Fórum da rede ex aequo

Outras Conversas => Espiritualidade, Sobrenatural e Religião => Tópico iniciado por: Purple Fairy em 20.set.2004, 03:50:05

Título: Experiências fora do normal
Enviado por: Purple Fairy em 20.set.2004, 03:50:05
Oix! :)
Partilhem as vossas experiencias...kem é k nunca jogo ou jogo do copo, ou ouviu dizer algo de espiritos ou...experimentou algo diferente...Tiveste alguma experiencia fora do normal e k ficast a pensar no k poderia ter sido akilo ou msm dejá vus (axo k é axi k se escreve)...



Dèjá vus ja tive mtos...parecia ter tado nakele sitio e no entanto nunca lá tinha ido...tipo em italia deu me ixo. Será k foi numa vida passada?E me tou a recordar?
Mtas x acontece tar c alguem num sitio a fazer uma cena e ter a impressão k já vivi akilo da msm maneira...Atrofia uma pessoa... ??? ???
Tb já joguei o jogo do copo mas n se passou kase nd o copo mexeu pouca x e depois desistimos mas joguei outro k deu certo e...cm este mundo é estranho...
Entre outas coisas mais k uma pessoa fika de boca aberta sem saber o k pensar...

 :-*
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: neo_21 em 20.set.2004, 15:25:03
jogo do copo...
já tive uma experiência marcante com esse jogo...
... já tinha jogado outras vezes, mas tinha sempre ficado com a sensação que aquilo era uma grande tanga, mas daquela vez senti que era diferente, parecia que existia mesmo uma força qualquer a mover o copo, que não o dedo de um dos participantes (como muitas vezes aconteceia  ;D)...

estavamos a fazer perguntas e o copo a "responder". entretanto pedimos para esse espírito se ir embora para "invocarmos" outro...de repente o copo esmaga-se, como se alguém tivesse lá chegado e espetasse uma palmada em cima do copo... se calhar zangou-se ;D

é difícil de acreditar, eu sei, muitas pessoas que acreditam nesse jogo não acreditam na minha história... por isso fiquem naquilo que lhes pareça...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: pedrot em 22.set.2004, 12:32:18
eu vi um ovni mas vocês não acreditam, ainda tentei ir buscar a máquina fotográfica...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Purple Fairy em 23.set.2004, 04:37:14
Um ovni?

O jogo do copo é mt perigoso tem k se ter cuidado pois o espirito pode n kerer ir embora e depois tá tudo tramado...  :devil
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: pedrot em 23.set.2004, 06:24:27
Um ovni?

O jogo do copo é mt perigoso tem k se ter cuidado pois o espirito pode n kerer ir embora e depois tá tudo tramado...  :devil
buá´´aááá´eu nunca joguei ao jogo do copo
tinha um amigo ou melhor um conhecido que era vidente e que a falaecida avó lhe disse para curtirmos o facto de sermos gays e disse-me muitas coisas que batiam e abteram certo infelizmente para mim...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: neo_21 em 23.set.2004, 11:26:29
... e que a falaecida avó lhe disse para curtirmos o facto de sermos gays...

isso é que era uma avó!   ;D  lol  ;D
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: pedrot em 23.set.2004, 15:04:52
... e que a falaecida avó lhe disse para curtirmos o facto de sermos gays...

isso é que era uma avó!   ;D  lol  ;D
mas disse isso depois de morta, para quem acreditar, não sei se me fiz entender !!!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: vmgi em 23.set.2004, 16:19:23
eu vi um ovni mas vocês não acreditam, ainda tentei ir buscar a máquina fotográfica...


E um OSNI (Objecto Saloio N identificado) :D :D . Isso de ver ovni's é fácil, agora um OSNI...

Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: vmgi em 23.set.2004, 16:23:56
Experiências fora do normal... pá, o facto de me ter apaixonado por uma mulher já é de si uma experiência bastante fora do normal!

Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: zigo em 25.jul.2005, 16:53:23
frequentemente tenho sonhos em que vejo coisas que acontecem na realidade...esses sonhos sao diferente, porque fico com uma sensação de realidade, de algo mais solido que um sonho normal...mas nao vos sei explicar bem o que é...sao sonhos de qualquer forma. Mas posso dizer-vos que vi o papa a morrer antes uns dias de ele adoecer, vi a morte de um tio meu, e vi os recentes atentados em Londres (neste caso eu ja estava mm á espera, nao sabia era onde tinham sido os atentados, mas quando acordei perguntei logo ao pessoa la de casa onde tinham sido as bombas e eles pensavam que eu ja tinha visto as noticias! :- ;D) mas eu nao me sinto muito bem com isso, faz-me confusao, voces sabem o que eu tenho? ou o que devo fazer para lidar com isso? já há algum tempo que quero saber o k fazer....mas nao sei!! ??? por favor se algum de voces me souberem dar uma explicação eu agradeço - ja bastava ser gay agora tb serei bruxo? lol
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: gajuh_maluko em 25.jul.2005, 17:00:32
ja me aconteceu ter sonhos... bastante reais.. ao ponto de quando acordo ficar na duvida.. isto aconeteceu mesmo ou fui eu k sonhei..
..ate ja em conversa com um pessoa "entao e lembraste dakela situaçao Y em k nos fixemos isto e aquilo? " .."nao... nc fizemos nada disso.. "  :-X :-X "oops... atao sonhei...  :-X :-X :-[ :-[ :-[ :-\ "


"deja vus" com bastante frequencia.. e um atrofio para a minha cabeça...

Et's... nunca vi.. mas gostava.. afinal ha k conhecer a nossa familia :P  ;D ;D ;D ;D (kem me conhece sabe do k falo.. hehehhe .. os outros.. nadem para ai....  lol lol lol lol )  :devil :devil :devil

.tambem tenho uma tendencia natural para pensar no negativo e as vezes acabo mesmo por acertar em desastres... do genero.. no incio de uma noite de festa fazer 1 comentario do tipo.. .." olha.. o fogo de artificio hoje n vai corer bem..." "entao pk?" "nao sei.. pressentimento.." conclusao: um foguete nao rebentou como devia.. foi parar a umas arvores e provocou um mini-incendio.... k felizmente foi logo extinto pelos bombeiros.. :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: zezecb500 em 25.jul.2005, 18:03:58


Experiências fora do normal? ???

A ultima k tive foi fora do normal...eu devia de estar bebeda lol lol lol lol lol

Ops :P lol

Respeito esse tipo de situações,mas pratica-las não... :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: lost.passenger em 25.jul.2005, 23:27:49
ja me aconteceu ter sonhos... bastante reais.. ao ponto de quando acordo ficar na duvida.. isto aconeteceu mesmo ou fui eu k sonhei..
..ate ja em conversa com um pessoa "entao e lembraste dakela situaçao Y em k nos fixemos isto e aquilo? " .."nao... nc fizemos nada disso.. "  :-X :-X "oops... atao sonhei...  :-X :-X :-[ :-[ :-[ :-\ "


"deja vus" com bastante frequencia.. e um atrofio para a minha cabeça...

Tbm tenho tido isso! :o ando a perder a noção de realidade-sonho, há várias coisas que tenho de pensar msm bem para ter a certeza se foi sonho ou nao :inq :zzz há uma ou outra situação que simplesmente desisti de perceber se aconteceu mesmo ou não lol lol lol

Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: gajuh_maluko em 25.jul.2005, 23:38:16
ja me aconteceu ter sonhos... bastante reais.. ao ponto de quando acordo ficar na duvida.. isto aconeteceu mesmo ou fui eu k sonhei..
..ate ja em conversa com um pessoa "entao e lembraste dakela situaçao Y em k nos fixemos isto e aquilo? " .."nao... nc fizemos nada disso.. "  :-X :-X "oops... atao sonhei...  :-X :-X :-[ :-[ :-[ :-\ "


"deja vus" com bastante frequencia.. e um atrofio para a minha cabeça...

Tbm tenho tido isso! :o ando a perder a noção de realidade-sonho, há várias coisas que tenho de pensar msm bem para ter a certeza se foi sonho ou nao :inq :zzz há uma ou outra situação que simplesmente desisti de perceber se aconteceu mesmo ou não lol lol lol



o mais chato e qd vais para comentar com alguem.. e no final ficas c cara de parvo a olhar pa pessoa pk afinal akilo n aconteceu,,, foste tu k sonhaste...  :-[ :-[ :-[ :-[ :-\ :-[ :-X
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: RogerWaters em 26.jul.2005, 00:58:16
Experiências com o oculto? Não obrigado.  :´
Eu só sou vitima de Dejá Vu's, e não considero isso nada a ver com o oculto.Até acho algo bastante positivo e porreta!  :D
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: lagarto em 26.jul.2005, 01:54:33
frequentemente tenho sonhos em que vejo coisas que acontecem na realidade...esses sonhos sao diferente, porque fico com uma sensação de realidade, de algo mais solido que um sonho normal...mas nao vos sei explicar bem o que é...sao sonhos de qualquer forma. Mas posso dizer-vos que vi o papa a morrer antes uns dias de ele adoecer, vi a morte de um tio meu, e vi os recentes atentados em Londres (neste caso eu ja estava mm á espera, nao sabia era onde tinham sido os atentados, mas quando acordei perguntei logo ao pessoa la de casa onde tinham sido as bombas e eles pensavam que eu ja tinha visto as noticias! :- ;D) mas eu nao me sinto muito bem com isso, faz-me confusao, voces sabem o que eu tenho? ou o que devo fazer para lidar com isso? já há algum tempo que quero saber o k fazer....mas nao sei!! ??? por favor se algum de voces me souberem dar uma explicação eu agradeço - ja bastava ser gay agora tb serei bruxo? lol

sao sonhos premonitorios, uma especie de aviso. nao é nada de outro mundo ter outras capacidades sensitivas para alem dos 5 sentidos "fisicos"  ::)

agradece o facto de teres esses sonhos, pois ficas preparado para o que possa acontecer  :)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: zigo em 26.jul.2005, 13:56:00
pois é, deve ser isso....para além dos sentidos "fisicos"...mas continuo a nao achar muita piada a isso  :-\
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Evil_Master em 26.jul.2005, 16:37:25
Too much heavy!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Darkmagicien em 26.jul.2005, 16:41:41
Quando morava na minha primeira casa eu tinha alucinações ou algo do género... Sim, porque conseguia ouvir coisas que mais ninguém ouvia e também costumava ver coisas... tipo sombras, luzes muito fortes... quando ouvia algo eram passos, objectos a cair... portas a ranger... très bizarre!!!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: mIsS em 26.jul.2005, 21:56:40
 Há uns anos, quando tinha um "furo" na escola  (não tinha determinada aula), grande parte da minha turma inclusivamente eu, iamos para a casa de uma amiga nossa que ficava  perto da escola. Nunca gostei daquela casa, a decoração em si,a desarrumação, o cheiro costante a tabaco ou a ganza misturado com o das velas e de insenços ... uma autêntica mestela!diga-se!
 Apesar disto, lá ficava para estar em convívio com os meus colegas, todavia o ambiente deixava de estar sereno quando uns do grupinho se lembravam de jogos relacionados com o oculto, aí limitava-me a pegar nas minhas coisas e sair ...  ;)

