Fórum da rede ex aequo

Assuntos Gerais => Pais, Familiares e Amigos => Tópico iniciado por: bluejazz em 15.out.2002, 13:00:34

Título: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: bluejazz em 15.out.2002, 13:00:34
Algumas pessoas vão-se rir, mas lembro-me sempre do assumir aos meus pais quando escuto "Don't Wanna Lose You" de Gloria Estefan... Se quiserem contribuir para o tópico, força!... Da minha parte deixo a letra da música, para quem quiser ler e talvez mesmo algum pai ou mãe, para que possa compreender o que se calhar muit@s de nós sentimos...

Don't Want To Lose You
Gloria Estefan
________

Sometimes it's hard to make things clear
Or know when to face the truth
And I know that the moment is here
I'll open my heart and show you inside
My love has no pride

I feel with you I've got nothing to hide
So open your eyes and see who I am
And not who you want for me to be
I am only myself, myself

I don't wanna lose you now
We're gonna get through somehow
I don't wanna lose you now or ever

Baby I've finally found
The Courage to stand my ground
But if you want me
I'll be around, forever

We all make mistakes, we all lose our way
But we stood the test of time and I hope
That's the way it will stay
It's all up to you, to tell me to go
'Cause it won't be me to walk away
When you're all that I know
And I know that

I don't wanna lose you now
We're gonna get through somehow
I don't wanna lose you now or ever and ever
Baby I've finally found
The courage to stand my ground

But if you want me
I'll be around, forever, forever, yeah , yeah

Don't wanna lose you , lose you now
We're gonna get through somehow
Don't wanna lose you now
Don't wanna lose you
Don't' wanna lose you
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: Magia em 20.dez.2002, 16:42:47
Eu so me lembro k me senti axim, komo na mia poesia:

Fuga

Vasculho no concreto;
O que seria do abstracto,
Faço do domínio um acto!
Crio meu guetto...
Enclausuro-me no objecto;
Escondo-me na inocência,
Fugindo da minha consciência!
Qual Montéquio perseguindo Capuleto...
Refugio-me da solidão,
No amor do silêncio...
Na esperança do perdão!


:( musica? so se for dos chumbawamba - homophobia
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: LordHenry em 17.fev.2003, 16:42:45
Eu nos versos da musica do Elton John

"Things we never said come together
The hidden truth no longer haunting me
Tonight we touched on the things that were never spoken
That kind of understanding sets me free"

:up
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: Emanem em 29.jun.2003, 20:13:09

I Wish i knew how it would feel to be free
I Wish i could break all the chains holding me
I Wish i could say all the things that i should say
Say en loud say en clear
Fou the whole wide world to hear

I Wish i coul share
All the love that s in my heart
Remove all the bars that keep us apart
And i wihs i could know how it feels to be me
Then you d see and agree that every one sould be free

I Wish i could be like a bird in te sky
How sweet it would be if i foud how could fly

(...)

One love one blood
One life you ve got do what you should
One life with each other
Sister, brothers

(...)

I Wish i knew how it would feel to be free
I Wish i knew how it would feel to be free


(Lighthouse Family)
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: Swelly em 31.jul.2003, 09:06:49
 (Martinho da Vila)

 Pra Poder te Amar

 O amor não tem cor
 
 O amor não tem idade
 
 O amor não vê cara nem religião, não faz difirença do rico e do pobre
 
 O amor só precisa de um coração
 
 O amor não tem tom, nem nacionalidade dispensa palavras basta um olhar
 
 O amor não tem hora nem formula certa, não manda recado, chega para ficar
 
 O amor, entrou na minha vida quando te encontrei, olhei no teu olhar e me apaixonei, foi tanta emoção não deu para segurar (não deu)
 
 O amor, contigo ao meu lado é cada vez maior, quero me baptizar no sal do teu suor, e ter a vida inteira para puder te amar  


  (Palavras para quê, acho que a música em si diz tudo)
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: jazzmim em 11.ago.2003, 21:40:29
Tatuagens

Mafalda Veiga (dueto com Jorge Palma)



em cada gesto perdido
tu és igual a mim
em cada ferida que sara
escondida do mundo
eu sou igual a ti

fazes pintura de guerra
que eu não sei apagar
pintas o sol da cor da terra
e a lua da cor do mar

em cada grito da alma
eu sou igual a ti
de cada vez que um olhar
te alucina e te prende
tu és igual a mim

fazes pinturas de sonhos
pintas o sol na minha mão
e és mistura de vento e lama
entre os luares perdidos no chão

em cada noite sem rumo
tu és igual a mim
de cada vez que procuro
preciso um abrigo
eu sou igual a ti

faço pinturas de guerra
que eu não sei apagar
e pinto a lua da cor da terra
e o sol da cor do mar

em cada grito afundado
eu sou igual a ti
de cada vez que a tremura
desata o desejo
tu és igual a mim

faço pinturas de sonhos
e pinto a lua na tua mão
misturo o vento e a lama
piso os luares perdidos no chão
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Swelly em 21.set.2003, 19:44:26
  Olá meus amores, esta música passa sempre no rádio cada vez que ando com a minha mãe de carro... ;D ;D, a minha mãe não gosta nada delas, e eu canto a música bem alto para ela a ouvir ainda melhor...

I'm in serious shit, I feel totally lost
If I'm asking for help it's only because
Being with you has opened my eyes
Could I ever believe such a perfect surprise
I keep asking myself, wondering how
I keep closing my eyes but I can't block you out
I want to fly to a place where it's just you and me
Nobody else, so we can be free
Nobody else, so we can be free

All the things she said
All the things she said
Running through my head
Running through my head
Running through my head
All the things she said
All the things she said
Running through my head
Running through my head
All the things she said
This is not enough
Ya soshla s uma --- [I've lost my mind]
This is not enough
All the things she said
All the things she said
All the things she said
All the things she said
All the things she said

And I'm all mixed up, feeling cornered and rushed
They say it's my fault, but I want her so much
I wanna fly her away with the sun and the rain
Coming over my face, wash away all the shame
When they stop and stare, don't worry me
Cause I'm feeling for her what she's feeling for me
I can try to pretend, I can try to forget
But it's driving me mad, going out of my head

REFRÃO

Mother, looking at me
Tell me, what do you see
Yes, I've lost my mind
Daddy, looking at me
Will I ever be free
Have I crossed the line

REFRÃO
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Emanem em 21.dez.2003, 23:12:58


Quando duas almas se procuram porfidamente uma à outra no meio da multidão e se encontram por fim, e quando descobrem que forma feitas uma para a outra, que são compatíveis e estão em sintonia, numa palavra: que são almas gémeas, então estabelece-se entre elas, para sempre, uma união flamejante e pura como elas próprias, uma união que começa na Terra e continua no Céu para todo o sempre. Esta união é o amor, o amor verdadeiro, um amor que, na verdade, poucas pessoas conseguem conceber, um amor que é uma religião, que deifica o ser amado, cuja vida brota da devoção e paixão,e para o qual os maiores sacríficios são os mais doces deleites.


Victor Hugo
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: daLua em 24.mar.2004, 21:03:51
...vocês fizeram os dias assim
   Não nos venham pedir contas
   Não venham pôr-nos regras
   Sabemos que os nossos dias não vão ser feitos assim...

 dos Trovante
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: nirvana em 18.abr.2004, 14:22:00
Come as you are
Come, as you are. As you were.
As I want you to be. As a friend.
As a friend. As an old enemy. Take your time.
Hurry up. The choice is yours. Don't be late.
Take a rest. As a friend. As a old memory, memory, memory, memory.

Come. Dowsed in mud. Soaked in bleach.
As I want you to be. As a trend. As a friend.
As an old memory, memory, memory, memory.

And I swear that I don't have a gun.
No I don't have a gun. No I don't have a gun.

Memory, memory, memory, memory (don't have a gun).

And I swear that I don't have a gun.
No I don't have a gun. No I don't have a gun.
No I don't have a gun. No I don't have a gun. Memory, memory
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: yoggi_ em 09.mai.2004, 05:06:26
mensagem para os pais!?
o k mais kero é fazer a tua filha  feliz!!!!!!!!!!!!!!!
ms agora...kual opais kaceita e e ker ver isto?
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Emanem em 11.mai.2004, 15:10:52

Mensagem para a minha mãe:

Obrigada mãe, por me aceitares como sou e por aceitares a pessoa que eu amo, adoro-te! :-* ;D
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Kelly em 12.mai.2004, 13:46:09
Para todos os pais:

É dificil aceitar que não vamos ter netos, bem como é dificil aceitar que o nosso bébé cresceu, e que devido ás suas decisões e escolhas pode ser prejudicado no futuro.

Mas por vezes não temos escolhas, tal como não é uma opção num heterossexual crescer, casar e ter filhos, netos, etc, também não é opção num LGBT crescer, amar e  ser amad@ por alguém do mesmo sexo, esconder da sociedade, ser reijeitado por quem não compreende, envelhecer junto da pessoa que ama, não podendo oficializar a relação ou partilhar com todos, tal como os heterossexuais fazem.

Por vezes comparo uma relação homossexual á historia de Romeu e Julieta, pois perante a sociedade e os seus custumes e preconeitos são os dois "amores impossiveis", mantidos ás escondidas, não por ser incesto ou pedofilia, mas porque a sociedade simplesmente não olha para lá do chamado "normal", em vez de se focar na felicidade das pessoas, foca-se apenas na ordem natural (ou chamada natural, porque o conceito de natural/normal varia. Será natural/normal fumar? Se sim, pois os nossos antepassados já o fazima há muito tempo atrás, porque será a homossexualidade não natural/normal se se pratica há muito mais tempo?) em vez de se focar na felicidade de cada individuo, ou grupo.

Mas o meu apelo a todos os pais, (um apelo que eu fiz á minha mãe quando lhe contei o que se passava comigo), é que em vez de nos proibirem ou inibirem, nos ajudem tanto a compreender o que se passa realmente connosco, como á nossa volta. Ponham-se no nosso lugar: imaginem que aquele grande amor que tiveram na adolescencia era um amor proibido, tal como o nosso, e o que fariam para poder ter esse amor completo, para o tornar um namoro normal. É que, segundo o meu ponto de vista, os pais não servem só para nos dar dinheiro, comida, casa, cama, e roupa lavada, mas são sim os nossos melhores amigos, as únicas pessoas com quem poderemos contar sempre, indpendentemente do que aconteça, por isso, não julguem os vossos flhos, eles provavelmente já se sentem inseguros e confusos o suficiente, e se vos contaram foi porque queriam partilhar uma parte muito boae e especial das suas vidas, confiaram em voces, e esperam que compreendam e aceitem não só como pais, mas também como os melhores amigos que são.

Mas compreender um filho LGBT não é um esforço que se faça de um só lado, pois os pais e os filhos teem que partilhar conhecimentos, de maneira a entenderem-se mutuamente, pois só assim chegarão a um equilibrio, é um esforço que tem de ser feito por pais e filhos!

Espero k um dia possamos todos amar e ser amados contando apenas com a intensidade que se ama, não com quem se ama...

Obrigada mãe, por seres a fantastica amiga e pessoa que és! Sei que não foi fácil passarmos por tudo o k passamos, mas sei k posso contar contigo para o k der e vier! Obrigada por me compreenderes e me ajudares, quando não podia estar a vontade em lugar algum.. Obrigada por seres a mãe exemplar que és mamã!
Adoro-te!!! (já agora qunado é k fazes akela Lasagna boa?  :P)
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Sueca em 12.mai.2004, 14:14:12
Sim Kelly!!! Espero k os nossos pais te leiam.... :-*
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Kelly em 12.mai.2004, 14:46:44
Qualquer dia publico um livro e ando pelas ruas de lisboa a distribui-los aos pais e ás mães  :P
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Sueca em 12.mai.2004, 21:10:45
sim faz isso!!!!! 8)
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: jazzmim em 18.mai.2004, 17:45:56
Tatuagens


Em cada gesto perdido
Tu és igual a mim
Em cada ferida que sara
Escondida do mundo
Eu sou igual a ti

Fazer pintura de guerra
Que eu não sei apagar
Pintas o sol da cor da terra
E a lua da cor do mar

Em cada grito da alma
Eu sou igual a ti
De cada vez que um olhar
Te alucina e te prende
Tu és igual a mim

Fazes pinturas de sonhos
Pintas o sol na minha mão
E és mistura de vento e lama
Entre os luares perdidos no chão

Em cada noite sem rumo
Tu és igual a mim
De cada vez que procuro
Preciso um abrigo
Eu sou igual a ti

Faço pinturas de guerra
Que eu não sei apagar
E pinto a lua da cor da terra
E o sol da cor do mar

Em cada grito afundado
Eu sou igual a ti
De cada vez que a tremura
Desata o desejo
Tu és igual a mim

Faço pinturas de sonhos
E pinto a lua na tua mão
Misturo o vento e a lama
Piso os luares perdidos no chão


Mafalda Veiga
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Kelly em 18.mai.2004, 21:11:26
Ok!! Por todo o país será! Vou já informar a editora hihihi..

Era bom era...

Mas e daqui até podia surgir uma ideia interessante!

Quem sabe, talvez nos pudessemos juntar e fazer todos, em conjunto, um livro, ou pensado mais na realidade, um artigo apenas sobre a homossexualidade...

Hmmmm... pensando.....
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: ashtar_sheran em 22.mai.2004, 14:05:48
o melhor!

escrito por carlos oliveira


Não há machado que corte
a raiz ao pensamento:
não há morte para o vento,
não há morte.

Se ao morrer um coração
morresse a luz que lhe é querida,
sem razão seria a vida
sem razão.

Nada apaga a luz que vive
num amor, num pensamento,
porque é livre como o vento,
porque é livre.
Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: cacao em 24.mai.2004, 10:52:29
Para todos os pais:

É dificil aceitar que não vamos ter netos, bem como é dificil aceitar que o nosso bébé cresceu, e que devido ás suas decisões e escolhas pode ser prejudicado no futuro.

Kelly,

Porque dás como consumado que não queremos ter filhos? Conheço  muitos homossexuais que têm nos seus planos casar e ter filhos com a pessoa que gostam. O ser-se homossexual não invalida o modo de vida, e a minha vida com a Rita passa mais pela proximidade com todos os outros casais - sejam a,b, c ou x... -  em geral do que as pequenas coisas especificas a cada casal e que os difere uns dos outros.

;)

Título: Re:Canções e mensagens
Enviado por: Kelly em 24.mai.2004, 12:26:08
Tens razão cacao, foi um erro da minha parte, e sei perfeitamente que isso não é bem assim, que há muitos casais homossexuais que querem ter filhos. Dsc!

Já agora, também tens uma Rita? hehe eu tb tenho uma Rita! hihihi

Beijos
Título: Moloko
Enviado por: nrg em 17.ago.2004, 16:01:35
Moloko - Statues (2003)

Familiar Feeling

Nothing can come close
Nothing can come close
Nothing can come close

I never doubted it
What’s for you will not pass you by
I never questioned it
It was decided before I asked why
It’s all there ever was
And it’s all there ever will be
How could you have questioned us?
It’s yourself you deceive

Nothing can come close
To this familiar feeling
We say it all without
Ever speaking

Nothing can come close
To this familiar feeling
We say it all without
Ever speaking

Nothing can come close
To this familiar feeling
We say it all without
Ever speaking

Nothing can come close
To this familiar feeling
We say it all without

Hush now
No need to say the words
At first sight you perfectly heard
Love in all its entirety
Is no less than we deserve

I saw, your face
Some place
I felt this feeling before
Is it deja vu?
Do I somehow know you?

Nothing can come close
To this familiar feeling
We say it all without
Ever speaking

(..)

Cannot contain this

Don’t put yourself down
Don’t be hard on yourself
You didn’t do wrong, baby don’t
Blame yourself

I know how you feel
I’ve been there myself
It’s what the devil my fare
What do you care
Can you control yourself?

I won’t stick around
To watch you get colder
I know I couldn’t be told,
Don’t suppose
Now I’m a little older

The fault was all mine
I don’t blame you if you blame me
I know I was wrong
I just cannot contain this

(..)

And if it’s a crime
Then can you explain to me
Where do I belong


eu consigo (e sei q nao sou o unico, e ainda bem) ler e dizer muita coisa.. without ever speaking..

e s de facto acharem um crime, pois bem.. expliquem-me onde é q eu me encaixo..

nrg
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: ^BuBa^ em 15.set.2004, 11:52:33
Chorus:
No matter what they tell us
No matter what they do
No matter what they teach us
What we believe is true
No matter what they call us
However they attack
No matter where they take us
We'll find our own way back

I can't deny what I believe
I can't be what I'm not
I know I'll love forever
I know, no matter what

If only tears were laughter
If only night was day
If only prayers were answered
Then we would hear God say

Repeat Chorus

And I will keep you safe and strong
And shelter from the storm
No matter where it's barren
A dream is being born
No matter who they follow
No matter where they lead
No matter how they judge us
I'll be everyone you need
No matter if the sun don't shine
Or if the skies are blue
No matter what the end is
My life began with you

I can't deny what I believe
I can't be what I'm not
I know, I know
I know this love's forever
That's all that matters now
No Matter What
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: nrg em 15.set.2004, 12:13:21
hmmmm... isto é Boyzone.. No Matter What.. ;) podias ter dezido logo =pp

nrg

REM - Nighswimming

..

Nightswimming
deserves a quiet night.
I'm not sure all these people understand.
It's not like years ago,
The fear of getting caught,
of recklessness and water.
They cannot see me naked.
These things, they go away,
replaced by everyday.

Nightswimming,
remembering that night.
September's coming soon.
I'm pining for the moon.
And what if there were two
Side by side in orbit
Around the fairest sun?
That bright, tight forever drum
could not describe
nightswimming.

You, I thought I knew you.
You I cannot judge.
You, I thought you knew me,
this one laughing quietly
underneath my breath.
Nightswimming.
Título: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sea em 22.set.2004, 11:58:54
Aos pais…
Não falo para os meus, falo para todos.
Ainda estou a descobrir o que sou. É um processo recente. Talvez por isso seja importante vir aqui nesta fase falar para vós.

É uma fase de medos que normalmente os pais não conhecem, não acompanham. Quando ganhamos coragem para falar, já passou muito tempo. Já superamos muitas barreiras; a surpresa, a negação, a luta interior, a desilusão…
Quando finalmente, vos encaramos… nesse dia em que a nossa vida fica em suspenso, já estamos mais fortes. Já erguemos a cabeça, já criámos defesas. Mas essas defesas são para os de fora, para os da rua, nunca para vós.
Em casa, aprendi, esperamos apoio… esperamos um porto de abrigo, tanto mais que lá fora o mundo nos é especialmente adverso.
Era tão reconfortante correr para casa, para receber o abraço, quando os outros meninos nos batiam. Precisamos tanto esse abraço agora.
Tenho 29 anos e esse abraço era o que mais queria neste momento.

Não dependo dos meus pais financeiramente  e afinal não sou independente como julgava… não o sou emocionalmente. E não seremos todos assim?
Diz-se muito por aqui que não se escolhe. Há momentos em que penso que sim, que escolhi. Escolhi ser feliz.

Hoje, quando oiço a minha mãe dizer, com aquela certeza das mães, “ só quero ver-vos felizes”, fico com um sorriso triste. Tem graça… antes não ficava… acreditava que era tão simples quanto isso. Mas não é.
Sei que a minha mãe pensa que é uma doença. Nunca consegui entender isso…mesmo antes de me sentir “doente”.
As doenças combatem-se, protegem-se os filhos das doenças, não é normal que se recusem a ser protegidos…..
As doenças …não nos fazem felizes e nós somos felizes assim. A cura que vocês procuram, tem um preço demasiado alto….a nossa infelicidade.

Gostaria de ser mãe. É um sonho de há muito, que vejo agora adiado ou irremediavelmente perdido.
Isso entristece-me, frustra-me. Sinto que limita em parte a minha felicidade.
Sinto que hoje, depois do que tenho descoberto sobre mim, seria uma mãe melhor. Não tenho dúvidas disso.
No dia em que dissesse ao meu filho "o que eu quero é que sejas feliz" pensaria também "e quero ajudar-te a chegar lá"
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: ashtar_sheran em 30.set.2004, 17:53:47
e que tal não contar algo?

eu tinha sete anos quando disse a minha mãe que tinha tido ... (nem sei que termo usei) com uma senhora da minha idade.
depois foram outras e comecei com pessoas do mesmo sexo que eu.
nunca escondi, antes de alguma vez mentir quero morrer.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: zigo em 01.out.2004, 14:20:47
Sea, como eu te percebo....! :(

Tenho as certeza que um dia as coisas serão tão diferentes e não mais será necessário tanta dor....mas esse dia tarda em chegar caramba.....

toma um  :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 04.out.2004, 15:26:52
Aos meus Pais...Obrigado...

Obrigado por : me amarem, apesar das brigas, dos insultos mutuos, ...

Amarem, mesmo na distancia do tempo, do local, de sentimentos...sei, que quando ouvi a questão de ficas connosco ou sais, e quando respondi vou, no silencio ouvi a minha mãe dizer...AMOTE FILHO sempre amar te ei...

Complicadop esta gestão de sentimentos..apeteceu me odiá los, ignorá los até..mas como ignorar quem amamos tanto e quem nos ama , mesmo queas acções demosntrem nada disso?!!

Enfim , meus pais...Obrigado..

Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sea em 28.out.2004, 22:50:03


Hoje estive com o meu ex-namorado.
Falámos muito… como sempre.
Soube que vinha aqui. Confessou-me que o fazia com regularidade… para perceber.
Penso que este cantinho do fórum é dedicado a quem quer perceber (aos amigos, à família). Por isso achei importante vir aqui dizer como o admiro.

Admiro muito. Admiro a forma como cresceu como pessoa, desde que isto nos aconteceu, desde que percebi que sinto de forma diferente.
Era uma pessoa como a maior parte das pessoas que nos rodeiam, com preconceitos relativamente à homossexualidade.
E foi fantástico senti-lo crescer e mudar. Mudou porque me ama, porque quis perceber, porque quis chegar até mim.

