rede ex aequo

Olá Visitante18.set.2019, 02:01:45

Autor Tópico: Anúncios LGBT portugueses  (Lida 1729 vezes)

 
Anúncios LGBT portugueses
#0

Offline nevertoolatetobehappy

  • *****
  • Associad@ Honorári@
  • Membro Elite
  • Género: Masculino
  • Be yourself. Be happy. Be nice.
    • Tiny Ripple Hope
Boa tarde a tod@s,

Decidi iniciar este tópico pois é um tema que a mim sempre me incomodou na televisão portuguesa, que é a (quase) total invisibilidade que os LGBT têm nos anúncios, desde aqueles que são educativos (ex.: sobre o bullying) até entretenimento. Confesso que fico algo chocado estarmos em 2013 e não existir a coragem nem o sentido de responsabilidade cívica de permitir que os LGBT se sintam representados na televisão portuguesa. Nós existimos, temos rosto, pagamos impostos, contribuímos para o PIB - por que razão não podemos viver no mundo dos media?

Gostaria que partilhassem a vossa opinião sobre este tema. Adicionalmente, se puderem partilhar anúncios LGBT, com especial incidência nos portugueses mas também estrangeiros, seria óptimo! :)

O útimo anúncio português gay-friendly que me lembro é o da IKEA:

A festa (Ikea Portugal) Anuncio gay-friendly


Gostei do anúncio, mas a meu ver peca mais uma vez por falta de coragem. Há muita vergonha...

Deixo aqui três ads estrangeiros bastante diferentes que encontrei no YouTube:

Stand Up! - Don't Stand for Homophobic Bullying


Dear My Year 7 Self - Straight People Against Homophobia


The real Gay McDonald's ad - Shia LaBeouf & Mr Bean.


Abraços,
Tiago.
« Última modificação: 29 de Julho de 2013 por nevertoolatetobehappy »
    "Our deepest fear is not that we are inadequate. Our deepest fear is that we are powerful beyond measure. It is our light not our darkness that most frightens us."

    Anúncios LGBT portugueses
    #1

    Offline filsim

    • ***
    • Membro Total
    • Género: Masculino
    Eu vi de relance na semana passada um anuncio anti bullyng homofóbico na TVI mas não o vi todo se entretanto o encontrar ainda posto aqui. x)

    Edit : Cá está ele. Ponho só o link porque não sei a tag de videos aqui xD
    https://www.youtube.com/watch?v=ucBS3tbBAss
    « Última modificação: 29 de Julho de 2013 por filsim »

      Anúncios LGBT portugueses
      #2

      yokoono

      • Visitante

        Anúncios LGBT portugueses
        #3

        Offline nevertoolatetobehappy

        • *****
        • Associad@ Honorári@
        • Membro Elite
        • Género: Masculino
        • Be yourself. Be happy. Be nice.
          • Tiny Ripple Hope
        http://youtu.be/fjlOeJa75S0


        Muito bem lembrado! "Parece impossível... De manga curta com um frio destes"  :)
          "Our deepest fear is not that we are inadequate. Our deepest fear is that we are powerful beyond measure. It is our light not our darkness that most frightens us."

          Anúncios LGBT portugueses
          #4

          Andre_89

          • Visitante
          Olá nevertoolatetobehappy,

          Foi bom teres criado este tópico para que todos nós possamos reflectir, de que maneira os Media podem ajudar a mudar a mentalidade das pessoas.

          Pelo que tenho visto a televisão Portuguesa, no que diz respeito a às temáticas LGBT é ainda muito conservadora. A maioria dos anunciantes não ousam sequer apresentar um anúncio que aborde a temática. Assim de repente lembro-me do vídeo desta campanha mais recente do governo português contra o bullying homofóbico, o anuncio que já aqui referiram em que dois homens passam de mãos dadas por duas idosas no jardim e estas comentam que parece impossível andarem de manga curta com um frio destes (muito engraçado).

