rede ex aequo

Olá Visitante10.dez.2019, 07:18:32

Autor Tópico: Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto  (Lida 41034 vezes)

 
Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
#0

Offline Sakura

  • *****
  • Associad@ Honorári@
  • Membro Elite
  • Género: Feminino
  • "Nobody sits in my chair."
    • SNAFU
Ao contrário o que possa parecer o Boys realmente pede muitas vezes o bilhete de identidade a quem entra. Há até casos de pessoas de 19/20 anos a quem foi pedido o bilhete de identidade. Tudo bem que isto não acontece sempre mas eles estão verdadeiramente atentos a quem entra ali dentro.
« Última modificação: 4 de Maio de 2007 por barthez »
    "I always felt there were two kinds of people: wolves and sheep - those who kill and those who get killed."

    OFF-TOPIC no Porto
    #1

    Offline Videl

    • *****
    • Membro Ultra
    • Género: Feminino
    • Some place where no-1 calls it wrong
      • Blog
    Eu vou fazer 21 anos daqui a dois meses e há umas semanas pediram-me bilhete de identidade no boys. E a maior problemática da presença de menores, em particular menores de 16 anos em discotecas, LGBT ou não, é o facto de terem acesso a todo o tipo de bebidas alcoólicas. Essa situação não é, de todo, desejável.
    E o moinho realmente tem um ambiente muito pesado. :-X
    « Última modificação: 18 de Fevereiro de 2007 por barthez »
      "-Lesbian?? You think I´m a lesbian? (...)
      - Well, u´re a girl in love with a girl, aren´t u?
      - No! I´m Paulie, in love with Tory!!!Remember?And Tory is, she IS in love with me, because I´m hers, and she´s mine,and neither of us are lesbians!!" - Lost and Delirious

      OFF-TOPIC no Porto
      #2

      Offline Phoenix

      • *****
      • Membro Elite
      • Género: Masculino
      • Non ducor, duco

      A partir do momento em que no boys não autorizam entrar pessoas com 14 anos e no moinho se passa exactamente o contrário acho que isso diz muita coisa de negativo relativamente ao moinho.

      Pessoalmente já tive oportunidade de ver algumas pessoas menores de 16 anos no boys, como também já vi pedirem identificação a justificar o motivo de idade para a entrada no Moinho por isso a minha opinião não seria diferente para os dois locais.


      existe uma idade definida para se entrar numa discoteca LGBT será por algum motivo.

      Um detalhe que considero importante é clarificar que existe uma idade definida para se entrar numa discoteca e não apenas por ser LGBT.  ;)
      « Última modificação: 18 de Fevereiro de 2007 por Scorpio_Angel »
            

        OFF-TOPIC no Porto
        #3

        Lipe22

        • Visitante
        Caros Colegas,

        Relembro que idade minima para frequencia de espaços nocturnos é de 16 anos, embora no caso do boys é de 18 anos, uma vez questionei o proprietário do porquê da medida. Limitou-se a responder que se deve ao facto do espaço exibir filmes porno gay. (Proibido a menores de 18 anos)

        Quem frequenta ou frequentou o boys concerteza já reparou naquela televisão atras no Dj´s.

        Na minha opinião os espaços gay são guetos, se queremos ser aceites pela sociedade não podemos nos limitar a esses espaços. O que caracteriza um bom espaço é sem duvida o seu ambiente no geral. Não é por estar a pinha que que este será um mau espaço.

        Na minha opinião caracterizo um mau espaço aquele que tem um pessimo atendimento, onde nao exista um minimo de segurança e higiene.

        Respeito da vossa opinião.

        GV

          OFF-TOPIC no Porto
          #4

          Offline gumby

          • *****
          • Associad@
          • Membro Elite
          • Género: Feminino
          • It is possible to see a rainbow in the dark.
          Concordo com o que disseste GoodVibes, mas no entanto este parágrafo:

          Na minha opinião os espaços gay são guetos, se queremos ser aceites pela sociedade não podemos nos limitar a esses espaços. O que caracteriza um bom espaço é sem duvida o seu ambiente no geral. Não é por estar a pinha que que este será um mau espaço.