Mas o que me faz admirá-lo mais não é que tenha aceite a minha escolha e se mantenha firme a meu lado. É compreensível que se faça isso por amor. Mas não….. foi muito mais longe. Não se limitou a aceitar, tenta perceber  todos dias um pouco mais.
Por vezes sinto que quanto mais me afasto no sentido de procurar o meu caminho, mais perto o R. está de mim.

Disse-lhe isto.
Respondeu-me que se surpreendeu a ele mesmo. Que não podia deixar de estar ao meu lado, porque sentiu que a descoberta não era menos dura para mim do que era para ele.

Perguntei-lhe como seria se um dia tivesse um filho homossexual.
“Não é isso que desejo para um filho meu. Quero que tenha uma vida normal. Tu não tens uma vida normal. Mas sei que seria diferente hoje, não deixaria de o apoiar.”
Fiquei feliz.

O R., como a maior parte dos nossos pais, sofreu uma perda, uma perda naquilo que eram as suas expectativas, o seu projecto para o futuro.
Os pais esperam que lhes demos netos e uma família feliz. O R. esperava que lhe desse filhos e que fosse uma companheira para a vida.
Mas esta perda não fez crescer nele o preconceito ou a revolta contra uma escolha diferente, como acontece tantas vezes com os nossos pais.
Porque é inteligente e sensível, porque me ama e porque o amor quando é verdadeiro não nos limita, o R. mudou, cresceu e só posso amá-lo mais por isso. Porque para mim, o amor não se esgota quando uma relação termina no momento em que a vida nos impõe caminhos distintos.

Seria tão bom se as pessoas que nos amam e que amamos, nos surpreendessem sempre desta forma.

Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: indigo em 29.out.2004, 15:14:13
Sea,

A tua história impressionou-me. :up
É bom sentir que temos apoio daqueles que mais gostamos. :)
Parabéns ao R. pela compreensão e apoio que te está a dar!
Um beijinho grande para os dois! :-*
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: bluejazz em 06.nov.2004, 10:41:59
Este tópico é de canções e mensagens para Pais e Familiares (e amigos).

Por favor mantenham-se on topic ou posts serão removidos, de acordo com as regras do fórum.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Glorious_girl20 em 07.nov.2004, 01:03:19
Akilo que tinha a dizer ao meu pai..já disse..restou nada para dizer a não ser uma ou outra coisa que prefiro não falar pois dói muito.mas parece que fikei pior ao contar-lhe..seja como for..ele já sabe..
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nakedboy em 07.nov.2004, 01:03:51
Levantaste uma excelente questão! ;)
A minha opinião é que depende de cada um em contar ou não a alguém. É preciso ter em consideração que os pais nem sempre reagem como nós queríamos e nos pode colocar numa posição delicada, especialmente se não formos estáveis financeiramente. É necessário ir abordando o assunto aos poucos, sem levantar muitas "ondas", tentar perceber como reagem e o que pensam verdadeiramente.
Relativamente aos amigos a situação é quase a mesma, porque corre-se o risco de se afastar - mas nesse caso não eram verdadeiros amigos.
O fundamental da questão prende-se se uma pessoa se sente falsa por não contar, por não sair do armário. [smiley=bomba.gif]
No meu caso é isso que se passa...sinto-me outra pessoa enquanto não sair definitivamente  do armário, porque é uma questão que mexe com as liberdades e sinto k n tenho akela liberdade k gosto. Ter de fingir... >:( :-X
Reflictam bem antes de tomar qualquer atitude, senão... [smiley=muro.gif]!
Fiquem bem...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Glorious_girl20 em 07.nov.2004, 01:08:01
A questão não é essa..a questão é que o meu pai não deveria sequer saber disto..ninguém deveria saber a não ser eue e a minha namorada..que é tudo o que importa.. a questão..é que de um certo modo estou a castigá-lo por tudo o wue eleme fez sofrer..por todoso os anos que ele não se preocupou comigo..sei que deve vos parecer errado da minha parte fazer isto..mas acreditem que tenho razões muitos fortes para o fazer sofrer também a ele.... [smiley=muro.gif]e tenho dito...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: sweet_poison em 07.nov.2004, 15:23:55
Eu aos meus pais já nem digo nada.Eles já deram + k a entender k n kerem saber nd k diga respeito a eu gostar de ninas.é uma opção deles e eu tb já perdi a paciencia com eles
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: sweet_poison em 07.nov.2004, 15:35:02
People can take everything away from you
But they can never take away your truth
But the question is..
Can you handle mine?

Everybody's talkin' all this stuff about me
Why don't they just let me live? (tell me why)
I don't need permission
Make my own descisions (oh)
That's my prerogative

Why can't I live my life?
Without all of the things that people say?

Isto foi uma montagem da musica da britney....era uma boa mensagem para os meus pais e pessoas k n compreendem
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 18.nov.2004, 16:35:50
Fiz este texto dedicado aos meus pais :)

"Geração Minha

Bela Planta aquela que gerou esta folhinha, aquela que suporta este caule pequeno, semi-independente, que ora cai, ora renasce, sempre em vocês...Sempre em Ti , Planta..
Nas intempéries da Vida, vocês não me largaram e continuaram a alimentar-me coma vossa seiva nutrida e vital á minha vã existência. Sou a Folha que quis dançar com o Vento, que quis vestir-se com as cores da independência e soltar o seu grito, viver a sua Vida....Caí, fui pisado, calcado, enterrado até, mas vossas raízes recuperaram-me e colocaram-me de novo em vós e como que por magia, a magia do Amor, renasci em Vós e tenho vivio entre voos e vivências, sempre na garida do vosso caule...
Planta minha, Planta que tanto Amo...Obrigado por cuidarem da vossa Folha, por mais que mais Voos tenha feito sem Vós..."

obrigado :=)

kisses :-*




Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Psi_OnLine em 19.nov.2004, 00:42:10
Sea, tou a ver q apesar de tdo és uma pessoa de sorte...tens pessoas ao teu lado qapesar de tdo se esforçam por te apoiar e comprrender, aceitar as tuas escolhas! quanto aos pais...há q ter paciência e mta calma...afinal de contas, eles não têm nenhum manual não é verdade?! todos eles, À sua maneira (ainda que por vezes um pco distorcida!), tentam fazer o seu melhor.
da mesma maneira que acredito que há um longo caminhi a percorrer para quem descobre e se assume enquanto homossexual ou lésbico ou seja lá o q for, os pais tb têm esse caminho a percorrer1 e para eles é uma batalha igualmente dura!1 pk é uma luta entre o amor pelo filho/a, o que eles sempre sonharam para esse mesmo filho/a, e consciencia de q estes mto provavelmente irão sofrer (ou no mínimo passar maus bocados) com as suas opções sexuais.
têm tb que ultrapassar os seus próprios preconceitos que muitas das vezes não são poucos!
mas isto não é válido só para os pais! é tb válido para todos os restantes familiares e amigos q preenchem a nossa vida
acime tdo: haja amor,carinho e muitaaaaaaaa paciência:)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: X-girl em 20.nov.2004, 18:06:37
À 3 anos atrás contei aos meus pais que era bi (les agr) Foi estranho p eles pq sempre me viram com namorados. Nunca contei antes pq nunca tinha tido necessidade disso.. Mas dp de começar a namorar com uma nina as coisa entre nós ficaram sérias e eu tive d contar aos meus pais. A prencipio disseram k a vida era minha e k eu fazia o k kisesse. Mas disseram isso pq pensavam k era só uma fase. Dp mais tarde é que começaram as complicações pq o namoro ja tinha atingido 1 ano e já era mto p quem pensava k se tratava apenas d uma fase. Sofri mto nessa altura. Mas dp foi só uma questão de eles se habituarem à ideia. Acabou por ficar td bem entre nós. E a minha mãe começou a dar-se bem , aliás, mto bem com a minha namorada (ex, agr). Dois anos dp acabei o namoro. Contei á minha mãe e ela teve uma reação k me surpreendeu e mto... Ela:"acabaram?N pode ser"... (e deixou cair uma lágrima). Akilo tocou-me imenso. e ela dp de limpar a lagrima continuou: " agr k já me tinha habituado a ela, e qd ela ligava p cá , tinhamos akelas brincadeiras ao telefone..." Acabei por xorar tb. Foi mto comovente... Agr sei que posso contar c eles.. tenho o apoio deles,o k é mt importante p mim.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Helios em 26.nov.2004, 17:45:19
Não matei ninguém... :-\ :-\ :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: PedroXP em 27.nov.2004, 13:12:03
nao sou nenhum criminoso!!!!!!!!!!!  :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: pita_bi em 28.nov.2004, 14:28:05
bem... eu queria dizer isto e como não sei onde havia de escrever achei que este seria o melhor cantinho para tal. eu pensei numa boa forma de dizer à minha mae que sou bissexual e não estava nada à espera que fosse naquele momento, mas saiu-me da boca para fora. a maneira como lhe disse não era exactamente a maneira como eu queria, mas é sempre assim kuanto mais  preparamos as coisas, pior acontece.. não me admirou a maneira como ela reagiu, não reagiu mal, aceitou e fiquei contente por isso, mas tambem sei que por outro lado foi um choque, porque apesar de eu ser filha dela e ela me aceitar como sou (que remedio...) custa sempre... acho que o que a mais preocupa neste momento, pois já falámos sobre isso, é o facto do "medo da sociedade", ela vê bem o estado em que fico (down) quando se poem a falar mal da homossexualidade/bissexualidade, etc.. e agora ela entende porkê, porque eu não sou so apenas "defensora" de tudo isto, mas porque estou integrada nisto...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: sweet_poison em 29.nov.2004, 14:57:27
Abram os olhos..enxerguem o k está mesmo debaixo dos vossos narizes.Não façam idealizações a meu respeito...enxerguem-me como eu sou....n como voces gostariam k eu fosse,porque essa n sou eu.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Wolf em 07.jan.2005, 11:50:09
Acho que isto diz tudo...

*suspiro*


When I look into your eyes there’s nothing there to see
Nothing but my own mistakes staring back at me

[Backwards:]
Everything has to end
You’ll soon find that we’re out of time left to watch it all unwind
Everything falls apart
Even the people who never froun eventually break down
Everything has to end
You’ll soon find that we’re out of time left to watch in all unwind
Everything falls apart
Even the people who never frown eventually break down

I’ve lied to you
This is the last smile that I’ll fake for the sake of being with you
Everything falls apart even
Even the people who never frown eventually break down
Everything has to end
You’ll soon find we’re out of time left to watch it all unwind
The sake of being with you
Everything falls apart
Even the people who never frown eventually break down
The sacrifice is never knowing

Why I stay
When you just push away
No matter what you see
You’re still so blind to me

[Backwards:]
Even the people who never frown eventually break down

I’ve tried, like you, to do everything you wanted to
This is the last time
That I’ll take the blame for the sake of being with you
Everything falls apart
Even the people who never frown eventually break down
The sacrifice of hiding in a lie
Everything has to end
You’ll soon find we’re out of time left to watch it all unwind
The sacrifice is never knowing

Why I stay
When you just push away
No matter what you see
You’re still so blind to me

Reverse psychology is failing miserably
It’s so hard to be left all alone
Telling you is the only chance for me
There is nothing left but to turn and face you
When I look into your eyes there’s nothing there to see
Nothing but my own mistakes staring back at me
Asking why
The sacrifice of hiding in a lie
The sacrifice is never knowing

Why I stay
When you just push away
No matter what you see
You’re still so blind to me

Why I stay
When you just push away
No matter what you see
You’re still so blind to me
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Whisper em 28.jan.2005, 00:51:36
Eu hoje tive uma conversa muito interessante com a minha mãe, ela desconfia que eu ando com uma rapariga chamada X, que é verdade lol. E hoje ela fez me bue perguntas sobre ela, perguntou-me se era com ela que eu ia jantar, donde era, o que fazia, que idade tinha, o que os pais faziam. Bue cenas mas perguntou tudo na pura, no descontra e não disse asssim nada de mau...sera que ela esta aceitar?  :D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sea em 29.jan.2005, 16:14:36
Há pais que confundem a nossa vida, com o seu projecto de vida!
Há pais (quase todos), que vivem uma ilusão na paternidade.

Quando vejo amigas minhas deliciadas com a experiência de ser mãe, e as oiço dizer “ Muda tudo na tua vida, muda as prioridades!” não posso deixar de pensar na dimensão do que dizem.
Penso que há tendência para esquecer, quando somos pais, o que sentimos no papel de filhos e no papel de filhos, o que sentimos como pais. 

Conheço tantos pais que se anulam na paternidade, que projectam a sua vida na vida dos filhos, que vivem para eles e em função deles, que sentem que os erros dos filhos são o resultado das suas falhas.
Um pouco como se o cordão umbilical nunca tivesse sido cortado e por ali passassem os seus (nossos) valores, os seus (nossos) objectivos. Como se fossemos marionetas que teimam comandar de forma desajeitada, sem perceber que as linhas que puxam não resultam no movimento esperado!
E nós, que para cumprirmos os nosso projecto, esbarramos continuamente nesse emaranhado de linhas!!! As linhas que achamos a toda a hora que já não estão lá...
E perdemos imenso tempo a tentar limpar esse espaço que vai da marionete à mão de quem a manteve de pé e a sentir, aqui e ali, que há linhas por cortar e que mesmo depois, mesmos sem a linhas… lá nos surge um movimento imposto por aquela mão…
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Pandora em 03.fev.2005, 23:39:23
Uma amiga minha costumava-me dizer:
“É preciso vocação para ser Pai, para ser Mãe. Para desempenhar esse papel na vida de um ser humano”.
E com isto falava-me ela do estofo emocional, do equilíbrio quase perene, do amor (arrisco dizer incondicional) de um Pai, de uma Mãe.
De um novo papel, quase sem preparação e por mais teorias que existam, que se assume no momento que nasce um filho, que se adopta um filho.

Compreendo o que dizes com a ilusão da paternidade. Desse ponto em que os pais se projectam em nós. Nesse momento – quase constante na vida – em que os pais desejam que façamos um caminho e quase sempre um caminho que está no ideal deles próprios. E que pode não ser – e muitas vezes não é – o nosso ideal.
Tento compreender.
Tento compreender, tento perceber que essa forma de ser e estar, resulta do que pensam ser melhor para nós. Resulta das vivências culturais, emocionais, sociais que lhes deram em anos e anos de vida. Quase de geração em geração e quando falamos das normas sociais vigentes.
Ou exactamente do inverso. O que não tiveram eles, projectam e sonham agora para nós.
E acredito que construam assim os seus papéis de pais e mães não esquecendo o pressuposto de amor, porque querem o nosso bem-estar.
É verdade que por vezes é-lhes difícil perceber que o nosso bem-estar, o nosso equilíbrio não é medido pela mesma bitola do deles.
Que afinal podemos ser muito diferentes.

Mas acho tão natural essa projecção de que falas. Acho tão natural que as linhas dessa marioneta existam. Não num sentido forçado, como quem manuseia um boneco, mas no sentido mais metafórico de quem aprendeu, cresceu e assimilou valores importantes através desses fiozinhos.

Quando o meu pai morreu escrevi um poema no qual falava de marionetas. E em como sentia a falta desses fiozinhos, porque naquele momento eles tinham sido arrancados e eu perdia ali esse movimento.

Sei que não é assim para toda a gente. Mas comigo foi e não queria deixar de o dizer.

Penso ainda que os meus pais também tiveram as suas ilusões de paternidade, as suas projecções (quase como todos os pais), o que compreendo.
Mas sei também que pelo diálogo, o que importou sempre (e mais) foi o amor que sentiam por cada um de nós. Por cada filho. Independente das projecções deles ou das nossas vontades. E quando há espaço para isso ou quando esse espaço é construído, conquistado (e às vezes é assim que tem que ser), melhoram eles como pais e melhoramos nós como filhos.

Sei que, infelizmente, não é assim para todos. Ás vezes nunca chega a ser. Outras é necessário tempo para que a compreensão assente, como uma tempestade amainada.

Consigo ler nos olhos da minha mãe os sonhos dela para mim.
Mas também consigo – talvez por ser ela uma mãe que já perdeu muito em coisas que realmente importam – que apenas deseja que eu me sinta feliz.

...

E Sea,

Estou certa que o tempo te ajudará a não sentir o peso dessa mão. Sem a necessidade de limpares o espaço que vai da marioneta à mão. Sem grilhões e sem correntes.
Usufruindo então do que vale verdadeiramente a pena: o tal amor (incondicional).

Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: WaterShape em 05.fev.2005, 23:31:26
Responder
Consigo ler nos olhos da minha mãe os sonhos dela para mim.
Mas também consigo – talvez por ser ela uma mãe que já perdeu muito em coisas que realmente importam – que apenas deseja que eu me sinta feliz.


Muito lindo, conseguiste comover-me com este texto sobre os pais. É verdade, que apesar de as relações com eles são por vezes carregadas de muitas tensões, também têm um papel vital na nossa vida, na nossa formação. No fundo são (ou deveriam ser) o nosso porto seguro na nossa vida. Aqueles que nos amarão sempre e os que sofrerão sempre por nós.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: neoro_girl em 06.mar.2005, 12:16:22
eu n consigo contar au meu pai poix n tenh mta lidaxao com ele... :'(
a minha mae n sei to mesm nakela...maix axo k ainda n vou contar nd pois ainda n arranjei coragem..... :-\
bjs pa tds
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Hekamiah em 09.mar.2005, 11:14:42
A minha opiniao é que todas as maes sabem, principalmente no caso dos rapazaes, basta ver o olhar delas qdo falamos de alguns assuntos.
Olhar estranho, tipo um mix de ternura, compreensao , mas tb alguma desilusão.. Compreensivel, pq apesar de quererem a nossa felicidade, este facto vai contra o q projectaram para nos...
Eu digo: Obrigado pais pelos projectos que idealizaram para mim, e obrigado por tudo que fizeram. Agora que sou crescido deixem me projectar tb e sirvam como apoio..
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: bugkill3r em 09.mar.2005, 18:02:23
A minha opiniao é que todas as maes sabem, principalmente no caso dos rapazaes, basta ver o olhar delas qdo falamos de alguns assuntos.
Olhar estranho, tipo um mix de ternura, compreensao , mas tb alguma desilusão.. Compreensivel, pq apesar de quererem a nossa felicidade, este facto vai contra o q projectaram para nos...
Eu digo: Obrigado pais pelos projectos que idealizaram para mim, e obrigado por tudo que fizeram. Agora que sou crescido deixem me projectar tb e sirvam como apoio..
Eu por acaso discordo totalmente qto as mães saberem sempre. A meu ver tudo tem a ver com o tipo de relacionamento que temos com os nossos pais. Claro que qto mais próximo estivermos dos nossos pais e mais falarmos com eles, mais probabilidades existirão para as nossas mães poderem desconfiar. Alias até acho que muitas mães nem equacionam sequer tal hipotesa para os seus filhos, o que um da irá dificultar ainda mais (ou não) a aceitação de tal.  :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 09.mar.2005, 20:13:14
A minha opiniao é que todas as maes sabem, principalmente no caso dos rapazaes, basta ver o olhar delas qdo falamos de alguns assuntos.
Olhar estranho, tipo um mix de ternura, compreensao , mas tb alguma desilusão.. Compreensivel, pq apesar de quererem a nossa felicidade, este facto vai contra o q projectaram para nos...
Eu digo: Obrigado pais pelos projectos que idealizaram para mim, e obrigado por tudo que fizeram. Agora que sou crescido deixem me projectar tb e sirvam como apoio..

Sendo a pessoa que és, terás todos os projectos com sucesso e serás sempre um BOm Apoio!

Eu creio em ti!...

kisses
nics :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Hekamiah em 10.mar.2005, 09:32:20
nicsparks, brigado pelo apoio.

Mas nada d mais, apenas defendo que se sempre formos genuinos a vida desenvolver se a naturalmente.

Qto aos pais...
Força para aqueles que pensam ou ja abraçaram esta batalha.. Se realmente virem que esta luta é necessaria para a vossa felicidade , entao força, lutem, batalhem e nunca desistam..

Qto a mim...
Neste momento n considero necessario entrar por ai... Sendo Homo ou Hetero sempre serei aquela pessoa q eles sabem q sou e sempre lutarei pelos primcipios q eles m ensinaram...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: lost_lightning em 14.mar.2005, 09:47:43
tive a ler no outro dia um broxura q encontrei no meio daquelas tantas q estao expostas na ILGA d lisboa.. o titulo era: coo dizer aos teus paIS  sobre a tua homosexualidade, ou coisa do genero:P

gostei mt da maneira como esta escrito. informamnos das varias fases pelos quais a mairoia dos pais passame  comolidar com elas.. ajudamte aperceber se estas resaãlmente preperado p isso ou ano.
quem tiver oportunidde n deixe de a ler

 :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Hekamiah em 14.mar.2005, 10:21:17
Da pra ler online???
Tens link??
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nakedboy em 14.mar.2005, 17:26:38
Hekamiah, podes ver aqui o documento:
http://www.ilga-portugal.oninet.pt/nos/projectos/publicacoes/como_revelar_os.htm
Boa sorte ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: bluejazz em 15.mar.2005, 00:10:19
Hmmm, a mesma info encontra-se em:

http://ex-aequo.web.pt/pais.html

Sugeria que tentassem pesquisar e aproveitar melhor a info que está disponível no site oficial da rede ex aequo.

