rede ex aequo

Olá Visitante29.nov.2020, 07:51:41

Autor Tópico: Revista "Com'Out"  (Lida 104300 vezes)

 
Revista "Com'Out"
#980

Offline jamie

  • **
  • Membro Júnior
  • Género: Masculino
A Joeli revista fechou a revista Xenon, mas a equipa editorial vai lançar uma nova e independente.
Eu acho que podiam apostar mais na publicitação da revista.
A Com' Out foi muito pouco publicitava e muito raramente a sua exposição era visível nas papelarias /quiosques/etc.


De facto. Só a vi num sítio inesperado, num certo super-mercado perto de Valongo, pelo que estranhei. Para além disso, não me recordo de mais vez nenhuma. Qualquer dia hei-de vislumbrar a revista para ver se vale a pena  :)
    The Greatest Thing You Will Ever Learn, Is Just To Love, And Be Loved In Return

    Revista "Com'Out"
    #981

    Offline MuscleCub

    • *****
    • Membro Ultra
    Não sei se há dinheiro para isso, mas publicidade na TV seria sem dúvida uma excelente forma de divulgar a revista.

    Como referi, para este projecto vingar precisa de ter conteúdos  que não podem ser encontrados em blogues ou na internet. O modelo a seguir deve ser o da Out ou da Attitude, a nova revista deve misturar artigos de qualidade com um pouco de sensacionalismo, para agradar a gregos e troianos. Será recomendável que haja produções fotográficas com modelos, actores, apresentadores de TV, concorrentes de programas televisivos, acompanhadas de entrevistas com confissões do género «já beijei o meu melhor amigo», «já tive uma paixoneta por um professor», «apoio o casamento entre pessoas do mesmo sexo», «o meu melhor amigo é gay».



    EDIT: sei que em Portugal, devido às mentalidades vigentes, seria difícil termos actores de telenovelas ou modelos a aceitar entrevistas ou produções fotográficas para revistas lgbt, mas estamos em crise, certamente que haveria modelos em início de carreira ou jovens actores que aceitariam, e com o tempo as pessoas habituavam-se, e começavam a perceber que aparecer numa revista gay não é vergonhoso. Nos EUA ou no Reino Unido é muito comum haver famosos heterossexuais a aceitar ser capa  de revistas lgbt. E na falta de portugueses, faziam-se os trabalhos com DJ's, actores, modelos, famosos, etc brasileiros ou espanhóis.
    « Última modificação: 19 de Fevereiro de 2011 por MuscleCub »
      Monárquico, conservador-liberal, capitalista, sem seita, loja ou templo.

      Revista "Com'Out"
      #982

      Offline Back Room

      • *****
      • Membro Elite
      • Género: Masculino
      Não sou particularmente fã do sensacionalismo que o MuscleCub propõe, porque não gosto e porque não é fácil de conjugar com os conteúdos mais sérios que a revista pretenderia ter.

      Agora estou 100% de acordo com as produções fotográficas. Não é demasiado caro e vende bem, além de que não é muito comum em Portugal. Podiam por exemplo estabelecer parcerias com pequenas marcas ou criadores de roupa que precisassem de visibilidade e começar por aí... os jovens modelos certamente que não escassariam.
        "I started being proud of being gay, even though I wasn't." Kurt Cobain.

        "Quelle est votre plus grand ambition dans la vie? Devenir immortel... et puis... mourir." À Bout de Souffle, Godard.

        "One of the great tragedies of mankind is that morality has been hijacked by religion." Arthur C. Clark

        Revista "Com'Out"
        #983

        Offline MuscleCub

        • *****
        • Membro Ultra
        Back, também detesto sensacionalismo, mas em Portugal não há mercado para termos mais de uma publicação LGBT, como sucede noutros países europeus. E sabes tão bem quanto eu que na população lgbt nem toda a gente é culta e bem formada. Por isso, o ideal é que a revista tenha arte e engenho para conjugar conteúdos mais leves e outros mais eruditos para tentar cativar o maior número possível de leitores. Caso contrário, a revista não se aguentará do ponto de vista financeiro, e eu prefiro que haja uma publicação mediana que venda e se aguente por bons anos, do que uma publicação excelente que não se aguente mais que uma ou duas edições. Talvez daqui a dez anos haja público para um revista vocacionada para público com elevada formação pessoal, mas de momento não é possível.
          Monárquico, conservador-liberal, capitalista, sem seita, loja ou templo.

          Revista "Com'Out"
          #984

          Offline τοRoyalSizeΚΞ

          • *****
          • Orador(a)
          • Membro Vintage
          • Género: Masculino
          A Com'Out já o fez no passado com a vocalista dos The Gift, que foi capa de revista.