          Lembro-me vagamente de há uns 3/4 anos uma das principais marcas de preservativos apresentar uma versão LGBT e o anuncio do IKEA. De resto não me lembro de mais nada.

          Acho que a televisão portuguesa peca por só pegar nesta temática, apenas em blocos informativos e quando há leis em discussão ao apresentação na assembleia da república. Não seria por exemplo interessante fazer-se um programa jovem dedicado à comunidade lgbt, de forma a esclarecer duvidas, prestar apoio etc...?

          Ainda assim há que salientar que nalguns programas, como novelas ou sitcom´s os dois canais portugueses já abordaram esta temática. Lembro-me que em várias series dos MCA haviam casais lgbt,  e na sic o Aqui não há quem viva, engloba também um casal lgbt....e muitas outras novelas.

          É um começo mas julgo que os nossos canais de televisão deviam ser mais "open minded" e abordar de forma mais directa e implícita tudo o que gira à volta da comunidade lgbt.

          Abraço

          André

            Anúncios LGBT portugueses
            #5

            Offline filsim

            • ***
            • Membro Total
            • Género: Masculino
            Tens razão no que dizes em haver ainda pouca informação e divulgação, mas verdade seja dita não se pode encher as televisões. Aos poucos o publico tolera e depois vai-se habituando. Já é raro uma novela não ter pelo menos um casal homosexual. O maior publico é o pessoal mais conservador por isso é obvio que os midia vão responder às necessidades desses. O objectivo deles é ganhar dinheiro e não pensar no bem estar alheio.

              Anúncios LGBT portugueses
              #6

              person_interest

              • Visitante
              Devo dizer que quando vi o tópico pensei para mim mesma "mas há anúncios sequer?!"

                Anúncios LGBT portugueses
                #7

                Offline nevertoolatetobehappy

                • *****
                • Associad@ Honorári@
                • Membro Elite
                • Género: Masculino
                • Be yourself. Be happy. Be nice.
                  • Tiny Ripple Hope
                Tens razão no que dizes em haver ainda pouca informação e divulgação, mas verdade seja dita não se pode encher as televisões. Aos poucos o publico tolera e depois vai-se habituando. Já é raro uma novela não ter pelo menos um casal homosexual. O maior publico é o pessoal mais conservador por isso é obvio que os midia vão responder às necessidades desses. O objectivo deles é ganhar dinheiro e não pensar no bem estar alheio.


                Olá,

                Percebo o que dizes quanto à aceitação progressiva dos anúncios, embora tolerar é a meu ver uma demonstração muito diminuta de compreensão da comunidade LGBT. Não estou muito por dentro da realidade das novelas no que diz respeito a casais homossexuais, mas pelo que sei na "Dancin' Days" houve uma história homossexual mas foi (demasiado) discreta e afastada dos olhos do público quando o romance começou a entrar em cena... O Vítor Norte, que interpretou a personagem Aníbal, que se assume gay, disse numa entrevista “Não vão ver beijos! Mas vamos dar abraços e festas, como é normal entre namorados”. No seguimento desta citação, continuo a dizer que existe demasiado pudor para mostrar na TV demonstrações de afectos entre LGBT. Basta ver uma série como "Fisica o Quimica" para nos apercebermos do quão atrasados estamos neste aspecto...

                As novelas com mais audência costumam dar em horário nobre e a essas horas quem assiste a novelas não me parece que sejam (posso estar enganado) as pessoas mais idosas, que por norma costumam ser as mais convervadoras.

                Finalmente, entendo que digas que os media não querem que as pessoas mudem de canal porque se sentem desconfortáveis com cenas LGBT. No entanto, ao contrário das privadas (que até são quem está a progredir mais...), as televisões públicas têm a obrigação de não esquecer o interesse público quando estão a definir a grelha programática... O objectivo (principal) não é o lucro, pelo que não é compreensível não existir mais anúncios anti-bullying ou cenas em que LGBT's dão beijos (já nem falo mais do que isso!)

