rede ex aequo

Olá Visitante08.dez.2019, 10:20:49

Autor Tópico: Estilos diferentes  (Lida 41793 vezes)

 
Estilos diferentes
#0

Yumi

  • Visitante
Como sabem hoje em dia, existem estilos diferentes nos quais nós nos identificamos mais, vou dar alguns exemplos para estarem cientes do que se realmente trata este tópico:

Góticos:

A subcultura gótica (chamada de Dark no início dos anos oitenta no Brasil) é uma subcultura contemporânea presente em muitos países. Teve início no Reino Unido durante o final da década de 1970 e início da década de 1980, derivado também do gênero pós-punk. A subcultura gótica abrange um estilo de vida, estando a ela associados, principalmente, gostos musicais dos anos 80 até o presente (darkwave/gothic rock, death rock, trip hop, ebm, synthpop, indie, etc.), estética (visual, "moda", vestuário, etc) com maquiagem e penteados alternativos (cabelos coloridos, desfiados, desarrumados) e uma certa bagagem filosófica. A música se volta para temas que glamourizam a decadência, o niilismo, o hedonismo e o lado sombrio. A estética sombria traduz-se em vários estilos de vestuário, desde death rock, punk, andrógino, renascentista e vitoriano, ou combinações dos anteriores, essencialmente baseados no negro, muitas vezes com adições coloridas e cheias de acessórios baseadas em filmes futuristas no caso dos cyber goths.


Punks:

Denomina-se cultura punk os estilos dentro da produção cultural que possuem certas características comuns àquelas ditas punk, como por exemplo o princípio de autonomia do faça-você-mesmo, o interesse pela aparência tosca e agressiva, a simplicidade, o sarcasmo niilista e a subversão da cultura. Entre os elementos culturais punk estão: o estilo musical, a moda, o design, as artes plásticas, o cinema, a poesia, e também o comportamento (podendo incluir ou não princípios éticos e políticos definidos), expressões linguísticas, símbolos e outros códigos de comunicação.


Hippie:

Os "hippies" (no singular, hippie) eram parte do que se convencionou chamar movimento de contracultura dos anos 60. Adotavam um modo de vida comunitário ou estilo de vida nômade, negavam o nacionalismo e a Guerra do Vietnã, abraçavam aspectos de religiões como o budismo, hinduismo, e/ou as religiões das culturas nativas norte-americanas e estavam em desacordo com valores tradicionais da classe média americana. Eles enxergavam o paternalismo governamental, as corporações industriais e os valores sociais tradicionais como parte de um establishment único, e que não tinha legitimidade.

Satánicos:

O satanismo é um movimento religioso e filosófico centrado em torno de Satã ou outra entidade identificada com Satã, ou centrado nas forças da natureza, em particular da natureza humana, representada por Satã como um arquétipo. Ao contrário de muitas religiões e filosofias, o satanismo foca a sua atenção no avanço espiritual e/ou hedonista do indivíduo em vez de a focar na submissão a uma divindade ou a um conjunto de códigos morais. Existem vários tipos de satanistas na sociedade contemporânea.

Otakus:

Otaku (おたく, オタク ou ヲタク) é um termo usado no Japão para designar um fanático por um determinado assunto, qualquer que seja. No imaginário japonês, a maioria dos otakus são indivíduos com tendência a se isolar socialmente, que se atiram de forma obsessiva a um hobby qualquer, chegando em seu ápice a apresentar sintomas de fobia social e de comportamento esquivo.

No ocidente, a palavra é utilizada como uma gíria para rotular fãs de animes e mangás em geral (Otome no feminino), em uma clara mudança de sentido em relação ao idioma de origem do termo. Muitos membros da comunidade acham o termo ofensivo por não concordarem com a distorção de sentido do mesmo e se recusam a ser chamados assim. O termo é normalmente utilizado apenas dentro da comunidade de fãs de anime e mangás e de falantes do idioma japonês, sendo portanto desconhecido para o grande público.

Emos:


Emo (abreviação do inglês emotional) é um gênero de música derivado do Hardcore. O termo foi originalmente dado às bandas do cenário punk de Washington, DC que compunham num lirismo mais emotivo que o habitual.


Estes são alguns dos estilos que eu conheço, as informações foram todas retiradas da Wikipédia, espero que estejam mais cientes do que realmente desejo falar, então aqui vai: Onde dessas comunidades/estilos identificavam-se mais e porquê?