 Lembro-me de uma vez ter adormecido no sofá da minha sala a ver televisão e quando acordei estava completamente desnorteada, isto é, pensava que estava a dormir há dias ... e que tinha faltado a compromissos que tinha para essa semana, andei que nem doida de início à procura de um relógio, depois de um calendário e de televisor ligado para saber em que dia estava  :o... so strange!!  ::)  :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Pink_Dream em 27.jul.2005, 01:32:00
Bem... dado que essa pergunta deve ser para levar em conta os parâmetros da sociedade em que vivemos. Das coisas mais anórmaloides que me lembro de ter acontecido éeeeeee ter que apanhar boleiaaa na via rápida de madruga e o condutor do veículo que me deu a respectiva estar insistentemente a dizer enquanto me levava (a mim e a uma amiga) ao destino, "epahhh nao me robem nada que o carro é do meu pai" !!!!!!!!!!!!!!! LOL
InAcreditável *
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: gajuh_maluko em 27.jul.2005, 01:38:31
Bem... dado que essa pergunta deve ser para levar em conta os parâmetros da sociedade em que vivemos. Das coisas mais anórmaloides que me lembro de ter acontecido éeeeeee ter que apanhar boleiaaa na via rápida de madruga e o condutor do veículo que me deu a respectiva estar insistentemente a dizer enquanto me levava (a mim e a uma amiga) ao destino, "epahhh nao me robem nada que o carro é do meu pai" !!!!!!!!!!!!!!! LOL
InAcreditável *

looooooooooooooooooooooooooooooooooooooool

 lol lol lol lol lol lol lol lol lol lol lol lol lol

so faltava mm era "matem-m mas nao levem nada nem estraguem nada do carro k e do meu pai.."
looooool
 
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Pink_Dream em 27.jul.2005, 02:06:03
ASérioooo foi lIndO!!! Até metia dó o medo delO!! AIAIAIA senhoresss deputados e senhoresss capitalistas... andam a amedrontar muito os vossos filhosss!!!!!
PAZ LIBERDADE UNIÃO E RESPEITO!!!!!  ;D
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Gharam em 19.set.2005, 20:32:01
eu tenho uns dejá-vu xkisitx, pk não é cmo se eu já estivexe tado nexe sítio, mas sim k já sonhara antx k tinha estado a fazer exactamente o k estava kand se deu o dejá-vu  :P tipo, lembro-me de imagens k sonhara bué vezes e k estou a ver no presente

por exemplo, ontem kand tava a limpar a minha mota na garagem olhei para a parede atrás de mim e a imagem k vi era exactamente igual a uma com k tinha sonhado há já mt tempo ainda antes de a garagem ser remodelada. é mt freak  ???

Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: CatherineBlake em 19.set.2005, 21:34:38
Para mim, coisas desse tipo e dejá vus já não são nada de estranho. :P


A minha casa sempre teve algo de especial que não se observa normalmente noutras casas. Por exemplo, ruídos, estalos (principalmente à noite, e ouvem-se melhor quando está tudo em silêncio), cheiros estranhos e desagradáveis (que aparecem de repente, e desaparecem tão rapidamente quanto apareceram), e inclusivé, a morte repentina das plantas que tenho em casa.

Há uns anos, estava na sala a ver televisão, com o volume quase no mínimo, e os meus pais já estavam deitados. Lembro-me que nessa altura o meu andar (1º) e o 3º eram os únicos habitados do prédio.
Estava tão descansadinha no sofá, meio ensonada a ver um filme qualquer, quando de repente começo a ouvir relógios a bater ao mesmo tempo (só tenho relógios no meu quarto, e não se ouvem da sala) e também passos, vindos do 2º andar (e volto a referir que o meu vizinho de cima já morava numa outra casa há um certo tempo).


Em relação aos dejá vus, é a das coisas mais normais que me acontecem, mas mesmo assim, assusto-me algumas vezes.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: kat em 19.set.2005, 21:53:51
há cerca d 3 anos atrás fiz uma sessão espirita c 1 amiga na casa d 1 rapaz q s dizia satanico  ::) sinceramente ainda ñ sei o q pensar d q aconteceu ms a vdd é q d repente o tlf começou a tocar e qd atendiamos ng respondia, as portas dos quartos começaram a bater c mt força sem ng lhes tocar ( e eu vi c os meus próprios olhos) e o mm aconteceu c as portas dos armários...ñ sei cm é possivel akilo ter acontecido ms a vdd é q m axustou e mt  lol
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: CatherineBlake em 19.set.2005, 21:59:43
há cerca d 3 anos atrás fiz uma sessão espirita c 1 amiga na casa d 1 rapaz q s dizia satanico  ::) sinceramente ainda ñ sei o q pensar d q aconteceu ms a vdd é q d repente o tlf começou a tocar e qd atendiamos ng respondia, as portas dos quartos começaram a bater c mt força sem ng lhes tocar ( e eu vi c os meus próprios olhos) e o mm aconteceu c as portas dos armários...ñ sei cm é possivel akilo ter acontecido ms a vdd é q m axustou e mt  lol


Por acaso é uma experiência pela qual gostaria de passar, mas sei que depois me assustaria a valer. :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: kat em 19.set.2005, 22:23:34
há cerca d 3 anos atrás fiz uma sessão espirita c 1 amiga na casa d 1 rapaz q s dizia satanico  ::) sinceramente ainda ñ sei o q pensar d q aconteceu ms a vdd é q d repente o tlf começou a tocar e qd atendiamos ng respondia, as portas dos quartos começaram a bater c mt força sem ng lhes tocar ( e eu vi c os meus próprios olhos) e o mm aconteceu c as portas dos armários...ñ sei cm é possivel akilo ter acontecido ms a vdd é q m axustou e mt  lol


Por acaso é uma experiência pela qual gostaria de passar, mas sei que depois me assustaria a valer. :P
ñ perdes nd em xperimentar  ;) geralmente qd sais do sitio onde akilo s estava a paxar em principio ñ acontece nd...ms exe rapaz dixe-m q o mm pd acontecer na minha casa (as portas e os armarios a bater)  :o fikei 1pouco axustada nos primeiros dias em q fikei em casa sozinha ms nc aconteceu nd  ::) :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: absolut_ em 20.set.2005, 01:04:16
Eu já fiz o jogo do copo, na altura andava no meu 9º ano. Pode ser k seja mera coincidencia, mas na verdade todas nós ficamos a pensar.. sei k foi uma sexta-feira e começamos a fzr o jogo por volta das 10h. Lá td xeio de velas, a base com letras numeros etc.. e o copo. Inicialmente nada acontecia, ms depois começou a acontecer pekenas coisitas.
Eramos 3 raparigas, por vezes a campainha tocava e tocava 3 vezes, assim k atendiamos, ñ havia ninguem.
No dia seguinte (sábado) dormi até ate tarde, quando acordei fui ter com a minha mãe, e ela perguntou-m s eu tinha combinado alguma coisa com alguem, eu disse k ñ. Depois perguntou se tinha a certeza, porque por volta das 10h/10:30h da manhã, mandaram tres tokes para o telefone de casa. Estranhamente na segunda-feira seguinte perguntei às tais raparigas com km fiz o jogo se nenhuma tinha estranhado nd no sabado. Uma delas respondeu k recebeu três tokes para o numero de casa, e a outra disse recebeu tres tokes de um numero privado para o telemovel, até mostrou o registo(ela ñ tinha telefone em casa). E todas nós tinham-mos recebido durante na mesma altura.
Falta dizer k nenhuma tinha o meu numero de casa, visto k eu to sempre com o telemovel, é muito raro dar o numero de casa a alguem. :wor
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: lagarto em 26.dez.2005, 02:14:33
hopper: nao digas isso a ele agora coitado acabou com o namorado so por causa de um sonho que teve eh eh lixado!

"agora" ? ? ? lool, a data em que eu disse "isso" ja tem uns meses...

se acabou com o namorado lamento... :-\

eu so disse que nao é nada do outro mundo sonhar com algo que depois acontece realmente  :inq
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: sarinha em 26.dez.2005, 18:48:59
Tenho muitos dejá vus, e muito frequentemente.

Que coisa, fico mesmo irritada quando isso me acontece. E não são só os lugares que me parecem iguais, mas também o que as pessoas dizem e fazem.  :-[
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: ur_brokenDoll em 26.dez.2005, 18:55:58
Uma vez fui para uma colónia de férias e ia jurar que conhecia as caras de todas aquelas pessoas lol lol só não me lembrava de onde!! Tirando isso não me lembro assim de mais nada, e ainda bem porque só de ler algumas coisas aqui no fórum fico morta de medo :blush :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Ingenuo em 26.dez.2005, 19:45:50
Tenho muitos dejá vus, e muito frequentemente.