          Na minha opinião caracterizo um mau espaço aquele que tem um pessimo atendimento, onde nao exista um minimo de segurança e higiene.

          Não concordo com a primeira parte. Não considero guetos, mas concordo que as pessoas não se devem limitar.

          Quanto ao segundo parágrafo, pessoalmente, descreve o Moinho de Vento.
          « Última modificação: 4 de Maio de 2007 por barthez »

            OFF-TOPIC no Porto
            #5

            Offline Miguel R. Pereira

            • *
            • Novo Membro
            • Género: Masculino
            Caríssim@s,
            A propósito de alguns comentários e opiniões aqui recentemente expressos, gostaria de esclarecer o seguinte:

            1 - A Lei portuguesa PROÍBE a entrada aos menores de 16 anos em TODOS os establecimentos de diversão nocturna, sejam eles BARES, DISCOTECAS ou os que adoptam a novél terminologia de CAFFE (ou CAFÉ).

            2 - Logo, QUALQUER estabelecimento do género que autorize a entrada de um menor de 16 anos está a infringir a Lei e sujeita-se a pesadas sanções que podem levar, inclusivamente, ao encerramento compulsivo.

            3 - Mas como a Lei Portuguesa contém uma "pérola" adicional que dita que "é proibido o consumo de bebidas alcoólicas de teor superior a 14º./Vol. a menores de 18 anos", tal significa que os proprietários dos estabelecimentos que autorizassem a entrada a jovens entre os 16 e os 18 anos teriam que posicionar um "polícia" por cada um deles, não fosse dar-se o caso de terem um/a amigo/a maior de 18 que lhes fosse buscar um whisky ou um safari e depois lho desse para as mãos. Note-se que a Lei penaliza os estabelecimentos pelo CONSUMO e não pelo facto de o estabelecimento servir directamente a bebida ao indivíduo!!!

            4 - Ora o Boys não dispõe, efectivamente, desse corpo de vigilantes e, portanto, optou por só permitir o acesso a maiores de 18 anos. É esta a razão e não a dos filmes, como se afirmou num post, até porque aí sim, é fácil verificar quem os está ou não a visualizar.

            5 - Mas a preocupação do Boys ultrapassa a própria Lei, já que como alguns saberão (e, eventualmente, lamentarão), não se servem SHOTS! E isto apenas porque está provado que a ingestão dos mesmos constitui a melhor forma de um jovem se embriagar sem dar conta do facto (quando dá, já é tarde demais...).

            6 - Relativamente aos considerandos sobre lucros, está bem de ver que lucraríamos mais em deixar entrar toda a gente e vendendo os ditos shots (só para terem uma ideia, a quantidade de bebida para fazer 4 shots equivale à que é necessária para servir um whisky ou gin normais; o preço dos 4 shots seria de 10€, enquanto o preço de um whisky são 5€!!! Logo, a margem de lucro seria o DOBRO!)

            7 - Não sei qual o critério nas outras casas para filtrar a idade dos clientes, mas sei que no Boys fazêmos um esforço sério para manter o nosso critério. É evidente que às vezes poderá passar uma ou outra pessoa e é por isso que, eu próprio, quando estou a servir copos ao balcão, peço de vez em quando o B.I. às pessoas que me oferecem dúvidas (alguns de vocês já terão passado por esta experiência, LOL).

            8 - Finalmente, quanto ao ambiente, gostaria de realçar o seguinte: em quase 10 anos de funcionamento, tivemos dois clientes que chamaram a PSP por acharem que foram mal tratados e quatro "cenas de pugilato", aliás rapidamente resolvidas. Também não sei qual é a estatística nesta matéria, relativamente aos outros estabelecimentos, mas posso dizer-vos que temos muito orgulho na nossa.

            Espero que este "testamento" tenha servido para esclarecer algumas dúvidas que pudesse haver.

            Aceitem um abraço do
            Miguel Rodrigues Pereira

              Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
              #6

              MisticThought

              • Visitante
              Eu acho que na realidade esta questão é muito relativa. É ainda muito fácil jovens com idades inferiores às permitidas conseguirem entrar em espaços nocturnos.

                Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                #7

                Offline Malik

                • *
                • Novo Membro
                Penso q ha alguma razão para a idade minima estipulada para a entrada nas discotecas e bares pq penso q para tudo deve haver regras; evidente q um jovem com 16 anos pode ainda n ter a maturidade suficiente para saber o q quer e ter a noção do q é melhor p si. N quer dizer q n tenhas mas de certo modo o melhor é dizerem-lhe: tem um pouco de calma. Sou professora e sei q a maioria dos jovens infelizmente n tem essa maturidade; tb é uma questão de educação. Em tudo é preciso liberdade com responsabilidade. Se formos capazes de educar os jovens nesse sentido, penso que esse é o melhor caminho para todos.

                Pq tb n podemos estar apenas a falar das questões do alcool e das drogas; n é apenas nesse ambito q os jovens podem ser desencaminhados ou iludidos. Tb se fala aqui de sexo. E qnto a isso penso q uma jovem q ou ja se descobriu sexualmente, ja sabe a sua orientação ou outra q ainda está a procura de se definir pode ser um pouco "brutal" entrar num bar destes e ser levada por alguem mto mais experiente q depois a iluda e magoe. Nestas questões sou talvez um pouco conservadora, n sei se será a palavra exacta...mas p exemplo no s. joão saí com umas amigas e um amigo e uma moça de 20 anos tentou seduzir-me e logo percebi q o melhor a fazer era dar-lhe a entender q não, q o melhor tanto p ela como p mim, era n o fazermos. Isto é algo intimo, p certo n o devia expor aqui mas isto é apenas q dizer q fui educada com responsabilidade. É evidente q em certos momentos todos nos andamos carentes, nos sentimos sós,e n ha mal nenhum nisso, agora isso pode levar-nos a cometer erros. Tenhamos 20 ou tenhamos 30 anos. É evidente q ha pessoas com 30 anos q n são nada maduras, mas isto p dizer q é importante alertar os jovens em especial para q sejam capazes de ser responsaveis e fazerem o melhor p si e p os outros. Pq sei q ha mta gente q se magoa pq na realidade anda um pouco perdido na vida, n sabe bem o q quer nem o q é melhor p si. É bom q haja sp alguém q lhe abra os olhos, p assim dizer. N falo de sermões pq os sermões são a ultima coisa a resultar mas q o oriente.

                Agora concordo com a mistic Thought q diz q esta questão é mto relativa e q em mtos bares e discotecas n se cumprem as regras e pessoas com idade inferior a estipulada entra. N condeno q entre, agora o q lamento é tudo o q disse anteriormente, é q é importante q esses jovens sejam capazes de viver essa liberdade de uma forma responsavel e q tenham alguem q os oriente nesse sentido. Apenas isso, nada mais.

                N sou moralista e n gosto de o ser em relação aos meus alunos mas procuro incutir-lhes responsabilidade. Nos dias q correm é fundamental.

                Abraço a todos

                  Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                  #8

                  Offline MarcosArcher

                  • *
                  • Novo Membro
                  • Género: Masculino
                  lol, eu entro com 16 no boyz, pride e todas as discos heteras do porto.. nunca fui barrado felizmente!
                    Better make sure that the line is green
                    Keep it confidential, you and me
                    Phonography Phonography

                    Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                    #9

                    Offline My name?