Afinal, está lá para vocês. ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nakedboy em 15.mar.2005, 02:28:42
Desculpa bluejazz :-[
De facto foi um GRANDE descuido meu :-X
Ando a menosprezar a associação [smiley=chicote.gif] [smiley=bomba.gif]
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Hekamiah em 15.mar.2005, 09:06:12
Eu tb queria pedir desculpa. O problema é que nao ha tempo para investigar e qdo alguem nos indica o link , tudo se torna mais rapido...Vou tentar conhecer melhor a informação disponivell aqui... :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: joramos em 15.mar.2005, 09:28:10

É uma fase de medos que normalmente os pais não conhecem, não acompanham. Quando ganhamos coragem para falar, já passou muito tempo. Já superamos muitas barreiras; a surpresa, a negação, a luta interior, a desilusão…
Quando finalmente, vos encaramos… nesse dia em que a nossa vida fica em suspenso,

tambem já fui filho, tenho 32 anos e sou pai de dois rapazes e por isso hoje posso dizer que se os pais não acompanham essa fase é porque os filhos se fecham e não falam sobre ela, não depois de "pensarem" que são homosexuais ou outra coisa qq que devem ir ter com os pais é quando essa duvida ou questão os assalta pela primeira vez... e não concordo com fecharem-se dentro de uma concha para ganharem forças e só quando pensam que já sabem tudo irem ter com os pais e dizerem tudo mnessa altura cheio s de peito como se os pais já não podussem fazer nada ou passar um raspanete... nessa altura nós os pais só podemos é apoiar mas tb ficar tristes por não pudermos ter sido a ajuda que temos a certeza que era precisa estar lá na hora certa. nesse aspecto acho que o forum e a rede dão uma grande ajuda e são uma grande vantagem, mas todos nós que tb já fomos filhos e agora somos pais sabemos que não há nada como a palavra maiga de um pai ou aquele abraço apertado na altura certa. acreditem em mim e procurem apoio nos braços dos vossos pais, não há ninguém que goste mais de vcs que os vossos pais, apesar de por vezes não parecer...  ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: bluejazz em 15.mar.2005, 13:59:08
Desculpa bluejazz :-[
De facto foi um GRANDE descuido meu :-X
Ando a menosprezar a associação [smiley=chicote.gif] [smiley=bomba.gif]


No worries, nakedboy e hekemiah, mas a associação a nível web não é só o fórum e o resto é paisagem. ;) :P

Há muita informação para explorar em http://www.ex-aequo.web.pt. :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: trita_laranja em 21.mar.2005, 19:11:15
Pois sempre que penso... que seria uma boa altura, para "abrir o jogo" e contar tudo o que sou a minha familia..acontece logo alguma coisa para que isso não seja possivel... Acho que contar à nossa familia sobre a nosso homossexualidade não é de todo uma tarefa fácil.. que por vezes pode chegar a ter consequencias completamente inesperadas... Mas estou aqui também para dizer...que, quanto aos pais desconfiarem ou não do que somos, julgo que existem variadas maneiras de notar isso.. eu dou-vos o meu exemplo: A semana passada a minha mãe sugerei em tom de brincadeira, um possivel relacionamento, entre duas amigas minhas.. escusado será dizer que pretencem ao grupinho com que saío.. em seguida olhou para mim e piscou me o olho... Mais um exemplo se puxarem mais do que o habitual, conversas sobre homossexualidade... Penso que é nestas pequenas coisas que dá para notar se os nossos pais estão, no minimo desconfiados do que somos... E de facto, pelo menos para mim.. saber que a minha mãe, pelo menos desconfia e que reage bem, "na desconfiança" dá-me uma sensação de conforto..e pensar que quando eu achar que estará na altura certa de ela obter a certeza, a reacção dela não será "má" de todo... Não vejam os vosso pais como "inimigos" quanto a isso, de facto a grande maioria não entende, ou demonstra não entender.. mas no fundo.. o que eles querem é que sejamos felizes.. o que infelizmente nem sempre é possivel... Por isso se acharem que estão preparados não enfrentem os vossos pais, simplesmente conversem com eles... ;) :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: lost_lightning em 22.mar.2005, 00:30:04
eu acho q a maioria dos pais conhece tao bem os seus filhos q ja o sabe,mm antes d lhes contarem..
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: candy cane em 22.mar.2005, 11:10:17
eu acho q a maioria dos pais conhece tao bem os seus filhos q ja o sabe,mm antes d lhes contarem..

Olha que não...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: joramos em 22.mar.2005, 11:14:09
eu acho q a maioria dos pais conhece tao bem os seus filhos q ja o sabe,mm antes d lhes contarem..

Olha que não...

tb me parece q seja assim tão simples... os pais podem perceber mt dos filhos e conhece-los mt bem... e saberem q se passa algo mas dai a terem certezas...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: candy cane em 22.mar.2005, 11:21:04
Mas a questão é que nem todos os pais conhecem os filhos. A ideia de uma familia feliz, que conversa ao jantar, que se interessam pela vida uns dos outros não é assim tão comum, e é bastante comum um pai não ter ideia do que um filho faz quando sai da escola, com quem anda, se namora, ou porque tipo de coisas se interessa.
Basta perguntar-mos a alguns membros do fórum, se tirando o facto de se terem descuidado e os pais, por exemplo, terem lido uma mensagem escrita do namorad@ se estes desconfiavam... acredito que a maioria dissesse que não.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Pandora em 22.mar.2005, 23:40:58
tambem já fui filho, tenho 32 anos e sou pai de dois rapazes e por isso hoje posso dizer que se os pais não acompanham essa fase é porque os filhos se fecham e não falam sobre ela, não depois de "pensarem" que são homosexuais ou outra coisa qq que devem ir ter com os pais é quando essa duvida ou questão os assalta pela primeira vez... e não concordo com fecharem-se dentro de uma concha para ganharem forças e só quando pensam que já sabem tudo irem ter com os pais e dizerem tudo mnessa altura cheio s de peito como se os pais já não podussem fazer nada ou passar um raspanete... nessa altura nós os pais só podemos é apoiar mas tb ficar tristes por não pudermos ter sido a ajuda que temos a certeza que era precisa estar lá na hora certa. nesse aspecto acho que o forum e a rede dão uma grande ajuda e são uma grande vantagem, mas todos nós que tb já fomos filhos e agora somos pais sabemos que não há nada como a palavra maiga de um pai ou aquele abraço apertado na altura certa. acreditem em mim e procurem apoio nos braços dos vossos pais, não há ninguém que goste mais de vcs que os vossos pais, apesar de por vezes não parecer...  ;)

joramos, :)

A tua percepção enquanto Pai talvez seja a melhor. Por estar imbuída de amor, de afecto, do tal não julgamento.

A via do diálogo com os pais pode ser um porto de abrigo ou uma miragem. Ou pode ser qualquer coisa de premeio, de vocábulo indefinido.

Penso que existe quem se feche na concha. Esperando uma independência, esperando o tal fortalecimento de que falas.
Outros que se fechem, porque é mesma essa a sua natureza (ou porque a relação com os pais nunca facilitou esse diálogo).

Existem, certamente, muitas nuances. Leituras subjectivas deste mesmo assunto.
De facto não há nada como o apoio e uma palavra amiga de um Pai, de uma Mãe, de ambos, no tempo que mais precisávamos.

Uns conseguem. Outros nem por isso. Mas é preciso entender - e fazer essa difícil leitura - que Pais estão daquele lado?

Que Pai ou Mãe vão ouvir aquele menino/menina? Que bases têm eles? De que informação dispõe? Que relação existe?
São tantas as questões prévias a esta cogitação/reflexão/acção. Muitas mesmo. E quase apetece dizer algo do senso comum: cada caso é um caso.

Cada vivência merece essa reflexão, sem comparações. Cada núcleo familiar tem as suas vicissitudes, tem os seus códigos, as suas vivências. Não obstante fazermos todos parte da mesma tribo: humanidade.

Neste assunto, por exemplo:
A realidade portuguesa é diferente da nórdica, e porque não aqui mesmo ao lado, da espanhola.
Potencio as diferenças e também posso dizer: e o que falar da realidade islâmica?

Volto a este país (e falo só de geografia):
E que diferenças entre o interior e o litoral? Entre a urbe e a ruralidade?
Entre a informação e a não informação? Ou entre a formação e a inexistência dela?

Tantos mas... tantos.

Todos possam um dia ir ter - como sugeres - com os pais. Seria bom sinal. E aproveito para dizer que gostei muito de te ler. E que sim, tal como tu, acho importante que os pais possam também ler isto.
Esperamos - quase todos - que eles sejam sempre o nosso porto seguro. :)

...
Estive a reler o que escrevi e aqui volto porque me parece importante sublinhar - ou insistir - na seguinte questão:

Em alguns casos será importante - mas é uma análise quase individual - falar com os pais, e em outros nem por isso.
Compete a cada um de nós ir aferindo isso na relação que temos com eles. Correndo o risco de nunca termos respostas (se o devemos fazer ou não) ou se, efectivamente, isso é um sinal de importância (e porque não fortalecimento e apoio) naquela relação.

Mas todas as situações diferem. E por isso a importância de não generalizar.
A má experiência de alguém não reflecte, necessariamente, algo menos bom para todos.
Ou a fantástica relação de outrem com os seus pais não espelha o conforto para uma outra pessoa.


 

 
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: joramos em 23.mar.2005, 09:13:20
pandora,

parecem-me as tuas palavras bastante sábias...
pese embora saber que a realidade é mesmo que cada caso é um caso e que existem todas as diferenças que falaste... penso que, na minha maneira de ver, é sempre preferivel contar aos pais e sofrer as consequências por esse acto, do que chegar aos trinta anos e olhar para trás e dizer: "onde é que eu fui feliz? onde está a minha juventude? que caminhos trilhei? " e não ter uma resposta para isso. também não me parece bem que os nossos jovens de amanhã andem a viver uma vida dupla, em casa são uma coisa em frente dos pais, e os pais têm uma ideia deles e fora são outra... eu sei q isto pode parecer um pouco de preconceito ou até um cliché mas e o que dizer de uam pessoa que não se assumindo como homosexual (e não quero ofender ninguém, pois aposto que haverá casos por aí) se fecha na sua concha até aos trinta anos, será essa pessoa um individuo 100% desenvolvido pessoalmente/emotivamente/psicológicamente? terá condições e forças para se impor numa sociedade cada vez mais competitiva? e feroz? ou pelo contrario vai ser sempre o coitadinho, vai acabar por achar que não chega a lado nenhum e que os outros são sempre mais capazes do que ele? não estaremos a correr o risco de expor demasiadas pessoas aos perigos de enveredarem pelos caminhos da dupla personalidade?
são realmente, a meu ver, situações muito complicadas cada caso é um caso... e cada um deve agir de acordo com a sua vontade/possibilidade...

fica aqui mais esta achega de um pai preocupado com o dia de amanhã dos seus filhos...

já agora acho que nesta altura fazia falta aqui o testemunho/experência de uma qq situação por alguém que a tenha passado, e neste caso de alguém com uma certa idade e que já tivessse vivido este problema, talvez de um pai fosse interessante

espera-mos a colaboração... seja ela dos pais ou dos filhos
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Pandora em 23.mar.2005, 09:46:27
joramos, :)

prometo responder-te, agora o tempo urge porque tenho que ir ao advogado.  ;D

só uma nota: sempre "ocultei" os meus sentimentos mais profundos. sempre os mascarei, sempre encenei a vida que de mim esperavam. pensei inclusive - a dado momento - que era esse o meu destino.

cheguei aos 31/32 anos e só aí reconheci que não podia fugir mais de mim mesma.

cheguei então aos 34 e só aí percebi que não podia deixar de falar com os que me eram mais próximos. e o caminho ainda vai a meio.

gostava de continuar aqui escrever. eu já volto. ;)

...

PS: O tempo de maturação, interiorização foi uma via muito saturnina - o senhor do tempo - para mim. Hoje penso que a libertação individual é mais célere.
O que não quer dizer que essa libertação seja com os pais.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Pandora em 24.mar.2005, 00:32:07
também não me parece bem que os nossos jovens de amanhã andem a viver uma vida dupla, em casa são uma coisa em frente dos pais, e os pais têm uma ideia deles e fora são outra...

joramos, :)
Não tem que necessariamente ser uma vida dupla. Pode, de facto, existir uma repressão, uma certa angústia nesse trilho de que falas.
Mas noutros casos em que a tal saída do armário não acontece porque afectiva/emocionalmente podemos não estar preparados para ela.

E isso pode nem ser negativo. Pode ter a ver com a maturação interna que cada um vai tendo - com tempos de crescimento diferentes - no seu caminho.

eu sei q isto pode parecer um pouco de preconceito ou até um cliché mas e o que dizer de uam pessoa que não se assumindo como homosexual (e não quero ofender ninguém, pois aposto que haverá casos por aí) se fecha na sua concha até aos trinta anos, será essa pessoa um individuo 100% desenvolvido pessoalmente/emotivamente/psicológicamente? terá condições e forças para se impor numa sociedade cada vez mais competitiva? e feroz?

E porque não joramos?
Não creio que seja condição sine qua non uma saída tardia (noção subjectiva) do armário para um desenvolvimento pessoal/emocional/psicológico equilibrado.
Com toda a certeza que a vivência interna poderá ser mais conturbada, complexa, mas poderá verificar-se o oposto: termos um indíviduo extremamente competitivo.

Embora saibamos - e as estatísticas comprovam isso mesmo - que os casos de suícidio em jovens LGBT são de elevado índice.
Mas tal factor terá a ver com os medos, a repressão (arrisco a "tola" palavra pecado) que provoca estados de ansiedade e angústias tais que o jovem acredita não existir outro caminho.

Outro ponto:
Não creio ainda que isto implique vivências de dupla personalidade. Creio que terá mais a ver com protecção pessoal e face aos medos que a sociedade - repleta de homofobia - internaliza e exterioriza.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: joramos em 24.mar.2005, 09:09:29
querida pandora  :)

reconheço grande validade e objectividade nos teus argumentos...


terá mais a ver com protecção pessoal e face aos medos que a sociedade - repleta de homofobia - internaliza e exterioriza.


por isso é que eu defendo que devem conversar com os pais e fazer-lhes perceber o quão dificil é a situação e o quanto eles podem ajudar nela...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Pandora em 27.mar.2005, 16:50:41
por isso é que eu defendo que devem conversar com os pais e fazer-lhes perceber o quão dificil é a situação e o quanto eles podem ajudar nela...

joramos, :)

Compreendo a tua perspectiva. E considero-a bastante positiva (optimista até). Mas continuo a acreditar - e a pensar - que existem algumas reservas.

Os caminhos não são todos iguais. Aliás, diferem muito. Muitas vezes, por mais dor (angústia, sofrimento) que isso provoque aos filhos - e a maioria dos pais não gostará certamente de ver um filho/a a sofrer - os pais continuam num Mundo à parte.

E por isso mesmo, pelos seus sonhos, projectos, perspectivas de vida para os filhos - mesmo que estejam errados aos nossos olhos - não vão aliviar a situação. Por isso não é de ânimo leve que se pode generalizar esta equação.

O ideal seria, claro, o diálogo. Mas muitas vezes isso não é possível. E não é possível de todo. Podem existir ganhos e podem existir perdas.
Continuo a pensar que cada situação merece uma análise própria (quase individual). E essa análise só pode ser feita pela própria pessoa, por mais conselhos - e bem-intencionados - que cada um de nós possa ter. :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: falabarato em 27.mar.2005, 17:36:28
Eu Nao sei o k dizer só de pensar fico desfeito em lágrimas será que me vai custar assim tanto dar este passo que vai-me mudar a vida tão pacata mas tão sofrida. não sei mesmo o k lhes dizer só sei que a dor é imensa maior que eu não sei quantas vezes.
O que me passa pela cabeça e desapareçer, morrer fugir não sei queria tudo menos estar aqui nesta situação. :'(
Doi tanto tanto tanto que não tenho palavras para descrever  :'(
falar é muito fácil "-olha tudo vai passar tem calma"
Mas cá dentro é um pranto de sofrimento
Doi muito mesmo acho que a maior parte dos participantes já passaram pelo mesmo e dou vos os meus parabéns acho que é preciso ter muita coragem coisa que de momento tenho muito longe de mim
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Glorious_girl20 em 02.abr.2005, 20:24:40
ODEIO-TE PAI!!!!!!!!! >:( >:( >:( [smiley=muro.gif]  [smiley=muro.gif] [smiley=muro.gif]
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Maniuk em 03.abr.2005, 00:04:33
ODEIO-TE PAI!!!!!!!!! >:( >:( >:( [smiley=muro.gif]  [smiley=muro.gif] [smiley=muro.gif]

Que se passa?  :-* :-* :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Patty em 06.abr.2005, 08:32:29
Eu sei bem o que é isso.. [smiley=martelo.gif] apesar de termos idades diferentes sofremos a mesma coisa, a mesma dor. Creio que com você é bem pior, passou boa parte de seu tempo esperando uma resposta positiva que agradasse ao seus ouvidos...sem sucesso... :-\ Mas a vida é assim mesmo, temos tudo e ao mesmo tempo não temos nada. [smiley=muro.gif]
Não temos o prazer de ouvir nossos amigos e parentes falarem: "Nossa! é sério? puxa... fico feliz por isso!"  [smiley=amor.gif] mas temos o mais importante: o livre arbitrio, a possibilidade de escolhermos o que queremos e podemos fazer para melhorar nosso futuro.
Ou você conta  [smiley=chicote.gif] ou não, mas saiba que as duas opções podem trazer destinos tragicos ou muito felizes.

Tudo depende de escolhas e creio que já chegou a hora dessa decisão em sua vida.  :inq

Boa Sorte!   :up
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: spirit_girl em 06.abr.2005, 15:48:51
ÕDEIO-TE DO FUNDO DO KORAÇAO PAI ALIAS NK FOSTE PAIS NAO PASSAS DE UM ZERO A ESKERDA
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 06.abr.2005, 16:38:36
Mãe:

Cada vez que falo contigo ao telefone ( sim, nossa relação agora é muito telefónica e por mea culpa eu sei!!  :-\ ), sinto um sorriso desse lado, que me leva a sorrir aqui por mais que a alma me possa doer por vezes!...Noto teu "ais" de angústia quando digo estar adoentado, que as costas ( sim, minha herança pessoal! ) me doem e que as aulas estão a desgastar-me muito!....

Noto teu sorriso rasgado quando digo notas de avaliação, quando digo estar tudo bem e noto tua surpresa quando digo que tenho um casaco novo ( sim, aquele que dizes nunca ter visto ninguém se vestir assim!!  lol são modas minhas mamã!! ...)....

sabes mamã, tenho saudades tuas!...Das nossas compras, das nossas confidências ( sempre soube tudo de ti e tu de mim nada! bem que te queixavas que só ligava às amigas, que me deram com pés e tu é que ficaste!...), de toda a vivência que tivemos e que o tempo modificou com a minha saída de casa, aquela que tu também condicionaste com a  pergunta fatal...

Mas sabes mamã, essa pergunta abriu-me dolorosamente portas , que hoje me levam a divisões solarengas onde coloquéi móveis de sonho, para guardar sagradamente sonhos e ilusões, que um dia partilharei contigo e das quais darás sempre parte!...Tenho tantos sonhos onde te incluo, minha Deusa!...Sim és a minha Deusa, aquela em que eu acredito piamente, aquela que eu AMO de uma forma ilimitada, por ser a fundadora daquilo que hoje sou!...

Mesmo que não to diga verbalmente ( palavras doces, nunca usámos muitas....!), AMO-TE e sabes que de mim poderás esperar tudo aquilo que mereces : uma eternidade feliz...

Teu FIlho...
Nics  :-* (não, não mudei de nome!... ;))
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: zezecb500 em 06.abr.2005, 20:38:53
Bonitas palavras k disseste á tua mãe nics ;)!!!!


Eu aos meus pais kero-lhes dizer apenas k os AMO mais k tudo e agradeço a deus de eles aceitarem a minha vida pessoal... :)!!!