Que coisa, fico mesmo irritada quando isso me acontece. E não são só os lugares que me parecem iguais, mas também o que as pessoas dizem e fazem.  :-[


Eu tb tou constantemente a ter essa sensação... às vezes parece que tou a ter um replay da minha vida. Só ainda ñ consegui perceber pk me acontece... é uma sensação tão estranha ter a impressão que ja se viveu uma cena kker anteriormente, ou que ja se ouviu akela conversa... e mmo mto estranho... embora isso ñ me cause transtorno de maior....
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: new_life em 26.dez.2005, 21:38:44
é estranho lidar com dejá vus, mas acontece-me muitas vezes, e o mais estupido é k na altura penso: "ja m acnteceu isto" e eu tento mudar as minhas atitudes k sei k vou ter a seguir, e nao consigo. destino? sao coisas totalment ridiculas, por mt k eu nao keira dizer uma coisa, eu digo-a, sai-me da boca para fora sem eu knseguir controlar. é tao estranho..
se calhar tenho personalidad fraca e nao cnsigo mudar nada , pkausa disso. mas é tao estupido!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Lamb em 26.dez.2005, 21:49:58
um dejá vu é apenas uma "visao" k s liga + depressa ao cerebro e nos dá a sensaçao d termos feito akilo à algum tempo. opahh.. é confuso d explicar.. lol ás x sou msmo céptica... aix...
uma experiencia fora do normal.. bem.. é frekuent eu ter dejá vus mas experiencias fora do normal.. sei lá... hmm.. já sei.. quando era + pekena ia pra casa d uma tia (uma casa bastant arrepiant, mas eu adorava :) ) e havia um corredor com um vaso e um quadro ao fundo.. d dia era normal mas d noite eu detestava passar nakele corredor k dava po wc.. entao uma noit tava eu na caminha quando ouço um barulho lá fora (do quarto) eu encolhi.m toda e fikei em silencio... entao parecia k estavam a deixar cair batatas no xao.. msmo isso.. akele barulho d cenas a cairem tipo batatas. eu senti.a o meu coraçao a bater.. mas tomei coragem e levantei.m.. pé ant pé fui até à porta do quarto k dava pró corredor.. verifikei s havia algum barulho e como nao ouvi + nd avancei pó correcor.. aix.. akilo metia mesmo medo á noit.. continuando.. fui e entao evitei olhar prá part do quadro looll mas a verdd é k olhei.. e vi durant um segundo uma forma d uma velhinha com um saco d batatas ahhhhh eu pensei em fugir e nunca + voltar mas em x disso fui.m enfiar debaixo dos cobertores loollll lol lol é claro k foi tudo produto da minha imaginaçao nakele momento da velhinha.. (axo eu) mas foi tao real uiiiii :-\ :-X
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: aan em 26.jul.2007, 17:24:24
Experiência "pouco" normal é às 17.23h de uma quinta feira de Julho não encontrar aqui nem um participante que esteja ONLINE !
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: plan b em 26.jul.2007, 17:32:06
Tentar falar português com o Ragof.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: KreaTor em 05.ago.2007, 00:13:38
hum ... nao queiram entao ke aconteça o ke me aconteceu lol

eu costumo escrever sempre ... tipo ... contos poesia ... etc

e um dia comecei a escrever ... e tipo ... kd escrevo e por instinto ... entao saiu umas cenas sobre a minha bisavo (com quem eu me dava super bem) e a dizer que quando ela partisse um dia iria ter mtas saudades e assim (isto dia 23 de setembro)... no dia 24 de setembro fui ver a minha avo e ela disse "so gostava que este natal a familia se reunisse e tu sabes qual era a unica forma de isso acontecer" ... e eu fikei a nora ...

o problema foi quando nesse dia mais tarde ela faleceu e o resultado final foi a familia toda junta no natal ... :-\ se bem ke no funeral dela...

outra cena ... sao os deja vu's ... pah .. tenho milhoes e deixam-me sempre, mas sempre inkiento =(

Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: SapientiaeOpium em 05.ago.2007, 16:35:45
Perdoa-me, whangelster, talvez não te tenha percebido. Que é que isso tem de especial?
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: KreaTor em 05.ago.2007, 16:38:11
Perdoa-me, whangelster, talvez não te tenha percebido. Que é que isso tem de especial?

er preveres a morte de um familiar nao te e assustador?  :-\ pelo menos para mim foi ...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Rogue em 07.ago.2007, 16:48:08
Perdoa-me, whangelster, talvez não te tenha percebido. Que é que isso tem de especial?

er preveres a morte de um familiar nao te e assustador?  :-\ pelo menos para mim foi ...

è normal as pessoas sentirem a morte...a tua bisavo sentiu-a... é comum
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: KreaTor em 07.ago.2007, 20:19:31
pronto ... eu assustei-me xD
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 07.ago.2007, 21:21:14
E é natural que o teu instinto (como lhe chamaste - eu prefiro subconsciente ou inconsciente :)) também o sinta dada a vossa aparente proximidade.

Acontece assustares-te por não estares se calhar familiarizado com essas sensações, mas, pelo que já sei, vai-te habituando porque fazem parte de nós e revelam-se quando menos esperamos.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: KreaTor em 07.ago.2007, 22:04:36
E é natural que o teu instinto (como lhe chamaste - eu prefiro subconsciente ou inconsciente :)) também o sinta dada a vossa aparente proximidade.

Acontece assustares-te por não estares se calhar familiarizado com essas sensações, mas, pelo que já sei, vai-te habituando porque fazem parte de nós e revelam-se quando menos esperamos.

tks ... foi bom ouvir o conselho e as palavras de apoio =)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: xaZinhA em 08.ago.2007, 00:24:34
ja' jogei ao jogo do copo N vezes... e das N vezes o copo nao se mexeu :S

ja' fiz simpatias... mas axu k num tenhu vocaçao pa isso... nao acontexeu nada...

mas ja' me leram a mao... e acertaram em tudu!!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 08.ago.2007, 08:23:14
xaZinhA, talvez devesses tirar daí uma lição: há coisas às quais não somos chamados e há jogos que não são propriamente um jogo, exigindo bem mais do vontade e diversão. Perdoa,me mas considero isso de um desrespeito isecrável!

>:( :-\ >:(
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 08.ago.2007, 11:58:07
xaZinhA, talvez devesses tirar daí uma lição: há coisas às quais não somos chamados e há jogos que não são propriamente um jogo, exigindo bem mais do vontade e diversão. Perdoa,me mas considero isso de um desrespeito isecrável!

>:( :-\ >:(

Eu gostava de experimentar o jogo do copo. Mais que não seja para concretizar aquilo em que eu não acredito :)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Rogue em 08.ago.2007, 16:48:25
O jogo do copo esta demasiado banalizado, não ha melhor que chamar mortos...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 08.ago.2007, 16:51:28
O jogo do copo esta demasiado banalizado, não ha melhor que chamar mortos...

lol Yupi!!! :)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 17:08:25
Pode estar banalizado mas a essência do jogo (que não é jogo nenhum...) nunca se banalizará (pelo menos no para lá da mente humana). É, no mínimo, de respeitar!

xaZinhA, talvez devesses tirar daí uma lição: há coisas às quais não somos chamados e há jogos que não são propriamente um jogo, exigindo bem mais do vontade e diversão. Perdoa,me mas considero isso de um desrespeito isecrável!

>:( :-\ >:(

Eu gostava de experimentar o jogo do copo. Mais que não seja para concretizar aquilo em que eu não acredito :)

Eu gostava que as pessoas soubessem averiguar meios antes de sobrepor fins... Mais que não seja para não se magoarem nem magoarem o que possa disso sair afectado (objectivo, parceiro, receptor e próprio inconsciente).

Seria engraçado procurarem mais sobre espiritismo (de jeito) antes de se alongarem nesses comentários (e já agora perceber que há 'jogos' bem mais interessantes como o monopólio e 'realidades' bem mais sérias como a necromância - sem a qual não se chega à essência desse tão banal joguinho popular).
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 18:28:09
Pode estar banalizado mas a essência do jogo (que não é jogo nenhum...) nunca se banalizará (pelo menos no para lá da mente humana). É, no mínimo, de respeitar!

xaZinhA, talvez devesses tirar daí uma lição: há coisas às quais não somos chamados e há jogos que não são propriamente um jogo, exigindo bem mais do vontade e diversão. Perdoa,me mas considero isso de um desrespeito isecrável!

>:( :-\ >:(

Eu gostava de experimentar o jogo do copo. Mais que não seja para concretizar aquilo em que eu não acredito :)

Eu gostava que as pessoas soubessem averiguar meios antes de sobrepor fins... Mais que não seja para não se magoarem nem magoarem o que possa disso sair afectado (objectivo, parceiro, receptor e próprio inconsciente).

Seria engraçado procurarem mais sobre espiritismo (de jeito) antes de se alongarem nesses comentários (e já agora perceber que há 'jogos' bem mais interessantes como o monopólio e 'realidades' bem mais sérias como a necromância - sem a qual não se chega à essência desse tão banal joguinho popular).

Eu não acredito na seriedade que tu aplicas ao jogo do copo, daí não concordar que lhe deva reservar mais ou menos respeito (desde que não desrespeite as outras pessoas, que isso não faço). Simplesmente nunca fiz e mantenho a minha opinião, gostava de fazer. Eu não acredito que haja transcendências desse tipo, se houver, é uma lição que eu levo se algo correr mal.

Eu também não acredito que vou ter um acidente de carro, e ele pode vir a acontecer. São coisas...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 18:43:22
(desde que não desrespeite as outras pessoas, que isso não faço)

Meu caro hottie, que mal a mim viesse se te exigisse acreditar fosse no que fosse. Mas, para que percebas, pego nas palavras que cito vindas de ti e tão somente digo: Se queres fazer jus a esse digno respeito ao próximo ('as outras pessoas' - vísiveis, credíveis, humanas ou não), mais do que não respeitar por não lhe dar tanta seriedade e sequer crença, devias pôr pelo menos a hipótese de, mesmo não acreditando, poder existir algo para lá do que sabes ou acreditas. Talvez o jogo tenha um propósito que nada te diz, mas tem-no. Portanto parece-me de ter isso em consideração. Mais, quando dizes:

Responder
Eu não acredito que haja transcendências desse tipo, se houver, é uma lição que eu levo se algo correr mal.

Aplicando-o, poderás desrespeitar algo ou alguém nessa verdura por desconhecer. E quando dizes:

Responder
Eu também não acredito que vou ter um acidente de carro, e ele pode vir a acontecer. São coisas...

Talvez te esqueças que há acasos e acasos.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 18:48:10
(desde que não desrespeite as outras pessoas, que isso não faço)

Meu caro hottie, que mal a mim viesse se te exigisse acreditar fosse no que fosse. Mas, para que percebas, pego nas palavras que cito vindas de ti e tão somente digo: Se queres fazer jus a esse digno respeito ao próximo ('as outras pessoas' - vísiveis, credíveis, humanas ou não), mais do que não respeitar por não lhe dar tanta seriedade e sequer crença, devias pôr pelo menos a hipótese de, mesmo não acreditando, poder existir algo para lá do que sabes ou acreditas. Talvez o jogo tenha um propósito que nada te diz, mas tem-no. Portanto parece-me de ter isso em consideração. Mais, quando dizes:

Responder
Eu não acredito que haja transcendências desse tipo, se houver, é uma lição que eu levo se algo correr mal.

