rede ex aequo

Olá Visitante22.out.2019, 20:17:27

Autor Tópico: Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?  (Lida 7809 vezes)

 
Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
#0

Offline Atma

  • **
  • Membro Júnior
  • Género: Feminino
  • Oiiiiii!!!!! Sou brasileira, mas moro na Hungria..
OLÁ!!! Tenho 39 anos e sou bissexual assumida para minha familia desde os 25 anos. Pergunto: Existe uma forma simples e natural de se assumir a bissexualidade? Pois esta tem sido uma questao que me persegue desde sempre. Devo avisar as pessoas que me conhecem? Tenho o dever ético de faze-lo logo no inicio da amizade? Se há interesse mútuo, tudo bem, dou um jeito de falar, mas, se é mesmo só uma nova amizade, tenho a obrigacao de avisá-los, para que nao haja constrangimentos posteriores? Pois já aconteceu de conviver com uma amiga muito intimamente, tomávamos banho juntas e trocávamos de roupa no mesmo quarto, e, quando ela soube reagiu tranquilamente, pois sabia que eu nunca agira com malicia nem aproveitara as oportunidades para observar seu corpo. Porém, na universidade, ocorreu o contrário várias vezes, pois as raparigas, sabendo que eu namorava uma mulher, tratavam-me como se eu fosse um homem, e nao devesse estar na casa de banhos feminina junto com elas, como se eu estivesse só esperando que tirassem a roupa! Alguém já passou por isso???
Há também o problema que enfrento todas as vezes em que vou num sitio de lésbicas, pois sinto-me como se nao fosse lésbica "de verdade", e constranjo-me, pensando que, se me verem com um rapaz, talvez nao me aceitem como sou. Já sofri este tipo de preconceito mais de uma vez, e gostaria de saber o que todos pensam sobre o assunto, principalmente as lésbicas, e as raparigas bissexuais como eu... Obrigada a todos e a todas que participarem deste meu primeiro tópico!!!!
    Atma Felho-Hungria.

    Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
    #1

    Offline Arms

    • *****
    • Membro Vintage
    • Género: Masculino
      • Reflection
    Vou dar a minha opinião, baseado na minha própria experiência.

    Responder
    Existe uma forma simples e natural de se assumir a bissexualidade?
    Sim. Tratar o assunto com simplicidade e naturalidade. Não forçar nada... Se a questão surgir, responder com naturalidade. Se as pessoas vêem que tratas o assunto com naturalidade e simplicidade, têm tendência a reagir de uma forma mais calma (quer sejam a favor ou contra). Se pressentirem que não estás à vontade com isso (e acredita que eles apercebem-se disso) aproveitam-se disso.

    Responder
    Devo avisar as pessoas que me conhecem?
    Sim e não. Deves avisar as pessoas que conheces sim, mas apenas àqueles que queres que saibam desse pormenor acerca de ti mesma. pelo menos vejo o assunto desta forma. Existem muitas pessoas que conheço que não sabem que sou gay - colegas de trabalho, conhecidos, amigos mais afastados, familiares mais distantes. Depois existem muitas pessoas que conheço que sabem que sou gay - amigos próximos, colegas de trabalho mais próximos, familiares próximos, etc. O que distingue o primeiro grupo do segundo é simplesmente o grau de amizade/empatia que tenho para com eles.

    Responder
    Tenho o dever ético de faze-lo logo no inicio da amizade?
    Não. Não tens dever nenhum em fazê-lo. Nem ético, nem moral. Nem sequer cívico. Nem nada. Dizes quando achares que deves dizer. Nunca deves sentir-te forçada a revelar a tua bissexualidade. Os teus amigos heteros não revelam a sua heterossexualidade no início de alguma amizade. Fazem-no naturalmente, em conversas. Falam dos seus parceiros com naturalidade, revelando o sexo deles e, à partida, a sua própria sexualidade. Porque deverás tu ter que revelar seja que for no início de um amizade?