Áqueles k não teem a sorte k eu tenho...Muita sorte,força e coragem!!! ;)

Beijokas a todos e todas... :-* :-* :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: x-icon em 07.abr.2005, 22:40:19
Mãe e pai: eu e o pijama não somos só amigos!
É por isso que só está uma cama no nosso quarto!
É assim tão difícil perceber? ::)
Hellllllo?
 :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: falabarato em 16.abr.2005, 10:42:24
nicsparks bonitas palavras sim senhor todos os dias me surpreendes

Mãe tenho te a dizer que estás a fazer um esforço enorme para me aceitares a 100%, sei que tens andado á procura de informação, sei que me pedis-te segredo para o resto da familia e não aguentás-te guardá-lo, tb sei que confiás-te nos meus irmãos e que nenhum me aceito, ke te disseram "A culpa é tua por não lhe teres batido em pequeno"
Quando contás-te aquele senhor que teimam em escrever no meu B.I que é meu pai, que nunca me chamou de filho, que nunca me levou a passear e que quando tu lhe contás-te ele disse "A culpa é tu, não lhe soubes-te dar educação"

E por isso reages de forma diferente, pois quando estás sozinha em casa és bombardiada com acusações parvas de pessoas ignorantes, e depois quando chego não me olhas do mesmo jeito, sempre com um pé atrás

Mas já reparás-te nunca coisa eu continuo-te a dar beijos todos os dias, a apoiar-te em decisões que tinhas medo de enfrentar e que nós juntos vencemos, fomos a dupla fatal arrasavamos problemas em um instante, e sei que ainda podemos arrasar muitos mais para isso é so voltares a querer

Sinto-me magoado não por teres dito a todos sem a minha autorização, não por tentares ser mais severa comigo, mas sim por estares a sofrer por um problema meu, tb sabes que eles não teem coragem de vir falar comigo, talvez por que nenhum tem moral para isso

Por isto tudo e muito mais peço-te desculpa por sofreres as minhas dores

Mas nunca te esqueçerei, mesmo se sair de casa, mas isso não é um projecto recente ou por eu ser gay, sempre quis sair de casa e tu sabes disso

Sempre foste mãe e pai, e nunca vou esqueçer  :-*

Serás sempre a gordinha que tanto amo e admiro
Beijão  :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Glorious_girl20 em 16.abr.2005, 15:36:02
ODEIO-TE PAI!!!!!!!!! >:( >:( >:( [smiley=muro.gif]  [smiley=muro.gif] [smiley=muro.gif]

Que se passa?  :-* :-* :-*

Humm..cenas passadas k sempre irao assombrar a minha vida....e o culpado e ele
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nirvana em 22.abr.2005, 21:44:47
Hoje ganhei coragem e falei á minha mãe que tinha amigos homossexuais. Tivemos uma conversa séria e a tua opinião sobre os homossexuais era a que eu estava á espera e deixas-te bem claro a tua posição caso eu decida seguir por esse caminho.
Sempre foste uma Boa Mãe e sei que me açeitarás como sou e não é por isso que deixarei de ser teu Filho  :)
Adoro-te Mãe.  :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: zezecb500 em 17.mai.2005, 20:42:56
Eu apenas digo..."MUITO OBRIGADO" ;) :-* :-* :-* :-* :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: candy cane em 26.mai.2005, 20:21:40
Desculpem por não ser como desejaram, mas não vou viver uma mentira.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: reguila em 11.jul.2005, 15:22:27
Hoje gostava de dizer-lhes que sei que são os meus maiores amigos!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: lost.passenger em 23.jul.2005, 23:24:21
(aos pais e à irmã ;) )

"obrigada por todo o apoio!" :D :) :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: minnie em 14.ago.2005, 01:23:24
I Cry
© By Jenifer R. Wetle

Esta carta é para o meu pai...ele q nunca soube me entender..nem m ouvir quando eu mais precisava dele...agora ele precisa de ajuda e eu tou ali para ajuda-lo e ele nem reconhece o valor... :'(

Everytime you speak
You hurt me with your words of hate.
Everytime you speak
I die a little inside.
Tears well up inside me
Then you speak again.
The tears are welling up in my eyes
Once again your words of hate fill the air.
The tears are now rolling down my cheeks
You laugh as my tears hit the floor.
Now that you are no longer near
I would think that there would be no more tears.
But your hurtful words stll haunt me loud and clear.
Then I hear your laugh and see your face
This image I can not erase.
So I just cry
And cry some more.
Until I care about you no more.

aesar de tudo amot na mesma...teras sempre o meu respeito..e o meu  amor embora me rejeites... :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Di em 18.set.2005, 22:37:45
  Espero que quando ganhar coragem e vos contar o meu segredo vocês me apoiem como sempre o fizeram... "Não escolhemos de quem gostamos", foram vocês que me ensinaram... :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: pita_bi em 01.out.2005, 19:29:05
mãe, desculpa tudo isto, sei k nao tens culpa... nao tens culpa d nada e nao mereces ver-me assim. desculpa, ta?
antigamente nem sempre m deixavas sair d casa, agora perguntas: "nao sais?" eu respondo: "nao m apetece"... e tu ficas a olhar sem reacção pk t apercebes k estou mal, dizes p eu r a um psicologo..so keres o melhor pra mim...
mas nao tenho paciencia para nada... desculpa..
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: DarkAngel em 03.out.2005, 16:26:59
espero que algum dia cheguem a comprender e aceptar a minha decição e espero que quando sepam o maior segredo da minha vida que não me odiem ni me despreciem :'( porque passe o que passe eu sempre vou tar aqui para ustedes e sempre vou amarlos
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: quiet soul em 10.out.2005, 21:16:11
obrigado por tudo. Apesar dos meus pais n terem reagido da forma muito positiva (tb n esperava outra coisa), eles foram cpazes d ultrapassar isso... assim esp eu. S calhar n falo c eles sobre a minha sexualidade tanto como gostaria ms sei c posso contar c eles p td e q o mais querem é q seja feliz!! :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: paulosabino em 16.out.2005, 14:32:55
bem eu n posso falar aqui do que se deve dizer aos pais..  a minha relação com o meu pai é praticamente enixistente, apesar de morar-mos a cerca de 200 m, divorciou-se da minha mãe tinha eu tres anitos, e é como se tivesse divorciado dos filhos tb.. nunca foi pai, por isso as conversas entre nós limitam-se a um "bom dia, ta tudo bem.." e nem se espera pela resposta.. ja a minha mãe é um doce de pessoa, amiga e uma mãe exemplar.. orgulho-me disso.. so que.. não compreende o facto de eu ser assim "diferente"..  para ela é uma inquietação.. neste momento vivo com o meu namorado..  num meio pequeno, onde toda a gente se conhece..  foi dificil , foi mas ja está mais que superado..  mas tenho pena sim de n poder falar sobre certos assuntos com ela.. tenho a certeza que nunca vai compreender, aceitar..  por vezes falo com pessoas em comum com ela, é deste modo que chego á sua opinião sobre o assunto.. " não percebo, mas não posso virar costas ao meu filho, ainda por cima é o que é mais meu amigo entre os irmãos".. nossa!!! :'( ate me arrepiei, qd estas palavras chegaram a mim..  e é nisto que eu me agarro para defender que o preconceito não é uma questão cultural..  é uma questão de coração..  e quem gosta, gosta e pronto..  mas acreditem que passo muito tempo a imaginar o que se passará na sua cabeça.. e o que mais me revolta é saber que deve sofrer por algo que não faz sentido sofrer.. se eu for infeliz não é por dormir com um homem ou com uma mulher.. antes fosse assim tão simples.. e aliás, considero-me feliz por ser "diferente" e não me sentir mal com isso, sou simplesmente eu, de cabeça erguida...
A todos os pais que passem pela "dor" de ter um filho "diferente", quero deixar aqui uma sugestão, antes de sofrerem, tentem perceber a razão porque sofrem.. talvez seja em vão.. os vossos filhos precisam de vós..  e é muito dificil chegar perto de vós e pedir ajuda. Ajudem-nos, não queremos médicos pois não estamos doentes, não queremos grades pois não somos criminosos, não queremos ficar isolados pois os sentimentos não se transmitem,não queremos estar sozinhos numa guerra que vocês so lamentam.. queremos lutar pelo que somos, mas com a vossa ajuda, o vosso amor...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: eye of angel em 23.out.2005, 23:17:57
tenho  q agradecer a minha mae ...ela que tem me ajudado..muitos nestes dias..de tristeza..nas noites de solidao...
mae sem ti nao saberia q fazer..obg por tudo...OBG...AMOT MTO.. :-* :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: sea em 08.nov.2005, 12:51:21
.. " não percebo, mas não posso virar costas ao meu filho, ainda por cima é o que é mais meu amigo entre os irmãos".. nossa!!! :'( ate me arrepiei, qd estas palavras chegaram a mim..  e é nisto que eu me agarro para defender que o preconceito não é uma questão cultural..  é uma questão de coração..  e quem gosta, gosta e pronto..  mas acreditem que passo muito tempo a imaginar o que se passará na sua cabeça.. e o que mais me revolta é saber que deve sofrer por algo que não faz sentido sofrer..  e aliás, considero-me feliz por ser "diferente" e não me sentir mal com isso, sou simplesmente eu, de cabeça erguida...

Impressionou-me o teu post Paulo.
Percebe-se nele que és feliz com a tua escolha. Acho que é essa naturalidade com que és feliz que "desarma" a tua mãe. Penso que não se trata apenas de seres filho dela. O amor supera muitas coisas mas não é raro não superar ISTO!
A tua coragem não deixa espaço para muito mais.

É comum, sobretudo nas pessoas mais novas, que a saída do armário coincida com estados depressivos e de ansiedade (PUDERA!!!). Quando assim é, surge a associação do "mal estar" à causa. "Ele não está bom da cabeça" é frequente ouvir-se.
Agora quando estás manifestamente feliz deve ser complicado!!
O facto de viveres num meio pequeno não ajuda nada :-\
Creio que o tempo ajudará a tua mãe. E quem sabe se não irá um dia orgulhar-se da coragem do filho ;)
Assim o espero!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sparkling_angel em 08.nov.2005, 14:19:59
Hey,tu que dizem que és meu pai:


ÉS UM m*****,NÃO VALES NADA,E QUERO É QUE VÁS PRA BEM LONGE,E QUE NÃO OUSES SEQUER OLHAR PRA MIM,PORQUE O MEU OLHAR VAI-TE MOSTRAR O ÓDIO TODO QUE TENHO POR TI,E NÃO,NÃO VALE A PENA SEQUER UM DIA ME PEDIRES PERDÃO...NÃO SOU DEUS,E MT MENOS ACREDITO NELE PRA TE PERDOAR...BAZA E NUNCA MAIS VOLTES >:(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: seraphine em 11.nov.2005, 21:03:39
Queria dizer-lhes que gosto muito deles. Que tenho sentido o seu apoio e que lhes estou incomensuravelmente grata por isso; que me deixa feliz o simples facto de sentir que também eles se esforçam para que este início decorra melhor que o último fim.

Mãe, desgosto porquê? Não tenho culpa de não gostar de rapazes. Tu também não tens culpa de que eu não goste de rapazes nem fizeste nada de errado, nesse sentido... espero que com o tempo percebas que não há motivo para estares desgostosa, porque o que interessa é que estamos bem melhor assim, sem os desconhecimentos, as dúvidas, as mentiras e o convívio insuportável que há bem poucos meses tanta mágoa proporcionou a ambos os lados.

Eu própria estou tão mais feliz desde que me assumi e percebi aquilo que era! Ouve... e os meus amigos da associação são pessoas perfeitamente íntegras, como as outras... não os manequins lantejoulados que os media gostam de escarrapachar nas câmeras e nas fotografias de jornais e de revistas...
Mãe, a rede significa tanto para mim... eu gosto tanto destas pessoas, ajudaram-me tanto, quando eu mais precisei... criei verdadeiros laços de amizade com algumas, em particular... laços como nunca tive! Estas pessoas fizeram de mim uma pessoa com maior noção de si, com maior noção do seu valor e sobretudo alguém mais feliz, mais íntegro, mais de bem consigo próprio...

Espero que um dia consigas perceber o que te quero dizer com isto!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: SafeLight em 11.nov.2005, 21:43:23
bem eu n posso falar aqui do que se deve dizer aos pais..  a minha relação com o meu pai é praticamente enixistente, apesar de morar-mos a cerca de 200 m, divorciou-se da minha mãe tinha eu tres anitos, e é como se tivesse divorciado dos filhos tb.. nunca foi pai, por isso as conversas entre nós limitam-se a um "bom dia, ta tudo bem.." e nem se espera pela resposta.. ja a minha mãe é um doce de pessoa, amiga e uma mãe exemplar.. orgulho-me disso.. so que.. não compreende o facto de eu ser assim "diferente"..  para ela é uma inquietação.. neste momento vivo com o meu namorado..  num meio pequeno, onde toda a gente se conhece..  foi dificil , foi mas ja está mais que superado..  mas tenho pena sim de n poder falar sobre certos assuntos com ela.. tenho a certeza que nunca vai compreender, aceitar..  por vezes falo com pessoas em comum com ela, é deste modo que chego á sua opinião sobre o assunto.. " não percebo, mas não posso virar costas ao meu filho, ainda por cima é o que é mais meu amigo entre os irmãos".. nossa!!! :'( ate me arrepiei, qd estas palavras chegaram a mim..  e é nisto que eu me agarro para defender que o preconceito não é uma questão cultural..  é uma questão de coração..  e quem gosta, gosta e pronto..  mas acreditem que passo muito tempo a imaginar o que se passará na sua cabeça.. e o que mais me revolta é saber que deve sofrer por algo que não faz sentido sofrer.. se eu for infeliz não é por dormir com um homem ou com uma mulher.. antes fosse assim tão simples.. e aliás, considero-me feliz por ser "diferente" e não me sentir mal com isso, sou simplesmente eu, de cabeça erguida...
A todos os pais que passem pela "dor" de ter um filho "diferente", quero deixar aqui uma sugestão, antes de sofrerem, tentem perceber a razão porque sofrem.. talvez seja em vão.. os vossos filhos precisam de vós..  e é muito dificil chegar perto de vós e pedir ajuda. Ajudem-nos, não queremos médicos pois não estamos doentes, não queremos grades pois não somos criminosos, não queremos ficar isolados pois os sentimentos não se transmitem,não queremos estar sozinhos numa guerra que vocês so lamentam.. queremos lutar pelo que somos, mas com a vossa ajuda, o vosso amor...

Paulo, temos "mães Parecidas" lol

Sim, penso k se passará o mesmo na cabeça da minha mãe..

Eu contei-lhes aos 19 anos, agora tenho 22...

O iníco foi terrível... fomos os 3 ao psicólogo uma vez (pouco tempo depois) e correu bem...

Mas nunca mais falámos sobre o assunto em casa.. parece k é o modo k eles arranjaram de viver com isto..

"desde k n se fale tudo bem" - parece a filosofia deles, mesmo k n tenham consciencia dela

De vez em kuando sei d kkr coisa pela minha irmã, k é a minha melhor amiga, e sempre soube de tudo

Tipo.. saber k a minha mãe gosta muito muito de mim mas k xora todas as noites...

são coisas dolorosas de se ouvir.. de saber..

E é como tu dizes, é um sofrimento sem kkr razão..

Sim, eles (nós) vivem(os) numa terra bué pekena..

Eles n têem grande acesso às coisas k os poderiam ajudar... tb n acredito k se dessem ao trabalho de ir ao psicologo regularmente...

O meu pai sei k vai, mas n sei s fala de mim

Pelo menos têem a novela da TVI, já é kkr coisa...

É bastante complicado... n sei s algum dia m sentirei nessa paz k gostava de ter entre a pessoa k amo.. e a minha família..

Gostava de lhes dizer k namoro, k existe um rapaz maravilhoso k me faz sentir feliz...

Mas sinto k n posso..

Kem sabe..

 :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: new_life em 20.nov.2005, 20:20:38
sei k nao irão ler isto, mas kero pedir-vos desculpas por alguma coisinha, principalmente nestes dias. desculpem uma certa impaciencia da minha parte =/
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: SafeLight em 02.dez.2005, 04:02:36
hj o meu pai viu uma fotografia em k tou abraçado ao joão.. e perguntou à minha irmã:

Quem é este? é o namorado do teu irmão?

Eu sei k o meu pai é de luas, mas.. é um bom sinal

é o k faz as novelas da tvi!! :D :D :D ;D
Título: Re: Canções e mensagens
Enviado por: ^_~ em 15.dez.2005, 07:24:25
One Last Goodbye

How I needed you
How I grieve now you're gone
In my dreams I see you
I awake so alone

I know you didn't want to leave
Your heart yearned to stay
But the strength I always loved in you
Finally gave way

Somehow I knew you would leave me this way
Somehow I knew you could never.. never stay
And in the early morning light
After a silent peaceful night
You took my heart away
And I grieve

In my dreams I can see you
I can tell you how I feel
In my dreams I can hold you
And it feels so real

I still feel the pain
I still feel your love
I still feel the pain
I still feel your love

And somehow I knew you could never, never stay
And somehow I knew you would leave me
And in the early morning light
After a peaceful night
You took my heart away
I wished, I wished you could have stayed




Emotional Winter

Speak to me
For I have seen
Your waning smile
Your scars concealed
So far from home, do you know you're not alone
Sleep tonight
Sweet summer light
Scattered yesterdays, the past is far away

How fast time passed by
The transience of life

Wasted moments won't return
And we will never feel again

Beyond my dreams
Ever with me
You flash before my eyes, a final fading sigh
But the sun will rise
And tears will dry
Of all that is to come, the dream has just begun

And time is speeding by
The transience of life

Wasted moments wont return
And we will never feel again



Estas músicas foram escritas p a sua falecida mãe, portanto julgo não se encontrarem fora de contexto ;) :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: ^_~ em 15.dez.2005, 07:30:54
Que vos amo!?! :-[
Sei que nunca lerão isto, e sei q coragem p o dizer pessoalmente n tenho... Portanto deixo-o aqui escrito em tom de desabafo, e tentando ganhar coragem de um dia o conseguir dizer pessoalmente.... esperando q o dia em q a ganhe não seja já tarde demais...  :'( Ao longo deste anos tenho-vos matado aos poucos... Não era nada disto que eu queria...acreditem....... Não sinto à vontade para o demonstrar mas..... Amo-te Pai.. Amo-te Mãe... :heart :'( :wings
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: new_life em 15.dez.2005, 18:44:36
mãe, adoro uma girl  ::)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: MaryFanatic em 16.dez.2005, 11:07:09
A minha mãe sabe por isso é com ela que partiho tudo.Infelizmente,o resto da minha familia deixa mto a desejar por isso prefiro fugir do pais do que eles descobrirem.Tenho até pesadelos com essa hipótese.Ignorancia é algo que não tenho paciencia para aturar.ter uma conversa sobre homofobia com o bronco do meu irmão é equivalente a discutir aulas de etiqueta com a Paris Hilton.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: kiwi 2em1 em 10.jan.2006, 01:19:38
contar ou n contar.... é uma bela kestao!!!  ???
Bem, eu decidi contar á minha mãe por axar que n devia mais mentir....... mas descobri que vou ter de continuar a faze-lo..... porque apesar de até me ter surpreendido na sua reacção, o facto de nunca mais ter tocado no assunto para alem de uma bocas estupidas, faz-me entender que vai demorar muito tempo até digerir bem o assunto e que portanto se eu lhe dixer que vou sair com a minha namorada ou que vou a um bar gay com uma data de amigos gays ela frita-me e provavelmente (metaforicamente) amarra-me em casa!! De kk maneira depois de termos conversado sobre este assunto que assusta qualquer um kuando o interlucutor é um dos pais, a minha mae so me dixe isto...... "gosto mt de ti de kk form e espero que nunca te eskeças dixo!!!". Ora isto parece pouco kuerente mas é uma realidade....... de kk forma, e mesmo sabendo que a minha mae nunca ira vir aki ler tal coisa..... so quero deixar escrito que mãe só há uma e que de uma forma ou de outra nos ama mt!!! e é claro k eu como filha ADORO-TE MUITO mãe e não saberia o que era feito de mim se alguma vez ficaxe sem os teus mimos ou os teus conselhos que só tu sabes dar!!!!  ;D
Um grande bj  ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: sem preceitos em 10.jan.2006, 13:35:13
Mae,
Eu entendo-t,eu sei o kuao dificil é...n tenhas medo mae,dám a tua mao e ajuda-m!!!
Deixa-m provar-t k o k me dissest n é verdad,deixa-m provar-t k sou normal!!...POR FAVOR!!!...Deixa-m fazer-t sentir orgulhosa pla filha k tens!!!.....

Mae,eu ADORO-T!!:)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Stargazer em 15.jan.2006, 16:13:56
A escolha foi tua de me fazeres sofrer sem sequer me tentares entender... Agora é tarde, sou eu que te quero esquecer antes mesmo de morrer!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nakedboy em 15.jan.2006, 18:36:44
Só espero que compreendam o que é ser feliz :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: southboy em 15.jan.2006, 21:15:38
Que independentemente de tudo, não houve erros de parte alguma! A vida é como é! Cada um deve procurar o caminho para a sua felicidade!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 16.jan.2006, 02:09:14
Força mimnha mãe....vou estar contigo nesta etapa dificil....

Força :) Beijos apaixonados
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: eye of angel em 28.jan.2006, 12:35:12
Mae...Pai.... Obrigada por tudo..obg por me entenderem..e me aceitarem...independentemente dos outros..voces nunca me rejeitaram.... voces sempre que tiveram sempre do meu lado....nunca me abandonaram...ate mesmo qd eu me assumi..voces comprenderam... Nunca eskeço as vossas palavras.." tu continuarás a ser a minha filha...seja qual o rumo que seguires..nós tamos aqui...eskeçe tudo o que os outros dizem e vai a procura da tua felicidade...esteja ela onde estiver.." foram estas palavras q me encorajaram a assumir-me perante toda a minha familia...e amigos...alguns aceitaram outros nao.... mas sempre manti a minha cabeça levantada...pk eles nao sao melhores que eu..e nem de ninguem...
agora sinto-me mais aliviada...o peso que havia dentro de mim ja saiu..pois ja nao tenho mais nada a esconder a ninguem....Tb mereço ser feliz...como toda gente mereçe...
Duarte...carlos..e carla ..tb kero agradecer a voces...q sao os melhores irmaos do mundo...
OBrigada a todas as pessoas que sempre me apoiaram..principalmente aos meus pais...
:-* :-* ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Moss Deb em 01.fev.2006, 17:01:50

A propósito de ter o apoio dos nossos Pais, eu já lhes contei há algum tempo, aliás foram os primeiros a quem me assumi, e felizmente aceitaram excepcionalmente bem! :)

Mas o que me fez escrever este post, pois o resto já contei no fórum algures lol, foi que há dias lhes dei a petição do casamento para assinar e mais uma vez tive uma prova, entre tantas outras, de que para além de aceitarem a minha homossexualidade os meus Pais desejam que eu a viva de um modo pleno e com todos os direitos que qq ser humano deve ter! Senti-me tao bem nesse momento! ehe  :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: southboy em 01.fev.2006, 17:11:34

A propósito de ter o apoio dos nossos Pais, eu já lhes contei há algum tempo, aliás foram os primeiros a quem me assumi, e felizmente aceitaram excepcionalmente bem! :)

Mas o que me fez escrever este post, pois o resto já contei no fórum algures lol, foi que há dias lhes dei a petição do casamento para assinar e mais uma vez tive uma prova, entre tantas outras, de que para além de aceitarem a minha homossexualidade os meus Pais desejam que eu a viva de um modo pleno e com todos os direitos que qq ser humano deve ter! Senti-me tao bem nesse momento! ehe  :)

Parabéns pelos pais que tens Sky! :)

Sem qualquer ponta de inveja, também gostava de ter uns pais assim!  :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: lastangel_18 em 15.fev.2006, 20:49:37
poxo dixer... obrigada... do fundo do coraçao... nao so a minha mae mas tb a minha irma... enfim...  :-*  :-*  :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: free_thinker em 04.mar.2006, 15:39:54
Só espero que compreendam o que é ser feliz :-\

E acrescento ainda, e o que é o verdadeiro AMOR!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: candy cane em 06.mar.2006, 03:06:57
Espero que uma dia percebas que não tens o direito de estares zangada comigo por te ter escondido qual era a minha orientação sexual durante este tempo todo e percebas o medo, o receio, as duvidas que tinha e o quanto me custou ganhar coragem para me abrir contigo.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: eye of angel em 10.mar.2006, 02:34:01
mae..pai..o k eu tenho a dizer a voces é muita coisa....mas resumo apenas em 2 palavras AMO-VOS MUITO...
 obrigada... pois logo.....logo ..qd xegar a madeira matamos as saudades e colocamos a conversa em dia... lol lol pois voces sao muito curiosos.. ::) :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: cacao em 23.mar.2006, 10:27:13
Temos que gostar deles e gostar de nós. Quando as pessoas à nossa volta nos vêem felizes é eio caminho andado para tudo o resto... :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: _corredor_ em 06.abr.2006, 11:37:46
Aos meus pais e à minha família:

Depois de tudo o que passamos e de tudo estar bem, nunca na minha vide me senti tão confortável convosco. É por vós que a minha vida ganha rumo e felizmente que tudo se alterou. Muito obrigado por me aceitarem e assim evitarem um empurrão da minha parte para o abismo. Hà muitos pontos positivos no percurso que percorri até vocês serem o que são hoje e os negativos já os joguei no lixo e selei a tampa. Está na altura de encarar o futuro com bons olhos e muito graças a vocês, não querendo deixar a minha força de vontade de parte, serei capaz de concretizar todos os meus sonhos que se atrasaram em concretizar por questões de homofobia extrema. Compreendo e perdoo tudo o que aconteceu assim como vocês me perdoam, afnal naquele período nem se falava em homosexual quanto mais em homofobia. Enfim, muito obrigado por tudo e por todo o vosso apoio. Vocês mãe, irmão, pai, tio, tia, avós, primos estejam em Lisboa ou no Algarve são do best e amo-vos muito!!! Prometo-vos consertar tudo, consertar a minha carreira e fazer de tudo para ser pai, ter parceiro e dar-vos a família que eu desejo e que vocês também desejam.