Eu ainda não tenho nenhum mas se fosse era para o Otaku porque adoro Anime desde há muitos anos! se bem que também respeito as outras  ;)

    Estilos diferentes
    #1

    Offline Blue eyes

    • **
    • Membro Júnior
    • Género: Feminino
    É so para escrever no novo tópico da minha amiga...
    Não me identifico com nenhum...
    Gosto de piercings, mas só tenho um na orelhita... Não sou muito radical... Com a idade e com o trabalho tb vais tendo de alterar o teu estilo...
    Respeito todos... mas sou... tipo... "normal" (seja lá o que isso for)
      És a minha luz...

      Estilos diferentes
      #2

      Offline Lady L

      • *****
      • Membro Elite
      • Género: Feminino
      • ...
        • Imperfect Lady
      Gosto particularmente do estilo gótico, a música, a mentalidade, até a própria roupa, sempre me chamaram à atenção.
      É um dos estilos que simplesmente, me fascina [smiley=hipnotizado.gif]
      Tenho amigos/conhecidos de todos esses estilos. É engraçado ver quando estamos todos juntos, a diferença de estilos que se encontra ali, mas ao mesmo tempo, a forte amizade que temos, o respeito. :)
      Não me identifico com nenhum em especial. Ouço a música que quero (que por acaso é uma grande mistura de estilos), visto-me como quero (se hoje apetecer usar roupa preta, não quer obrigatoriamente dizer que sou gótica nem nada do género).
      Resumidamente, sou uma mistura de estilos lol
        "After all, computers crash, people die, relationships fall apart. The best we can do is breath and reboot."

        Imperfect Lady & Inspirações da L

        Estilos diferentes
        #3

        Yumi

        • Visitante
        Gosto particularmente do estilo gótico, a música, a mentalidade, até a própria roupa, sempre me chamaram à atenção.
        É um dos estilos que simplesmente, me fascina [smiley=hipnotizado.gif]
        Tenho amigos/conhecidos de todos esses estilos. É engraçado ver quando estamos todos juntos, a diferença de estilos que se encontra ali, mas ao mesmo tempo, a forte amizade que temos, o respeito. :)
        Não me identifico com nenhum em especial. Ouço a música que quero (que por acaso é uma grande mistura de estilos), visto-me como quero (se hoje apetecer usar roupa preta, não quer obrigatoriamente dizer que sou gótica nem nada do género).
        Resumidamente, sou uma mistura de estilos lol

        sim ^_^ a amizade, e o respeito conta muito  :) e o que interessa é que todos nós fazemos as nossas diferenças  ;)

          Estilos diferentes
          #4

          NecroRomancist

          • Visitante
          Acho que sou um pouco Otaku em tudo o que faço :)

            Estilos diferentes
            #5

            Yumi

            • Visitante
            Acho que sou um pouco Otaku em tudo o que faço :)

             lol lol eu também o sou  ::)

              Estilos diferentes
              #6

              NecroRomancist

              • Visitante
              Acho que sou um pouco Otaku em tudo o que faço :)

               lol lol eu também o sou  ::)

              Por vezes n é muito saudável.

              Aparte - Quando vejo o teu avatar lembro-me sempre do Ikki o irmão do Shun..Vendo bem todos nessa série eram Otaku porque todos deixaram a sua vida para trás para dedicarem-se exclusivamente à sua arte..
              O cavaleiro do dragão por acaso era muito giro :P

                Estilos diferentes
                #7

                Offline tinat

                • ****
                • Membro Sénior
                • Género: Feminino
                Acho que não tenho estilo nenhum!!! Designo-me uma menina sem estilo, (Apesar de ter um lado muito desportista)! ::) lol
                Gosto de tudo um pouco, desde musica, programas de tv, roupas, teatro, etc.....
                  =) A vida é um bem precioso muito curto, por isso acorda para a vida e sê feliz!... ;)

                  Estilos diferentes
                  #8

                  Yumi

                  • Visitante
                  Acho que sou um pouco Otaku em tudo o que faço :)

                   lol lol eu também o sou  ::)

                  Por vezes n é muito saudável.