Aplicando-o, poderás desrespeitar algo ou alguém nessa verdura por desconhecer. E quando dizes:

Responder
Eu também não acredito que vou ter um acidente de carro, e ele pode vir a acontecer. São coisas...

Talvez te esqueças que há acasos e acasos.

Só sabemos que desrespeitamos alguém/algo quando recebemos o seu feedback. Quando eu era jovem e a inocência me permitia insultar e desrespeitar quem eu quisesse, sem o saber, aprendia o que era o respeito daqueles ofendidos.
Talvez o vá fazer desta vez, por causa desta minha inocência/desconhecimento, e vá receber o feedback merecido. É assim que vou aprender.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 19:59:45
(desde que não desrespeite as outras pessoas, que isso não faço)

Meu caro hottie, que mal a mim viesse se te exigisse acreditar fosse no que fosse. Mas, para que percebas, pego nas palavras que cito vindas de ti e tão somente digo: Se queres fazer jus a esse digno respeito ao próximo ('as outras pessoas' - vísiveis, credíveis, humanas ou não), mais do que não respeitar por não lhe dar tanta seriedade e sequer crença, devias pôr pelo menos a hipótese de, mesmo não acreditando, poder existir algo para lá do que sabes ou acreditas. Talvez o jogo tenha um propósito que nada te diz, mas tem-no. Portanto parece-me de ter isso em consideração. Mais, quando dizes:

Responder
Eu não acredito que haja transcendências desse tipo, se houver, é uma lição que eu levo se algo correr mal.

Aplicando-o, poderás desrespeitar algo ou alguém nessa verdura por desconhecer. E quando dizes:

Responder
Eu também não acredito que vou ter um acidente de carro, e ele pode vir a acontecer. São coisas...

Talvez te esqueças que há acasos e acasos.

Só sabemos que desrespeitamos alguém/algo quando recebemos o seu feedback. Quando eu era jovem e a inocência me permitia insultar e desrespeitar quem eu quisesse, sem o saber, aprendia o que era o respeito daqueles ofendidos.
Talvez o vá fazer desta vez, por causa desta minha inocência/desconhecimento, e vá receber o feedback merecido. É assim que vou aprender.

Acho que seria bom para todos na sociedade, fosse face a este ou a outro assunto, prevenir-nos antes de desrespeitarmos algo por uma suposta inocência (nada inocente) ou por curiosidade pessoal.

Entretanto, saltando os limites morais e éticos do respeito e tudo mais, tu que não conheces isso pões em evidência algo que, juntamente com mil e uma pessoas (elevadas ao infinito), sofre dessa banalização comum e diabólica.

Gostava de ver se eu e mais cinco gajos quisessemos saber se sofrias caso te fosse espetada uma faca algures no corpo. Se eras imortal ao ponto de sobreviver ou mesmo nem sequer te ferir. Gostava de ver se irias achar piada (sobretudo se a facada se decomposesse em duas ou três nas mãos de cada um e, mais, evidentemente, não fosses masoquista nem tão pouco um filosofo da morte...). Sei que é um exemplo forte (e deixo a minha palavra em como não tenho nada contra ti, muito pelo contrário!). Tão somente assim talvez vos faça pensar duas vezes ou mais até se possível e preferivelmente, pois - podem até vocês não acreditar mas... - o respeito passa sobretudo por saber qual é o limite e abordá-lo muito bem antes de o concluir e posteriormente agir. Sobretudo com aquilo que não se conhece.

A isso chamo - perdoem-me - mais do que maldade, irresponsabilidade.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: centro_da_gravidad em 09.ago.2007, 20:27:56
Miau desculpa dizer mas acho que estás a valorizar demasiado algo de não muita importância!
O jogo que aqui se fala, não é um jogo que se chegue, se dê as mãos e pronto aconteça logo alguma coisa!
Muitas pessoas não acreditam e quando o vão fazer realmente não acontece nada, porque é necessário ter uma vertente esóterica mais desenvolvida..no entanto muitas pessoas simplesmente não tem conhecimento que possuem essa vertente e é somente numa tentativa em tom de brincadeira que descobrem que tem potencial que pode ser explorado! Porque uma pessoa inexperiente nunca irá conseguir grandes resultados num desse tipo de jogos, somente um sinal de que pode aprofundar aquela esfera pessoal!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 21:18:27
Talvez não seja eu quem dê demasiado valor. Talvez venha de vós o valor insuficiente...

Porque uma pessoa inexperiente nunca irá conseguir grandes resultados num desse tipo de jogos, somente um sinal de que pode aprofundar aquela esfera pessoal!

Fia-te, meu caro. Fia-te...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 21:29:28
Acho que seria bom para todos na sociedade, fosse face a este ou a outro assunto, prevenir-nos antes de desrespeitarmos algo por uma suposta inocência (nada inocente) ou por curiosidade pessoal.

Entretanto, saltando os limites morais e éticos do respeito e tudo mais, tu que não conheces isso pões em evidência algo que, juntamente com mil e uma pessoas (elevadas ao infinito), sofre dessa banalização comum e diabólica.

Gostava de ver se eu e mais cinco gajos quisessemos saber se sofrias caso te fosse espetada uma faca algures no corpo. Se eras imortal ao ponto de sobreviver ou mesmo nem sequer te ferir. Gostava de ver se irias achar piada (sobretudo se a facada se decomposesse em duas ou três nas mãos de cada um e, mais, evidentemente, não fosses masoquista nem tão pouco um filosofo da morte...). Sei que é um exemplo forte (e deixo a minha palavra em como não tenho nada contra ti, muito pelo contrário!). Tão somente assim talvez vos faça pensar duas vezes ou mais até se possível e preferivelmente, pois - podem até vocês não acreditar mas... - o respeito passa sobretudo por saber qual é o limite e abordá-lo muito bem antes de o concluir e posteriormente agir. Sobretudo com aquilo que não se conhece.

A isso chamo - perdoem-me - mais do que maldade, irresponsabilidade.

Percebo perfeitamente o teu ponto de vista, e até posso concordar num aspecto ao outro. Mas, ao contrário do exemplo que deste, eu não tenho a mínima crença que vá acontecer algo - nenhuma. Quando não se acredita que algo vá acontecer, só mudo de opinião quando o contrário me for provado.

Show me the abyss to know how deadly it is...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 21:47:50
Isso podia ser viável se falassemos da tua vida :)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 21:55:11
Isso podia ser viável se falassemos da tua vida :)

Não influencio ninguém a fazê-lo, apenas tento encontrar quem já o queira...
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 22:00:08
Quem já o queira?
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 22:01:36
Quem já o queira?

Antes de te explicar a resposta, o que queres dizer com "...só a minha vida..."?
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 22:19:27
Quem já o queira?

Antes de te explicar a resposta, o que queres dizer com "...só a minha vida..."?

Tendo em conta que o jogo do copo é sobretudo uma partilha de energia (energia essa aqui também sinónimo de vida) e um manifesto, seja em grupo ou não, de todo um suposto passado-presente-futuro na tua linhagem de vida com outros que te são próximos (sejam familiares ou não, vivos ou mortos, assim ou assado), tens muito mais em evidência que a curiosidade, que a crença, que a cultura ou a verdura e, mais importante, que tão somente o teu bem individual.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 22:23:02
Quem já o queira?

Antes de te explicar a resposta, o que queres dizer com "...só a minha vida..."?

Tendo em conta que o jogo do copo é sobretudo uma partilha de energia (energia essa aqui também sinónimo de vida) e um manifesto, seja em grupo ou não, de todo um suposto passado-presente-futuro na tua linhagem de vida com outros que te são próximos (sejam familiares ou não, vivos ou mortos, assim ou assado), tens muito mais em evidência que a curiosidade, que a crença, que a cultura ou a verdura e, mais importante, que tão somente o teu bem individual.

Pois, podia tomar isso como leitmotiv para abandonar a ideia, mas precisaria de acreditar nos leitmotiv, o que não é o caso.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 22:39:35
Quem já o queira?

Antes de te explicar a resposta, o que queres dizer com "...só a minha vida..."?

Tendo em conta que o jogo do copo é sobretudo uma partilha de energia (energia essa aqui também sinónimo de vida) e um manifesto, seja em grupo ou não, de todo um suposto passado-presente-futuro na tua linhagem de vida com outros que te são próximos (sejam familiares ou não, vivos ou mortos, assim ou assado), tens muito mais em evidência que a curiosidade, que a crença, que a cultura ou a verdura e, mais importante, que tão somente o teu bem individual.

Pois, podia tomar isso como leitmotiv para abandonar a ideia, mas precisaria de acreditar nos leitmotiv, o que não é o caso.

Voltamos ao mesmo, mais do que acreditar está respeitar e isso ver-se-á na tua atitude que pode ter consequências várias mas que certamente a maioria não as verás. E aí entramos numa realidade sobre a qual não vamos falar certamente aqui. Aconselho-te apenas a informares-te devidamente e no sítio certo caso um dia queiras rir um bocadinho com esse jogo de peões verdadeiros e respostas silenciosas. Só tenho pena que de facto a maioria seja assim.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: hottie em 09.ago.2007, 22:41:27
Quem já o queira?

Antes de te explicar a resposta, o que queres dizer com "...só a minha vida..."?

Tendo em conta que o jogo do copo é sobretudo uma partilha de energia (energia essa aqui também sinónimo de vida) e um manifesto, seja em grupo ou não, de todo um suposto passado-presente-futuro na tua linhagem de vida com outros que te são próximos (sejam familiares ou não, vivos ou mortos, assim ou assado), tens muito mais em evidência que a curiosidade, que a crença, que a cultura ou a verdura e, mais importante, que tão somente o teu bem individual.

Pois, podia tomar isso como leitmotiv para abandonar a ideia, mas precisaria de acreditar nos leitmotiv, o que não é o caso.

Voltamos ao mesmo, mais do que acreditar está respeitar e isso ver-se-á na tua atitude que pode ter consequências várias mas que certamente a meioria não as verás. E aí entramos numa realidade sobre a qual não vamos falar certamente aqui. Aconselho-te apenas a informares-te devidamente e no sítio certo caso um dia queiras rir um bocadinho com esse jogo de peões verdadeiros e respostas silenciosas. Só tenho pena que de facto a maioria seja assim.