 :-* :-* :-* :-* :-* :-* :-* :-*

 :) :) :) :) :) :) :) :) :) :):):)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Lamb em 27.abr.2006, 22:07:28
nunca pensei k chegasses a esse ponto :'( :'( >:(
mais vale trancar o meu quarto a cadeado nao é? >:( :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: southboy em 27.abr.2006, 23:41:03
Neste momento, nada! Estou vazio por dentro... Não tenho que vos dizer.  :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Driretlanii em 04.mai.2006, 16:25:06
Sou como sou... Aceitem-me como sou e não à máscara que uso e usei...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: inarinha em 01.jun.2006, 23:03:55
Pai gosto mto de ti, mas fogo, ás vezes tens cada atitude...se ando de mota é k ando de mota e tu não gostas e não me keres deixar andar, se faço parapente...mandas-me pá cabeça...se kero viajar e ir ter com uma amiga tu não deixas...se durmo fora de casa..no outro dia lá estás tu a me ligar...se digo k vou fazer uma tatuagem tu dizes k ma tiras a lazer...mesmo k fike uma mancha, pelomenos a tatuagem não fica...kero fazer um piercing e tu dizes k mo arrancavas... imagina se te disse-se k sou Lesbica...enternavas-me num hospicio... :-X :-X ??? :-[ :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: HumanNature em 07.jun.2006, 14:10:21
Pai sei que estamos sempre ás turras e temos pensamentos e visões da vida diferentes, mas muito obrigado pelas tuas palavras de ontem quando te respondi:

"sou como sou e agora chega de me criticar e de me mandar abaixo, eu n me maltrato mais a mim mesmo por ser o q sou, não foi para mim uma opção ser gay, o que foi opção pra mim foi decidir ou n, deixar a minha namorada para seguir em frente na minha verdadeira sexualidade à 3 anos atrás".

A tua resposta:
"há quem tenha filhos piores, uns que se casam e desfazem casamentos de meses e deixam filhos, outros drogados, outros com grandes doenças, tu n roubas, n matas, és digno, és meu filho como os outros 2 são"

Não gostei que colocasses a minha sexualidade juntamente com os aspectos maus da vida, com as más atitudes e problemas dos outros, mas ou menos reconheceste-me mais uma vez como sou, e apoiaste-me, mesmo sempre discordando comigo, estás ao meu lado numa das coisas mais importantes da minha vida.
Obrigado e desculpa tb o feitio que tenho!

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Tudo isto pq vamos ter um jantar familiar onde vai estar um tio meu q já em pequeno me chamava de "nomes" vcs sabem, e eu n queria ir ao jantar.
Ontem finalmente decidi contar ao meu pai o porquê de n querer ir, pois não quero ir para ser maltratado por aquela besta q se diz meu tio e q eu poderia me passar e responder à letra pq já n tenho 12 anos e sim quase 22.

Ele disse q jamais iria admitir isso à frente dele e desenrolou-se esta conversa...
O meu pai já me feriu muito, já estragou mta coisa na minha vida, n me apoia nem sequer na minha ideia de estudar, mesmo sabendo q tenho q trab, mas ou menos ontem, pôs-se a meu lado e mostrou mais uma vez me aceitar!
Realmente nem tudo é mau.e agora que desabafei neste tópico, vou limpar as lágrimas e seguir a vida em frente. ;)

e sim vou enfrentar no sabado a famelga toda!!!
 :up
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: SafeLight em 07.jun.2006, 18:07:13
pai, tenho uma coisa pra te dizer...

porkê k és tão..  [smiley=muro.gif] [smiley=muro.gif] [smiley=muro.gif]
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: eye of angel em 09.jun.2006, 19:02:37
mae ....pai...pena voces estarem longe de mim..pois neste momento preciso tanto de voces.... :'(
 Obrigada mae... obriigada pai... por me aceitarem como sou..



     amo-vos muito
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: hal em 09.jun.2006, 23:40:08
e sim vou enfrentar no sabado a famelga toda!!!
 :up

Muita, muita força para ti, HumanNature!  :D :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: southboy em 11.jun.2006, 15:37:25
Pai sei que estamos sempre ás turras e temos pensamentos e visões da vida diferentes, mas muito obrigado pelas tuas palavras de ontem quando te respondi:

"sou como sou e agora chega de me criticar e de me mandar abaixo, eu n me maltrato mais a mim mesmo por ser o q sou, não foi para mim uma opção ser gay, o que foi opção pra mim foi decidir ou n, deixar a minha namorada para seguir em frente na minha verdadeira sexualidade à 3 anos atrás".

A tua resposta:
"há quem tenha filhos piores, uns que se casam e desfazem casamentos de meses e deixam filhos, outros drogados, outros com grandes doenças, tu n roubas, n matas, és digno, és meu filho como os outros 2 são"

Não gostei que colocasses a minha sexualidade juntamente com os aspectos maus da vida, com as más atitudes e problemas dos outros, mas ou menos reconheceste-me mais uma vez como sou, e apoiaste-me, mesmo sempre discordando comigo, estás ao meu lado numa das coisas mais importantes da minha vida.
Obrigado e desculpa tb o feitio que tenho!

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Tudo isto pq vamos ter um jantar familiar onde vai estar um tio meu q já em pequeno me chamava de "nomes" vcs sabem, e eu n queria ir ao jantar.
Ontem finalmente decidi contar ao meu pai o porquê de n querer ir, pois não quero ir para ser maltratado por aquela besta q se diz meu tio e q eu poderia me passar e responder à letra pq já n tenho 12 anos e sim quase 22.

Ele disse q jamais iria admitir isso à frente dele e desenrolou-se esta conversa...
O meu pai já me feriu muito, já estragou mta coisa na minha vida, n me apoia nem sequer na minha ideia de estudar, mesmo sabendo q tenho q trab, mas ou menos ontem, pôs-se a meu lado e mostrou mais uma vez me aceitar!
Realmente nem tudo é mau.e agora que desabafei neste tópico, vou limpar as lágrimas e seguir a vida em frente. ;)

e sim vou enfrentar no sabado a famelga toda!!!
 :up

A tua atitude não me surpreende e sabes porquê migo? Porque só pessoas com a sensibilidade que tu tens e com uma alma imensa conseguem ter atitudes tão correctas como tu as tens. Força e parabéns pela excelente pessoa que és!  :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Agagio19 em 12.jun.2006, 00:30:20
Sem dúvidas. PARABENS!  ;)

Temos que enfrentar os nossos medos para os superar. Vai em frente! Estamos contigo  :P  [smiley=orgulhoso.gif]
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: shadow23 em 12.jun.2006, 14:57:49
mae ....pai...pena voces estarem longe de mim..pois neste momento preciso tanto de voces.... :'(
 Obrigada mae... obriigada pai... por me aceitarem como sou..



     amo-vos muito

mana tb sinto muita falta do pai e da mae...e pena estarmos longe das pessoas k mais amamos...mas a vida e assim...um dia tinha-se k seguir a nossa vida..........mana amo-te muito...muito...nem sei explicar o k sinto dentro de mim.....so se k te AMO MUITO....Apesar de estarmos longe uma da outra....sempre k precisares de algo .....e so dizeres....xau....
        A M O - T E   M U I T O 
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: shadow23 em 12.jun.2006, 15:06:16
mae ....pai...pena voces estarem longe de mim..pois neste momento preciso tanto de voces.... :'(
 Obrigada mae... obriigada pai... por me aceitarem como sou..



     amo-vos muito

mana tb sinto muita falta do pai e da mae...e pena estarmos longe das pessoas k mais amamos...mas a vida e assim...um dia tinha-se k seguir a nossa vida..........mana amo-te muito...muito...nem sei explicar o k sinto dentro de mim.....so se k te AMO MUITO....Apesar de estarmos longe uma da outra....sempre k precisares de algo .....e so dizeres....xau....
 
A M O - T E   M U I T O
[/color] 
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: HumanNature em 13.jun.2006, 01:45:12
e sim vou enfrentar no sabado a famelga toda!!!
 :up

Muita, muita força para ti, HumanNature!  :D :-*

Pai sei que estamos sempre ás turras e temos pensamentos e visões da vida diferentes, mas muito obrigado pelas tuas palavras de ontem quando te respondi:

"sou como sou e agora chega de me criticar e de me mandar abaixo, eu n me maltrato mais a mim mesmo por ser o q sou, não foi para mim uma opção ser gay, o que foi opção pra mim foi decidir ou n, deixar a minha namorada para seguir em frente na minha verdadeira sexualidade à 3 anos atrás".

A tua resposta:
"há quem tenha filhos piores, uns que se casam e desfazem casamentos de meses e deixam filhos, outros drogados, outros com grandes doenças, tu n roubas, n matas, és digno, és meu filho como os outros 2 são"

Não gostei que colocasses a minha sexualidade juntamente com os aspectos maus da vida, com as más atitudes e problemas dos outros, mas ou menos reconheceste-me mais uma vez como sou, e apoiaste-me, mesmo sempre discordando comigo, estás ao meu lado numa das coisas mais importantes da minha vida.
Obrigado e desculpa tb o feitio que tenho!

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Tudo isto pq vamos ter um jantar familiar onde vai estar um tio meu q já em pequeno me chamava de "nomes" vcs sabem, e eu n queria ir ao jantar.
Ontem finalmente decidi contar ao meu pai o porquê de n querer ir, pois não quero ir para ser maltratado por aquela besta q se diz meu tio e q eu poderia me passar e responder à letra pq já n tenho 12 anos e sim quase 22.

Ele disse q jamais iria admitir isso à frente dele e desenrolou-se esta conversa...
O meu pai já me feriu muito, já estragou mta coisa na minha vida, n me apoia nem sequer na minha ideia de estudar, mesmo sabendo q tenho q trab, mas ou menos ontem, pôs-se a meu lado e mostrou mais uma vez me aceitar!
Realmente nem tudo é mau.e agora que desabafei neste tópico, vou limpar as lágrimas e seguir a vida em frente. ;)

e sim vou enfrentar no sabado a famelga toda!!!
 :up

A tua atitude não me surpreende e sabes porquê migo? Porque só pessoas com a sensibilidade que tu tens e com uma alma imensa conseguem ter atitudes tão correctas como tu as tens. Força e parabéns pela excelente pessoa que és! :-*
Sem dúvidas. PARABENS! ;)

Temos que enfrentar os nossos medos para os superar. Vai em frente! Estamos contigo :P [smiley=orgulhoso.gif]

Obrigado pela força aos 3!!! A serio, tudo de bom!!!

O jantar correu muito bem e não houve ofensas, aquele estupor do meu tio apenas me perguntou se eu ja tinha namorada e eu disse q vou tendo..e n deixei o meu pai falar nem lhe confirmei as duvidas que SEI que ele tem, pois da minha boca ele é daquelas pessoas q faço questão que NUNCA saiba por mim..se souber vai ser por outros e contra a minha vontade!!
Pode sempre mandar bocar e estar duvidoso, mas azar o dele, vai morrer com a duvida..e na ignorancia sem a minha confirmação!!

O jantar correu fixe nesse sentido, claro q vim de lá, a sentir-me mal, tipo ET, foi inevitavel, mas enfim..q fazer?
Sorte que depois em casa, tudo na minha cabeça voltou ao lugar!!!
Que se lixem eles e o que pensem em mim, podem-me me odiar, ou até dizerem que sou isto ou aqui, o que me interessa é que não é por causa daquela gente que vejo apenas quase 1 ou 2x por ano que vou mudar de ser o que, e quem sou!!!! ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Mariazinha em 26.jun.2006, 00:54:34
Sim, também acho que devemos pôr para trás das costas aquilo que pensam de nós..não gostam, virem a cara.
Mas quando toca aos pais...é difícil... :-\
É muito dificil, e se nunca falei acerca da minha tendencia sexual aos meus pais, é porque noto que vêem a homossexualidade quase como uma doença...é triste mas é verdade.
Portanto o dia em que souberem, há de ser o dia em que eu tenha a minha própria casa e a minha independência completamente definida. Aí sim, sentir-me-ei à vontade para expor a minha homossexualidade.

Abraços  :D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Topolino em 26.jun.2006, 01:13:03
Dizer ao pais escrevendo uma carta ou frente a frente? Qual a opção? :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: SafeLight em 26.jun.2006, 01:20:57
mesmo com o vosso silêncio (por não saberem da missa a metade) me confortam..
não precisam de fazer kuaze nada para me confortarem... saõ e serão sempre um grande pilar..


amo-vos muito..  :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: jms em 01.jul.2006, 01:06:42
À minha mãe gostava de lhe dizer apesar de ela nunca vir a saber, o quanto a amo e que faria tudo o que fosse possível por ela.
À minha mãe gostria de lhe dizer que tirásse aquele olhar de desilusão e vazio que sinto quando os nossos olhos se cruzam.
À minha mãe gostaria de dizer que esperava que ela compreendesse melhor tudo porque passo todos os dias e o caminho que percorro.
«- É a tua vida.» disse ela, chorou ainda duas semanas, mas finalmente passou.
À minha mãe gostaria de dizer que vou ser feliz e que nada me vai impedir, foram 10 anos de encontros e desencontros de negação e homofobia interiorizada.
Quero dizer o que lhe disse e partilhar convosco, que vou ser uma pessoa feliz, que vou fazer com que isso aconteça e vou ser a mesma pessoa que a minha mãe conheceu, o que desapareceu foram os planos que ela tinha para mim.
Quero ainda dizer-lhe obrigado por não me ter feito nenhuma exigência e por não me ter feito mal, do estilo prender-me em casa ou tentar controlar a minha vida. Obrigado mãe.

Amo-te mãe, mas acima de tudo amo-me a mim.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 03.jul.2006, 19:31:31
.Pai:

Apesar de toda a infância seres aquele homem que colocava o dinheiro em casa ao fim do mês, aquele homem que contribuia para o nosso crescimento e evolução....
Apesar de tudo e mais alguma coisa que me possa vir a memória quando me lembro de ti ( pena , que poucas são as cenas bonitas.... :-\ )....
Apesar de tudo, meu pai, AMo-te!....Nunca tocaste no assunto da minha saída de casa, até hoje não sei que pensas, não sei que sentes....mas adivinho....sou ainda teu filho, aquele que gritava quando o mandavas ir para a quinta trabalhar  :-X :-X, aquele que não via os jogos contigo e aquele que um dia te enfrentrou... :-[
Pai, há dias quando te sentiste mal, fiquei perpelexo com o que despotelou dentro de mim. A angústia, o medo, mas estás bem e isso faz -me feliz....Amote

.............................................................................................

Sabes mamã...

Afinal sempre acabei o curso ( dois anos a mais eu sei!  :-[) , mas acabei e com muito esforço meu, mais que possas imaginar ( se soubesses aquilo que passei desde que saí de casa a teu "convite" :'( ...)....Mas acabei mamã, sou enfermeiro e sei que dentro de ti o coração palpita mais forte extravasando fora da caixa torácica, de orgulho no teu filho querido (vá, sei que sim....confessaste-me... :blush) ....

Amo-te mais do que tudo minha heroína e ao mesmo tempo frágil, necessitando de carinho, de atenção, como agora qundo ficaste doente duas vezes em tão pouco tempo e andei como doido movendo montanhas e céus ( e conhecimentos tb  :P), e hoje estás mais alegre, não choras, já sorris mais...

Amo-te minha mamã e sabes? Namoro, com um rapaz da minha idade, lindo que adorava poder apresnetar-to,irias gostar dele como de mim, eu sei que sim! um dia..... ::)

beijos
nics :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: nicsparks em 05.jul.2006, 18:48:55
Hoje não é para meus pais....sim, para a mãe de meu Amor....

"Não me conhece de lado nenhum e talvez nunca venha a conhecer (embora o mundo dê muitas voltas....), talvez nem sequer saiba da minha existência por motivos óbvios, mas não correctos...
Também não me lerá, mas preciso de lhe dizer umas palavras, que lhas diria pessoalmente com toda a certeza e frontalidade!.... :-X

Sabe, se há algo que quero que saiba e se certifique é de quanto quero fazer seu filho feliz (sim! nós podemos ser felizes como um casal, sim nós amamos e não andamos só em busca de prazeres carnais.... :-X :-\ )...

Quero partilhar com ele meus dias, ser a alama gémea dele , o seu complemento, o seu porto de abrigo naqueles dias em que tudo parece do avesso e só o nosso namorado é a segurança nesses momentos... Também lhe digo que lutarei com ele com todas as força se jamais me sentirei exausto dessa luta , seja com quem for e quando e onde for...

Quero-o imenso e só quero que dê oportunidade para lhe mostrarmos que podemos amar, ser fieis numa relação duradoura e por mais que a mente seja controversa, seu coração há-de querer que seu filho seja feliz..

Dê-nos esdsa chance....Abra mais seu coração a esta vida comum que se criou....

Beijo terno"

Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: eye of angel em 11.jul.2006, 10:21:36
TUDO E NADA... OBRIGADA POR TUDO.. AMO-VOS MUITO  :-X :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: mustang em 13.jul.2006, 00:16:25
Vocês são 5 *  ;) Gosto muito de vocês os dois e hoje também estão ambos de parabéns  :) Aturar-me durante 3 décadas não tem sido nada fácil  :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Wasserfest em 15.jul.2006, 21:40:01
Querida e adorável mãe


MORRE
[/size][/b]



E compra um vestido bonito para levares no caixão  :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Eyre em 15.jul.2006, 21:41:17
Querida e adorável mãe


MORRE
[/size][/b]



E compra um vestido bonito para levares no caixão  :)

 :o

Então rapaz, o que é isto?? ??? :inq
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Wasserfest em 15.jul.2006, 21:43:26
Querida e adorável mãe


MORRE
[/size][/b]



E compra um vestido bonito para levares no caixão  :)

 :o

Então rapaz, o que é isto?? ??? :inq

Não podemos desejar muito mais a uma mãe que diz que tem nojo de nós e que nos põe fora de casa se insistirmos na ideia de sermos homossexuais. Ou a conversa de que a nossa mãe é quem gosta mais de nós no mundo só se aplica para as coisas boas?
Sinceramente não espere que eu a ajude na velhice ou coisa do género....irão ser tratados como tratam os outros....
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Eyre em 15.jul.2006, 21:45:30
Não podemos desejar muito mais a uma mãe que diz que tem nojo de nós e que nos põe fora de casa se insistirmos na ideia de sermos homossexuais. Ou a conversa de que a nossa mãe é quem gosta mais de nós no mundo só se aplica para as coisas boas?
Sinceramente não espere que eu a ajude na velhice ou coisa do género....irão ser tratados como tratam os outros....

Calma, pode ser só uma fase... Contaste-lhe há pouco tempo??
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Wasserfest em 15.jul.2006, 21:48:42
Não podemos desejar muito mais a uma mãe que diz que tem nojo de nós e que nos põe fora de casa se insistirmos na ideia de sermos homossexuais. Ou a conversa de que a nossa mãe é quem gosta mais de nós no mundo só se aplica para as coisas boas?
Sinceramente não espere que eu a ajude na velhice ou coisa do género....irão ser tratados como tratam os outros....

Calma, pode ser só uma fase... Contaste-lhe há pouco tempo??