    Responder
    Se há interesse mútuo, tudo bem, dou um jeito de falar, mas, se é mesmo só uma nova amizade, tenho a obrigacao de avisá-los, para que nao haja constrangimentos posteriores?
    Não tens obrigação. Se pretendes evitar constrangimentos piores, diz. Mas os constrangimentos surgirão sempre... Nem que seja o simples e típico "quando é que arranjas namorado?" e tu teres que responder "tenho uma namorada." Seguido daquela pergunta "mas és lésbica?" ou da expressão "não sabia que és lésbica". Ao que simplesmente responderias "Não sou lésbica, sou bissexual" à pergunta ou "isso é porque sou bissexual" à expressão. Seria uma forma de tratar o assunto naturalmente.


    Quanto às situações. Pessoas são pessoas e cada um reage de forma diferente. Não podemos fazer nada sobre isso. O que podemos fazer é dizer às pessoas que se sentem constrangidas, ou inibidas, perante a revelação da nossa sexualidade que podem estar à vontade connosco. Muitas vezes simplesmente não sabem como agir connosco porque nunca tiveram um contacto com alguém LGBT, de forma consciente. Digo de forma consciente porque podem ter tido contacto com LGBT's sem saberem. Quanto aos que se afastam... como não são eles que contribuem para a nossa felicidade, não vejo qual é o stress. :P

    Pelo menos é o que eu falo e penso. Agir naturalmente. E avaliar as situações que se apresentam. Às vezes convém enfiar um pé no armário para evitar que certos problemas ou constrangimentos recaiam sobre nós. Outras vezes nem se tem esse facto em consideração e age-se normalmente. Depende muito de quem se interage connosco.
      Se dependes unicamente dos outros para seres feliz prepara-te para ficares desiludido.
      Instead of telling people to plan ahead, we should tell them to plan to be surprised.

      Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
      #2

      Offline Atma

      • **
      • Membro Júnior
      • Género: Feminino
      • Oiiiiii!!!!! Sou brasileira, mas moro na Hungria..
      Obrigada Arms, pela tua particpacao e palavras, acredita que le-las e reletir sobre elas está me ajudando muito! Um abraco!
        Atma Felho-Hungria.

        Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
        #3

        Offline AcE

        • ****
        • Membro Sénior
        • Género: Masculino
        ola atma,
        uma coisa que tu fizeste que eu ainda não foi teres assumido para a familia a tua bissexualidade, também porque não tou preparado nem preocupado com isso.
        mas vou-te contar como assumi para uma amiga que minha, a minha bissexualidade.
        Eu e ela andamos num grupo de dança e em quase todo o lado a que vamos só existe um camarim para o grupo entao eu(rapaz) visto-me ao mesmo tempo que as raparigas no mesmo espaço. Essa minha amiga tinha namorado nessa altura e ainda tem, e quando ela lhe contou que eu me vestia no mesmo sitio e ao mesmo tempo que elas e proferiu logo:
        "Espero bem que ele seja gay" e ela disse-lhe que eu era hetero.
        Ela falou-me disso. Mas conheci uma pessoa na net que me insentivou em assumir a alguem. Resolvi assumir para ela. Mandei-lhe uma sms a dizer que precisava de falar seriamente com ele. Eu quando cheguei ao café ela já tava a minha espera. Tipo eu cheguei e disse-lhe:
        "Lembraste da conversa (...) Tu e ele tinham razão. Pode-se dizer que sou gay e hetero ao mesmo tempo. Sou bissexual" tipo achei uma forma estranha de dizer mas engraçada. Ela disse que enquanto tava à minha espera tinha pensado em tudo o que poderia ser o que cria falar com ela, até chegou a pensar que me ia declarar a ela, mas uma coisa que não pensou foi que eu fosse gay/bi.

        Resolvi contar a minha história pa veres que isto tem que ser levado com naturalidade. Já agora isso de dizeres que é bi logo no inicio da relação(amizade) e concordo com o que o Arms disse.

        Felicidades e não penses e já agora não penses muito no que dizem ou possam dizer de ti. Eu ainda não assumi publicamente, só a alguns amigos, mas sei que todos ou quase todos pensam que sou gay e comentam por aí isso. Isso afecta-me tanto como se um muido me tivesse a atirar balões de água estando a quilómetros de distância.

          Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
          #4

          Offline Atma

          • **
          • Membro Júnior
          • Género: Feminino
          • Oiiiiii!!!!! Sou brasileira, mas moro na Hungria..
          Estive um pouco afastada do forum, mas voltei e gostaria de agradecer, AcE, pelas palavras e por ter compartilhado a tua historia. Quanto a nao teres assumido a tua familia, nao te apresses, espera o momento certo. Eu só assumi a minha bissexualidade aos 25 como ja disse, pois foi o exato momento em que me apaixonei e fui correspondida, entao, simplesmente meus familiares perceberam que nos andavamos sempre juntas e passaram a nos tratar como um casal, pois nas reunioes familiares eu perguntava sempre: Posso levar minha amiga? e eles foram entendendo aos poucos. Claro que a essa altura eu morava sozinha e era independente, o que facilitou as coisas! Obrigada novamente, um abraco!
            Atma Felho-Hungria.

            Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
            #5

            Offline unforgiving

            • ***
            • Membro Total
            Só devemos assumir quando um dia - se acontecer - nos apaixonar-mos por alguém do mesmo sexo?

            Acham necessário num casal hetero, um deles se for bi, assumir ao outro?

              Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
              #6

              Offline Abbie

              • *****
              • Membro Ultra
              • Género: Feminino
              Só devemos assumir quando um dia - se acontecer - nos apaixonar-mos por alguém do mesmo sexo?

              Acham necessário num casal hetero, um deles se for bi, assumir ao outro?

              Estás a perguntar, se num casal de um rapaz e uma rapariga, se um deles for bi deve avisar o outro?
              Eu tenho namorado neste momento, contei-lhe que era bi e foi tudo na boa. Se acho obrigação de contar? Não. Mas aí já é diferente do que contar para amigos ou familiares, acho eu. Não há obrigação mas se estamos com aquela pessoa é suposto confiarmos nela e não escondermos nada. Se a pessoa realmente gosta de nós, não vai mudar nada.
                I have found the paradox, that if you love until it hurts, there can be no more hurt, only more love.

                Qual é a melhor maneira de assumir a bissexualidade?
                #7

                Offline Holiday

                • ***
                • Membro Total
                • Género: Masculino
                Só devemos assumir quando um dia - se acontecer - nos apaixonar-mos por alguém do mesmo sexo?

                Acham necessário num casal hetero, um deles se for bi, assumir ao outro?

                Estás a perguntar, se num casal de um rapaz e uma rapariga, se um deles for bi deve avisar o outro?
                Eu tenho namorado neste momento, contei-lhe que era bi e foi tudo na boa. Se acho obrigação de contar? Não. Mas aí já é diferente do que contar para amigos ou familiares, acho eu. Não há obrigação mas se estamos com aquela pessoa é suposto confiarmos nela e não escondermos nada. Se a pessoa realmente gosta de nós, não vai mudar nada.

                Concordo com a Abbie. Se namorarmos com uma pessoa de quem gostamos mesmo vamos querer partilhar com ela coisas importantes sobre nós, nomeadamente, esse "pormenor" da bissexualidade quer seja numa relação hetero quer seja homo.
                Se a pessoa gostar mesmo de nós não vai ter qualquer problema!  ;)

                   

                  Tópicos relacionados

                    Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                  129 Respostas
                  21258 Visualizações
                  Última mensagem 16 de Dezembro de 2009
                  por deep green eyes
                  2 Respostas
                  1782 Visualizações
                  Última mensagem 20 de Abril de 2009
                  por Yawp
                  19 Respostas
                  3825 Visualizações
                  Última mensagem 5 de Setembro de 2011
                  por BrunoMCP
                  190 Respostas
                  18116 Visualizações
                  Última mensagem 25 de Maio
                  por Fernando Pinheiro
                  23 Respostas
                  2598 Visualizações
                  Última mensagem 31 de Março de 2018
                  por سامانتا