rede ex aequo

Olá Visitante20.set.2019, 19:31:42

Autor Tópico: Desabafos - Suicídio.  (Lida 10393 vezes)

 
Desabafos - Suicídio.
#20

Offline Forbidden

  • *****
  • Membro Ultra
  • Género: Masculino
Já se passou um mês e tal desde que escrevi isto, e posso dizer que fiz umas quantas mudanças... e estou melhor. Aprende-se a viver com estas memórias, com esta dor. Um dia de cada vez e com a consciência que há sempre alguém em posições piores que as nossas.

Paz para todos, e um abraço.

Fico contente por estares melhor ;)

    Desabafos - Suicídio.
    #21

    Offline James07

    • *
    • Novo Membro
    • Género: Masculino
    Algo que escrevi esta semana que decidi partilhar aqui. Desabafos, pensamentos.

    Nascemos sem pedir, acabamos por morrer sem querer, mas será que é sempre assim? Não comigo. Acredito que tudo na vida tanto pode ser algo maravilhoso, quanto desesperavelmente terrível. E se nascemos sem pedir, temos certamente também a dignidade e o direito de a terminarmos quando queremos. Cobardia? Não acho cobarde quem decidiu terminar a sua vida. Tenho respeito, pela decisão que foi tomada, e de certa forma invejo essa coragem. Porque eu nunca a consegui ter. Sinto-me assim preso entre o sim e o não, entre o aqui e o ali. Entre o viver, e o desejo de morrer. Sinto-me vazio por dentro, tudo quanto tinha foi-me arrancado por tudo aquilo que o tempo não levou. E este vazio foi o resultado de tudo isso. Isto devora-me por dentro e devagar mata-me, com um sofrimento que mais se parece a uma tortura. Mas os pesos que estão na balança complicam a decisão. O amor que sinto por eles, consegue ser superior ao meu desejo. Seria tão egoísta em terminar tudo, e deixar tamanho sofrimento para eles. Não era justo, não seria correcto. Portanto, acho que só me resta viver neste castigo. Se eu pudesse, o meu desejo seria nunca ter existido. Era mais fácil para mim e para tantos. E porque que eu desejo isto? Porque nunca nada deu certo, tudo cobriu-se por um manto de sofrimento, de loucuras e aventuras que me deixaram como eu hoje estou, e magoou e fez sofrer todos aqueles que mais me amaram, e me amam. Mas mesmo assim, eles perdoam-me. É por isso que eu não consigo. É por isso que eu não posso. Independentemente de tudo me correr mal, da minha vida não ter um propósito, de não encontrar um caminho que siga, o perdão deles faz tudo diferente. Eu não posso ser tão egoísta. Mas apesar de todas estas palavras, o meu maior desejo, é aquele que certamente todos aqueles corajosos não o conseguiram alcançar. A felicidade. Acima de tudo eu desejo ser feliz. Eu quero ser alguém. Eu quero ter algum propósito. Acima de tudo... Eu não quero desistir. E eu continuo, e continuo a lutar e a lutar. Talvez a espera que algo aconteça. Até lá, eu estou assim. Farto de viver, farto de lutar. Farto até de mim. Mas preso a algo mais forte do que tudo isso. Os meus pais deram-me a oportunidade de viver, eu desiludi-lhes da pior forma com algo que nem eu pude alguma vez que seja escolher, mas curiosamente são também eles que me salvam do meu destruidor desejo de um dia não voltar a acordar.
    Eu sinto-me mesmo farto, estou mesmo cansado, tão cansado, que ninguém alguma vez iria perceber.