Sou maluco, que se há-de fazer? lol
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 09.ago.2007, 22:44:23
Quem já o queira?

Antes de te explicar a resposta, o que queres dizer com "...só a minha vida..."?

Tendo em conta que o jogo do copo é sobretudo uma partilha de energia (energia essa aqui também sinónimo de vida) e um manifesto, seja em grupo ou não, de todo um suposto passado-presente-futuro na tua linhagem de vida com outros que te são próximos (sejam familiares ou não, vivos ou mortos, assim ou assado), tens muito mais em evidência que a curiosidade, que a crença, que a cultura ou a verdura e, mais importante, que tão somente o teu bem individual.

Pois, podia tomar isso como leitmotiv para abandonar a ideia, mas precisaria de acreditar nos leitmotiv, o que não é o caso.

Voltamos ao mesmo, mais do que acreditar está respeitar e isso ver-se-á na tua atitude que pode ter consequências várias mas que certamente a meioria não as verás. E aí entramos numa realidade sobre a qual não vamos falar certamente aqui. Aconselho-te apenas a informares-te devidamente e no sítio certo caso um dia queiras rir um bocadinho com esse jogo de peões verdadeiros e respostas silenciosas. Só tenho pena que de facto a maioria seja assim.

Sou maluco, que se há-de fazer? lol

Isso não é ser maluco.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Azula em 09.ago.2007, 23:06:19
Mas que partilha de energia?
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 10.ago.2007, 07:34:17
Tudo nesse meio espiritual é à base de energia metafísica. Se se acredita ou não e o modo como se o faz é que depende de cada um (Isto é quase como que falar dos deuses: uns crêem, outros negam, uns por um, outros por outro e outros ainda por outros. Mas então vai-se desrespeiitar o mundo de outro que nos é diferente ou mesmo desse(s) deus(es) só por não ser nesse(s) em que acreditamos?Same story here...)

Assim, tendo em consideração que é um jogo de força interna, abstracta, conhecida ou desconhecida e de restinhos de outras energias (vestígios de outros que nos fizeram em sociedade e no para lá dela - até mesmo no que antecede ao nascimento, segundo alguns -), essa partilha é como que um contacto entre o nosso todo e o todo receptor. Mais ainda quando esse todo receptor passa a todo emissor por, pelo menos por ser de matéria oposta e mais composta que a nossa, nos ser superior.

É tão somente quem somos no mais profundo de nós que vai guiar esse jogo. Mesmo que o contacto seja guiado pelo receptor tornando-o emissor, tão somente por sermos quem somos é que as coisas se irão redefinir (a bem, a mal ou a nada).

Energia pode ser vida, composto espiritual, psicológico, transcendência de cada um de nós e união de elementos, físicos, naturais e individuais (até globais).
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Azula em 10.ago.2007, 12:00:01
hehe, ok, vou ficar caladinha mas...eu conheço vários tipos de energia (eólica, calórica, mecânica) etcetc., desconhecia a energia metafísica  lol Isso devia ter outro nome qualquer porque energia não é de certeza  :-X
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 10.ago.2007, 12:02:47
Nunca ouviste os polémicos senhores astrais falar de energias? Lol
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: SapientiaeOpium em 10.ago.2007, 15:21:54
hehe, ok, vou ficar caladinha mas...eu conheço vários tipos de energia (eólica, calórica, mecânica) etcetc., desconhecia a energia metafísica  lol Isso devia ter outro nome qualquer porque energia não é de certeza  :-X

Essa é uma das grandes crises entre ciência e espiritismo.
Numa explicação curta, «energia», na forma em que o espiritismo a entende, é toda a substância abstracta (química, física ou outra) que um determinado corpo ou massa tem, tal e qual nos diz a ciência.
Todos os corpos comportam níveis diferentes de valores internos e externos e a única maneira de os estudar é aplicando sub-categorias científicas. Uma delas podendo ser o espiritismo.
Essa energia a que o Miau_Elfico se refere é a virtude: conjunto de factores não-definidos mas reais para os que a eles se dedicam, para os que neles se dão a acreditar.
Falar de energia neste contexto é referir tudo o que está para lá da matéria, o que supera o próprio estudo da ciência-base e o que ainda está para perceber. O que pode ser designado por muitos de transcendente ou por outros tantos de psicologia. No primeiro caso por não se conseguir chegar lá, no segundo por pertencer à realidade psicológica (espiritual) do indíviduo.
Há ainda quem considere isso fruto de chakras, que são pontos vitais de intercepção (energia combinada) que se prolongam pelos canais corporais (matéria).
Estes dois tipos de estudo, juntamente com a vertente filosófica, baseados naquilo que acreditam ser a natureza não são tão distantes assim pelo que exigem uma combinação tanto de origem como de meio como de fim. Esse busílis da aceitação está apenas preso aos horizontes de cada um.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Yumi em 13.nov.2007, 17:41:22
As minhas irmãs as mais velhas, já fizeram o jogo do copo para tentarem falar com a minha irmã que morreu e juraram para nunca mais pois dá muito vicio e é perigoso...eu por vezes desejo fazê-lo para falar com ela, mas porque ando a hesitar?
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Thumbnail em 14.nov.2007, 10:02:20
Provavelmente porque tens um medo cravado no inconsciente pelo que já ouviste disso falar, pelo que sabes da tua irmã e pelo que tens de verde ainda em ti.

Recomendação de amigo, não faças nada para o qual não estejas preparada, não te julgando superior ao que és. Para além disso não faças nada de que te possas vir a arrepender!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Yumi em 14.nov.2007, 12:56:58
Provavelmente porque tens um medo cravado no inconsciente pelo que já ouviste disso falar, pelo que sabes da tua irmã e pelo que tens de verde ainda em ti.

Recomendação de amigo, não faças nada para o qual não estejas preparada, não te julgando superior ao que és. Para além disso não faças nada de que te possas vir a arrepender!

Exactamente eu o desejo muito mas não vou o fazer por não me sentir preparada  :)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: FalsoDeus em 14.nov.2007, 12:59:25
tópico fofo :P

quando era pequeno tive vários déjà vús, ao ponto de me virar para o meu pai e lhe perguntar porque é que havia dias que se repetiam. Ainda os tenho, mas com menos frequência.

quanto a outro tipo de experiências, apenas algumas coisas, pequenas, que não quero descrever aqui
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Yumi em 14.nov.2007, 13:00:20
tópico fofo :P

quando era pequeno tive vários déjà vús, ao ponto de me virar para o meu pai e lhe perguntar porque é que havia dias que se repetiam. Ainda os tenho, mas com menos frequência.

quanto a outro tipo de experiências, apenas algumas coisas, pequenas, que não quero descrever aqui

Na boa  :-* eu em relação a espíritos e coisas assim tenho medo porque respeito muito   :-X por isso ainda não fiz o jogo do copo  :-\
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Mariazinha em 14.nov.2007, 13:46:37
Penso que nunca estive totalmente atenta, de modo a que me pudesse aperceber de algo anormal. Mas acredito que os espiritos andam constantemente entre nos, isso acredito.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Draco em 24.abr.2009, 15:08:35
Isto não tem muita piada, é veridico e já se passou algum tempo atrás...mas pronto, aqui vai:

Uma vez numa festa de aniversário... decidimos fazer o jogo do copo (numa de brincar e nada a sério...) Claro que começaram a surgir aquelas conversas de acontecimentos maus e estranhos que  tinham acontecido a algumas pessoas presentes ou a alguém conhecido...mais para assustar (penso eu...)

Mas pronto...então começamos a cortar os papéis com as letras e o resto...mas o ambiente estava a ficar assim mais para o tenso (as histórias reais ou não, estavam a fazer efeito embora ninguém quisesse dar parte fraca...)
...

Então decidiram ir buscar velas para fazer aquilo á luz das velas...fechamos a porta do quarto e a janela e apagamos as luzes e ficamos á luz de três velas...

Então colocamos o indicador no copo e um colega diz:

"Então e agora?"

Nesse mesmo instante sentiu-se uma corrente de ar forte e as três velas apagaram-se e toda a gente tirou os dedos do copo e ficou passada e o mesmo colega diz:

"Car..o! O que é isto?"

E aí ouviu-se 3 pancadas fortes no vidro da janela e um quadro do corredor caiu no chão. Então eu fui depressa acender a luz do quarto, porque estavamos mesmo já a tremer e disse:

"Quem está ai?", e nessa altura as luzes fundiram-se tipo curto circuito. Já estavamos "borrados de medo" então nessa altura nem se fala. Uma colega disse para sairmos dali de casa, pega no copo vai á janela, abre-a e atira-o de lá abaixo, e nós só fomos buscar os casacos e saimos...

Nessa casa moravam duas raparigas, uma era a que fazia anos, e ambas sairam também com o resto. Já tinhamos saido e iamos na rua a olhar e a falar da experiência (ou falta dela) e o mais estranho é que da janela do quarto (onde se ia fazer o jogo) dava para ver que a luz (que fundiu) estava acesa...

Como o pessoal estava mal fomos dormir todos juntos na sala da casa de um de nós (lool) mas passou-se a noite toda a ouvir "um copo a rebolar pela rua"...

Na manhã seguinte acordamos todos com três riscos na testa (como se fossem arranhadelas de gato) e mais tarde fomos (todos outra vez) levar as colegas a casa e ver o que se passava á luz do dia (lool).

Então entramos na casa e vimos o quadro no chão do corredor intacto...entramos no quarto e a luz não funcionava e para espanto e medo de todos...o copo estava lá no chão com as letras á volta, tal e qual como se ninguém lhe tivesse mexido!

Ainda hoje ninguém sabe o que se passou nem como se passou, o que sabemos é que ninguém consumiu/ia/e drogas nem nada alucinogénico...aquilo foi bem real e assustador. Mas por causa disso as minhas colegas acharam boa ideia mudar de casa.

Não sei se fizemos bem ou não mas depois deitamos o quadro fora e queimamos os papéis...e o copo decidimos parti-lo todos juntos com um martelo (parece estúpido mas ás vezes nunca se sabe...).