                  Aparte - Quando vejo o teu avatar lembro-me sempre do Ikki o irmão do Shun..Vendo bem todos nessa série eram Otaku porque todos deixaram a sua vida para trás para dedicarem-se exclusivamente à sua arte..
                  O cavaleiro do dragão por acaso era muito giro :P

                  Ah mas esse é o Shun  8)

                    Estilos diferentes
                    #9

                    Hi-Fi

                    • Visitante
                    *mete o dedinho no ar, com vergonha* e se eu nao me enquadrar em nenhum desses estilos? tenho que procurar ajuda psicologica?  :-X
                    eheheheeh

                      Estilos diferentes
                      #10

                      A_Dangerous_Mind

                      • Visitante
                      eu nao posso dizer que me enquadro num em especifico, ja tive uma fase de gotico, assim com um estilo bem pesado, mas com o começo da busca pela minha identidade comecei a criar um estilo próprio com influencias do Gotico, Punk, Emo e até Otaku.
                      É muito melhor não seguir modas e apenas sermos nós próprios.  ;D

                        Estilos diferentes
                        #11

                        Yumi

                        • Visitante
                        Deve existir mais estilos mas estes são os que me lembro, se alguém souber que meta aqui  :D

                          Estilos diferentes
                          #12

                          Offline Diabinha

                          • ****
                          • Membro Sénior
                          • Género: Feminino
                          O que interessa é o interior de cada um.
                          Conheço pessoal de todos os grupos e infelizmente nem sempre praticam o que apregoam.  Limitam-se a ser punks, rastas, dreads, goticos, só pk é fixe e tal e até usam umas roupas porreiras e tals, mas depois em termos de atitudes, acções, não há PLUR pra ninguem!!!
                          Tá mal!!
                          Eu nunca andei vestida dos pés à cabeça de modo a enquadrar-me fosse onde fosse.
                          Sou eu...  vestia-me como me apetecia.
                          Tá bem ke ainda tenho as Doc, as All Star, as calças tão justas que nem sei como é ke o pé passava e a indispensável tshirt dos Ramones!  Ainda assim nunca fui punk ou kk coisa que me valha.
                          Não gosto de rótulos em nada  ;D

                            Estilos diferentes
                            #13

                            hal

                            • Visitante
                            Punks:

                            Denomina-se cultura punk os estilos dentro da produção cultural que possuem certas características comuns àquelas ditas punk, como por exemplo o princípio de autonomia do faça-você-mesmo, o interesse pela aparência tosca e agressiva, a simplicidade, o sarcasmo niilista e a subversão da cultura. Entre os elementos culturais punk estão: o estilo musical, a moda, o design, as artes plásticas, o cinema, a poesia, e também o comportamento (podendo incluir ou não princípios éticos e políticos definidos), expressões linguísticas, símbolos e outros códigos de comunicação.


                            punks <3

                              Estilos diferentes
                              #14

                              Offline Filipe V.

                              • *****
                              • Membro Ultra
                              • Género: Masculino
                              • "I am right here... SKEITH!" — Haseo —
                                • SIN
                              Deve existir mais estilos mas estes são os que me lembro, se alguém souber que meta aqui  :D

                              Ui... Ha tantas tribos urbanas que até assusta!

                              Punks
                              Góticos
                              Headbangers
                              Hippies
                              Otakus
                              Rivetheads
                              Geeks
                              Rappers
                              Emos
                              Skinheads
                              Rastafari
                              Patricinha

                              in wikipédia
                              (Mas há mais  lol )

                              Eu considero-me um tipico "wanna be"  lol - gosto de muitos estilos mas nunca chego a ser nenhum!


                                SIN - Visitem o Blog! :D

                                "Epitaph of Twilight, I see you've reached it as well."
                                — Helba —

                                Estilos diferentes
                                #15

                                Offline Lady L

                                • *****
                                • Membro Elite
                                • Género: Feminino
                                • ...
                                  • Imperfect Lady
                                Eu considero-me um tipico "wanna be"  lol - gosto de muitos estilos mas nunca chego a ser nenhum!

                                Era mesmo aí que queria chegar. lol :P
                                  "After all, computers crash, people die, relationships fall apart. The best we can do is breath and reboot."

