rede ex aequo

Olá Visitante18.nov.2019, 21:57:59

Sondagem

Se existisse um grupo local na Maia tentarias ir, ou irias, às reuniões?

Sim
Sim, se não fossem em simultâneo com as do grupo do  Porto
Não

Autor Tópico: Grupo ex aequo na Maia?  (Lida 18609 vezes)

 
Grupo ex aequo na Maia?
#120

Offline NiCeGuY

  • ****
  • Membro Sénior
  • Género: Masculino
    • grupo ex aequo porto
Eu não quero soar implicativa, até porque não é de todo esse o meu objectivo. No entanto penso que se esta ideia for para efectivamente ser levada a cabo por alguém penso que é importante pensar e ponderar em todos os pontos que podem estar envolvidos nela.

O motivo pelo qual não estou plenamente convencida com esta ideia é ter algum receio que dois grupos locais tão próximos um do outro possam, sem querer, fazer com que exista uma diluição de pessoas pelos mesmos, fazendo com que as reuniões em cada grupo acabem por se tornar com o tempo mais desertas. Não sei sinceramente até que ponto isso pode ser uma vantagem.

Outra questão que me preocupa (mas que vai um pouco dentro da mesma onda) é saber até que ponto vale a pena investir na abertura de um grupo local tão perto de um outro grupo local (o segundo maior do país). Será que um grupo na Maia teria aderência suficiente e aguentar-se-ia tempo suficiente que justificasse investimento nele?

Não estou de todo a tentar colocar entraves na questão de uma possível abertura deste grupo pois tal como disse anteriormente sou apologista e louvo muito a ideia de extensão dos grupos locais, mas penso que são questões a ponderar  :)

Concordo ;)

    Grupo ex aequo na Maia?
    #121

    Offline τοRoyalSizeΚΞ

    • *****
    • Orador(a)
    • Membro Vintage
    • Género: Masculino
    Agora que já é, de algum modo, realidade, já se pode relatar a experiência que há no centro do país. Co-existem os grupos locais de Lisboa e de Cascais, e ambos são um sucesso, há sempre membros nas reuniões e novos membros são regulares. Pelo grupo de Cascais já passaram mais de 50 pessoas desde que as reuniões começaram em Dezembro do ano passado, e conta-se pelos dedos de uma mão aqueles que não foram a Lisboa para vir a Cascais, menos ainda são os que trocaram Lisboa por Cascais. Talvez apenas 1, ok, mais os Coordenadores lol

    O facto de haver um grupo na Maia possibilita que jovens que não se deslocam ao Porto possam ir a reuniões da rede ex aequo. Há jovens cuja realidade não se estende à cidade do Porto, o mesmo se passa em Cascais, um concelho quase auto-suficiente. Há jovens que não têm desculpas para dar aos pais sobre a sua ida a Lisboa para reuniões, imagino que na Maia seja a mesma coisa.
    Para além daqueles jovens que também não são da Maia mas que estão mais perto da Maia do que do Porto, por pequena que seja a diferença, 15 ou 20 minutos a menos na deslocação já contam para se chegar a casa antes ou depois de jantar sem ter de ouvir perguntas desconfortáveis.

    Há que pensar que seria bom se cada concelho tivesse o seu próprio grupo local, tal como existem gabinetes de juventude em todos os concelhos. A informação deve ser algo acessível a todos e uma realidade no seu local de habitação, e não apenas numa metrópole ou numa cidade maior.

    Se não houver gente nos primeiros tempos os Coordenadores só têm de se esmerar na divulgação pelas escolas, associações, gabinetes de juventude, espaços culturais, bibliotecas, pavilhões desportivos, etc, tal como se tem feito em Cascais.
    Além disto a Coordenação pode também centrar-se na divulgação do Projecto Educação das escolas e levar a rede ex aequo às mesmas, assim como promover outros eventos como Ciclos de Cinema.
    Acreditem, tudo isto faz a diferença na procura por membros, e funciona como educação das mentalidades no local de funcionamento do grupo.

    A Maia, Vila Nova de Gaia, Espinho, Santa Maria da Feira, Póvoa do Varzim, Vila do Conde só teriam a ganhar com um grupo ex aequo, se os membros demorarem a vir há mais trabalho a fazer-se que não apenas as reuniões ;)

    Juntem-se, falem e entrem em contacto com a Direcção, estamos aqui para apoiar.

    O Porto só terá de fazer a mesma coisa...divulgação, divulgação, divulgação ;)
    « Última modificação: 13 de Julho de 2010 por τοRoyalSizeΚΞ »