Desde ai não se passou mais nada de estranho com ninguém, mas o nosso respeito (que fraquejou por estarmos num ambiente de festa) aumentou e muito. Não se brinca com coisas sérias, mesmo!


Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Marius S. N. em 24.abr.2009, 19:16:02
Isto não tem muita piada, é veridico e já se passou algum tempo atrás...mas pronto, aqui vai:

Uma vez numa festa de aniversário... decidimos fazer o jogo do copo (numa de brincar e nada a sério...) Claro que começaram a surgir aquelas conversas de acontecimentos maus e estranhos que  tinham acontecido a algumas pessoas presentes ou a alguém conhecido...mais para assustar (penso eu...)

Mas pronto...então começamos a cortar os papéis com as letras e o resto...mas o ambiente estava a ficar assim mais para o tenso (as histórias reais ou não, estavam a fazer efeito embora ninguém quisesse dar parte fraca...)
...

Então decidiram ir buscar velas para fazer aquilo á luz das velas...fechamos a porta do quarto e a janela e apagamos as luzes e ficamos á luz de três velas...

Então colocamos o indicador no copo e um colega diz:

"Então e agora?"

Nesse mesmo instante sentiu-se uma corrente de ar forte e as três velas apagaram-se e toda a gente tirou os dedos do copo e ficou passada e o mesmo colega diz:

"Car..o! O que é isto?"

E aí ouviu-se 3 pancadas fortes no vidro da janela e um quadro do corredor caiu no chão. Então eu fui depressa acender a luz do quarto, porque estavamos mesmo já a tremer e disse:

"Quem está ai?", e nessa altura as luzes fundiram-se tipo curto circuito. Já estavamos "borrados de medo" então nessa altura nem se fala. Uma colega disse para sairmos dali de casa, pega no copo vai á janela, abre-a e atira-o de lá abaixo, e nós só fomos buscar os casacos e saimos...

Nessa casa moravam duas raparigas, uma era a que fazia anos, e ambas sairam também com o resto. Já tinhamos saido e iamos na rua a olhar e a falar da experiência (ou falta dela) e o mais estranho é que da janela do quarto (onde se ia fazer o jogo) dava para ver que a luz (que fundiu) estava acesa...

Como o pessoal estava mal fomos dormir todos juntos na sala da casa de um de nós (lool) mas passou-se a noite toda a ouvir "um copo a rebolar pela rua"...

Na manhã seguinte acordamos todos com três riscos na testa (como se fossem arranhadelas de gato) e mais tarde fomos (todos outra vez) levar as colegas a casa e ver o que se passava á luz do dia (lool).

Então entramos na casa e vimos o quadro no chão do corredor intacto...entramos no quarto e a luz não funcionava e para espanto e medo de todos...o copo estava lá no chão com as letras á volta, tal e qual como se ninguém lhe tivesse mexido!

Ainda hoje ninguém sabe o que se passou nem como se passou, o que sabemos é que ninguém consumiu/ia/e drogas nem nada alucinogénico...aquilo foi bem real e assustador. Mas por causa disso as minhas colegas acharam boa ideia mudar de casa.

Não sei se fizemos bem ou não mas depois deitamos o quadro fora e queimamos os papéis...e o copo decidimos parti-lo todos juntos com um martelo (parece estúpido mas ás vezes nunca se sabe...).

Desde ai não se passou mais nada de estranho com ninguém, mas o nosso respeito (que fraquejou por estarmos num ambiente de festa) aumentou e muito. Não se brinca com coisas sérias, mesmo!




Confesso que senti algum sentido de vingança ou justiça ao ler o post, sem ofensa. Mas acima de tudo: "Não se brinca com coisas sérias, mesmo!"  ;)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Draco em 24.abr.2009, 19:20:43
«Confesso que senti algum sentido de vingança ou justiça ao ler o post, sem ofensa. Mas acima de tudo: "Não se brinca com coisas sérias, mesmo!" »

Não percebi.
Apenas relatei um pouco dos acontecimentos daquela noite, da qual sou testemunha activa.

Não sou vingativo nem vejo como um relato destes poderia ter um efeito de justiça ou de vingança...principalmente quando se trata de "coisas" que vão muito além da minha humilde compreensão.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Marius S. N. em 24.abr.2009, 19:24:07
Não consigo fazer um desenho, mas da maneira que eu vejo isto, aquilo que tu escreveste fez todo o sentido. Quase parecia um filme que eu já revi imensas vezes...O sentido de vingança e justiça, é por parte dos espíritos (se é que foi algum) que vocês incomodaram com a brincadeira, não da tua nem da minha.  :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Draco em 24.abr.2009, 19:27:02
Não consigo fazer um desenho, mas da maneira que eu vejo isto, aquilo que tu escreveste fez todo o sentido. Quase parecia um filme que eu já revi imensas vezes...O sentido de vingança e justiça, é por parte dos espíritos (se é que foi algum) que vocês incomodaram com a brincadeira, não da tua nem da minha.  :P

Pois isso não sei, nem sei se foi algum espirito ou outra coisa qualquer até porque só tocamos no copo e pouco mais fizemos até as coisas começarem a acontecer...foi mesmo estranho e assustador de vivenciar.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: doorbell em 26.abr.2009, 19:29:08
Isto não tem muita piada, é veridico e já se passou algum tempo atrás...mas pronto, aqui vai:

Uma vez numa festa de aniversário... decidimos fazer o jogo do copo (numa de brincar e nada a sério...) Claro que começaram a surgir aquelas conversas de acontecimentos maus e estranhos que  tinham acontecido a algumas pessoas presentes ou a alguém conhecido...mais para assustar (penso eu...)

Mas pronto...então começamos a cortar os papéis com as letras e o resto...mas o ambiente estava a ficar assim mais para o tenso (as histórias reais ou não, estavam a fazer efeito embora ninguém quisesse dar parte fraca...)
...

Então decidiram ir buscar velas para fazer aquilo á luz das velas...fechamos a porta do quarto e a janela e apagamos as luzes e ficamos á luz de três velas...

Então colocamos o indicador no copo e um colega diz:

"Então e agora?"

Nesse mesmo instante sentiu-se uma corrente de ar forte e as três velas apagaram-se e toda a gente tirou os dedos do copo e ficou passada e o mesmo colega diz:

"Car..o! O que é isto?"

E aí ouviu-se 3 pancadas fortes no vidro da janela e um quadro do corredor caiu no chão. Então eu fui depressa acender a luz do quarto, porque estavamos mesmo já a tremer e disse:

"Quem está ai?", e nessa altura as luzes fundiram-se tipo curto circuito. Já estavamos "borrados de medo" então nessa altura nem se fala. Uma colega disse para sairmos dali de casa, pega no copo vai á janela, abre-a e atira-o de lá abaixo, e nós só fomos buscar os casacos e saimos...

Nessa casa moravam duas raparigas, uma era a que fazia anos, e ambas sairam também com o resto. Já tinhamos saido e iamos na rua a olhar e a falar da experiência (ou falta dela) e o mais estranho é que da janela do quarto (onde se ia fazer o jogo) dava para ver que a luz (que fundiu) estava acesa...

Como o pessoal estava mal fomos dormir todos juntos na sala da casa de um de nós (lool) mas passou-se a noite toda a ouvir "um copo a rebolar pela rua"...

Na manhã seguinte acordamos todos com três riscos na testa (como se fossem arranhadelas de gato) e mais tarde fomos (todos outra vez) levar as colegas a casa e ver o que se passava á luz do dia (lool).

Então entramos na casa e vimos o quadro no chão do corredor intacto...entramos no quarto e a luz não funcionava e para espanto e medo de todos...o copo estava lá no chão com as letras á volta, tal e qual como se ninguém lhe tivesse mexido!

Ainda hoje ninguém sabe o que se passou nem como se passou, o que sabemos é que ninguém consumiu/ia/e drogas nem nada alucinogénico...aquilo foi bem real e assustador. Mas por causa disso as minhas colegas acharam boa ideia mudar de casa.

Não sei se fizemos bem ou não mas depois deitamos o quadro fora e queimamos os papéis...e o copo decidimos parti-lo todos juntos com um martelo (parece estúpido mas ás vezes nunca se sabe...).

Desde ai não se passou mais nada de estranho com ninguém, mas o nosso respeito (que fraquejou por estarmos num ambiente de festa) aumentou e muito. Não se brinca com coisas sérias, mesmo!




bem, estas coisas sempre me deixaram na posição 'só quando acontecer comigo é que acredito' por isso não tenho como refutar o que contaste aqui. mas se passaste mesmo por isso  ;)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: void em 26.abr.2009, 20:10:48
Isto não tem muita piada, é veridico e já se passou algum tempo atrás...mas pronto, aqui vai:

Uma vez numa festa de aniversário... decidimos fazer o jogo do copo (numa de brincar e nada a sério...) Claro que começaram a surgir aquelas conversas de acontecimentos maus e estranhos que  tinham acontecido a algumas pessoas presentes ou a alguém conhecido...mais para assustar (penso eu...)

Mas pronto...então começamos a cortar os papéis com as letras e o resto...mas o ambiente estava a ficar assim mais para o tenso (as histórias reais ou não, estavam a fazer efeito embora ninguém quisesse dar parte fraca...)
...

Então decidiram ir buscar velas para fazer aquilo á luz das velas...fechamos a porta do quarto e a janela e apagamos as luzes e ficamos á luz de três velas...

Então colocamos o indicador no copo e um colega diz:

"Então e agora?"

Nesse mesmo instante sentiu-se uma corrente de ar forte e as três velas apagaram-se e toda a gente tirou os dedos do copo e ficou passada e o mesmo colega diz:

"Car..o! O que é isto?"

E aí ouviu-se 3 pancadas fortes no vidro da janela e um quadro do corredor caiu no chão. Então eu fui depressa acender a luz do quarto, porque estavamos mesmo já a tremer e disse:

"Quem está ai?", e nessa altura as luzes fundiram-se tipo curto circuito. Já estavamos "borrados de medo" então nessa altura nem se fala. Uma colega disse para sairmos dali de casa, pega no copo vai á janela, abre-a e atira-o de lá abaixo, e nós só fomos buscar os casacos e saimos...

Nessa casa moravam duas raparigas, uma era a que fazia anos, e ambas sairam também com o resto. Já tinhamos saido e iamos na rua a olhar e a falar da experiência (ou falta dela) e o mais estranho é que da janela do quarto (onde se ia fazer o jogo) dava para ver que a luz (que fundiu) estava acesa...