    Se tens pais que te ajudam a não te suicidares, entre outras coisas, como a perdão dessas pessoas que dizes... Estás bem melhor que eu...
    Quem devia suicidar-se era eu, que nem amor de família tive, nem abraços, nada, a não ser porrada, violência domestica, solidão, sem amigos, aguentei muita coisa e ainda assim estou aqui, a tentar de alguma maneira conseguir mudar a minha vida, mas caso não consiga, terei mesmo de matar-me porque estou como dizias estar: farto de tudo.
    Mas a melhor palavra que descreve-me é mesmo: cansado de tudo... Como se meu interior fosse velho!

    Os meus pais não me ajudam a não me suicidar. O que quis transmitir neste texto, é que depois de lhes ter dado um desgosto (porque é mesmo assim que foi) eles "perdoam-me" (por perdão, eu digo que hoje me respeitam) e por isso mesmo, por muita vontade que por vezes tenha de desistir, eu não consigo deixar tamanha dor para cima deles, porque eu amo-os, muito. Eu seria tão egoísta se o fizesse. A mensagem deste texto é esta. É a prisão interior em que as vezes me deparo. Mas tal como disse, eu hoje estou melhor. E ainda bem.

    Quanto a ti, eu respondi-te no teu outro tópico que fizeste. Se queres mudar de vida, não é deixando de ser o que não consegues mudar, não é desistindo de tudo, não é acreditando num mundo cheio de coisas negativas como tu descreveste no outro tópico, e não é de certeza dizendo que "somos todos promiscuos, ou que vamos morrer sozinhos" . Procura um grupo local, tenta ir a uma reunião, tenta criar amizades com pessoas que te compreendam, e tenta recomeçar a tua vida. Não é insultando o mundo, e reprinindo-nos que vamos a algum lugar. Infelizmente, também tens que LUTAR pela paz que queres. Espero que fiques bem.
      Refuse to feel anything at all, refuse to slip, refuse to fall, can't be weak, can't stand still, and watch your back because no one else will.

      Desabafos - Suicídio.
      #22

      LoveMe

      • Visitante
      Apenas quero dar a minha opinião sem ofender e sem querer entrar na vida de ninguém.
      Quem se sente em depressão ou com ideias suicidas, não deve tomar medicação, a medicação ajuda para que as pessoas não raciocinem normalmente, ou seja, se há a ideia do suicídio sob efeito de medicação, do pensar ao acto á um tirinho.  Não devemos esquecer que são medicamentos fortes, que criam dependência e que demora um certo tempo a descobrir qual a medicação correcta para o nosso organismo...se pudermos ir por outros caminhos é o melhor!
      Falem com amigos, psicólogos, mas evitem a psiquiatria. É o meu conselho.
      Infelizmente já perdi algumas pessoas assim, e todas elas na altura estavam a tomar antidepressivos, e como não podia deixar de ser, falo também por experiência própria.

      E parem para pensar... Levem uma vida de monotonia o máximo que aguentarem porque um dia vão começar a viver. Demora, mas não falha!

      Força a todos que lamentavelmente estão nesta situação.

        Desabafos - Suicídio.
        #23

        Offline Sunshine.Lady

        • ***
        • Membro Total
        • Género: Feminino
        • Be Happy, Be Yourself ^^
        Apenas quero dar a minha opinião sem ofender e sem querer entrar na vida de ninguém.
        Quem se sente em depressão ou com ideias suicidas, não deve tomar medicação, a medicação ajuda para que as pessoas não raciocinem normalmente, ou seja, se há a ideia do suicídio sob efeito de medicação, do pensar ao acto á um tirinho.  Não devemos esquecer que são medicamentos fortes, que criam dependência e que demora um certo tempo a descobrir qual a medicação correcta para o nosso organismo...se pudermos ir por outros caminhos é o melhor!
        Falem com amigos, psicólogos, mas evitem a psiquiatria. É o meu conselho.
        Infelizmente já perdi algumas pessoas assim, e todas elas na altura estavam a tomar antidepressivos, e como não podia deixar de ser, falo também por experiência própria.

        E parem para pensar... Levem uma vida de monotonia o máximo que aguentarem porque um dia vão começar a viver. Demora, mas não falha!