                Abraços,
                Tiago.
                  "Our deepest fear is not that we are inadequate. Our deepest fear is that we are powerful beyond measure. It is our light not our darkness that most frightens us."

                  Anúncios LGBT portugueses
                  #8

                  Offline filsim

                  • ***
                  • Membro Total
                  • Género: Masculino
                  Tens razão no que dizes em haver ainda pouca informação e divulgação, mas verdade seja dita não se pode encher as televisões. Aos poucos o publico tolera e depois vai-se habituando. Já é raro uma novela não ter pelo menos um casal homosexual. O maior publico é o pessoal mais conservador por isso é obvio que os midia vão responder às necessidades desses. O objectivo deles é ganhar dinheiro e não pensar no bem estar alheio.


                  Olá,

                  Percebo o que dizes quanto à aceitação progressiva dos anúncios, embora tolerar é a meu ver uma demonstração muito diminuta de compreensão da comunidade LGBT. Não estou muito por dentro da realidade das novelas no que diz respeito a casais homossexuais, mas pelo que sei na "Dancin' Days" houve uma história homossexual mas foi (demasiado) discreta e afastada dos olhos do público quando o romance começou a entrar em cena... O Vítor Norte, que interpretou a personagem Aníbal, que se assume gay, disse numa entrevista “Não vão ver beijos! Mas vamos dar abraços e festas, como é normal entre namorados”. No seguimento desta citação, continuo a dizer que existe demasiado pudor para mostrar na TV demonstrações de afectos entre LGBT. Basta ver uma série como "Fisica o Quimica" para nos apercebermos do quão atrasados estamos neste aspecto...

                  As novelas com mais audência costumam dar em horário nobre e a essas horas quem assiste a novelas não me parece que sejam (posso estar enganado) as pessoas mais idosas, que por norma costumam ser as mais convervadoras.

                  Finalmente, entendo que digas que os media não querem que as pessoas mudem de canal porque se sentem desconfortáveis com cenas LGBT. No entanto, ao contrário das privadas (que até são quem está a progredir mais...), as televisões públicas têm a obrigação de não esquecer o interesse público quando estão a definir a grelha programática... O objectivo (principal) não é o lucro, pelo que não é compreensível não existir mais anúncios anti-bullying ou cenas em que LGBT's dão beijos (já nem falo mais do que isso!)

                  Abraços,
                  Tiago.


                  Sim estamos atrasados mas também temos de compreender que a maioria das pessoas de >45 anos veio de uma ditadura onde um dos apectos mais importantes era a familia tradicional e tudo que fosse fora disso era inaceitavel. E depois essa atitude foi e vai passando de geração em geração. Quanto à demostração de afectos é uma coisa que ainda mete muita confusão a muito boa gente.

                  Começar com abraços e carinhos mais intimos já é um bom começo e gradualmente poderá evoluir para algo mais. Pode levar mais tempo mas lá está deve-se a mentalidade portuguesa que foi passando. A partir desta geração continua a haver gozo na adolescência o que não é bom, mas maioria da juventude de hoje tem um consciência diferente.

                  Quanto a televisão pública nem posso opinar porque isso é que não vejo nada, portanto não sei se passa alguma coisa dessa temática se não. Mas tens razão tem dever civico como canal público de alertar para situações quotidianas. Na novela da TVI sei de uma personagem que assume abertamente a sua homosexualidade e ainda tenta engatar um homem casado e do que via até criava situações engraçadas (o que pode ter um ponto de vista negativo, pode levar as pessoas a pensar que nos atiramos a tudo que é homem). 


                    Anúncios LGBT portugueses
                    #9

                    Offline nevertoolatetobehappy

                    • *****
                    • Associad@ Honorári@
                    • Membro Elite
                    • Género: Masculino
                    • Be yourself. Be happy. Be nice.
                      • Tiny Ripple Hope
                    Sim estamos atrasados mas também temos de compreender que a maioria das pessoas de >45 anos veio de uma ditadura onde um dos apectos mais importantes era a familia tradicional e tudo que fosse fora disso era inaceitavel. E depois essa atitude foi e vai passando de geração em geração. Quanto à demostração de afectos é uma coisa que ainda mete muita confusão a muito boa gente.