Como o pessoal estava mal fomos dormir todos juntos na sala da casa de um de nós (lool) mas passou-se a noite toda a ouvir "um copo a rebolar pela rua"...

Na manhã seguinte acordamos todos com três riscos na testa (como se fossem arranhadelas de gato) e mais tarde fomos (todos outra vez) levar as colegas a casa e ver o que se passava á luz do dia (lool).

Então entramos na casa e vimos o quadro no chão do corredor intacto...entramos no quarto e a luz não funcionava e para espanto e medo de todos...o copo estava lá no chão com as letras á volta, tal e qual como se ninguém lhe tivesse mexido!

Ainda hoje ninguém sabe o que se passou nem como se passou, o que sabemos é que ninguém consumiu/ia/e drogas nem nada alucinogénico...aquilo foi bem real e assustador. Mas por causa disso as minhas colegas acharam boa ideia mudar de casa.

Não sei se fizemos bem ou não mas depois deitamos o quadro fora e queimamos os papéis...e o copo decidimos parti-lo todos juntos com um martelo (parece estúpido mas ás vezes nunca se sabe...).

Desde ai não se passou mais nada de estranho com ninguém, mas o nosso respeito (que fraquejou por estarmos num ambiente de festa) aumentou e muito. Não se brinca com coisas sérias, mesmo!




é o que da brincar com espiritos...depois eles brincam convosco! mas nao te preocupes. a unica coisa que os espiritos podem fazer aos humanos de carne e osso é criar ilusoes. depois é natural que o medo exalte um pouco as coisas.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Draco em 26.abr.2009, 21:48:35
Sim, aquilo aconteceu mesmo, lettes.

Nós não brincamos com ninguém, apenas estavamos a contar histórias (muitas reais outras nem por isso).
Mas pronto, já passou e serviu de lição, espero que a nossa experiência também sirva de lição para terceiros...

(E isso dos espiritos só poderem criar ilusões não me parece que seja bem assim, mas respeito a tua opinião, loup ;))
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: doorbell em 27.abr.2009, 11:10:22
Sim, aquilo aconteceu mesmo, lettes.

Nós não brincamos com ninguém, apenas estavamos a contar histórias (muitas reais outras nem por isso).
Mas pronto, já passou e serviu de lição, espero que a nossa experiência também sirva de lição para terceiros...

(E isso dos espiritos só poderem criar ilusões não me parece que seja bem assim, mas respeito a tua opinião, loup ;))

se uma pessoa se deixa levar pelo medo entra em 'paranóia', digo eu. :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Danielmatos em 27.abr.2009, 12:56:59
é o que da brincar com espiritos...depois eles brincam convosco! mas nao te preocupes. a unica coisa que os espiritos podem fazer aos humanos de carne e osso é criar ilusoes. depois é natural que o medo exalte um pouco as coisas.

Umas miúdas do meu antigo Liceu fizeram uma sessão espírita numa das casas de banho da escola e uma delas entrou em coma quando tirou o dedo do copo sem autorização, supostamente, da força que o movia. O espelho também ganhou uma mancha que nunca mais saiu.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Draco em 27.abr.2009, 13:24:30
Sim, aquilo aconteceu mesmo, lettes.

Nós não brincamos com ninguém, apenas estavamos a contar histórias (muitas reais outras nem por isso).
Mas pronto, já passou e serviu de lição, espero que a nossa experiência também sirva de lição para terceiros...

(E isso dos espiritos só poderem criar ilusões não me parece que seja bem assim, mas respeito a tua opinião, loup ;))

se uma pessoa se deixa levar pelo medo entra em 'paranóia', digo eu. :P
´
Seria, no mínimo, um pouco estranho 6 pessoas ficarem "paranóicas" ao mesmo tempo e ouvirem, sentirem... todos a mesma coisa...

E se fossem ilusões, a luz decerteza que ainda funcionaria, o quadro estaria na parede entre outras coisas...para não falar das arranhadelas (se calhar foi também uma ilusão óptica que afectou toda a gente, incluíndo pessoas que não participaram no jogo que devem ter ficado paranóicas e viram arranhadelas nas nossas testas onde elas não existiam...)

Espero que  nunca passes por nada semelhante, porque não fazes a mínima ideia da frustração, e "raiva" até, das pessoas que "gozam" com a situação e chamam de "paranóicos", porque se há coisa que nenhum de nós é, é sermos paranóicos.

É triste sentir apenas uma pequena (quase nada) porção do que as pessoas que têm "sentidos extra" "sofrem" por ouvirem palavras oriundas de mentes fechadas com as suas críticas, entre outras coisas..., agora percebo porque existe tanta gente calada...

Eu não faço parte de nenhum dos tipos de pessoa anteriores mas respeito ambas as partes, desde que também seja respeitado. E  esse tipo de "indirectas" é dispensável, lettes.

Se a "paranóia" era no outo sentido, aqui vai a resposta para essa parte:

O medo é relativo, e cada um tem a sua própria definição de medo.
Mas posso dizer que não entrei em paranóia, até porque os acontecimentos já se deram á algum tempo atrás e não aconteceu mais nada de estranho.

Também posso dizer que deve ser muito mais fácil entrar em "paranóia" com os de "carne e osso" do que com os que não são... :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: doorbell em 27.abr.2009, 13:33:54
Sim, aquilo aconteceu mesmo, lettes.

Nós não brincamos com ninguém, apenas estavamos a contar histórias (muitas reais outras nem por isso).
Mas pronto, já passou e serviu de lição, espero que a nossa experiência também sirva de lição para terceiros...

(E isso dos espiritos só poderem criar ilusões não me parece que seja bem assim, mas respeito a tua opinião, loup ;))

se uma pessoa se deixa levar pelo medo entra em 'paranóia', digo eu. :P
´
Seria, no mínimo, um pouco estranho 6 pessoas ficarem "paranóicas" ao mesmo tempo e ouvirem, sentirem... todos a mesma coisa...

E se fossem ilusões, a luz decerteza que ainda funcionaria, o quadro estaria na parede entre outras coisas...para não falar das arranhadelas (se calhar foi também uma ilusão óptica que afectou toda a gente, incluíndo pessoas que não participaram no jogo que devem ter ficado paranóicas e viram arranhadelas nas nossas testas onde elas não existiam...)

Espero que  nunca passes por nada semelhante, porque não fazes a mínima ideia da frustração, e "raiva" até, das pessoas que "gozam" com a situação e chamam de "paranóicos", porque se há coisa que nenhum de nós é, é sermos paranóicos.

É triste sentir apenas uma pequena (quase nada) porção do que as pessoas que têm "sentidos extra" "sofrem" por ouvirem palavras oriundas de mentes fechadas com as suas críticas, entre outras coisas..., agora percebo porque existe tanta gente calada...

Eu não faço parte de nenhum dos tipos de pessoa anteriores mas respeito ambas as partes, desde que também seja respeitado. E  esse tipo de "indirectas" é dispensável, lettes.

Se a "paranóia" era no outo sentido, aqui vai a resposta para essa parte:

O medo é relativo, e cada um tem a sua própria definição de medo.
Mas posso dizer que não entrei em paranóia, até porque os acontecimentos já se deram á algum tempo atrás e não aconteceu mais nada de estranho.

Também posso dizer que deve ser muito mais fácil entrar em "paranóia" com os de "carne e osso" do que com os que não são... :P

Draco, acho que não percebeste bem o que qus dizer ou então eu não me expliquei bem. Ao dizer paranóicos não quis ofender nem a ti, nem ás pessoas que te acompanharam nessa experiência nem a outros que já passaram por experiências semelhantes.
eu quis referir-me a ficar num estado de despressão por ter sentido tal coisa, e ter passado por tal experiência.
respeito totalmente a tua opinião e não tenho como dizer que 'não' ao que passaste se tu o relatas, até porque sobre questões para além 'de carne e osso' prefiro não dar a minha total opinião, e acredita que a minha mente não é fechada. e ao dizer que não quero dar a minha total opinião é porque até tenho um certo respeito por este tema, e até te digo mais, também não falo porque não quero ouvir opiniões menos prosperas.
se não me expliquei bem e te ofendi peço desculpa, mas não era a minha intenção.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Draco em 27.abr.2009, 13:46:39
Ok, eu respeito e não tinha percebido a tua resposta (a anterior), por isso fiquei na dúvida e escrevi "duas respostas"...e aproveitei e  "usei-te" (a ao teu nick) para lançar uma resposta mais generalizada para terceiros...

(Não precisas pedir desculpa, mesmo que tivesses a "mente fechada", o respeito é mútuo, embora as minhas respostas possam parecer/serem "agressivas"...)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: doorbell em 27.abr.2009, 13:50:06
Ok, eu respeito e não tinha percebido a tua resposta (a anterior), por isso fiquei na dúvida e escrevi "duas respostas"...e aproveitei e  "usei-te" (a ao teu nick) para lançar uma resposta mais generalizada para terceiros...

(Não precisas pedir desculpa, mesmo que tivesses a "mente fechada", o respeito é mútuo, embora as minhas respostas possam parecer/serem "agressivas"...)

 ;)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Sway em 27.abr.2009, 17:15:59
A minha namorada, que é médica explicou-me esta cena do déjà vu...
Quase todos vivemos isso, algums mais que os outros, este fenòmeno explica-se axim :
o nosso cérebro, orgao muito complicado por vêzes pàra de funcionar durante um décimo de segundo, nem isso, enquanto o nossos olhos eles continuam de ver o que estamos a viver...Logo que o nosso cérebro volta a ligar-se ao aos olhos dà nos essa sençasao de jà ter vivido isto alguma vêz porke vimos antes de analizar neurologicamente...
Espero ter sido clara, explicar em tuga para mim é um poukito complucado :D
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: zigo em 27.mai.2009, 17:09:58
Sway, com todo o respeito, os médicos cada vez mais me desiludem...têm a mania que tudo sabem, mas se eles realmente soubessem, saberiam que nada sabem...
Claro que o déjà vu tem outra explicação muito mais profunda que essa e que não se prende com aspectos físicos, e se tem algum aspecto físico será apenas uma consequência de algo maior!! Duhhh pa comunidade científica!!
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Di HF em 12.abr.2014, 03:50:21
Primeiro de tudo, não sei como explicar isto por palavras...
Não me quero prolongar e agradecia imenso que alguém me respondesse, ou no mínimo que me acalmasse.