        Força a todos que lamentavelmente estão nesta situação.

        Bem.. Deixaste-me speachless !

        Infelizmente, sei o que é viver com isso "em casa".. O pior é as pessoas se "acomodarem" aos anti-depressivos, e passam a viver SÓ em função disso. É meio caminho andado para a "desgraça"..

        A quem já passou ou está nesta situação, o meu Abraço e Força.
          SL

          Desabafos - Suicídio.
          #24

          Offline marmimo

          • *
          • Novo Membro
          • Género: Feminino
          Andava eu para aqui a deambular pelo fórum quando li o título deste tópico, arrepiei-me de imediato.

          Eu já tentei o suicídio por várias vezes e da última ia dando mesmo resultado, mas felizmente ainda não estava na minha hora, houve alguém que me viu na rua e chamou o 112.

          Eu não me lembro daquilo que aconteceu, só vos sei dizer que tomei imensos comprimidos e cortei os pulsos, tenho o corpo todo marcado devido às minhas diversas mutilações.

          Desta última vez fui parar a um hospital psiquiátrico, estive lá cerca de uma semana. Não me lembro dos primeiros dias, só sei que tive visitas porque me contaram, não conseguiram contactar a minha família porque eu apaguei todos os números dos telemóveis e eles estavam sem bateria... Mas eu sabia um de cor, o do meu pai.

          Enquanto lá estive fui pensando nos porquês do que fiz, fui convivendo com outras pessoas no mesmo estado que eu ou até mesmo pior, e perguntei-me, valeu mesmo a pena o que fizeste?! Só te magoaste a ti e a mais ninguém, sim porque os de fora julgam que és maluca.

          Mas desta vez fui BEM acompanhada e tive a feliz sorte de o meu pai intervir e de me tirar dos sítios por onde andava, deu-me amor e carinho, mostrou-me que vale a pena viver. E VALE MESMO, porque se não não estávamos aqui.

          E tudo isto para dizer que sim, entendo quem tem estes pensamentos porque eu já os tive, bati mesmo lá no fundo, e agora estou a reerguer-me lentamente com o apoio daqueles que sei que realmente me amam.
          E sim, é difícil passar por tudo isto, por isso quem precisar de uma palavra amiga ou apenas de alguém para ler o que escrevem, podem contar comigo  :)

          Espero ter ajudado de alguma forma (para a positiva) e por favor somos todos bons de mais para acabar-mos com as nossas próprias vidas

            Desabafos - Suicídio.
            #25

            Offline FilhoDeApolo

            • *****
            • Membro Ultra
            • Género: Masculino
            • "A Esperança é só uma distração."
              • Aeminium
            Numa pior fase minha fui acompanhado por um psiquiatra e sempre fui muito bem atendido, e nunca cheguei a tomar medicação. Acho que não vale a pena generalizar a especialidade médica.

              Desabafos - Suicídio.
              #26

              LoveMe

              • Visitante
              Numa pior fase minha fui acompanhado por um psiquiatra e sempre fui muito bem atendido, e nunca cheguei a tomar medicação. Acho que não vale a pena generalizar a especialidade médica.
              Não se trata de generalizar a especialidade médica, infelizmente o nosso país é que não está ainda preparado para dar a "correcta" atenção a esses casos, as pessoas são medicadas (ou não) com base do que dizem em 20 minutos de consulta...e isso sim acho que é errado. Só deveria passar para a psiquiatria quem já tivesse sido seguido na psicóloga, levando um historial mais pormenorizado...
              Mas lá está, casos são casos... eu própria sempre que ia a uma consulta no público, só ouvia os psiquiatras falarem mal do atendimento que eu tinha em outros psiquiatras  [smiley=confuso.gif] [smiley=confuso.gif]


                Desabafos - Suicídio
                #27

                Diotima

                • Visitante
                Eu, pela minha parte, estou a ser seguida no público, já tive vários médicos, e não tenho razão de queixa. Para além da psiquiatria faço também psicoterapia com uma psicóloga, no mesmo hospital. Tenho encontrado sempre excelentes profissionais.