Não.....já deve ter feito mais de um ano! No entanto a minha mãe sempre preferiu entrar em negação! Nos últimos tempos visto eu ter debatido à mesa de jantar assuntos relacionados com casamento, adopção e outras tematicas gay ela perdeu a paciencia e disse que um dia destes ainda me punha fora de casa (dito de uma maneira mais soft obviamente mas que eu claramente percebi).
Bem pelo menos teve o bom senso de não falar com o meu pai senão aí é que já tinha sido desmembrado...enfim é a vida  :P
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Rogue em 17.jul.2006, 17:44:33
Mãe perdoa-me.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: the reel me em 18.jul.2006, 01:22:32
Mãe, Pai, vocês não sabem o que é ser eu.. não sabem.. :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Tupi em 20.jul.2006, 21:47:31
o que eu tenho a dizer.. nao é propriamente aos meus pais...

sogrinha :-[, se durante um dia apenas, fosse a sua filha :-[ eu acho que mudaria a sua atitude, e muito... :-[ :-\ ela está a sofrer tanto :'( e eu sofro com ela porque nao aguento vê-la assim :( :-[
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Passing by... em 21.jul.2006, 14:29:54
Adoro vos!
São e sempre foram uns pais maravilhosos, e como todos cometem os vossos erros. Mas isso não invalida o que eu disse no início...
Adoro vos!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: eye of angel em 23.jul.2006, 11:41:04
Á minha MAE so kero agradecer pela sua compreensao... pois ela que nunca tirou-me a liberdade em nenhum momento da minha vida... obg MAE.. :-*
 Ao meu pai kero tb o kero agradecer... apesar de no principio rejeitar-me um pouco.. sofri mto quanto a isso... fechava-me no quarto... apenas com musica bués da alta e a luz apagada.. enfim no meu cantinho..no meu mundo..
Ainda lembro-me perfeitamente qd assumi-me a ti... estavamos nós num almoço de familia.. toda a gente reunida.. e eu em particular xamei-te.. ja nao podia guardar mais.. ( bem tive q beber uns copitos de vinhol pa enfrentar aquele homem..mas com akeles nervos todos nem o alcool fez efeito.. :P ) dp de te contar olhaste pa mim com ar de desiludido.. e disseste  " pára de dizer coisas parvas".. :-\ e voltaste de novo pa junto da familia... e eu voltei pa casa.. e da janela da minha casa eu avistava a familia toda...
Tu olhaste pa janela e viste-me.. e disseste " olha lá vem ca para baixo e conta a novidade a todos.. q gostas de mulheres.. fikei ( prontos ja devem imaginar como fikei.. :-[ )  mas a minha familia como sabem q meu pai gosta mto brincar e eu tb nem acreditaram.. mas que susto..
Pai eu ja nao podia sofrer mais calada...tu que sempre foste rígido conosco e mesmo com a tua propria vida...és uma pessoa demasiado séria...mas o mais impressionante é que qd estás fora de casa mudas completamente... tas sp a sorrir..sp a brincar...
E em casa pk és diferente?? ... pk tens duas facetas?? nao és capaz de te aproximar e pedir desculpas qd sabes q eu tenho razao...geralmente era sp eu que ao pé de ti e abraçava-te bem forte e pedia desculpas... e tu abraçavas-me tb ... aiiixx que bom aquele abraço... que bom..  :'( mas qd soubeste da minha orientaçao sexual..tudo mudou.. a tua maneira de ser e estar comigo...talvez mais exigente...
Eu sei que sempre idealizas-te para mim um futuro "melhor" ... casar.. dar-te netos(as).. ter a minha casinha..marido.. enfim uma vida conjunta... sabes pai..qd somos pequenos.. e nao temos a noçao das coisas da vida... somos manipulados.. tal e qual a uma marioneta.." faz isto" ou "faz aquilo" e prontos acabamos por nao o fazer pk simplesmente nao axavas correcto... e de certeza que na tua infancia foste "manipulado" da mesma forma...
agora pergunto-te... será que tens que agir tal como os teus pais?? pois pelo o pouco que contaste-me da tua infancia tb sofreste um pouco... e os teus pais agiam por vezes de forma incorrecta para ti..e tu nao gostavas... e agora pergunto-te de novo... pk ages assim conosco, se tu tb repugnavas a maneira como eras tratato em pekeno??? consegues explicar-me??? :-X
Pai somos 4 filhos..2 rapazes e 2 raparigas... e diz-me quem brinca mais ctg?? quem faz-te sorrir? quem passou mtas vezes a passagem po ano novo ctg..quem ia à pesca ctg?? quem foi a 1 aprender a nadar.. quem é a pessoa q dança ctg?? quem é a pessoa lá de casa que ralha mais ctg?? quem é a pessoa q acompanha um bom vinho qd sentes-te sozinho?? quem é a pessoa mais "malukinha de casa" ?? quem é a pessoa q estava quase sempre em casa qd tu batias na mae e q a defendia sempre..??.. enfim poderia continuar com as perguntas.. mas nunca mais iria ter fim...
Pai .. eu só kero ser "normal" perante os teus olhos... só  kero ser feliz... kero ser EU MESMA..
Sou Lesbica.. e onde està o problema?? nunca dei-te problemas.. trabalho pa mim.. enfim faço a minha vida tal como um casal(marido e mulher) fazem...a unica diferença q existe é pk gosto de pessoas do mm sexo que eu..
nao sei explicar o pk?? ou simplemente nao ha uma explicaçao..
confesso que ja foste mais rigido do k agora... e ainda bem q estou a mudar isso em ti ( atençao pai nao kero mudar a tua maneira e nem nada disso.. apenas kero fazer-te ver q mtas vezes tas errado...e q tens q respeitar os outros tal como eles sao.. pois eu respeito-te tal como és.. 
 OBG MAE E PAI.. :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Driretlanii em 23.jul.2006, 22:15:45
Mãe, sinto a tua falta...  :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Monchéri em 24.jul.2006, 09:22:57
Eu tinha 17 anos quando o meu pai soube que eu namorava com a minha melhor amiga. A reacção foi positiva, mas não me surpreendeu porque sempre fomos os melhores amigos do mundo. Ao longo dos anos que se seguiram, ele foi o nosso principal aliado e fazia tudo o que estava ao seu alcance para que eu pudesse passar mais tempo junto dela, defendia-nos perante os outros e estava sempre presente para me dar conselhos e ouvir os meus desabafos.

Este foi o pai que sempre conheci e todos me diziam que eu tinha muita sorte, e era verdade. :)

Para quem conheceu esta realidade e deixou de a ter, é muito mais difícil do que para quem nunca soube o que era ter um pai destes.

Hoje deparo-me com um pai preconceituoso que não esconde que tem vergonha do que eu sou. Não se inibe de dizer que eu mataria a minha mãe se ela soubesse (quando sei que é mentira), de expressar que se a vizinhança soubesse seria o pior que lhe poderia acontecer.

" Pois, pai, acho que não tens consciência que um dia vais acordar e ver que o pior que te aconteceu foi perder a admiração e o carinho que a tua filha tinha por ti.
Um dia quando a vizinhança souber, condenará mais depressa o facto de um pai ter vergonha da sua própria filha (por esse único motivo, quando é alvo de admiração por muito do que é e pelo que faz) do que me condenarão a mim de ser como sou.

Tens vergonha de mim?
Eu ainda sinto mais vergonha por ver no pai em que te tornaste. 
"  :-[   
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Soul em 24.jul.2006, 15:02:59

Hoje deparo-me com um pai preconceituoso que não esconde que tem vergonha do que eu sou. Não se inibe de dizer que eu mataria a minha mãe se ela soubesse (quando sei que é mentira), de expressar que se a vizinhança soubesse seria o pior que lhe poderia acontecer.

" Pois, pai, acho que não tens consciência que um dia vais acordar e ver que o pior que te aconteceu foi perder a admiração e o carinho que a tua filha tinha por ti.
Um dia quando a vizinhança souber, condenará mais depressa o facto de um pai ter vergonha da sua própria filha (por esse único motivo, quando é alvo de admiração por muito do que é e pelo que faz) do que me condenarão a mim de ser como sou.

Tens vergonha de mim?
Eu ainda sinto mais vergonha por ver no pai em que te tornaste. 
"  :-[   



Segundo o teu relato, a mudança de comportamentos do teu pai foi súbita e sem  razão aparente. A questão é saber se essa mudança é efectiva ou apenas uma fase menos positiva pela qual ele está a passar. As palavras e actos menos esperados criam surpresa, quer sejam positivos ou negativos.
As desilusões fazem parte do crescimento humano e são mais dolorosas quando vindas de quem mais amamos. O teu pai não te deixou de amar, admirar e ser o companheiro que outrora foi. Quem sabe uma conversa entre os dois, na tentativa de perceber o que se está a passar, não seja o melhor caminho. Caso essa conversa já tenha acontecido, então será melhor dar tempo ao tempo para que o ontem volte a ser o que era.
Defendo que um pai ama sempre o seu descendente, desde que o tenha demonstrado desde sempre, como foi o caso.
A pressão social, os comportamentos do meio social onde estamos inseridos, são elementos que influenciam os nossos comportamentos, ainda que inconscientemente (já pensaste que esta pode ser uma das respostas para o comportamento do teu pai?).
Quando o teu pai se aperceber dos actos negativos que teve para contigo ( assim como tu também terás tido), ele reconhecerá o quão mal agiu, mas até lá é preciso manter o equilíbrio e viver a  “nossa” vida, não a vida dos outros, por muito que isso nos custe ou possa influenciar. A ligação paternal não implica que condiciones a tua vida, os teus desejos, os teus objectivos, a tua maneira de ser e estar no grupo social onde te inseres.
Viver custa, amar e entregar também, mas é esta luta que nos faz erguer a cabeça e marchar até ao inimigo, sem medo do que ele nos possa fazer!

Um abraço, Soul
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Monchéri em 25.jul.2006, 14:23:28
A pressão social, os comportamentos do meio social onde estamos inseridos, são elementos que influenciam os nossos comportamentos, ainda que inconscientemente (já pensaste que esta pode ser uma das respostas para o comportamento do teu pai?).

Concordo que o meio em que os nossos pais vivem, influencie os seus pensamentos/comportamentos. Contudo, todos têm (e o meu tem de certeza) inteligência suficiente para resistir a tais influências.
E porque não usarem eles a sua influência nos outros, nem que seja aos poucos?

Um pai que ama a sua filha, que convive com a sua realidade, que está minimamente informado e até tem ao seu dispor material mais que o suficiente para explorar o assunto, não vai nas cantigas dos amigos, vizinhos, familiares.

Na minha opinião é pura preguiça mental e desinteresse. 
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: SafeLight em 25.jul.2006, 15:26:50
muito obrigado por tudo..

fico tão feliz por saber k me kerem bem, e k passados 3 anos estão a fazer bons progressos..  ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Soul em 25.jul.2006, 17:32:13
A pressão social, os comportamentos do meio social onde estamos inseridos, são elementos que influenciam os nossos comportamentos, ainda que inconscientemente (já pensaste que esta pode ser uma das respostas para o comportamento do teu pai?).

Concordo que o meio em que os nossos pais vivem, influencie os seus pensamentos/comportamentos. Contudo, todos têm (e o meu tem de certeza) inteligência suficiente para resistir a tais influências.
E porque não usarem eles a sua influência nos outros, nem que seja aos poucos?

Um pai que ama a sua filha, que convive com a sua realidade, que está minimamente informado e até tem ao seu dispor material mais que o suficiente para explorar o assunto, não vai nas cantigas dos amigos, vizinhos, familiares.

Na minha opinião é pura preguiça mental e desinteresse. 



A tua “defesa” é legitima, mas....
Não me compete a mim fazer juízos de valor sobre alguém que efectivamente não conheço, mas infelizmente o Homem é perfeitamente “manipulável”, quase que obrigado, ao ponto de agir conforme as normas do grupo social onde está inserido. Se é preguiça ou desinteresse, isso não sei, mas para mim, que estou de fora, continuo a achar que esse desinteresse tem outra origem que não pessoal, pelo contrário, social. 
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: HLuso em 10.ago.2006, 01:36:00
Pai,

Chico Buarque - Cálice


Pai, afasta de mim esse cálice
Pai, afasta de mim esse cálice
Pai, afasta de mim esse cálice
De vinho tinto de sangue

Como beber dessa bebida amarga
Tragar a dor, engolir a labuta
Mesmo calada a boca, resta o peito
Silêncio na cidade não se escuta
De que me vale ser filho da santa
Melhor seria ser filho da outra
Outra realidade menos morta
Tanta mentira, tanta força bruta

Como é difícil acordar calado
Se na calada da noite eu me dano

Quero lançar um grito desumano
Que é uma maneira de ser escutado
Esse silêncio todo me atordoa
Atordoado eu permaneço atento
Na arquibancada pra a qualquer momento
Ver emergir o monstro da lagoa

De muito gorda a proca já não anda
De muito suada a faca já não corta
Como é difícil, pai, abrir a porta
Essa palavra presa na garganta

Esse pileque homérico no mundo
De que adianta ter boa vontgade
Mesmo calado o peito, resta a cuca
Dos bêbados do centro da cidade

Talvez o mundo não seja pequeno
Nem seja a vida um facto consumado
Quero inventar o meu próprio pecado
Quero morrer do meu próprio veneno

Quero perder de vez tua cabeça
Minha cabeça perder teu juízo
Quero cheirar fumaça de óleo diesel
Me embriagar até que alguém me esqueça

desculpem... :'(
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: HLuso em 10.ago.2006, 01:46:01
Mâma, aqui nesta musica está a tua, a nossa, magia...
Phantom Of The Opera  - All I Ask of You

RAOUL
No more talk
of darkness,
Forget these
wide-eyed fears.
I'm here,
nothing can harm you -
my words will
warm and calm you.
Let me be
your freedom,
let daylight
dry -your tears.
I'm here,
with you, beside you,
to guard you
and to guide you . . .
CHRISTINE
Say you love me
every
waking moment,
turn my head
with talk of summertime . . .
Say you need me
with you,
now and always . . .
promise me that all
you say is true -
that's all I ask
of you . . .
RAOUL
Let me be
your shelter,
let me
be your light.
You're safe:
No-one will find you
your fears are
far behind you . . .
CHRISTINE
All I want
is freedom,
a world with
no more night . . .
and you
always beside me
to hold me
and to hide me . . .
RAOUL
Then say you'll share with
me one
love, one lifetime . . .
Iet me lead you
from your solitude . . .
Say you need me
with you
here, beside you . . .
anywhere you go,
let me go too -
Christine,
that's all I ask
of you . . .
CHRISTINE
Say you'll share with
me one
love, one lifetime . . .
say the word
and I will follow you . . .
BOTH
Share each day with
me, each
night, each morning . . .
CHRISTINE
Say you love me . . .
RAOUL
You know I do . . .
BOTH
Love me -
that's all I ask
of you . . .
(They kiss)
Anywhere you go
let me go too . . .
Love me -
that's all I ask
of you . .
(CHRISTINE starts from her reverie)
CHRISTINE
I must go -
they'll wonder where I am . . .
wait for me, Raoul!
RAOUL
Christine, I love you!
CHRISTINE;
Order your fine horses!
Be with them at the door!
RAOUL
And soon you'll be beside me!
CHRISTINE
You'll guard me, and you'll guide me . . .
(They hurry off. The PHANTOM emerges from
behind the statue
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: DeLpHi em 12.ago.2006, 04:21:45
o que eu tenho a dizer.. nao é propriamente aos meus pais...

sogrinha :-[, se durante um dia apenas, fosse a sua filha :-[ eu acho que mudaria a sua atitude, e muito... :-[ :-\ ela está a sofrer tanto :'( e eu sofro com ela porque nao aguento vê-la assim :( :-[

Faço das tuas palavras as mhas :-\ :(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Arms em 12.ago.2006, 10:22:34
Apenas aquilo que sentimos à vontade para dizer.  :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: FalsoDeus em 12.ago.2006, 10:37:57
Nada temos a dizer. É o nosso relacionamento com eles que fala por nós.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Darien em 12.ago.2006, 17:53:57
Que 2 pessoas do mesmo sexo querem um relaçao, um compromisso, não é um bicho de 7 cabeças. :)

É uma relaçao e isso é o q importa. Pode nao ser uma relaçao heterossexual, mas o que prevalece, é o amor dessas 2 pessoas, seja qual for a sua orientação sexual. :) ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Diva em 19.ago.2006, 19:31:23
Considero que assumirmo-nos perante os nossos pais e amigos mais próximos será a coisa mais dificil de fazer mas também a que nos dá um alivio imenso.
Vivermos sem termos que usar diariamente uma mascara para fingir no palco da vida, que somos alguém que no fundo não somos, dá-nos muita alegria...
Sei que é um choque muito grande para quem recebe essa noticia, mas quando há amor verdadeiro entre pais e filhos, um dia esse choque vai passar e o amor sairá vencedor...

Coragem a todos os que sentem necessidade de tirar a mascara...
E que os pais consigam entender que o amor é também aceitar os filhos da forma como eles são...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Arms em 20.ago.2006, 00:22:35
Considero que assumirmo-nos perante os nossos pais e amigos mais próximos será a coisa mais dificil de fazer mas também a que nos dá um alivio imenso.
Vivermos sem termos que usar diariamente uma mascara para fingir no palco da vida, que somos alguém que no fundo não somos, dá-nos muita alegria...
Sei que é um choque muito grande para quem recebe essa noticia, mas quando há amor verdadeiro entre pais e filhos, um dia esse choque vai passar e o amor sairá vencedor...

Coragem a todos os que sentem necessidade de tirar a mascara...
E que os pais consigam entender que o amor é também aceitar os filhos da forma como eles são...

Ler este teu post hoje foi a altura ideal... Estou a pensar contar à minha mãe oficialmente na segunda-feira. Ainda não sei como vai ser. Só espero que corra tudo bem...  ::)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: biki em 20.ago.2006, 00:25:37
se eu contasse á minha mae ela tinha um ataque
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Thumbnail em 20.ago.2006, 09:12:10
Sempre tive uma opiniao mais ou menos formada sobre isto mas ontem consolidou-se. O ideal no contar aos pais é a certeza do que somos e do que eles são. Será sem dúvida algo que fará parte de nós sobretudo quando as relações são fortes entre pais e filhos, mas é preciso ter cuidado e ponderar muito bem, não vá "o Diabo tecelas". Refiro-me, pois, a todos os atritos que surgem quando contamos algo assim. Todas as voltas que são recisas dar e por vezes todos os ataques negativos por parte dos pais, pois há reacções inesperadas bem negativas para connosco.

É preciso sobretudo ganhar terreno tanto em nós como nos outros. Seria óptimo se se pudesse contar logo aos mais próximos mas por vezes nem esses sabem como reagir apesar do enorme amor que nos têm (é por vezes esse amor que nos arranha pelo medo que é ir contra tabus). Assim acontece frequentemente com os pais.

Um dia terei de ter uma conversa séria com os meus mas tudo a seu tempo. Até lá viverei em mim cada vez mais em mim e trabalharei nos pais cada vez mais o que em mim, por enquanto, não partilharei.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Driretlanii em 01.set.2006, 16:59:39
Mãe, estejas onde estiveres sinto a tua falta... sei que me apoiarias sempre e jamais me deixarias quebrar deste jeito.  :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: southboy em 01.set.2006, 17:33:36
Pais, vou-me embora!  ;D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Filho_da_Luz em 05.set.2006, 18:50:37
Pais, vou-me embora!  ;D


Acho que nem era preciso dizer isso mas acho que nao chegam a tanto :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: FalsoDeus em 05.set.2006, 20:25:26
"Estrangulem-me menos...obrigado"
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: naeva em 12.set.2006, 15:19:18
nao digo... enquanto nao tiver a minha propria vida... nao digo... minha mae soube e quase morreu de desgosto e tiveq que dizer que nunca mais, que tinha sido uma loucura, caso contrario ela iria internar me, isto é certo... porque tentou fazer isso...   >:(

o meu pai se soubesse matava me...  :(

Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Prunella.Fuente em 16.set.2006, 12:44:49
Jorge Palma - O meu amor existe

O meu amor tem lábios de silêncio
E mãos de bailarina
E voa como o vento
E abraça-me onde a solidão termina

O meu amor tem trinta mil cavalos
A galopar no peito
E um sorriso só dela
Que nasce quando a seu lado eu me deito

O meu amor ensinou-me a chegar
Sedento de ternura
Sarou as minhas feridas
E pôs-me a salvo para além da loucura.

O meu amor ensinou-me a partir
Nalguma noite triste
Mas antes, ensinou-me
A não esquecer que o meu amor existe.
___

Não acreditas que me tenho em amor. Não entendes porque tens medo. É a última das verdades que ainda tenho para te dizer. Quando tiveres ouvidos para me ouvir.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Haller em 16.set.2006, 14:31:42
Jorge Palma - O meu amor existe


Essa letra... [smiley=enamorado.gif]
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: aldarie em 19.set.2006, 19:47:59
K's Choice - "Basically The Same"

Don't call me sinner
Don't call me nerd
Don't call me chaotic
Because you heard

I have strange feelings
I have weird thoughts
But don't call me an artist
Because I'm not

I am an animal, a saint
A grown up child without a name
I am a black man, I am gay
I say we're basically the same

Don't label me

I'm not a color
I'm not a sex
I'm not a partner
I'm not an ex

Don't call me nigger
Don't call me queer
Don't call me retarded
Although I am

I am an animal, a saint
A grown up child without a name
I am a black man, I am gay
I say we're basically the same

Don't label, don't you see
A wooden table is actually a tree
Which is basically the same
Which is basically the same
Which is basically the same
As you as me
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: aldarie em 19.set.2006, 20:00:42
Sarah Bettens - "Not Insane"

For everytime you tell me that I can't be who I am
For everytime you twist my arm and get me to confess
For every door you close on me
For every boy or girl you turn your back to, you will pay
The price of someday knowing that you think you tried
And yet you failed to see that you can't change me

I told myself today
It's pretty nice to find your way
No matter what you say
I am not insane

For every so called victory you lose a piece of you
When that shows you love can be in everything you do
Love can be in everything you do

I told myself today
It's pretty nice to find your way
No matter what you say
I am not insane

Look inside you
Find what drives you
I can't change you

I told myself today
It's pretty nice to find your way
No matter what you say
I am not insane
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: aldarie em 19.set.2006, 20:11:50
Sarah Bettens - "Come Over Here"

Something tells you you should go
Deep down you have always known
Something sweet is on the other side
Mama's gonna cry for you
Papa might disown you
You are getting ready for the ride

So won't you come over here
Come over here
Come over here

Wear the shirt you think you like
There's all kinds of shades of white
Embrace the color in your life
You can't see beyond the wall
Paradise for those who fall
Out of grace or simply out of sight

So won't you come over here
Come over here
Come over here

Someone out there will hate you now
But what you take is what you allow

Wear the shirt you think you like
There's all kinds of shades of white
Embrace the color in your life
You can't see beyond the wall
Paradise for those who fall
Out of grace or simply out of sight

So won't you come over here
Come over here
Come over here

Come over here
Why don’t you come over here
Come over here
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: aldarie em 19.set.2006, 20:23:21
Aqui está um texto que escrevi há pouco e que publiquei no meu MySpace (http://www.myspace.com/aldarie31).

Be yourself

How can he label me? Doesn't he really know me at all? Is he testing me? Or is he telling me that I can only be the way he wants and not who I truly am? Why did he say that? Is there any doubt in his mind? I just don't know. The only thing I know is that whatever the answers to these questions are, that won't change anything. Most of all, that won't change me. This is my life and no-one else's, that's it. And I definitely want to live it for real. Because I only have one, and I know it's pretty short. I don't want to lie to myself. I shall be faithful to myself. I shall never leave or forget myself.

So many people forget themselves, their ideas, their dreams, their minds, their hearts, their souls, sometimes even part of their bodies. Most of the time, they don't realize that they're losing all of them. They live their lives like they're supposed to live them. They are nothing but what they were taught to be. They have let the others decide for them and ended up forgetting the meaning of the word "freedom". Bloody society. Those people don't actually live their lives, they forget them.