          O meu tipo de artigos favoritos da Com'Out são aqueles que primam pela novidade, coisas que não encontramos na internet e noutros sítios, como as entrevistas e artigos de opinião a ativistas, deputados, associações, representantes de entidades importantes, etc. Como foi o caso de entrevistas à Elza Pais, Secretária de Estado para a Igualdade; ao Miguel Vale de Almeida; ao José Soeiro do BE; etc.

          Também gostava da rábula do "Está Lá", pois dava-nos opiniões únicas de várias personalidades, e isso é importante, sabermos quem está do nosso lado ou não (por assim dizer), quem se sente incomodado, etc.

          A aposta não tem necessariamente de passar sempre pelo sensacionalismo, mas pela qualidade, e concordo com os ensaios fotográficos de qualidade, nada de erótico ou pornográfico, a não ser que se convidem fotógrafos de renome a apresentar ensaios artísticos de qualidade e que passem no máximo pelo erotismo. Mas a principal motivação de compra de uma revista desta não deveria ser a meu ver uma coisa baseada no sexual, para isso há outros meios.

          Entrevistas a cantores, músicos, deputados, personalidades, atores, embaixadores, associações, e por aí, isso sim, seria bom. Estudos inéditos, como entrevistas de rua em certas cidades; roteiros LGBT, por exemplo, um dia a passear no Porto, o que visitar, onde comer, e que passe pelos mais variados preços, estabelecimentos LGBT-friendly.

          My opinion.

            Revista "Com'Out"
            #985

            Offline filipepaulo

            • *****
            • Membro Elite
            • 9 Julho 2011 - MOP + Porto Pride - foi liiiiiiido!
              • PortugalGay.pt
            O meu tipo de artigos favoritos da Com'Out são aqueles que primam pela novidade, coisas que não encontramos na internet e noutros sítios, como as entrevistas e artigos de opinião a ativistas, deputados, associações, representantes de entidades importantes, etc. Como foi o caso de entrevistas à Elza Pais, Secretária de Estado para a Igualdade; ao Miguel Vale de Almeida; ao José Soeiro do BE; etc.

            Também gostava da rábula do "Está Lá", pois dava-nos opiniões únicas de várias personalidades, e isso é importante, sabermos quem está do nosso lado ou não (por assim dizer), quem se sente incomodado, etc.

            A aposta não tem necessariamente de passar sempre pelo sensacionalismo, mas pela qualidade, e concordo com os ensaios fotográficos de qualidade, nada de erótico ou pornográfico, a não ser que se convidem fotógrafos de renome a apresentar ensaios artísticos de qualidade e que passem no máximo pelo erotismo. Mas a principal motivação de compra de uma revista desta não deveria ser a meu ver uma coisa baseada no sexual, para isso há outros meios.

            Entrevistas a cantores, músicos, deputados, personalidades, atores, embaixadores, associações, e por aí, isso sim, seria bom. Estudos inéditos, como entrevistas de rua em certas cidades; roteiros LGBT, por exemplo, um dia a passear no Porto, o que visitar, onde comer, e que passe pelos mais variados preços, estabelecimentos LGBT-friendly.

            My opinion.

            boas... já viste que isso é praticamente a descrição da secção Gay da TimeOut Lisboa e TimeOut Porto?

            E resume-se a duas páginas mensais...
              PortugalGay.pt - desde 1996 o site para todos os LGBTH em Português.

              Revista "Com'Out"
              #986

              Offline τοRoyalSizeΚΞ

              • *****
              • Orador(a)
              • Membro Vintage
              • Género: Masculino
              O meu tipo de artigos favoritos da Com'Out são aqueles que primam pela novidade, coisas que não encontramos na internet e noutros sítios, como as entrevistas e artigos de opinião a ativistas, deputados, associações, representantes de entidades importantes, etc. Como foi o caso de entrevistas à Elza Pais, Secretária de Estado para a Igualdade; ao Miguel Vale de Almeida; ao José Soeiro do BE; etc.

              Também gostava da rábula do "Está Lá", pois dava-nos opiniões únicas de várias personalidades, e isso é importante, sabermos quem está do nosso lado ou não (por assim dizer), quem se sente incomodado, etc.

              A aposta não tem necessariamente de passar sempre pelo sensacionalismo, mas pela qualidade, e concordo com os ensaios fotográficos de qualidade, nada de erótico ou pornográfico, a não ser que se convidem fotógrafos de renome a apresentar ensaios artísticos de qualidade e que passem no máximo pelo erotismo. Mas a principal motivação de compra de uma revista desta não deveria ser a meu ver uma coisa baseada no sexual, para isso há outros meios.