                                  Imperfect Lady & Inspirações da L

                                  Estilos diferentes
                                  #16

                                  Offline Arms

                                  • *****
                                  • Membro Vintage
                                  • Género: Masculino
                                    • Reflection
                                  Neo-hippie

                                  Os Neo-Hippies surgiram no início do século XXI. São visualmente semelhantes aos hippies originais: têm os cabelos compridos, usam roupas consideradas incomuns ao resto da sociedade. Costumam usar roupas ou acessórios vindos dos Andes e ao mesmo tempo roupas "de grife", outros, mais radicais, incluso manufacturam suas próprias vestimentas. Algumas diferencas em relacao aos Hippies merecem ser destacadas: nao têm nenhum fundo critico social e podem ser considerados mais conservadores do que contestadores. Uma outra diferenca e o compromisso pelo nao engajamento qualquer com a politica, os neo-hippies nao creem na politica e alguns, mais ceticos, ja nem em gnomos. O uso de drogas psicotrópicas alucinógenas tais como maconha e ácido licérgico também são comuns, e mesmo exigidos em algumas ocasioes. Normalmente não vivem em comunidades e ocasionalmente promovem encontros que envolvem canto e celebração da vida. A presenca feminina nestes encontros e bem-vinda porém nao e muito consideravel. É comum de subexistam de venda de artesanato, e costumam apreciar músicos das décadas de 60 e 70, como Bob Marley, Janis Joplin e Jimi Hendrix, Jethro Tull, Yes, Genesis, (somente quando o Peter Gabriel era o band-leader) e outros. Também é comum que ouçam bandas de rock e cantores de MPB como Cazuza, Leoni, Leo Jaime, Cassia Eller, Mutantes, Secos e Molhados. Sao extremamente saudosistas e se recusam a conhecer a musica popular de seus dias. Os neo-hippies costumam meditar durante periodos do dia, usando incensos e outros apetrechos. Esses momentos sao de extrema importancia em suas vidas permitindo-os se conhecer cada vez mais. Podem passar horas e horas ser ter nenhum pensamento, tamanho seu poder de concentracao. Estas longas meditacoes os impedem de trabalhar ou estudar como uma pessoa normal, mas sao responsaveis por um desenvolvimento espiritual raramente visto atualmente. No Brasil, a maior parte deles esta concentrada na cidade de Belo Horizonte, sendo que a maioria costuma ter a idade entre 13 e 29 anos. Muitos deles ainda vivem com os pais sendo os mais autonomos encontrados em "Republicas". Normalmente nao tem independência financeira mas vivem como se tivessem. Assim como nas décadas de 60 e 70, os neo-hippies são desapegados aos bens materias como carros, computadores, etecetera, e são em geral socialmente excluidos devido à sua conduta incomum e hábitos hoje considerados anti-higiênicos.



                                  Clubber

                                  Os clubber são pessoas que seguem a ideologia do PLUR, que em ingles significa: Peace(Paz) Love(amor) Unity(união) Respect(respeito) Clubber - Do inglês, o que frequenta os clubs(danceterias) nos meanos dos anos 90, levaram o Techno ao meanstream, e a cultura noturna pelas grandes metrópoles. Os clubbers se vestem de uma maneira extravagante, em geral dá pra reconhecer um pelas blusas coloridas, com personagens de desenhos japoneses, saias e calças coloridas, leggins, tênis coloridos, o armário é geralmente 50% verniz, maquiagens que brilham no escuro, estrelinhas, glitter, glimmer, sombras coloridas (de rosa-choque a azul-piscina), piercings, tatuagens tribais, cabelos estranhos que variam de verde-limão a rosa-choque. As meninas abusam de pulseiras e colares coloridos, tic-tacs para cabelo de todas as cores e imagináveis, piranhas, anéis supercoloridos e grandes.

                                  Em geral, clubbers tem como referência de encontro em Raves ou [clubinhos].Nesta, os sub-gêneros de e-music são tocados como: Techno, Trip-Hop, Jungle, Underground, Drum´n´Bass e Trance.

                                  Clubber por todo mundo fizeram nome e fama. Em São Paulo nomes como Jhonny Luxo, em NY Michael Alig, Amanda Lepore, e outras figuras



                                  Classic Lolita

                                  Classic Lolita (ou Classical Lolita) é uma subcategoria do estilo moda japonesa Lolita, e tende a ser mais maduro e similar da era vitoriana e rococó.

