                  • Visitante
                  Muito Obrigada pelas vossas respostas :)

                  Um abraço a todos!

                     

                    Tópicos relacionados

                      Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                    9 Respostas
                    14304 Visualizações
                    Última mensagem 11 de Outubro de 2008
                    por Rovisco
                    224 Respostas
                    79761 Visualizações
                    Última mensagem 10 de Julho de 2018
                    por R1992
                    82 Respostas
                    35725 Visualizações
                    Última mensagem 24 de Agosto de 2013
                    por Cardo
                    34 Respostas
                    8916 Visualizações
                    Última mensagem 5 de Março de 2008
                    por Livre-Mente
                    2 Respostas
                    2167 Visualizações
                    Última mensagem 20 de Abril de 2009
                    por Yawp