              Entrevistas a cantores, músicos, deputados, personalidades, atores, embaixadores, associações, e por aí, isso sim, seria bom. Estudos inéditos, como entrevistas de rua em certas cidades; roteiros LGBT, por exemplo, um dia a passear no Porto, o que visitar, onde comer, e que passe pelos mais variados preços, estabelecimentos LGBT-friendly.

              My opinion.
              boas... já viste que isso é praticamente a descrição da secção Gay da TimeOut Lisboa e TimeOut Porto?

              E resume-se a duas páginas mensais...
              Oi, não conheço bem essas duas edições, mas se o é assim, então bastaria agora fazer uma publicação com mais informação do género :)

                Revista "Com'Out"
                #987

                Offline jamie

                • **
                • Membro Júnior
                • Género: Masculino
                O meu tipo de artigos favoritos da Com'Out são aqueles que primam pela novidade, coisas que não encontramos na internet e noutros sítios, como as entrevistas e artigos de opinião a ativistas, deputados, associações, representantes de entidades importantes, etc. Como foi o caso de entrevistas à Elza Pais, Secretária de Estado para a Igualdade; ao Miguel Vale de Almeida; ao José Soeiro do BE; etc.

                Também gostava da rábula do "Está Lá", pois dava-nos opiniões únicas de várias personalidades, e isso é importante, sabermos quem está do nosso lado ou não (por assim dizer), quem se sente incomodado, etc.

                A aposta não tem necessariamente de passar sempre pelo sensacionalismo, mas pela qualidade, e concordo com os ensaios fotográficos de qualidade, nada de erótico ou pornográfico, a não ser que se convidem fotógrafos de renome a apresentar ensaios artísticos de qualidade e que passem no máximo pelo erotismo. Mas a principal motivação de compra de uma revista desta não deveria ser a meu ver uma coisa baseada no sexual, para isso há outros meios.

                Entrevistas a cantores, músicos, deputados, personalidades, atores, embaixadores, associações, e por aí, isso sim, seria bom. Estudos inéditos, como entrevistas de rua em certas cidades; roteiros LGBT, por exemplo, um dia a passear no Porto, o que visitar, onde comer, e que passe pelos mais variados preços, estabelecimentos LGBT-friendly.

                My opinion.
                boas... já viste que isso é praticamente a descrição da secção Gay da TimeOut Lisboa e TimeOut Porto?

                E resume-se a duas páginas mensais...
                Oi, não conheço bem essas duas edições, mas se o é assim, então bastaria agora fazer uma publicação com mais informação do género :)

                Não me recordo de ver entrevistas como a da Elza Pais ou artigos de opinião como os do Miguel Vale de Almeida ou José Soeiro na Time Out...
                  The Greatest Thing You Will Ever Learn, Is Just To Love, And Be Loved In Return

                  Revista "Com'Out"
                  #988

                  Offline choice

                  • *****
                  • Membro Ultra
                  • Género: Feminino
                  O meu tipo de artigos favoritos da Com'Out são aqueles que primam pela novidade, coisas que não encontramos na internet e noutros sítios, como as entrevistas e artigos de opinião a ativistas, deputados, associações, representantes de entidades importantes, etc. Como foi o caso de entrevistas à Elza Pais, Secretária de Estado para a Igualdade; ao Miguel Vale de Almeida; ao José Soeiro do BE; etc.

                  Também gostava da rábula do "Está Lá", pois dava-nos opiniões únicas de várias personalidades, e isso é importante, sabermos quem está do nosso lado ou não (por assim dizer), quem se sente incomodado, etc.

                  A aposta não tem necessariamente de passar sempre pelo sensacionalismo, mas pela qualidade, e concordo com os ensaios fotográficos de qualidade, nada de erótico ou pornográfico, a não ser que se convidem fotógrafos de renome a apresentar ensaios artísticos de qualidade e que passem no máximo pelo erotismo. Mas a principal motivação de compra de uma revista desta não deveria ser a meu ver uma coisa baseada no sexual, para isso há outros meios.

                  Entrevistas a cantores, músicos, deputados, personalidades, atores, embaixadores, associações, e por aí, isso sim, seria bom. Estudos inéditos, como entrevistas de rua em certas cidades; roteiros LGBT, por exemplo, um dia a passear no Porto, o que visitar, onde comer, e que passe pelos mais variados preços, estabelecimentos LGBT-friendly.

                  My opinion.
                  boas... já viste que isso é praticamente a descrição da secção Gay da TimeOut Lisboa e TimeOut Porto?