Por vezes, de longe a longe, sonho com uma pessoa que já morreu e que eu nunca conheci. Conheço quem a tivesse conhecido. Para começar, eu não sabia nome, nem a imagem que essa pessoa tinha. No sonho, tudo foi correto e a pessoa deu-me imensas informações a que eu nunca tive acesso e nunca tinha pensado nisso.

O que acham que se passa comigo?
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: V24 em 27.abr.2014, 13:21:13
Primeiro de tudo, não sei como explicar isto por palavras...
Não me quero prolongar e agradecia imenso que alguém me respondesse, ou no mínimo que me acalmasse.

Por vezes, de longe a longe, sonho com uma pessoa que já morreu e que eu nunca conheci. Conheço quem a tivesse conhecido. Para começar, eu não sabia nome, nem a imagem que essa pessoa tinha. No sonho, tudo foi correto e a pessoa deu-me imensas informações a que eu nunca tive acesso e nunca tinha pensado nisso.

O que acham que se passa comigo?

Se conseguires devias dentro do sonho explicar-lhe que devia partir em paz. Pede pela alma da pessoa - até à tua maneira pessoal se não tiveres religião.  Deseja-lhe bem, manda-lhe amor. Sobretudo não te assustes. Já me aconteceram várias coisas do género e não tem mal. A não ser que a entidade te desse sensações de angústia intensa, tivesse uma coloração escura etc etc. Nesse caso, terias de tomar outras medidas.
Sendo apenas um falecido, não há que temer.


Quanto à minha experiência pessoal a pior que já tive foi cair para trás na cozinha como se me empurrassem os ombros. Vi uma coisa como um manto preto cobrir-me. Foi aterrorizador. Era o negro mais profundo que alguma vez vi e senti literalmente. E tinha dois riscos avermelhados como se fossem olhos. A minha mãe viu-me caída com os olhos muito abertos e disse que eu estava com a cara acinzentada.

Já sonhei com uma mulher que morreu num acidente atropelada e que me pedia para pararem de pôr flores no sítio onde ela morreu porque estavam a prendê-la à terra. Pesquisei e deu-se mesmo um acidente há uns anos. Fui ao sítio e estavam flores secas presas a um poste.

Vi o meu bisavô debruçar-se sobre mim à beira da cama uma vez de manhã. Mais tarde uma senhora muito religiosa disse-me que o R., um homem muito alto me andava a proteger. Pois, ela não sabe nada sobre a minha família e acertou logo com o meu bisavô que era um homem alto de olhos azuis chamado Ricardo.

Enfim, volta e meia acontecem-me coisas. 
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: aether em 04.jun.2014, 11:36:11
 :curtain é por isso que me recuso a jogar o jogo do copo >< No meu entender aquilo so chama entidades nao muito agradaveis, porque quereriam as favoraveis manifestar-se por um jogo? Alem disso é a oportunidade ideal para assustar e pregar partidas para as que gostam de tal...

A minha experiencia mais estranha acho que foi em projecção astral em que um ser escuro me agarrou no braço e quando acordei tinha um corte enorme e agora não consigo fazer, mas ja perdi o medo, por isso deve estar quase ><
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Dé gg em 06.jun.2014, 00:30:54
Lembro-me tão bem das noites na casa da minha avó, era uma casa com pelo menos uns 200 anos, e tinha uns interruptores de luz muito curiosos, redondos e que faziam um click bem audível, especialmente no silêncio da noite lol. Era quase sistemático, era rara a noite em que não acordava por causa desse barulho, mas mais estranho era que nunca via nenhuma luz por mais distante que fosse de qualquer divisão e tinha a certeza que todos já dormiam, cheguei mesmo a sair do quarto onde dormia e ir de sala em sala até onde tinha coragem lol mas foi sempre em vão  :(
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: V24 em 07.jun.2014, 20:09:17
:curtain é por isso que me recuso a jogar o jogo do copo >< No meu entender aquilo so chama entidades nao muito agradaveis, porque quereriam as favoraveis manifestar-se por um jogo? Alem disso é a oportunidade ideal para assustar e pregar partidas para as que gostam de tal...

A minha experiencia mais estranha acho que foi em projecção astral em que um ser escuro me agarrou no braço e quando acordei tinha um corte enorme e agora não consigo fazer, mas ja perdi o medo, por isso deve estar quase ><

Claro que só vêm entidades negativas. Aliás não precisei nunca de jogar a isso para elas me aparecem....fogo que azar.
As entidades de luz só vêm pela meditação e práticas precedidas de orações a pedir protecção.
Se pedires protecção antes de fazer projecção estás na boa. Ir ao astral é do melhor, só a sensação de voares e ires onde quiseres ::)
Que pena ter abandonado as minhas práticas (:
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: aether em 07.jun.2014, 20:26:55
:curtain é por isso que me recuso a jogar o jogo do copo >< No meu entender aquilo so chama entidades nao muito agradaveis, porque quereriam as favoraveis manifestar-se por um jogo? Alem disso é a oportunidade ideal para assustar e pregar partidas para as que gostam de tal...

A minha experiencia mais estranha acho que foi em projecção astral em que um ser escuro me agarrou no braço e quando acordei tinha um corte enorme e agora não consigo fazer, mas ja perdi o medo, por isso deve estar quase ><

Claro que só vêm entidades negativas. Aliás não precisei nunca de jogar a isso para elas me aparecem....fogo que azar.
As entidades de luz só vêm pela meditação e práticas precedidas de orações a pedir protecção.
Se pedires protecção antes de fazer projecção estás na boa. Ir ao astral é do melhor, só a sensação de voares e ires onde quiseres ::)
Que pena ter abandonado as minhas práticas (:

Já tentei, claro que sempre com protecção mas nao consigo passar das primeiras fases lol
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: V24 em 07.jun.2014, 20:30:05
:curtain é por isso que me recuso a jogar o jogo do copo >< No meu entender aquilo so chama entidades nao muito agradaveis, porque quereriam as favoraveis manifestar-se por um jogo? Alem disso é a oportunidade ideal para assustar e pregar partidas para as que gostam de tal...

A minha experiencia mais estranha acho que foi em projecção astral em que um ser escuro me agarrou no braço e quando acordei tinha um corte enorme e agora não consigo fazer, mas ja perdi o medo, por isso deve estar quase ><

Claro que só vêm entidades negativas. Aliás não precisei nunca de jogar a isso para elas me aparecem....fogo que azar.
As entidades de luz só vêm pela meditação e práticas precedidas de orações a pedir protecção.
Se pedires protecção antes de fazer projecção estás na boa. Ir ao astral é do melhor, só a sensação de voares e ires onde quiseres ::)
Que pena ter abandonado as minhas práticas (:

Já tentei, claro que sempre com protecção mas nao consigo passar das primeiras fases lol

A minha primeira projecção foi muito estúpida: "acordei" durante o sonho na banheira, vestida (haha) e levantei-me. Fiquei tão contente que admirei-me com o facto e acordei. Noutra saltei e fiquei a flutuar...mesmo fixe. Não consigo projectar-me muita vezes  :-\ Aprendi a técnica a ler livros do Samuel Weor (gnosticismo), infelizmente ele é um bocado homofóbico (:
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: aether em 07.jun.2014, 20:37:12
:curtain é por isso que me recuso a jogar o jogo do copo >< No meu entender aquilo so chama entidades nao muito agradaveis, porque quereriam as favoraveis manifestar-se por um jogo? Alem disso é a oportunidade ideal para assustar e pregar partidas para as que gostam de tal...

A minha experiencia mais estranha acho que foi em projecção astral em que um ser escuro me agarrou no braço e quando acordei tinha um corte enorme e agora não consigo fazer, mas ja perdi o medo, por isso deve estar quase ><

Claro que só vêm entidades negativas. Aliás não precisei nunca de jogar a isso para elas me aparecem....fogo que azar.
As entidades de luz só vêm pela meditação e práticas precedidas de orações a pedir protecção.
Se pedires protecção antes de fazer projecção estás na boa. Ir ao astral é do melhor, só a sensação de voares e ires onde quiseres ::)
Que pena ter abandonado as minhas práticas (:

Já tentei, claro que sempre com protecção mas nao consigo passar das primeiras fases lol

A minha primeira projecção foi muito estúpida: "acordei" durante o sonho na banheira, vestida (haha) e levantei-me. Fiquei tão contente que admirei-me com o facto e acordei. Noutra saltei e fiquei a flutuar...mesmo fixe. Não consigo projectar-me muita vezes  :-\ Aprendi a técnica a ler livros do Samuel Weor (gnosticismo), infelizmente ele é um bocado homofóbico (:
Lol isso é normal acho eu (mas muito comico a cena da banheira) as emoçoes fortes geralmente acordam-nos
Hum... nunca ouvi falar dele, tenho de ir "googlar" xD

Eu costumava acordar muito durante os sonhos quando era criança e agora consigo às vezes, se nao estiver demasiado cansada, mas nada que dure muito tempo, so o ter a consciencia e acordo.
Eu costumava fazer a partir de um estado de meditação mas agora coise xD não sei o que se passou :P
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: V24 em 22.jun.2014, 02:43:55
Há fases em que parece que não conseguimos fazer nada...às vezes estamos a ser testados. Depois as coisas recomeçam onde ficaram
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Diana em 03.ago.2014, 13:10:11
Eu um dia desmaiei e vi tipo "um filme" da minha vida, foi bueda estranho.
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: Odra em 12.ago.2014, 21:53:20
Não é propriamente uma "Experiência fora do normal", mas há algo que não é propriamente deste mundo. Sempre que o futebolista galês do Arsenal, Aaron Ramsey, marca um golo, alguém famoso morre, sendo os casos mais famosos os de Osama Bin Laden, Steve Jobs, Muhamar Al-Ghadafi, Whitney Houston e Paul Walker. Ontem o Arsenal jogou, Ramsey marcou, e quem é que morreu? Ora pois! Este fenómeno até já ganhou o nome de "A maldição de Ramsey".

(http://estaticos.sport.es/resources/jpg/6/3/relacion-entre-los-goles-ramsey-muerte-algunos-personajes-relevantes-1407854391236.jpg)
Título: Re: Experiências fora do normal
Enviado por: tendinite em 12.ago.2014, 23:59:43
Spoiler (clica para mostrar/esconder)


 :inq