                    Começar com abraços e carinhos mais intimos já é um bom começo e gradualmente poderá evoluir para algo mais. Pode levar mais tempo mas lá está deve-se a mentalidade portuguesa que foi passando. A partir desta geração continua a haver gozo na adolescência o que não é bom, mas maioria da juventude de hoje tem um consciência diferente.

                    Quanto a televisão pública nem posso opinar porque isso é que não vejo nada, portanto não sei se passa alguma coisa dessa temática se não. Mas tens razão tem dever civico como canal público de alertar para situações quotidianas. Na novela da TVI sei de uma personagem que assume abertamente a sua homosexualidade e ainda tenta engatar um homem casado e do que via até criava situações engraçadas (o que pode ter um ponto de vista negativo, pode levar as pessoas a pensar que nos atiramos a tudo que é homem).

                    Olá,

                    Percebo e concordo quando falas das razões pelas quais o público é homofóbico. Aliás, eu falei disso mesmo aqui no fórum, onde escrevi: "A nossa sociedade vive em democracia há menos tempo do que viveu em ditadura, onde era crime ser homossexual, pelo que muitos valores ditos 'tradicionais' (o famoso "Deus, Pátria, Família" está na base de muitos desses valores) foram passados dos nossos avós para os nossos pais, não sendo frequente um pai/mãe colocar a hipótese de que o filh@ é LGBT, quanto mais falar abertamente sobre o tema e colocá-l@ à vontade para descobrir a sua sexualidade."

                    Adicionalmente, estou contente com os progressos que temos feito, mas ao mesmo tempo sinto que podíamos estar bem mais longe na aceitação. Mais do que a geração dos nossos avós, o que me desilude mais é a geração das crianças de agora que cometem actos de bullying... Temos que lutar mais e melhor pelos nossos direitos, tendo esperança de que os modos e costumes vão mudar para melhor.

                    Abraços,
                    Tiago.
                      "Our deepest fear is not that we are inadequate. Our deepest fear is that we are powerful beyond measure. It is our light not our darkness that most frightens us."

                      Anúncios LGBT portugueses
                      #10

                      Offline filsim

                      • ***
                      • Membro Total
                      • Género: Masculino
                      Olá,

                      Exacto. Não é que naquele tempo não o fizessem, só que era tudo muito encoberto com familia que não amavam, ou seja, tudo por conveniência e o qual nem era posto em causa em familia. A esses devemos um bocado a culpa, mas também coitados depois de uma vida inteira a metirem-se a eles próprios e a mentirem a todos, era sempre mais seguro manter a farsa do que se sujeitarem a represálias públicas. Claro que se era inaceitável para eles para os filhos também seria porque seria a vergonha ou o "sujar" o bom nome da família.

                      A maior ocorrência de actos de bulling e crueldade entre crianças e jovens acredito seriamente que se deve à globalização e aos métodos de comunicação instantaneos actualmente. Quer queiramos quer não a maior diversão desde sempre é falar dos outros. Hoje em dia a mensagem é transmitida de uma maneira tão rápida e eficaz que tudo o que seja "diferente" no grupo social actual é ridicularizado instantaneamente. (não sei se me fiz entender xD )

                         

                        Tópicos relacionados

                          Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                        83 Respostas
                        19945 Visualizações
                        Última mensagem 22 de Janeiro
                        por origo
                        278 Respostas
                        43820 Visualizações
                        Última mensagem 15 de Julho de 2010
                        por MuscleCub
                        14 Respostas
                        4369 Visualizações
                        Última mensagem 1 de Janeiro de 2011
                        por Litriciaras
                        11 Respostas
                        5493 Visualizações
                        Última mensagem 19 de Agosto de 2015
                        por diego698
                        6 Respostas
                        1512 Visualizações
                        Última mensagem 7 de Setembro de 2013
                        por Diotima