                  E resume-se a duas páginas mensais...
                  Oi, não conheço bem essas duas edições, mas se o é assim, então bastaria agora fazer uma publicação com mais informação do género :)

                  Não me recordo de ver entrevistas como a da Elza Pais ou artigos de opinião como os do Miguel Vale de Almeida ou José Soeiro na Time Out...

                  A entrevista com a Elsa Pais saiu no último número.

                    Revista "Com'Out"
                    #989

                    Offline Adinatha

                    • *****
                    • Membro Ultra
                    • Género: Feminino
                    • Can you hear me, Major Tom?
                      • z3r0sum - o meu blog
                    .

                    E resume-se a duas páginas mensais...

                    Nanão :) semanais :p
                      Eleven dimensions, parallel universes and a world made of strings. It's not science fiction. It's String Theory.

                      Revista "Com'Out"
                      #990

                      Offline τοRoyalSizeΚΞ

                      • *****
                      • Orador(a)
                      • Membro Vintage
                      • Género: Masculino
                      O meu tipo de artigos favoritos da Com'Out são aqueles que primam pela novidade, coisas que não encontramos na internet e noutros sítios, como as entrevistas e artigos de opinião a ativistas, deputados, associações, representantes de entidades importantes, etc. Como foi o caso de entrevistas à Elza Pais, Secretária de Estado para a Igualdade; ao Miguel Vale de Almeida; ao José Soeiro do BE; etc.

                      Também gostava da rábula do "Está Lá", pois dava-nos opiniões únicas de várias personalidades, e isso é importante, sabermos quem está do nosso lado ou não (por assim dizer), quem se sente incomodado, etc.

                      A aposta não tem necessariamente de passar sempre pelo sensacionalismo, mas pela qualidade, e concordo com os ensaios fotográficos de qualidade, nada de erótico ou pornográfico, a não ser que se convidem fotógrafos de renome a apresentar ensaios artísticos de qualidade e que passem no máximo pelo erotismo. Mas a principal motivação de compra de uma revista desta não deveria ser a meu ver uma coisa baseada no sexual, para isso há outros meios.

                      Entrevistas a cantores, músicos, deputados, personalidades, atores, embaixadores, associações, e por aí, isso sim, seria bom. Estudos inéditos, como entrevistas de rua em certas cidades; roteiros LGBT, por exemplo, um dia a passear no Porto, o que visitar, onde comer, e que passe pelos mais variados preços, estabelecimentos LGBT-friendly.

                      My opinion.
                      boas... já viste que isso é praticamente a descrição da secção Gay da TimeOut Lisboa e TimeOut Porto?

                      E resume-se a duas páginas mensais...
                      Oi, não conheço bem essas duas edições, mas se o é assim, então bastaria agora fazer uma publicação com mais informação do género :)
                      Não me recordo de ver entrevistas como a da Elza Pais ou artigos de opinião como os do Miguel Vale de Almeida ou José Soeiro na Time Out...
                      A entrevista com a Elsa Pais saiu no último número.
                      Não sei se saiu uma entrevista com a Elza Pais no último número da Time Out, mas sei que saiu uma entrevista com a Elza Pais no último número da Com'Out :)

                        Revista "Com'Out"
                        #991

                        Offline lxmartini

                        • *****
                        • Membro Ultra
                        • Género: Masculino
                        Bom, eu comprei a 1ª edição após o re-lançamento. Porém a 2ª nem cá chegou, pelo menos não a vi. É uma pena.
                        Espero que abram outra :)

                        Eu acho que falta realmente haver uma secção para eles, e outra para elas. Pois afinal LGBT não é só composto por homens. Depois, os conteúdos quanto mais diversificados e organizados, melhor.
                        E não concordo que havia demasiado erotismo. Havia numa quantidade aceitável, eu pelo menos gostei de como estava. :)

                           

                          Tópicos relacionados

                            Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                          9 Respostas
                          14111 Visualizações
                          Última mensagem 11 de Outubro de 2008
                          por Rovisco
                          "O nosso comig out em Évora/Alentejo"

                          Iniciado por NecroRomancist « 1 2 ... 20 21 » Évora

                          410 Respostas
                          66993 Visualizações
                          Última mensagem 29 de Junho de 2010
                          por Inesmargarida
                          27 Respostas
                          8162 Visualizações
                          Última mensagem 5 de Outubro de 2008
                          por Remu
                          13 Respostas
                          3328 Visualizações
                          Última mensagem 25 de Março de 2011
                          por jamie
                          18 Respostas
                          2583 Visualizações
                          Última mensagem 21 de Janeiro de 2012
                          por APC