                                  O classical lolita se caracteriza pelas cores mais clássicas, tais como vinho, esmeralda e creme e pelas estmapas florais maduras e xadrez. Seus acessórios são mais elegantes que os dos outros estilos de Loli: camafeus, flores articiais, pérolas, minicartolas e laços bem aplicados são comuns. Muitas roupas em estilo classical lolita possuem a chamada cintura imperial, logo abaixo do busto, e as saias às vezes são mais longas que as dos outros estilos lolita.

                                  Juliette et Justine



                                  Betos

                                  Os betos, de qualquer sexo usam sapatos de vela, de preço não inferior a dez contos (50€), de preferência da marca Rockport. As betas usam brincos em formato de grandes argolas, provavelmente para servirem de baloiço a canários e outras aves de pequeno porte. Os betos usam risco ao lado no cabelo, e não deveriam usar barba, bigode ou pera. Roupa ser de uma marca reconhecida pelos outros betos é um atentado ao bom gosto. Em termos musicais ouviam especialmente pop e algum punk comercial.

                                  O conceito foi-se adaptando nos últimos anos, se bem que mantendo-se sempre fiel ao seu principio de fachadas. Fica então uma pequena lista do que se deve fazer para ser beto(a).

                                  Ambos os sexos:
                                  - Frequentar, ou dizer que frequenta, os locais de diversão nocturna do “autorizados” e visitados por betos de maior visibilidade
                                  - Ouvir a música da MTV (dai o facto de o estilo principal de musica entre os betos ter passado do pop para o hip hop. Se a MTV mudar, eles mudam)
                                  - Usar o “MSN” e ter nicks com cores e/ou ter o nick com alternância de maiúsculas/minúsculas
                                  - Achar que roupa menos dispendiosa que uma saída à noite não deva ser usada
                                  - Achar-se culto por ir ao cinema ver os últimos filmes de acção e comédia
                                  - Filiar-se na juventude de um partido do centro-esquerda ou de qualquer zona da direita (nota que existe muita gente nestas associações que não são betos) no máximo a partir dos 20
                                  - Usar um relógio maior que o pulso e de cor berrante (de marca obvio)
                                  - Óculos escuros com uma área de cada lente não inferior à palma da mão
                                  - Ter o sonho secreto de aparecer nos morangos com açúcar

                                  Betos:
                                  - Cortar o cabelo no formato autorizado de franja a cobrir toda a testa de risco ao lado, ou similar, e tapando as orelhas
                                  - 90% da sua roupa para o tronco serem pólos e camisas (de marca claro)
                                  - Afirmar-se um D. Juan
                                  - Não usar outro calçado que não sapatos de vela, ou ténis de cor berrante
                                  - Não aceitar relacionamentos afectivos com não-betos

                                  Betas:
                                  - Usar um corte de cabelo parecido com o dos betos, mas em formato XL, de preferência solto ou com ganchos de forma a torna-lo ainda mais estranho (coloração loira, nem que seja pintada, é muito valorizada)
                                  - Usar cores berrantes, com grande incidência sobre os rosas choque
                                  - Brincos de grande tamanho, com particular gosto pelos que podem servirem de baloiço a aves
                                  - Saber sem falha identificar pelo cheiro qualquer perfume com anúncio televisivo
                                  - Usar cintos e pulseiras com apliques metálicos semelhantes a picos (na fase inicial dos betos este tipo de item era considerado apenas como algo dos góticos, de quem os betos não gostam particularmente, mas por um qualquer motivo de repente tornaram-se populares)
                                  - Saber fazer a distinção entre beto e tia (mais ninguém faz ideia de que existam diferenças)
                                  - Usar mini saias pouco mais largas que um cinto largo, e especialmente no Inverno (para mim não faz muito sentido, mas deve ter uma explicação lógica, penso eu)
                                  - Não aceitar relacionamentos afectivos com não-betos

                                  Se os betos por este texto que escrevi parecerem demasiadamente fúteis, talvez seja porque os vejo assim. Espero que esteja enganado, e que seja apenas a aparência a iludir-me. Espero não ter ofendido ninguém, visto não ser essa a intenção.


                                    Se dependes unicamente dos outros para seres feliz prepara-te para ficares desiludido.
                                    Instead of telling people to plan ahead, we should tell them to plan to be surprised.