But then, after years and years of pretending to be happy or simply to be doing okay, those people see their lives – that had been sent so many miles away, got lost somewhere over there but never stopped believing that someday, they would return to the person they belong to – knocking on their bodies again, after such a long journey. Nevertheless, they recognize each other instantly, as souls never change.

That's when both lives – the real one and the one they were living up till then – reach an edge. The first one could no longer bear to be far from the person who left it, while the second one has only one wish: to go away. Yet, things are not so easy. That's when the actual struggle begins. Why? Because one has an urge to finally embrace their real life, the one they have always dreamt of, the one their fate had prepared for them and the one they have missed so much since the day they said goodbye to it. But at the same time, they are scared to quit the life they were living up until then, as this is the one everybody around them knows. Nobody knows those people's actual life; it's a totally unknown element for them – at least for those who didn't meet their own actual life yet.

Some people figure out that they just can't follow who they truly are as it would perturb it all, all they have built so far. But then, those people will remain "almost" happy for the rest of their lives, and the word "almost" will become far more important and meaningful than the word "happy".

On the other hand, some people eventually take the decision to follow their real life and to be finally happy. Many people around them will probably think they're crazy, but they don't care. They feel incredibly strong, as if their life had just started. They feel like they have finally found themselves, and they feel extremely grateful for that. And they finally discover the meaning of the words "happiness", "freedom", "peace of mind", "love", "passion" and most of all… "life".

Be yourself. Always.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Sakura em 21.set.2006, 14:07:54
Estupidamente ou não eu dedico esta música à minha mãe e avó que me criaram e eu adoro de morte:

Phil Collins - True Colors

You with the sad eyes
Don't be discouraged
Oh I realize
It's hard to take courage
In a world full of people
You can lose sight of it all
And the darkness, inside you
Can make you feel so small

But I see your true colors
Shining through
I see your true colors
And that's why I love you
So don't be afraid to let them show
Your true colors
True colors are beautiful,
Like a rainbow

Show me a smile then,
Don't be unhappy, can't remember
When I last saw you laughing
If this world makes you crazy
And you've taken all you can bear
You call me up
Because you know I'll be there

And I'll see your true colors
Shining through
I see your true colors
And that's why I love you
So don't be afraid to let them show
Your true colors
True colors are beautiful,
Like a rainbow

[intru part]

So sad eyes
Discouraged now
Realize

When this world makes you crazy
And you've taken all you can bear
You call me up
Because you know I'll be there

And I'll see your true colors
Shining through
I see your true colors
And that's why I love you
So don't be afraid to let them show
Your true colors
True colors, true colors

Cos there's a shining through
I see your true colors
And that's why I love you
So don't be afraid to let them show
Your true colors, true colors
True colors are beautiful,
Beautiful, like a rainbow
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Swelly em 25.set.2006, 23:31:50
CHRISTIAN CASTRO

Siempre seras la niña que me hiere el alma
como un mar inquieto como un mar en calma
siempre tan lejana como el horizonte

Gritando en el silencio tu nombre en mis labios
solo que del eco de mi desengaño
sigo aqui en mi sueño de seguirte amando


Sera
Sera como tu quieras pero asi sera
Solo tengo que esperarte siete vidas mas
me quedare colgado de este sentimiento

Por amarte asi
es esa mi fortuna ese mi castigo
sera que tanto amor acaso esta prohibido
y sigo aqui muriendo por estar contigo

Por amarte asi
a un paso de tu boca y sin poder besarla
tan cerca de tu piel y sin poder tocarla
ardiendo de deseos con cada mirada

Por amarte asi
Por amarte asi
Por amarte

Asi voy caminando en esta cuerda floja
voy detras de tus huellas convertido en sombra
preso del amor que me negaste un dia

contando los segundos que pasan por verte
haciendote culpable de mi propia suerte
soñando hasta despierto con hacerte mia

REFRÃO


  O que axam?!?!
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Swelly em 26.set.2006, 01:39:56
BON JOVI - IN THESE ARMS
You want commitment
Take a look into these eyes
They burn with a fire, just for you now
Until the end of time
I would do anything
Id beg, Id steal, Id die
To have you in these arms tonight
Baby I want you like the roses
Want the rain
You know I need you
Like a poet needs the pain
I would give anything
My blood my love my life

  REFRÃO
If you were in these arms tonight
Id hold you
Id need you
Id get down on my knees for you
And make everything alright
If you were in these arms
Id love you
Id please you
Id tell you that Id never leave you
And love you till the end of time
If you were in these arms tonights

We stared at the sun
And we made a promise
A promise this world would never blind us
These are my words
Our words were our songs
Our songs are our prayers
These prayers keep me strong
Its what I believe
If you were in these arms tonight

  REFRÃO

Your clothes are still scatteder
All over our room
This old place still smells like
Your cheap perfume
Everything here reminds me of you
And theres nothing that i
Wouldnt do to be in your arms

And these were our words
They keep me strong
REFRÃO

Esta é óptima para @s que vivem obcecados por compromissos "exteriores", tipo aliança e casamento, não estou a dizer que também não gosto, mas não faço disso nenhuma meta, nem deixo que se meta há frente do que é sentido.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Swelly em 28.set.2006, 00:38:45


Quantos labirintos, tem meu coração
Prá eu me perder.e te encontrar
Quantas avenidas ,tem o seu olhar
Prá te seguir,e me guiar
Meu coração me leva
Perto demais do seu
Meu coração nem sabe por que
O meu amor é bem maior que eu
Quem sabe o destino ,ainda vai juntar
O céu e o mar, eu e você
Quem de nós um dia, iria imaginar
Que o amor pudesse acontecer
Seu coração é livre
Tanto que prende meu
Seu coração nem sabe por que
O meu amor é tão igual ao seu

p.s. - para uma menina muito especial que me está a arrebatar o coração.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Lu em 28.set.2006, 17:20:33
Coldplay - "Shiver"

So I look in your direction,
But you pay me no attention, do you?
I know you don't listen to me,
'Cause you say you see straight through me,
Don't you?

But on and on,
From the moment I wake,
To the moment I sleep,
I'll be there by your side,
Just you try and stop me,
I'll be waiting in line,
Just to see if you care

Oh, did you want me to change?
Well I'd change for good,
And I want you to know that you'll always get your way
And I wanted to say

Don't you shiver
Shiver
Shiver
And I'll always be waiting for you

So you know how much I need you,
But you never even see me do you?
And is this my final chance of getting you?

But on and on,
From the moment I wake,
To the moment I sleep,
I'll be there by your side,
Just you try and stop me,
I'll be waiting in line,
Just to see if you care, if you care.

Did you want me to change?
Well I'd change for good,
And I want you to know that you'll always get your way
And I wanted to say…

Don't you shiver
Don't you shiver,
Shiver
I'll sing it loud and clear
I'll always be waiting for you.
Yeah I'll always be waiting for you
Yeah I'll always be waiting for you
Yeah I'll always be waiting for you
For you, I will always be waiting

And it's you I see,
But you don't see me
And its you, I hear,
So loud and so clear
I sing it loud and clear
And I'll always be waiting for you

So I look in your direction,
But you pay me no attention,
And you know how much I need you
But you never even see me

Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Cátia. em 28.set.2006, 17:45:45
The murmurs - Echoing

[...]Do you see a color?
Color's blind's what the bigot should be
When he thinks his race is stronger
There's nothing disgusting about being gay.
Yet too many people have bad things to say
Maybe they should try it some day...
They might like it!
Echoing, and i hear it every day,
The pathetic prejudice.
Echoing, it's nothing new,
It's what the world has gotten used to
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: falling_down em 29.set.2006, 18:12:33
CHRISTIAN CASTRO

Siempre seras la niña que me hiere el alma
como un mar inquieto como un mar en calma
siempre tan lejana como el horizonte

Gritando en el silencio tu nombre en mis labios
solo que del eco de mi desengaño
sigo aqui en mi sueño de seguirte amando


Sera
Sera como tu quieras pero asi sera
Solo tengo que esperarte siete vidas mas
me quedare colgado de este sentimiento

Por amarte asi
es esa mi fortuna ese mi castigo
sera que tanto amor acaso esta prohibido
y sigo aqui muriendo por estar contigo

Por amarte asi
a un paso de tu boca y sin poder besarla
tan cerca de tu piel y sin poder tocarla
ardiendo de deseos con cada mirada

Por amarte asi
Por amarte asi
Por amarte

Asi voy caminando en esta cuerda floja
voy detras de tus huellas convertido en sombra
preso del amor que me negaste un dia

contando los segundos que pasan por verte
haciendote culpable de mi propia suerte
soñando hasta despierto con hacerte mia

REFRÃO


  O que axam?!?!


mesmo linda ja tinha essa musica adoro  ;D :up
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Before the Dawn em 03.out.2006, 20:47:09
se eu contasse á minha mae ela tinha um ataque

Imagina a minha  :-\
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: no_name em 15.out.2006, 11:52:22
Porque reparei em Nightswimming e Shiver... Porque lhes acrescentava (esqueçam os vídeos, é mesmo só pelas músicas, excepto Viðrar vel til loftárása... Vejam o vídeo)

Wonderwall (Ryan Adams, Oasis Cover) - http://www.youtube.com/watch?v=Giu60KG4uDI
How do you keep love alive (Ryan Adams) - N tenho link... Mas podem-me pedir a música
Wise Up (Aimee Man) - http://www.youtube.com/watch?v=kwcutzfdFcI
We Never Change (Coldplay) - http://www.youtube.com/watch?v=jcvUubuYoDA (pena n tocarem isto ao vivo)
Viðrar vel til loftárása (Sigur Rós) - http://www.youtube.com/watch?v=5kly1jHqyNY (e esta é vídeo-edit... A música no CD tem quase 10 minutos)

E aquela que é tão óbvia, tão óbvia, que fico de boca aberta por ninguém ter posto aqui: Beautiful - Christina Aguilera - http://www.youtube.com/watch?v=qIk5GE1jj4Q

Podia acrescentar muita coisa... Mas acho que estas mensagens chegam...
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: no_name em 15.out.2006, 11:59:07
E só um aparte... Sigur Rós, cantam geralmente em Hopelandic, uma lingua inventada baseada no islandês... As traduções são dificeis... Mas fica algo do tipo:

Bom tempo para Ataques Aéreos

Deslizo para a frente
Através da minha mente
O meu pensamento a meio caminho
Atrás
Contemplo-me a cantar
O hino que escrevemos juntos
Tínhamos um sonho
Tínhamos tudo
Viajámos até ao fim do mundo
Viajámos em demanda
Escalámos arranha-céus
Que mais tarde explodiram
A paz havia desaparecido
O equilíbrio refluiu
Vou em queda
Deslizo para a frente
Através da minha mente
Regresso sempre ao mesmo lugar
O silêncio absoluto
Nenhuma resposta
(Mas) a melhor coisa que Deus criou
Foi um novo dia
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: no_name em 15.out.2006, 20:33:18
Se eu dissesse ao meu pai ele tinha um enfarte de miocárdio, um AVC, coagulação vascular disseminada, e com um bocadinho de jeito ainda me apanhava uma tuberculosezita só pa eu me sentir ainda pior...
Quanto à minha mãe... lol... Acho que não seria uma coisa que ela gostasse de dizer às amigas!

Ter a dizer... No meu caso... prefiro não dizer nada a não ser... "Está fresquito"...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Buu em 15.out.2006, 21:15:25
...eu n disse...eles descobriram... e acho que foi muito melhor assim pq n faço a menor ideia do que lhes iria dizer  :-X  e a reacção deles foi bem positivia co o passar do tempo e ela até já veio à festa d anos do meu pai por isso  :) gosto dos meus pais e devia ser uma constante os pais apenas desejarem aos seus filhos a sua felicidade...
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Swelly em 16.out.2006, 01:56:37
  Esta musica faz-me sempre chorar, pela voz do cantor (michael buble), pelo desespero com que a canta e pela pessoa que faz com que a associe, ao que foi um dia, a minha vida:

Another summer day
Is come and gone away
In Paris and Rome
But I wanna go home
Mmmmmmmm

Maybe surrounded by
A million people I
Still feel all alone
I just wanna go home
Oh I miss you, you know

And I’ve been keeping all the letters that I wrote to you
Each one a line or two
“I’m fine baby, how are you?”
Well I would send them but I know that it’s just not enough
My words were cold and flat
And you deserve more than that

Another aerorplane
Another sunny place
I’m lucky I know
But I wanna go home
Mmmm, I’ve got to go home

Let me go home
I’m just too far from where you are
I wanna come home

And I feel just like I’m living someone else’s life
It’s like I just stepped outside
When everything was going right
And I know just why you could not
Come along with me
But this was not your dream
But you always believe in me

Another winter day has come
And gone away
And even Paris and Rome
And I wanna go home
Let me go home

And I’m surrounded by
A million people I
Still feel alone
Oh, let go home
Oh, I miss you, you know

Let me go home
I’ve had my run
Baby, I’m done
I gotta go home
Let me go home
It will all right
I’ll be home tonight
I’m coming back home
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Rogue em 16.out.2006, 19:49:49
Eu já escrevi uma carta a minha mãe, mesmo depois de saber que eu era bissexual, porque ela tornou-se ainda mas protectora, e digo isso sempre a minha mãe antes de sair de casa: "ningum me pode fazer mal"...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Arms em 16.out.2006, 20:20:17
Eu já escrevi uma carta a minha mãe, mesmo depois de saber que eu era bissexual, porque ela tornou-se ainda mas protectora, e digo isso sempre a minha mãe antes de sair de casa: "ningum me pode fazer mal"...

Que engraçado! Digo o mesmo à minha mãe... mais ainda depois de ela saber que sou gay!  :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Rogue em 21.out.2006, 17:38:29
A minha mae é um espectaculo! Não fui eu que lhe contem que era bissexul, foi ela que veio tirar ãs duvidas comigo. Ela gosta muito ser moderna até que arranja namorados imaginarios! mas teme muito por mim, teme que eu seja mal-tratado e as vezes asfixia-me um bocado... mas eu gosto muiyo de ti mae
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: SafeLight em 21.out.2006, 18:52:02
seja kual for a posição dos nossos pais é sempre bom estarmos conscientes de k eles são pessoas extremamente importantes na nossa vida.

temos k os respeitar por tudo o k eles nos ajudam mesmo k as vezes não os compreendamos.

eu já tive mts atritos com os meus pais no passado, mas hj em dia gosto deles cada vez mais e tento aproveitar o maximo da companhia deles, mesmo estando a viver longe..

tentem ter uma boa relação com os vossos pais, pois o oposto pode gerar défice de auto-estima, ou outras consequências mais dificeis de detectar...

Nunca é de mais salientar a importancia de kem nos deu a vida,

Obrigado  ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Puka em 23.out.2006, 00:28:53
Mais uma vez me tratas-te como lixo, peço-te um favor e tu não escapaz de me fazer nada isso magoa e muito, sabes que é um coisa importante e que a qualquer momento posso ter um gravissimo acidente, mas não custa-te muito arranjar a porcaria do carro, mas os manos heteros até tem direito a carros de borla. Sabes bem que te pagaria o arranjo assim como vou ter de pagar a outra pessoa mas sabes que não te custava nada foi a tua atitude que me magoou fui a chorar para o quarto e lá fiquei mas para mim e por muito que custe foi a gota de água. Nunca mais me vais ver um sorriso, nunca mais me peças nada, nunca mais te lembres que tens mais que um filho. Pois para mim estás morto. Aliás nunca tives-te vivo.
Em tua casa não ponho os pés e não vou dividir contigo o ar que respiro, mas bem lá no fundo até ao resto da tua vida estará uma placa a dizer "Aqui jaz o meu filho mais novo".  :'(
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: no_name em 23.out.2006, 22:11:19
Mais uma vez me tratas-te como lixo, peço-te um favor e tu não escapaz de me fazer nada isso magoa e muito, sabes que é um coisa importante e que a qualquer momento posso ter um gravissimo acidente, mas não custa-te muito arranjar a porcaria do carro, mas os manos heteros até tem direito a carros de borla. Sabes bem que te pagaria o arranjo assim como vou ter de pagar a outra pessoa mas sabes que não te custava nada foi a tua atitude que me magoou fui a chorar para o quarto e lá fiquei mas para mim e por muito que custe foi a gota de água. Nunca mais me vais ver um sorriso, nunca mais me peças nada, nunca mais te lembres que tens mais que um filho. Pois para mim estás morto. Aliás nunca tives-te vivo.
Em tua casa não ponho os pés e não vou dividir contigo o ar que respiro, mas bem lá no fundo até ao resto da tua vida estará uma placa a dizer "Aqui jaz o meu filho mais novo".  :'(

 :-[ :-[ [smiley=choro.gif] [smiley=choro.gif] [smiley=choro.gif] (e eu não sou do tipo chorão)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Kininhangel em 27.out.2006, 17:33:26
o que temos a dizer aos pais: somos seus filhos, nao querem que nós sejamos felizes? entao deixem-nos escolher as nossas escolhas e fazer a vida por nós mesmos!  ;D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: DeLpHi em 28.out.2006, 20:24:40
kininha.. nao se trata de uma escolha.. apenas eles têm de entender que somos felizes do jeito que somos.. e nao pq assim o escolhemos.. claro que a apiniao deles conta... a aprovaçao deles nos fazem sentir melhor.. mas nao é deles que depende a mha felicidade... tudo depende so e apenas de nos  ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Before the Dawn em 31.out.2006, 21:48:21
Não dizemos nada  ;D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Buu em 01.nov.2006, 12:09:13
kininha.. nao se trata de uma escolha.. apenas eles têm de entender que somos felizes do jeito que somos.. e nao pq assim o escolhemos.. claro que a apiniao deles conta... a aprovaçao deles nos fazem sentir melhor.. mas nao é deles que depende a mha felicidade... tudo depende so e apenas de nos  ;)

claro que sim  8) somos assim e pronto, e má nada!  :-X quem aceitar é bem vindo kem nao aceitar ora paciencia, ha quem aceite!  ;D :D

hum...Permitam-me discordar de que a vossa felicidade não depende dos pais  [smiley=desconfortavel.gif] Todos precisamos de sentir o minimo de apoio vindo da parte deles para nso sentirmos um pouco melhor.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Casa amarela em 01.nov.2006, 12:30:05
hum...Permitam-me discordar de que a vossa felicidade não depende dos pais  [smiley=desconfortavel.gif] Todos precisamos de sentir o minimo de apoio vindo da parte deles para nso sentirmos um pouco melhor.
[/quote]

Desculpem esta minha visão um pouco mais negativista da coisa...
Mas ao fim de tanto termos levado na cabeça, ou nos tornamos indiferentes, ou realmente, nunca vamos conseguir ser felizes
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Buu em 02.nov.2006, 18:29:21
hum...Permitam-me discordar de que a vossa felicidade não depende dos pais  [smiley=desconfortavel.gif] Todos precisamos de sentir o minimo de apoio vindo da parte deles para nso sentirmos um pouco melhor.

Desculpem esta minha visão um pouco mais negativista da coisa...
Mas ao fim de tanto termos levado na cabeça, ou nos tornamos indiferentes, ou realmente, nunca vamos conseguir ser felizes
[/quote]

Eu posso afirmar que sou feliz neste momento mas isso talvez aconteça visto que os meus pais nem sequer falam do assunto.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: barthez em 03.nov.2006, 01:28:56
pessoal, este tópico serve para escrevermos o q gostaríamos q os nossos pais lessem e n conseguimos ou n queremos ou ainda n temos coragem para falar/escrever/dizer... para falar sobre pais, relações com eles e outras cenas assim, usem os tópicos do GERAL q são vários, ok? ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Student em 03.nov.2006, 16:51:32
A minha mae é um espectaculo! Não fui eu que lhe contem que era bissexul, foi ela que veio tirar ãs duvidas comigo. Ela gosta muito ser moderna até que arranja namorados imaginarios! mas teme muito por mim, teme que eu seja mal-tratado e as vezes asfixia-me um bocado... mas eu gosto muiyo de ti mae

...também axuh a minha mãe muito afrente! A minha mãe não me arranjo namorado pq já sabe que tenho, às vezes dou por mim a pensar se tivesse um filho gay/bi se reagia na mesma maneira... deve ser a vantagem de ter uma mãe muito nova! :) Pior vai ser só qd o meu pai começar a desconfiar que o filho que ele tanto acho que tem namorada tem namorado.  >:(

ich liebe dich, mein müther!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Felina_girl em 03.nov.2006, 20:31:16
Eu nao escolhi ser assim apenas sou...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sealiah em 07.nov.2006, 10:38:10
Eu vos digo por expriencia! bem que a Biki dizia-me! Eu no dia 5 de Novembro há noite contei a minha mãe, ganhei coragem porque a minha tia paula estava presente...sentia-me revoltada, farta de esconder e olhei para a situação e sentei-me na cadeira e começei a conversar:

Minha mãe eu digo-te, sou diferente dos jovens normais! gosto de raparigas, sinto-me atraida por elas, também porque ligo-me mais com elas, são um ser mais sensivel, mais carinhoso e mais meigo por natureza! tenho uma amiga especial na qual gosto muito que é minha namorada!. Sei que deve ser dificil aceitar logo e já mas quero que me compreendas e que não me rejeites, minha mae eu preciso do teu apoio para sobreviver, senão nada feito!

Acreditem quando acabei de falar e a minha mãe só disse " Eu não tenho preconceitos eu prefiro ver-te ao lado de uma mulher do que metida nas drogas e a namorar um homem que te bate e que venhas de barriga grande para casa "

 ;D :D :o :o :o :o :o 8) ::) :P :-X :-* lol :devil

 lol (eu cai da cadeira)  lol
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Thumbnail em 07.nov.2006, 19:05:46
Sou o que sou e já o sabem. Sou o que sou e não é porque quis, é porque assim nasci. Sou o que sou e vou lutar para ser o que sou até ao fim. Vou ser eu independentemente do eu que for e nesse ser o que sou vou ser feliz e vocês... Vocês um dia, pelo Amor que me têm, vão ser felizes também dado a luta de ser quem sou e de ser o vosso sorriso ser uma constante... Desde sempre até ao fim!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sealiah em 09.nov.2006, 10:31:39
Sou o que sou e já o sabem. Sou o que sou e não é porque quis, é porque assim nasci. Sou o que sou e vou lutar para ser o que sou até ao fim. Vou ser eu independentemente do eu que for e nesse ser o que sou vou ser feliz e vocês... Vocês um dia, pelo Amor que me têm, vão ser felizes também dado a luta de ser quem sou e de ser o vosso sorriso ser uma constante... Desde sempre até ao fim!