                  Desabafos - Suicídio
                  #28

                  LoveMe

                  • Visitante
                  Eu, pela minha parte, estou a ser seguida no público, já tive vários médicos, e não tenho razão de queixa. Para além da psiquiatria faço também psicoterapia com uma psicóloga, no mesmo hospital. Tenho encontrado sempre excelentes profissionais.
                  Lá está...cada caso é um caso... infelizmente sei de muitos casos positivos e demasiados negativos :(


                    Desabafos - Suicídio.
                    #29

                    Diotima

                    • Visitante
                    Acredito que é essa a tua experiência, mas é como te digo, já conheci muitos profissionais e tenho o melhor a dizer de todos eles (excepto um). Encontrei sempre pessoas muito humanas que nos tratam como pessoas únicas e não com meros doentes. É verdade que as consultas podiam durar mais um bocadinho, mas também é verdade que quando é feito um acompanhamento regular talvez já não seja necessário tanto tempo de consulta.

                      Desabafos - Suicídio.
                      #30

                      Cardo

                      • Visitante
                      Nunca desistam de viver!!! Não é solução, porque para tudo há esperança.

                      Por vezes não conseguimos ver paz, nem a sentir, nem temos o que queremos, mas isso não impede que num futuro proximo ou medio isso não possa acontecer.

                      Se alguem precisar de desabafar, MP.

                      Bjs e bom natal a todos.

                        Desabafos - Suicídio.
                        #31

                        angel_world20

                        • Visitante
                        Foi bom reler este topico....

                          Desabafos - Suicídio.
                          #32

                          V24

                          • Visitante
                          Se não tomasse os antidepressivos é que me suicidava mesmo tão baixos são os meus níveis de serotonina.
                          A última vez que os deixei de tomar foi bonito em 3 dias já tinha tudo planeado para me matar.

                            Desabafos - Suicídio.
                            #33

                            Kaiser

                            • Visitante
                            Sem antidepressivos eu já não consigo estar funcional.

                              Desabafos - Suicídio.
                              #34

                              escolhido

                              • Visitante
                              Eu já tive momentos absolutamente fantásticos, em que era a personagem principal dum grande filme de aventura e ação, com todas as felicidades que as pessoas desejam e de facto acho que a não existência é a melhor solução.

                              Pois ser feliz o que importa? Para mim viver, não viver, ser ou não feliz: tédio....... xD

                              Quando estamos aborrecidos é porque existem razões para tal, quando estamos sob o efeito dos medicamentos é porque também existem razões, e havendo ou não razões, havendo ou não prazer, seja de que valor/valores for: acho que toda a gente já deve ter percebido que se a eutanásia fosse algo acessível a toda a gente, 99% da população escolhi-a. E aquelas pessoas que vivem de miséria ou com péssimas condições ficavam felizes pela possibilidade de alcance já que muita gente tinha morrido podendo por exemplo invadir a Europa. E depois quando descobrissem que mesmo estando com as necessidades alcançadas iam querer aceder à eutanásia se é se os responsáveis pelo serviço público dela já não tivessem também se suicidado com ela. E completava-se os 99%. E quem são os 1%? Aqueles que não podem decidir pois claro!!

                              xD xD xD

                                Desabafos - Suicídio.
                                #35

                                Offline Jiyoana

                                • ****
                                • Membro Sénior
                                • Género: Feminino
                                • Tu fui, Ego Eris
                                  • Facebook
                                Estou neste momento a atravessar uma situação familiar e dificil. Não é a primeira vez que estes pensamentos me acompanham mas desta vez tomei algumas acções... desde ingerir medicamentos em demasia apenas para me sentir em estado drogada, até a auto mutilação. Contudo não passa disto e acabo por acordar todos os dias, outra vez.