                                    Estilos diferentes
                                    #17

                                    Offline Lady L

                                    • *****
                                    • Membro Elite
                                    • Género: Feminino
                                    • ...
                                      • Imperfect Lady
                                    Betos

                                    Os betos, de qualquer sexo usam sapatos de vela, de preço não inferior a dez contos (50€), de preferência da marca Rockport. As betas usam brincos em formato de grandes argolas, provavelmente para servirem de baloiço a canários e outras aves de pequeno porte. Os betos usam risco ao lado no cabelo, e não deveriam usar barba, bigode ou pera. Roupa ser de uma marca reconhecida pelos outros betos é um atentado ao bom gosto. Em termos musicais ouviam especialmente pop e algum punk comercial.

                                    O conceito foi-se adaptando nos últimos anos, se bem que mantendo-se sempre fiel ao seu principio de fachadas. Fica então uma pequena lista do que se deve fazer para ser beto(a).

                                    Ambos os sexos:
                                    - Frequentar, ou dizer que frequenta, os locais de diversão nocturna do “autorizados” e visitados por betos de maior visibilidade
                                    - Ouvir a música da MTV (dai o facto de o estilo principal de musica entre os betos ter passado do pop para o hip hop. Se a MTV mudar, eles mudam)
                                    - Usar o “MSN” e ter nicks com cores e/ou ter o nick com alternância de maiúsculas/minúsculas
                                    - Achar que roupa menos dispendiosa que uma saída à noite não deva ser usada
                                    - Achar-se culto por ir ao cinema ver os últimos filmes de acção e comédia
                                    - Filiar-se na juventude de um partido do centro-esquerda ou de qualquer zona da direita (nota que existe muita gente nestas associações que não são betos) no máximo a partir dos 20
                                    - Usar um relógio maior que o pulso e de cor berrante (de marca obvio)
                                    - Óculos escuros com uma área de cada lente não inferior à palma da mão
                                    - Ter o sonho secreto de aparecer nos morangos com açúcar

                                    Betos:
                                    - Cortar o cabelo no formato autorizado de franja a cobrir toda a testa de risco ao lado, ou similar, e tapando as orelhas
                                    - 90% da sua roupa para o tronco serem pólos e camisas (de marca claro)
                                    - Afirmar-se um D. Juan
                                    - Não usar outro calçado que não sapatos de vela, ou ténis de cor berrante
                                    - Não aceitar relacionamentos afectivos com não-betos

                                    Betas:
                                    - Usar um corte de cabelo parecido com o dos betos, mas em formato XL, de preferência solto ou com ganchos de forma a torna-lo ainda mais estranho (coloração loira, nem que seja pintada, é muito valorizada)
                                    - Usar cores berrantes, com grande incidência sobre os rosas choque
                                    - Brincos de grande tamanho, com particular gosto pelos que podem servirem de baloiço a aves
                                    - Saber sem falha identificar pelo cheiro qualquer perfume com anúncio televisivo
                                    - Usar cintos e pulseiras com apliques metálicos semelhantes a picos (na fase inicial dos betos este tipo de item era considerado apenas como algo dos góticos, de quem os betos não gostam particularmente, mas por um qualquer motivo de repente tornaram-se populares)
                                    - Saber fazer a distinção entre beto e tia (mais ninguém faz ideia de que existam diferenças)
                                    - Usar mini saias pouco mais largas que um cinto largo, e especialmente no Inverno (para mim não faz muito sentido, mas deve ter uma explicação lógica, penso eu)
                                    - Não aceitar relacionamentos afectivos com não-betos

                                    Se os betos por este texto que escrevi parecerem demasiadamente fúteis, talvez seja porque os vejo assim. Espero que esteja enganado, e que seja apenas a aparência a iludir-me. Espero não ter ofendido ninguém, visto não ser essa a intenção.



                                    Nunca tinha visto ninguém caracterizar tão bem este grupo lol lol :-X
                                      "After all, computers crash, people die, relationships fall apart. The best we can do is breath and reboot."