                    • ***
                    • Membro Total
                    • Género: Masculino
                    Ola a todos.
                    Malik concordo cntg quando dizes que os jovens com 16 aninhos sao ainda um pouco imaturos. Ainda nao tem a capacidade de racicionar no calor do momento para pensar no que é melhor para eles. Grande parte sente necessidade de beber para mostrar a sua suposta "maturidade" ou para nao se mostrar fraco bebe numa de acompanhar os amigos por vezes mais velhos. E no caso destes ultimos é lamentavel que alguns ate incitem menores de 16 para o consumo (excessivo ou nao) de bebidas alcoolicas.  Em relaçao a idade necessaria para a entrada em discotecas: minha gente é muuuito relativo, ja vi miudas com 12 anos a entrar em discotecas e pessoas cm 20's e mts a ser pedida a identificaçao (B.I.). Voltando a questao da maturidade, eu falo pk vejo isso quando vou sair a noite e tenho pena dakeles miudos que um dia mais tarde poder-se-ao arrepender. Mas enfim quem me ouvir ate pensa que tenho prai ou mais anos xD mas thank god a mim nc me deu pa andar a apanhar bebedeiras pa impressionar ngm. Na verdade prefiro estar mt sobrio na noite. Nc se sabe o que pode acontecer. Ah e tenho 17 anos embora aparente mais idade, e nunca fui barrado em nenhuma discoteca e saio desde os 12 xD eu sei é mt mau =P 

                      Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                      #10

                      Offline corema

                      • *****
                      • Membro Elite
                      • Género: Feminino
                      Não há uma idade mínima de entrada nas discotecas do Porto. Há sim, uma idade mínima de entrada nas discotecas em Portugal que é 16 anos.
                      Se os estabelecimentos permitem a entrada de pessoas mais novas isso é porque não cumprem a lei e habilitam-se a levar uma multa que até ficam azuis. Isto se não for demasiadas vezes e não lhes fecharem mesmo o estabelecimento.
                      Eu se tivesse uma casa de diversão nocturna, seria de forma a poder ter direito de admissão e não deixava entrar ninguém com menos de 18 anos.

                        Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                        #11

                        Offline My name?

                        • ***
                        • Membro Total
                        • Género: Masculino
                        Nao é assim tao facil ha mts menores que aparentam muita mais idade. Entao, a n ser que  fosses pedir o b.I. A literalmente toda a gente ia haver uns quantos que te enganavam e se infiltrariam =) nao me leves a mal mas é verdade, por muito que os donos n queiram ha de haver smp dois ou tres que eventualmente entram

                          Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                          #12

                          Offline corema

                          • *****
                          • Membro Elite
                          • Género: Feminino
                          Nao é assim tao facil ha mts menores que aparentam muita mais idade. Entao, a n ser que  fosses pedir o b.I. A literalmente toda a gente ia haver uns quantos que te enganavam e se infiltrariam =) nao me leves a mal mas é verdade, por muito que os donos n queiram ha de haver smp dois ou tres que eventualmente entram

                          Olha, eu já trabalhei na noite, embora tenha sido em lisboa e não no porto, e posso garantir-te que não entravam menores de 18 anos no sítio onde trabalhei. Tinha porteiro e sempre que aparecia alguém que aparentasse ter menos de uns 25 era pedido BI  ;) Se não o tivessem, não entravam. Além de porteiro, tinha também seguranças e pelo menos duas visitas por noite da PSP.

                            Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                            #13

                            Offline My name?

                            • ***
                            • Membro Total
                            • Género: Masculino
                            Boa... Entao se cada bar e discoteca do porto puder ter um porteiro, seguranças e psp's força nisso mas parece me altamente improvavel  :-X

                              Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                              #14

                              Offline corema

                              • *****
                              • Membro Elite
                              • Género: Feminino
                              Boa... Entao se cada bar e discoteca do porto puder ter um porteiro, seguranças e psp's força nisso mas parece me altamente improvavel  :-X

                               :) É complicadito sim, mas se houvesse mais fiscalização seria o ideal. Tenho uma boa ideia do que é a vida nocturna de uma cidade grande como Lisboa e sei que claramente, não é ambiente para adolescentes. Para sair e frequentar locais de diversão nocturna é preciso ter alguma maturidade que ninguém com 16 anos pode ter. É um mundo onde existe tudo e a facilidade de seguir por caminhos que não se deve é constante. Devia haver mais fiscalização e muito mais controle das pessoas que frequentam determinados locais.
                              No caso da polícia, não sei como se processa agora, nem como se processa em outros sítios que não o bairro alto. Na altura em que por lá trabalhava, havia vários polícias destacados por noite para fazer ronda aos bares. Dois a dois, iam circulando e fiscalizando os bares do bairro. Apareciam por lá pelo menos duas vezes por noite. Raramente tinham necessidade de passar mais porque o sitio onde eu trabalhava não era local de grandes problemas ou desacatos. No entanto, aconteciam, como acontecem em qualquer lado onde estejam várias pessoas bebedas ou drogadas. E sim, em todos os estabelecimentos de vida nocturna há pessoas alcoolizadas e/ou drogadas. Nós tínhamos os contactos deles e podíamos chamá-los a qualquer instante.