                                Não consigo, tenho medo, dá-me ansiedade. Sinto-me cobarde por nao o conseguir fazer. Odeio isto e ainda me incomoda mais não o fazer.
                                  ♀♀ | Feminista | Gamer | Psicologia Criminal |

                                  Desabafos - Suicídio.
                                  #36

                                  Jerry

                                  • Visitante
                                  Não tenho amigos os que tinha viram me costas

                                  Deixaram me de falar e de ser meus amigos

                                  Uma das amizades disse me que não ia fazer o mesmo

                                  Mas pelos vistos fez o mesmo deixou de falar

                                  Tirou me do face e bem a pouco tempo bloqueou me no face  :'( :'( :'( :'(

                                  Sem lhes fazer mal

                                  Sem dizer nada mal

                                    Desabafos - Suicídio.
                                    #37

                                    Offline monik

                                    • ***
                                    • Membro Total
                                    • Género: Feminino
                                    E se tu conseguisses mudar? Mudar completamente os teus pensamentos? É impossível ? Não é possível modificarmos-nos a nós próprios? Saltar para o outro lado? Fazer exatamente o oposto daquilo que a nossa mente deseja? A vida está programada para nos destruir, para nos esmagar. E se nós fizermos e formos exatamente o contrário. Se outras pessoas conseguem porque é que nós não conseguimos? Porque é que somos diferentes? Mudar não é impossível.
                                      "Aquilo a que chamamos o nosso <<eu>> é um processo ininterrupto e constantemente mutável"

                                      Desabafos - Suicídio.
                                      #38

                                      Bc

                                      • Visitante
                                      E se tu conseguisses mudar? Mudar completamente os teus pensamentos? É impossível ? Não é possível modificarmos-nos a nós próprios? Saltar para o outro lado? Fazer exatamente o oposto daquilo que a nossa mente deseja? A vida está programada para nos destruir, para nos esmagar. E se nós fizermos e formos exatamente o contrário. Se outras pessoas conseguem porque é que nós não conseguimos? Porque é que somos diferentes? Mudar não é impossível.

                                      Subscrevo.....Só depende de ti, és tu quem comandas....assume o controlo

                                        Desabafos - Suicídio.
                                        #39

                                        peixinho_74

                                        • Visitante
                                        Quando estamos aborrecidos é porque existem razões para tal, quando estamos sob o efeito dos medicamentos é porque também existem razões, e havendo ou não razões, havendo ou não prazer, seja de que valor/valores for: acho que toda a gente já deve ter percebido que se a eutanásia fosse algo acessível a toda a gente, 99% da população escolhi-a.

                                        Não me vou alongar até porque quem escreveu isto não está no fórum para contrapor, mas acho este comentário descabido. Não me estou a quererde stacar, até porque já passei por momentos complicados e compreendo o sofrimento.

                                           

                                          Tópicos relacionados

                                            Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                                          Desabafos LGBT...

                                          Iniciado por Scorpio_Angel « 1 2 ... 217 218 » Apoio

                                          4346 Respostas
                                          343129 Visualizações
                                          Última mensagem Há 2 semanas
                                          por Andy 8
                                          5127 Respostas
                                          411277 Visualizações
                                          Última mensagem 25 de Junho
                                          por sleepy_heart
                                          Suicidio nos LGBT´s

                                          Iniciado por MRPEC « 1 2 » Apoio

                                          39 Respostas
                                          6936 Visualizações
                                          Última mensagem 26 de Setembro de 2011
                                          por dc020
                                          22 Respostas
                                          4614 Visualizações
                                          Última mensagem 31 de Janeiro de 2018
                                          por Atomic
                                          39 Respostas
                                          4183 Visualizações
                                          Última mensagem 4 de Abril de 2018
                                          por Lio