                                      Imperfect Lady & Inspirações da L

                                      Estilos diferentes
                                      #18

                                      Yumi

                                      • Visitante
                                      Tenho uma coisa a acrescentar, a palavra "OTAKU" no Japão quer dizer também um fanático de anime que não tem vida social e que fica trancado dia após dia só a ver Anime, agora fora do Japão significa só Fãn de Anime e claro que também gosta de outras coisas

                                      Então nestes termos eu sou uma otaku  :-* eu chamo uma Otaku oriental  lol lol lol

                                        Estilos diferentes
                                        #19

                                        hal

                                        • Visitante
                                        Betos

                                        Os betos, de qualquer sexo usam sapatos de vela, de preço não inferior a dez contos (50€), de preferência da marca Rockport. As betas usam brincos em formato de grandes argolas, provavelmente para servirem de baloiço a canários e outras aves de pequeno porte. Os betos usam risco ao lado no cabelo, e não deveriam usar barba, bigode ou pera. Roupa ser de uma marca reconhecida pelos outros betos é um atentado ao bom gosto. Em termos musicais ouviam especialmente pop e algum punk comercial.

                                        O conceito foi-se adaptando nos últimos anos, se bem que mantendo-se sempre fiel ao seu principio de fachadas. Fica então uma pequena lista do que se deve fazer para ser beto(a).

                                        Ambos os sexos:
                                        - Frequentar, ou dizer que frequenta, os locais de diversão nocturna do “autorizados” e visitados por betos de maior visibilidade
                                        - Ouvir a música da MTV (dai o facto de o estilo principal de musica entre os betos ter passado do pop para o hip hop. Se a MTV mudar, eles mudam)
                                        - Usar o “MSN” e ter nicks com cores e/ou ter o nick com alternância de maiúsculas/minúsculas
                                        - Achar que roupa menos dispendiosa que uma saída à noite não deva ser usada
                                        - Achar-se culto por ir ao cinema ver os últimos filmes de acção e comédia
                                        - Filiar-se na juventude de um partido do centro-esquerda ou de qualquer zona da direita (nota que existe muita gente nestas associações que não são betos) no máximo a partir dos 20
                                        - Usar um relógio maior que o pulso e de cor berrante (de marca obvio)
                                        - Óculos escuros com uma área de cada lente não inferior à palma da mão
                                        - Ter o sonho secreto de aparecer nos morangos com açúcar

                                        Betos:
                                        - Cortar o cabelo no formato autorizado de franja a cobrir toda a testa de risco ao lado, ou similar, e tapando as orelhas
                                        - 90% da sua roupa para o tronco serem pólos e camisas (de marca claro)
                                        - Afirmar-se um D. Juan
                                        - Não usar outro calçado que não sapatos de vela, ou ténis de cor berrante
                                        - Não aceitar relacionamentos afectivos com não-betos

                                        Betas:
                                        - Usar um corte de cabelo parecido com o dos betos, mas em formato XL, de preferência solto ou com ganchos de forma a torna-lo ainda mais estranho (coloração loira, nem que seja pintada, é muito valorizada)
                                        - Usar cores berrantes, com grande incidência sobre os rosas choque
                                        - Brincos de grande tamanho, com particular gosto pelos que podem servirem de baloiço a aves
                                        - Saber sem falha identificar pelo cheiro qualquer perfume com anúncio televisivo
                                        - Usar cintos e pulseiras com apliques metálicos semelhantes a picos (na fase inicial dos betos este tipo de item era considerado apenas como algo dos góticos, de quem os betos não gostam particularmente, mas por um qualquer motivo de repente tornaram-se populares)
                                        - Saber fazer a distinção entre beto e tia (mais ninguém faz ideia de que existam diferenças)
                                        - Usar mini saias pouco mais largas que um cinto largo, e especialmente no Inverno (para mim não faz muito sentido, mas deve ter uma explicação lógica, penso eu)
                                        - Não aceitar relacionamentos afectivos com não-betos

                                        Se os betos por este texto que escrevi parecerem demasiadamente fúteis, talvez seja porque os vejo assim. Espero que esteja enganado, e que seja apenas a aparência a iludir-me. Espero não ter ofendido ninguém, visto não ser essa a intenção.



                                        Nunca tinha visto ninguém caracterizar tão bem este grupo lol lol :-X

                                         lol concordo... os betos são horríveis, desculpem lá :x

                                           

                                          Tópicos relacionados

                                            Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                                          Queer As Folk - Diferentes como Nós

                                          Iniciado por BrainQAF « 1 2 ... 23 24 » Geral

                                          479 Respostas
                                          65684 Visualizações
                                          Última mensagem 8 de Agosto de 2011
                                          por JDelgado
                                          25 Respostas
                                          13752 Visualizações
                                          Última mensagem 9 de Dezembro de 2008
                                          por 2estrelinha3