Força!  és o que és  ;). Vais lutar pelo teu bem estar e pela tua vida  :D sê feliz! porque lá no fundo do coração dos nossos pais eles só querem que nós sejamos felizes!  ;) :)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Thumbnail em 09.nov.2006, 10:45:54
Sou o que sou e já o sabem. Sou o que sou e não é porque quis, é porque assim nasci. Sou o que sou e vou lutar para ser o que sou até ao fim. Vou ser eu independentemente do eu que for e nesse ser o que sou vou ser feliz e vocês... Vocês um dia, pelo Amor que me têm, vão ser felizes também dado a luta de ser quem sou e de ser o vosso sorriso ser uma constante... Desde sempre até ao fim!

Força!  és o que és  ;). Vais lutar pelo teu bem estar e pela tua vida  :D sê feliz! porque lá no fundo do coração dos nossos pais eles só querem que nós sejamos felizes!  ;) :)

Ora nem mais! E é preciso saber que caminho seguir para conquistar. O choque inicial de quem descobre uma verdade distinta para a normalidade social é sempre uma dor de cabeça, mas há sempre como contronar a negatividade!

;)

Força para ti também! ^^
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sealiah em 09.nov.2006, 10:48:02
Sou o que sou e já o sabem. Sou o que sou e não é porque quis, é porque assim nasci. Sou o que sou e vou lutar para ser o que sou até ao fim. Vou ser eu independentemente do eu que for e nesse ser o que sou vou ser feliz e vocês... Vocês um dia, pelo Amor que me têm, vão ser felizes também dado a luta de ser quem sou e de ser o vosso sorriso ser uma constante... Desde sempre até ao fim!

Força!  és o que és  ;). Vais lutar pelo teu bem estar e pela tua vida  :D sê feliz! porque lá no fundo do coração dos nossos pais eles só querem que nós sejamos felizes!  ;) :)

Ora nem mais! E é preciso saber que caminho seguir para conquistar. O choque inicial de quem descobre uma verdade distinta para a normalidade social é sempre uma dor de cabeça, mas há sempre como contronar a negatividade!

;)

Força para ti também! ^^

Obrigado! e tu nada de estares tristinho! a vida é uma festa e sendo uma festa devemos tar sempre animados!  :) :D ;D 8) :P :-X lol :devil
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Thumbnail em 09.nov.2006, 11:17:12
Sou o que sou e já o sabem. Sou o que sou e não é porque quis, é porque assim nasci. Sou o que sou e vou lutar para ser o que sou até ao fim. Vou ser eu independentemente do eu que for e nesse ser o que sou vou ser feliz e vocês... Vocês um dia, pelo Amor que me têm, vão ser felizes também dado a luta de ser quem sou e de ser o vosso sorriso ser uma constante... Desde sempre até ao fim!

Força!  és o que és  ;). Vais lutar pelo teu bem estar e pela tua vida  :D sê feliz! porque lá no fundo do coração dos nossos pais eles só querem que nós sejamos felizes!  ;) :)

Ora nem mais! E é preciso saber que caminho seguir para conquistar. O choque inicial de quem descobre uma verdade distinta para a normalidade social é sempre uma dor de cabeça, mas há sempre como contronar a negatividade!

;)

Força para ti também! ^^

Obrigado! e tu nada de estares tristinho! a vida é uma festa e sendo uma festa devemos tar sempre animados!  :) :D ;D 8) :P :-X lol :devil

Amen!

 :up [smiley=bateria.gif] :up
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sealiah em 09.nov.2006, 11:51:08
eeheheheh  ;D lol
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Buu em 09.nov.2006, 19:05:34
Há bocadinho perguntei ao meu pai o que é que ele e a minha mãe achavam agora de eu namorar com a minha Buulacha e perguntei se eles ainda pensavam que era só uma fase e ele respondeu-me assim " As coisas devem ser encaradas com normalidade, por isso..."  :o :o

Gosto dos meus pais  [smiley=estiloso.gif]
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Buulacha em 10.nov.2006, 11:12:57
Há bocadinho perguntei ao meu pai o que é que ele e a minha mãe achavam agora de eu namorar com a minha Buulacha e perguntei se eles ainda pensavam que era só uma fase e ele respondeu-me assim " As coisas devem ser encaradas com normalidade, por isso..."  :o :o

 :o :o :o :o :o lol :D :D :D :D :D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Sealiah em 10.nov.2006, 18:11:22
"que somos nós mesmos e fartos de ser pessoas diferentes para satisfazer a sociedade cheia de preconceitos"  :D
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Rogue em 20.nov.2006, 15:28:49
Tatu - 30 Minutes (traduzido) Lyrics
30 minutosMamãe papai me perdoemLonge dos
olhos, longe da cabeçaSem tempo para decidirFugiremos? Eu deveria me esconderPelo resto da minha
vida?Nós podemos voar? Eu devo ficar?Nós poderíamos
perdernos poderíamos fracassarNo momento que levaPara fazer planos, ou cometer erros30 minutos, o piscar
de um olho30 minutos, para alterar nossas vidas30
minutos para eu perder minha cabeça30 minutos para me
decidir30 minutos para suspirar o teu nome30 minutos
para esconder a culpa30 minutos de alegria, 30 mentiras30 minutos para finalmente decidirCarrosséis no céuQue nós formamos com os nossos olhosSob a sombra,
silhuetasdispondo formatos chorando chuvaNós podemos
voar? Nós devemos ficar?Nós poderíamos perder nos
poderíamos fracassarDe qualquer modo, as opções mudamOportunidades falham, trens descarrilham

Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: CookieMonster em 25.nov.2006, 20:55:39
green Day * Minority

i want to be in a minority
i dont need your authority
down with the moral majority
'cause i want to be the minority

i pledge allegiance to the underworld
one nation under dog
there of which i stand alone
a face in the crowd
unsung, against the mold
without a doubt,
singled out
the only way i know


stepped out of the line
like a sheep runs from the herd
marching out of time
to my own beat now
the only way i know
one light, one mind
flashing in the dark
blinded by silence of a thousand broken hearts
"for cryin out loud" she screamed unto me
a free for all
f*** 'em all
"you are your own sight" ..



pode ser?

*beijinho
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Queen_Lita em 09.dez.2006, 21:33:50
   Nada...não merecem uma palavra do que eu digo!!
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: morbidoll em 10.dez.2006, 18:40:48
Fico deseperada quando a minha mae começa a falar em filhos, casamento, marido ect :-X :-\
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Oxalá em 10.dez.2006, 18:45:11
Fico deseperada quando a minha mae começa a falar em filhos, casamento, marido ect :-X :-\

na mesma situaçao, eu cá riu-me  lol mal sabe ela..
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: morbidoll em 10.dez.2006, 19:38:06
 :o Quem me dera fazer o mesmo !
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: petala em 10.dez.2006, 19:52:57
Fico deseperada quando a minha mae começa a falar em filhos, casamento, marido ect :-X :-\

na mesma situaçao, eu cá riu-me  lol mal sabe ela..
E vai duas lol tb me riu  lol
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: YukishiroTomoe em 14.dez.2006, 11:09:58
Pais! Eu apenas quero encontrar as chaves para a minha felicidade! e isso não importa-me que seja homem ou mulher, porque o que quero é ser feliz!  ;)
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: ocean em 14.dez.2006, 15:45:03
K EMBORA ELES DE VEZ EM KD TENHAM UMAS PANCADAS VALENTES K OS ADORO MT E K LHES AGRADEÇO A FORMA COMO ACEITAM A MIM E A MINHA ESPOSA.... :-*
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: strada em 26.jan.2007, 21:47:26
Não sei se algum dia vão saber como sou realmente... Acho que nem vão ter tempo de descobrir pela maneira como as coisas estão comigo... Mas quero que saibam que nunca quis que tudo fosse assim... Não sou uma pessoa má...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Cátia. em 26.jan.2007, 21:49:18
Dear daddy, I hate you...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Livre-Mente em 26.jan.2007, 23:31:12
Dear daddy, I hate you...
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Mafy em 27.jan.2007, 14:57:11

 

 mais uns anos e vao ver-se livres de mim
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Gharam em 27.jan.2007, 20:34:39
É incrível, tão simpáticos para umas coisas, mas para outras......  >:( Thank God que em Outubro já não tou aqui.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Before the Dawn em 27.jan.2007, 21:43:26
Já não digo nada. Muito sinceramente, já disse á minha mãe que é com falo destas coisas que a vida é minha. As opções serão sempre minhas. E não há nada que ela possa fazer para me impedir de concretizar os meus objectivos.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: cristina em 31.jan.2007, 20:58:17
não sejam totós   :P
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: gumby em 01.fev.2007, 03:16:50
já chega, mãe, pára de me fazer sentir como se a responsabilidade fosse toda minha, já chega.
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Mariazinha em 01.fev.2007, 21:30:15
Amanhã é o dia D
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Coubert em 03.fev.2007, 23:46:23
Lamento os vossos silêncios e os vossos medos!  :-[
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: larry em 07.fev.2007, 15:51:11
Tás a dever-me uns all star mãe! ;D N t faças de desentendida  :devil
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: cristina em 07.fev.2007, 18:47:14
quero que me ouçam quando falar
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Buu em 26.fev.2007, 21:08:17
Isto não é só uma fase... Daqui a "dois ou três anos" vou continuar a ser assim ...eu ... hum
Título: Re: O que temos a dizer aos pais
Enviado por: Cátia. em 24.abr.2007, 21:44:47
Dear daddy, I hate you...
Dear mummy, I hate you too...
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Lady L em 24.abr.2007, 22:37:18
Amo-te mãe. ;D [smiley=sim.gif] [smiley=enamorado.gif]
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: jp em 24.abr.2007, 22:43:07
Amo-te mãe. ;D [smiley=sim.gif] [smiley=enamorado.gif]

eu tb amo a minha.
e o meu pai.. e a familia tda =)

viva a familia!  [smiley=malabarista.gif]
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Mr Unchained em 24.abr.2007, 23:16:16
mae no sabado vou à V.I.P e na terça ao cinema.. da-me dinheiro :P
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: candy cane em 07.jun.2007, 22:03:14
POEMA À MÃE

No mais fundo de ti,
eu sei que traí, mãe.

Tudo porque já não sou
o menino adormecido
no fundo dos teus olhos.

Tudo porque tu ignoras
que há leitos onde o frio não se demora
e noites rumorosas de águas matinais.

Por isso, às vezes, as palavras que te digo
são duras, mãe,
e o nosso amor é infeliz.

Tudo porque perdi as rosas brancas
que apertava junto ao coração
no retrato da moldura.

Se soubesses como ainda amo as rosas,
talvez não enchesses as horas de pesadelos.

Mas tu esqueceste muita coisa;
esqueceste que as minhas pernas cresceram,
que todo o meu corpo cresceu,
e até o meu coração
ficou enorme, mãe!

Olha - queres ouvir-me? -
às vezes ainda sou o menino
que adormeceu nos teus olhos;
ainda aperto contra o coração
rosas tão brancas
como as que tens na moldura;

ainda oiço a tua voz:
Era uma vez uma princesa
no meio de um laranjal...

Mas - tu sabes - a noite é enorme,
e todo o meu corpo cresceu.
Eu saí da moldura,
dei às aves os meus olhos a beber.

Não me esqueci de nada, mãe.
Guardo a tua voz dentro de mim.
E deixo-te as rosas.

Boa noite. Eu vou com as aves.

Eugénio de Andrade in «Os Amantes Sem Dinheiro» (1950
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Mr Unchained em 11.jun.2007, 00:09:38
- Mãe compreende-me uma vez so' na tua vida... eu sou feliz sendo GAY.. (adorava poder dizer-te isto)

e ao meu pai dizer:
- Obrigado por ter dito que se eu fosse gay nao se importaria ate pork estamos no sec XXI e isso é normal..
Pai aesar de teres estado kuase 12 anos longe de mim (tendo eu agr 17) plo menos respeitas-me e keres-me ver feliz  :-\
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Thumbnail em 11.jun.2007, 10:29:08
Parece mentira. Passaram já quase 9 meses desde que te contei. Desde que, pela primeira vez, te fui verdadeiramente sincero, desde que sabia que o desafio agora não era a solo, era, no mínimo, a três. Desde que me entreguei a esta realidade.

Sei o que custou. Sim, sei que te arrepiaste, engoliste em seco e pensaste que afinal o que se temia era verdade. Ainda assim, recalcaste. Arrastaste filosofias primárias e, lutando, recalcavas-me. Apoiando, destruías. Foi duro. Foi sangue.

Hoje... Hoje olhamos para o tempo e as coisas maturaram-se. A luta enalteceu e ficámos um só. Ainda com barreiras e com feridas ainda por sarar mas o teu amor revelou-se a paz que nunca tive quando me olhas e dizes que te faço chorar.

Sei que custa e sei que vais ler isto. Que é curto e que não vale de muito, mas queria que soubesses que não há culpa nem desespero de um desassossego assim como o meu. São factos e coisas próprias que visam a complexidade do ser humano. Essa que ninguém conhece, que ninguém quer conhecer.

Foste tu o berço em que nasci e nenhuma daquelas madeiras fez sentido. Foste tu que, apesar de tudo respeitou a minha (triste) personagem e hoje sei que te tenho a ti. Espero um dia saber-te minha conhecida e portadora de sorrisos típicos de quem olha o que sabe, de quem sente o que não crê, o que vê.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: BrokenAngel em 07.jul.2007, 16:47:02
porque não me fazem as perguntas certas???

Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Milanjii em 13.jul.2007, 01:33:16

Pai, Mãe, quem sou eu afinal?

eu digo que sou quem realmente sinto ser...

e vocês teimam em afirmar que isto é uma fase de definição da minha identidade...

e eu pergunto o que é isso? fase?

sim, filha, tens muito tempo para aproveitar a tua juventude e arranjares um moço geitoso...

quem? não adianta... por mais que lhes diga eles ficam sempre na deles... tou farta.

Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Mr Unchained em 13.ago.2007, 21:34:49
Porque me puseram no mundo?

E se puseram o porquê de tudo o que passei?

E o porquê de não me apoiarem mais quando eu preciso?
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Yumi em 15.out.2007, 14:27:03
Obrigado por me meterem-me na vida poder sentir, tocar, falar, saltar, aprender e conviver! Obrigado por eu ser eu mesma sem hesitar um segundo, obrigado por eu respirar, ter casa, ter oportunidade de estudar, Obrigado pelo vosso apoio, tudo não será em vão! Muito Obrigado por tudo!  :)
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: epilepsy em 16.out.2007, 19:39:09
porque não um sorriso e um suspiro?
sabem, às vezes fico preso.
queria ser, poder sorrir e suspirar também.
mas fico assim,
longe e ferido,
ansioso por sonhar.


Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: cpzinha em 27.dez.2007, 16:55:00
sabem eu penso k os pais acima de td nos amam, por mais asneiras k nos faxamos, por mais mal k digamos deles, sao eles k acabam sempre, ou quase sempre pos nos dar a mão...
os nossos pais eu penso que tem obrigaçao de nos aceitar, mas nao têm obrigaçao de nos comprrender, pk nem td tem explicaçao, podemos pensar por vezes k tem, mas nao tem...

eu nao conto aos meus pais, pk eu sou dependente deles, eu neste momento nao sou nd sem eles...


por ixo a unica mensagem k kero deixar aos meus pais é...

pais eu serei sempre kem eu realmete sou, e nao aquilo que voces kerem k eu seja... ;)

bjao fofo :D
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: akinder em 11.jan.2008, 19:03:33
Hoje ao ser "directora" de uma reeuniaão sobre sexualidade em psicologia, descobri que realmente a única pessoa da familia que falava comigo sem preconceito em relação á homosexualidade, mesmo antes de eu pensar na minha orientação, já não está comigo á 3anos. É triste pensar que até nestas coisas ela gostava mesmo de mim e da vida.
Realmente surpreende-me que pessoas com 75 anos saibam ver os assuntos com boa prespectiva. Mas fico sobretudo triste de ela, mesmo na luz, não poder emprestar-me um colo enrugado para eu desabafar.

Para ti avó, agora que finalmente aprendeste a ler, envio um beijo.
Desta tua criança saudosa que ainda te ama com respeito e sinceridade.
Spoiler (clica para mostrar/esconder)
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Driretlanii em 12.abr.2009, 03:06:54
Obrigada aos meus irmãos por me entenderem e me aceitarem, e obrigada ao meu pai pelos momentos hilariantes que passamos juntos a apreciar gajas!  :devil
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: asuka em 12.abr.2009, 15:11:54
Hoje ao ser "directora" de uma reeuniaão sobre sexualidade em psicologia, descobri que realmente a única pessoa da familia que falava comigo sem preconceito em relação á homosexualidade, mesmo antes de eu pensar na minha orientação, já não está comigo á 3anos. É triste pensar que até nestas coisas ela gostava mesmo de mim e da vida.
Realmente surpreende-me que pessoas com 75 anos saibam ver os assuntos com boa prespectiva. Mas fico sobretudo triste de ela, mesmo na luz, não poder emprestar-me um colo enrugado para eu desabafar.

Para ti avó, agora que finalmente aprendeste a ler, envio um beijo.
Desta tua criança saudosa que ainda te ama com respeito e sinceridade.
Spoiler (clica para mostrar/esconder)

Ontem disse á minha avó com actualmente 78 anos (e que devo dizer têm uma mentalidade mto diferente da geração dela), que realmente era fora do vulgar uma mulher da idade dela ser a mulher que é em todos os aspectos, isto referente a conversas sobre a orientação sexual e outros temas mais , ela mais uma vez disse me, nós é que nos temos que adaptar á mudança e não a mudança a nós, ela desconfia sobre a minha mudança mas eu não tive coragem o suficiente para o admitir, sou cobarde pois ela sempre foi a minha confidente, engraçado é que ela diz mo mtas vezes, ela discute comigo e diz me porque mudas te tanto e já não me contas nada lolol, eu sei o que ela quer que lhe conte só não tenho coragem ainda de o fazer. :(
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: giffs em 24.jan.2010, 22:48:42
Só queria que me compreendessem e aceitassem e vissem tudo o que ha de mim para recuperar o que tinha porque gosto muito deles, mesmo depois de tudo o que se passou, ainda gosto...e vejo luz...
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: _tiago_ em 24.jan.2010, 23:44:00
Sinceramente as vezes tenho medo que me comecem a ver não como o tiago mas como a ideia que tem do meu "estilo de vida"
Neste momento não quero justificar nada, nem me apetece encarar ninguem  :-X
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: giffs em 24.jan.2010, 23:55:25
ha dias em que me apetece fechar os olhos e esperar que todos estes problemas desapareçam.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: _tiago_ em 24.jan.2010, 23:58:55
ha dias em que me apetece fechar os olhos e esperar que todos estes problemas desapareçam.

Engraçado era exactamente o que eu estava a pensar!
Apetece ir fazer voluntariado para bem longe daqui e esquecer as encruzilhadas  :-X
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: giffs em 08.fev.2010, 17:02:06
ha dias em que me apetece fechar os olhos e esperar que todos estes problemas desapareçam.

Engraçado era exactamente o que eu estava a pensar!
Apetece ir fazer voluntariado para bem longe daqui e esquecer as encruzilhadas  :-X

Já somos dois...se ao menos me deixassem...
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: deep green eyes em 11.fev.2010, 11:39:39
ha dias em que me apetece fechar os olhos e esperar que todos estes problemas desapareçam.

Engraçado era exactamente o que eu estava a pensar!
Apetece ir fazer voluntariado para bem longe daqui e esquecer as encruzilhadas  :-X

Já somos dois...se ao menos me deixassem...

somos três...
Spoiler (clica para mostrar/esconder)
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: daemon em 09.mar.2010, 01:41:23
Pai: obrigado por, apesares de não gostares, não fazeres da minha vida um inferno por ser gay nem me tentares mudar. Obrigada pelo teu respeito.

Puto: Obeigado por me aceitares e me apoiares desde sempre, mesmo quando eras uma criança. Obrigado por nunca te teres deixado influenciar pela mãe, foste um menino muito corajoso e leal.

Mãe: obrigada pela vida e perdoa-me por nãp ser o que esperavas. Perdoa-me por desde bebé nunca ter sido a menina com que sonhaste. Mãe, eu nunca escolhi e sabes bem disso. Eu não posso mudar, nem posso viver numa mentira. Sei que achas que vou para o inferno porque sou uma imunda nojenta mas eu acho mãe, que provavelmente nem o diabo te vai querer no inferno. Mas eu amo-te muito e espero que o teu Deus te possa perdoar aquilo que eu não consigo.
Título: Re: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: carolinalg em 27.mai.2017, 00:04:54
Sois uns fofos.

Custou ao início perceberem que já cresci e devo decidir o que quero da minha vida, que este é um dos caminhos que eu quero seguir, que ser lgbt é uma parte importante de mim, que eu amo quem eu amo, que sou feliz assim; mas a verdade é que acabaram por respeitar e aceitar, e isso é tão bom!...

 :blush
Título: Canções e mensagens para Pais e Familiares
Enviado por: Fanniedup em 24.jul.2019, 10:56:04
" ídem "

" legal "

" bacana a moto "

dá um tempo né, coisa medonha isso, o FLM não é um fórum de classificados, e sim um fórum de amigos e troca de informações construtivas onde os usuários podem se beneficiar dessa ferramenta que é o classificado / neguinho que vem aqui poluir nosso conteúdo só pra vender qualquer tranqueira acho que ja tinha que cortar de vez....
como diz meu irmão.. " tá achando que nego é páiaço?? "

_____
XEvil 4.0 + RCModule (http://xrumersale.site/#): NEW! o melhor programa para resolver qualquer CAPTCHA, incluindo o Google ReCaptcha-2