rede ex aequo

Olá Visitante03.jun.2020, 14:49:39

Sondagem

Concordas que pessoas homossexuais tenham filhos (adoptivos ou biológicos)?

Sim.
454 (89.9%)
Sim, mas só filhos biológicos e criados só por si.
5 (1%)
Sim, mas só filhos biológicos (quer individual ou como casal).
2 (0.4%)
Sim, mas só filhos adoptivos e criados só por si.
1 (0.2%)
Sim, mas só filhos adoptivos (quer individual ou como casal).
3 (0.6%)
Não, enquanto a maioria da sociedade não for favorável.
9 (1.8%)
Nunca, quer individual ou num casal do mesmo sexo.
8 (1.6%)
Não sei, tenho dúvidas.
19 (3.8%)
Não sei e o assunto não me interessa.
4 (0.8%)

Votos totais: 406

Autor Tópico: Adopção e Parentalidade por Homossexuais  (Lida 221096 vezes)

 
Adopção e Parentalidade por Homossexuais
#1540

Offline Fiii.w

  • *****
  • Membro Vintage
Co adoção e adoção são coisas diferentes. E ha gente que não sabe a diferença! Claramente isto assim não anda. Pelo menos podiam e deviam aprovar a co adoção. Por exemplo, para mim é um bocado frustante que o meu filho seja aos olhos da lei unicamente meu, quando na verdade houve outra pessoa que lutou tanto quanto eu por ele, que é tao mãe quanto eu. Até porque não sei o dia de amanhã, não sei se ficarei doente ou algo pior e em relação a baixas do trabalho por assistência à família a outra mãe também não pode tirar. Isto não tem jeito nenhum.

    Adopção e Parentalidade por Homossexuais
    #1541

    Offline Kidrauhl

    • ***
    • Membro Total
    • Género: Masculino
    Teresa Anjinho destacou-se hoje, pela positiva, no plenário da Assembleia da República ao denunciar esta pouca vergonha orquestrada pela esquerdalha, nomeadamente pelo PS, que tem como objectivo acentuar as divisões na sociedade acerca deste tema e politizar a questão para efeitos eleitorais. Não há justificação para insistir neste tema praticamente no final da legislatura, sabendo perfeitamente que não haverá aprovação da adopção neste contexto. Mas enfim, é o efeito António Costa: dedicar-se a 100% a temas que não comprometem, para colmatar a indefinição e a ausência de propostas alternativas acerca de temas fulcrais, como a dívida, o défice, a política de austeridade...

    O que se viu hoje foi uma esquerda cansada, podre, decadente, sem ideias novas e, sobretudo, frustrada por saber que os portugueses não vão em balelas e recusam passar um cheque em branco a alegados messias que vêm resolver milagrosamente todos os problemas das pessoas, mas sem apresentar qualquer tipo de proposta. E, pelo contrário, uma direita revigorada, com novos argumentos sobre a adopção, pertinentes quanto à oportunidade do tema, por muito discutíveis (e eu discordo) que sejam os seus argumentos quanto à adopção em si. Só acho lamentável que a esquerda seja hipócrita e se finja muito preocupada com os direitos das minorias, lançando atoardas e chavões para o ar. Não é isso que quero, enquanto LGBT, de pessoas que "supostamente" defendem os meus direitos.

    Aguardemos pela votação. Não estou com grandes esperanças, mas, caso seja aprovada, darei o braço a torcer e reconhecerei a oportunidade do relançamento deste debate.