                                Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                                #15

                                Offline My name?

                                • ***
                                • Membro Total
                                • Género: Masculino
                                Sim eu ja trabalhei em 2 bares nao é muito mas ja da pa ter uma ideia do que se passa por um sitio desses e sei ao que te referes. Tbm ja vi mt coisa na vida nocturna dado que saio a uns aninhos e dou te toda a razao quando dizes que a noite nao é sitio para jovens de 16 anos, embora contra mim falando pk eu mesmo cm menos de 16 anos ja a frequentava, mas sempre me mantive afastado de drogas com base na razao mas nem toda a gente pensa como eu. A entrada de jovens em estabelecimentos cm idade inferior a minima estipulada  ou a venda de alcool as vezes tbm se deve a ganancia dos proprietarios a juntar ao desejo dos adolescente de usufruirem destes.

                                  Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                                  #16

                                  Offline NiKo

                                  • ****
                                  • Membro Sénior
                                  • Género: Masculino
                                  Boa... Entao se cada bar e discoteca do porto puder ter um porteiro, seguranças e psp's força nisso mas parece me altamente improvavel  :-X

                                   :) É complicadito sim, mas se houvesse mais fiscalização seria o ideal. Tenho uma boa ideia do que é a vida nocturna de uma cidade grande como Lisboa e sei que claramente, não é ambiente para adolescentes. Para sair e frequentar locais de diversão nocturna é preciso ter alguma maturidade que ninguém com 16 anos pode ter. É um mundo onde existe tudo e a facilidade de seguir por caminhos que não se deve é constante. Devia haver mais fiscalização e muito mais controle das pessoas que frequentam determinados locais.
                                  No caso da polícia, não sei como se processa agora, nem como se processa em outros sítios que não o bairro alto. Na altura em que por lá trabalhava, havia vários polícias destacados por noite para fazer ronda aos bares. Dois a dois, iam circulando e fiscalizando os bares do bairro. Apareciam por lá pelo menos duas vezes por noite. Raramente tinham necessidade de passar mais porque o sitio onde eu trabalhava não era local de grandes problemas ou desacatos. No entanto, aconteciam, como acontecem em qualquer lado onde estejam várias pessoas bebedas ou drogadas. E sim, em todos os estabelecimentos de vida nocturna há pessoas alcoolizadas e/ou drogadas. Nós tínhamos os contactos deles e podíamos chamá-los a qualquer instante.
                                  Mas isso não existe só à noite. Sim, à noite é mais facilidado, mas pronto... Mas concordo contigo em relação à fiscalização. Mas eu, por exemplo, tambem ja saía com menos de 16 anos. E tal cmo o fabio, não andei na droga nem no alcool. Mas todos sabemos que nem toda a gente toma essas decisões. E, vendo bem, a população nocturna, actualmente, com menos 16 anos, ainda é grande. E os proprietários... preferem a ilegalização  :-\
                                    "Somos frutos de uma geração que nos julga incapazes de tomar nossas próprias decisões porque amamos de uma maneira muito louca, mas totalmente autêntica e isso...ninguém vai mudar."

                                    Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                                    #17

                                    Offline My name?