      Adopção e Parentalidade por Homossexuais
      #1542

      Offline random_dude

      • *****
      • Associad@
      • Membro Total
      • Género: Masculino
      A direita preconceituosa é que é bonita.  :)

        Adopção e Parentalidade por Homossexuais
        #1543

        Offline my_alterego

        • *****
        • Associad@
        • Membro Total
        • Género: Masculino
        Insistir na igualdade, não nos podemos vergar. Há que tentar, sempre. Se cansa? Temos pena! Se a dívida tambem é importante? Também! Não se podem discutir várias coisas?! Estão lá mais de 200 alminhas por amor da santa! Cansam são os mesmos argumentos do Pai e da Mãe, do Pai e da Mãe, de agilizar a adoção, de agilizar a adoção, do superior interesse da criança no final de cada frase. Por isso, a Direita continua a cheirar mal, sem novos argumentos, sem respostas...
          The purpose of our lives is to be happy
          Dalai Lama

          Adopção e Parentalidade por Homossexuais
          #1544

          Stabilo

          • Visitante
          Insistir na igualdade, não nos podemos vergar. Há que tentar, sempre. Se cansa? Temos pena! Se a dívida tambem é importante? Também! Não se podem discutir várias coisas?! Estão lá mais de 200 alminhas por amor da santa! Cansam são os mesmos argumentos do Pai e da Mãe, do Pai e da Mãe, de agilizar a adoção, de agilizar a adoção, do superior interesse da criança no final de cada frase. Por isso, a Direita continua a cheirar mal, sem novos argumentos, sem respostas...

          Subscrevo,  totalmente.

            Adopção e Parentalidade por Homossexuais
            #1545

            Offline random_dude

            • *****
            • Associad@
            • Membro Total
            • Género: Masculino
            Resultado previsível e o preconceito continua. Obrigado PSD e CDS.

              Adopção e Parentalidade por Homossexuais
              #1546

              Offline Kidrauhl

              • ***
              • Membro Total
              • Género: Masculino
              A direita venceu meritoriamente este debate, ao argumentar com a falta de oportunidade do tema - é uma irresponsabilidade política avançar com um tema fracturante, que parte a sociedade ao meio, a menos de um ano das eleições, reabrindo velhas feridas - e com a contradição do PS - quando o PS aprovou o casamento, em 2010, excluiu expressamente a adopção e agora resolveu pegar no tema para eleitor ver. Há que reconhecer: foram argumentos habilmente explorados - e que não teriam sido explorados, criando reacções negativas à adopção na sociedade, se a esquerda não tivesse insistido no tema e tivesse optado por aguardar pela próxima legislatura. As ausências mais significativas foram, inclusivamente, de deputados do PS e do BE, o que demonstra que este processo foi preparado às três pancadas para eleitor ver. Só que o eleitor associou imediatiamente a apresentação desta proposta a manobra eleitoral - e não gostou, daí o elevado fosso entre os votos a favor e os votos contra e daí o elevado número de reacções negativas, do género: "não têm mais nada de importante para discutir? têm, mas preferiram atirar-nos poeira para os olhos". Os principais prejudicados foram os partidos de esquerda: em vez de esperarem pela próxima legislatura, onde a aprovação da adopção seria muito mais fácil, preferiram marcar presença e insistir neste tema - o que causou reacções negativas (e com razão). Pensaram que iam tornar a sociedade mais receptiva a encarar este tema como uma inevitabilidade, mas, pelo contrário, depararam-se com uma sociedade que está farta destas manobras e que é especialmente intolerante com manobras em época pré-eleitoral. Saiu-lhes o tiro pela culatra: a sociedade tornou-se ainda menos receptiva à adopção por causa de uma birra e de uma insistência política.

              António Costa e o PS não têm apresentado propostas acerca de nada relevante para o país (dívida, défice, política de austeridade...), optaram por ressuscitar este tema, ainda por cima a reboque do BE, para desviar as atenções. As pessoas não são parvas - e não gostaram. É normal. A esquerda atrapalhou-se com tanta rejeição da direita, ficou desesperada e começou a apresentar agora propostas ao desbarato. As pessoas e a sociedade estão hoje menos receptivas à adopção por casais do mesmo sexo - a esquerda, com a sua ânsia revolucionária, deitou tudo a perder, ao querer abreviar o caminho que ela própria (nomeadamente o PS) tem trilhado, e que consiste em aprovar progressivamente estas medidas. Contrariou por completo o espírito da lei do casamento (2010), que excluía a adopção e que foi feita quando o PS estava no governo. Pessoas inteligentes esperariam pela próxima legislatura, em que o PS seria governo (o que, depois deste espectáculo todo, já não é tão certo - Costa já começou a descer nas sondagens e ainda falta que PSD e CDS anunciem a coligação, dando novo fôlego à direita), para dar continuidade a esse caminho que eles começaram por trilhar, e bem, em 2010. Se tivessem tido calminha, tornavam as pessoas mais receptivas, preparavam o terreno durante esta legislatura, e aprovavam tudo mais facilmente na próxima legislatura - e o governo socialista ainda lucraria com isso. Agora, com esta pressa toda, a direita explorou todas as contradições, toda esta ânsia - e venceu. E provavelmente (não só por causa disto) vencerá as próximas eleições. É política pura, com a qual a esquerda não soube lidar no tocante a este tema e achou que isto seria um mar de rosas. Falhou redondamente e terá de assumir as consequências.