                                    • ***
                                    • Membro Total
                                    • Género: Masculino
                                    Money makes the world go'round  the world go round =P

                                      Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                                      #18

                                      Offline corema

                                      • *****
                                      • Membro Elite
                                      • Género: Feminino
                                      Boa... Entao se cada bar e discoteca do porto puder ter um porteiro, seguranças e psp's força nisso mas parece me altamente improvavel  :-X

                                       :) É complicadito sim, mas se houvesse mais fiscalização seria o ideal. Tenho uma boa ideia do que é a vida nocturna de uma cidade grande como Lisboa e sei que claramente, não é ambiente para adolescentes. Para sair e frequentar locais de diversão nocturna é preciso ter alguma maturidade que ninguém com 16 anos pode ter. É um mundo onde existe tudo e a facilidade de seguir por caminhos que não se deve é constante. Devia haver mais fiscalização e muito mais controle das pessoas que frequentam determinados locais.
                                      No caso da polícia, não sei como se processa agora, nem como se processa em outros sítios que não o bairro alto. Na altura em que por lá trabalhava, havia vários polícias destacados por noite para fazer ronda aos bares. Dois a dois, iam circulando e fiscalizando os bares do bairro. Apareciam por lá pelo menos duas vezes por noite. Raramente tinham necessidade de passar mais porque o sitio onde eu trabalhava não era local de grandes problemas ou desacatos. No entanto, aconteciam, como acontecem em qualquer lado onde estejam várias pessoas bebedas ou drogadas. E sim, em todos os estabelecimentos de vida nocturna há pessoas alcoolizadas e/ou drogadas. Nós tínhamos os contactos deles e podíamos chamá-los a qualquer instante.
                                      Mas isso não existe só à noite. Sim, à noite é mais facilidado, mas pronto... Mas concordo contigo em relação à fiscalização. Mas eu, por exemplo, tambem ja saía com menos de 16 anos. E tal cmo o fabio, não andei na droga nem no alcool. Mas todos sabemos que nem toda a gente toma essas decisões. E, vendo bem, a população nocturna, actualmente, com menos 16 anos, ainda é grande. E os proprietários... preferem a ilegalização  :-\

                                      Vê bem, eu não disse que na noite só havia desgraças e que durante o dia o mundo era perfeito!  ;) Eu sou uma grande adepta da noite, é a verdade. Longe de mim sequer achar que todos quanto saem à noite se tornam toxicodependentes ou alcoolicos. Não faria sentido nenhum eu afirmar uma coisa dessas.
                                      A verdade é que há determinado tipos de ambientes mais propícios a acontecimentos que podem não ter o melhor desfecho. A vida da noite, em cidades como Lisboa é perigosa. Em vários sentidos, não só do alcool ou da droga. É completamente verdade que quando temos 16 anos não temos estofo para determinadas coisas, nem é suposto que tenhamos. Lembro-me muito bem dos minha adolescência e sei perfeitamente que não tinha maturidade nem arcaboiço para fazer a maior parte das coisas que queria e que a minha mãe não me deixava. Hoje em dia, agradeço-lhe essas proibições que na altura me deixavam fora de mim!  :)
                                      É muito muito mais fácil uma pessoa perder-se na noite, do que noutro ambiente qualquer. Ninguém diz que é só desgraças ou que devia ser proíbido. Tem é de haver maior controlo de quem frequenta os sítios e se possível eu acho que idade permitida por lei deveria ser os 18 anos.

                                        Idade mínima de entrada nas discotecas do Porto
                                        #19

                                        Offline NiKo

                                        • ****
                                        • Membro Sénior
                                        • Género: Masculino
                                        Mas a idade mínima é uma coisa muito discutível. Claro que tem k haver uma idade mínima, logicmnt. Mas se pensarmos bem... há muitas pessoas com 16 anos que são bem mais maduras do que pessoas com 20 e tais anos. Mas pront... sim. No modo geral... n digo 18 anos... mas pronto. lol. É que... em geral as pessoas vão pa universidade com 18 anos. Ou seja... teriam que passar o secundário sem sair a noite. E depois acontece o k acontece muito frequentemnt que é xegarem à univ, numa cidade nova, compltmnt soxinhos, onde se mt mais liverdade (faltas...), e descontrolarem s compltmnt. E aí sim, não estarão preparadas pa sair.  ::)
                                          "Somos frutos de uma geração que nos julga incapazes de tomar nossas próprias decisões porque amamos de uma maneira muito louca, mas totalmente autêntica e isso...ninguém vai mudar."