              Não vale a pena chorar sobre leite derramado - a culpa desta rejeição (não das outras) é exclusivamente da esquerda.

                Adopção e Parentalidade por Homossexuais
                #1547

                Offline random_dude

                • *****
                • Associad@
                • Membro Total
                • Género: Masculino
                Politiquices ou não, a culpa é da direita que teima em ser conservadora e preconceituosa.  Foram votadas hoje, na Assembleia da República, coisas sem importância alguma (e não me refiro à adopção) e não vi ninguém a dizer que não se estava a discutir o que se devia e que estavam a atirar areia para os olhos das pessoas. São 230 deputados e têm sempre assuntos para discutir, não é por estarmos em crise que só se podem discutir assuntos de relevo para a maioria da população ou relacionados directamente com a situação financeira do país.

                Nem convém esquecer a borrada que um jotinha do PSD tentou fazer com o referendo, há uns tempos atrás. Não me interesso minimamente por manobras políticas, jogos ou tentativas de angariações de votos. Interesso-me por quem defende os direitos das pessoas e o PSD e o CDS nunca o fazem.

                Enfim, adiante. É uma questão de tempo até isto passar, com muita pena para os homofóbicos do PSD e do CDS.

                  Adopção e Parentalidade por Homossexuais
                  #1548

                  Offline soraia_asd

                  • ****
                  • Membro Sénior
                  • Género: Feminino
                  • Happiness is only real when shared (Into the wild)
                  "o amor que dois géneros diferentes nao sabem dar,duas pessoas iguais sabem"
                  Acho mesmo que ha pais que nao merecem ser pais,e que infelizmente pessoas do mesmo sexo que tinham capacidades para o ser,nao podem. É triste.  [smiley=nao.gif]  E sim sou a favor... e a cena das criançinhas serem gozadas na escola para mim...é tudo uma questao de a sociedade ensinar as crianças que a homosexualidade nao tem mal. Sao pessoas que se amam,e o resto nao importa.
                    "É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã!"

                    Adopção e Parentalidade por Homossexuais
                    #1549

                    Offline carolinalg

                    • *****
                    • Moderação Geral
                    • Membro Elite
                    • Género: Feminino
                    • call it Magic... call it true...
                    Resultado previsível e o preconceito continua. Obrigado PSD e CDS.

                    Estou mortinha por tirar a Direita do poder... é para quando, mesmo?
                      - carolinalg -

                       

                      Tópicos relacionados

                        Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                      267 Respostas
                      39918 Visualizações
                      Última mensagem 17 de Janeiro de 2014
                      por Forbidden
                      0 Respostas
                      1092 Visualizações
                      Última mensagem 3 de Outubro de 2009
                      por MT
                      29 Respostas
                      7898 Visualizações
                      Última mensagem 21 de Outubro de 2012
                      por Adónis
                      Por que razão são homossexuais?

                      Iniciado por Brooklyn Nights « 1 2  Todas » Geral

                      22 Respostas
                      2581 Visualizações
                      Última mensagem 6 de Abril de 2015
                      por soraia_asd
                      3 Respostas
                      3659 Visualizações
                      Última mensagem 28 de Abril de 2019
                      por Fernando Pinheiro