Fórum da rede ex aequo

Outras Conversas => Outras Conversas => Tópico iniciado por: dante cry em 24.jun.2009, 01:29:31

Título: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: dante cry em 24.jun.2009, 01:29:31
Recebi este mail de uma amiga minha que me fez ver que existem coisas que nao sei se serao mitos, nao sei se serao realidades... mas que me deram arrepios  :o

                                                                                 Morte, Violação, ou Boca de Palhaço?

                                                                                                       Mail:
ISTO ACONTECE E NAO SE FAZ NADA?
PASSO COMO RECEBI
 
Na altura do Carnaval, ouvi falar de um caso que me arrepiou imenso. Duas jovens universitárias tinham sido interpeladas por um grupo de rapazes bem parecidos, no Bairro Alto, que lhes fez uma pergunta: "Morte, violação ou boca de palhaço?" As jovens, pensando tratar-se de uma brincadeira de Carnaval, responderam prontamente "boca de palhaço". Foram esfaqueadas dos lábios às orelhas. Sei que ainda hoje estão traumatizadas e que nenhuma cirurgia plástica deixá-las-á como eram antes.
 
No passado fim de semana, voltou a acontecer; em pleno Largo Camões, a jovem esperava por um táxi vazio que a levasse para casa. Pois quem a levou foi quatro rapazes, que lhe fizeram a mesma pergunta arrepiante e o resultado é o mesmo. Esfaqueada, com um "sorriso" de palhaço.

Acho estranho que nenhum telejornal faça referência a isto, porque tenho a certeza de que já aconteceu mais vezes. Sendo assim, e como acredito no poder do passa a palavra, por favor divulguem esta história a toda a gente. É preciso que toda a gente saiba. É preciso que tenhamos cuidado. É preciso que andemos acompanhadas. É URGENTE ALGUÉM FAZER ALGUMA COISA!!!
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Pode ser realidade ou mito mas por precaução fiz este post...  :-\ cuidado ao andar nas ruas sozinhos, cuidado de noite nos becos e nas ruas desertas, sejam precavidos nas festas, se estiverem bêbados andem com amigos de confiança...
Título: Re: perigos da noite realidades/mitos
Enviado por: branca em 24.jun.2009, 15:42:26
Já se andava a falar dessa mesma história noutro tópico qualquer.

Eu não sei se hei-de acreditar ou não.. por um lado, não me espanta muito. Que isto cada vez está pior não é mentira nenhuma..
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: dante cry em 25.jun.2009, 19:30:55
                                                                                                      Drogas de violação
                                 
                                                                                                                 

As drogas passaram a ser chamadas de 'Boa Noite Cinderela'
 
   Um dos medicamentos que causava a amnésia foi identificado como sendo o 'Rohypnol', um fármaco da classe dos barbitúricos, sem cor, sem cheiro e sem sabor, facilmente diluído numa qualquer bebida.

Droga usada em estupro “date rape”= “Estupro facilitado por drogas”, ou
roubos ou facilitadoras de raptos.
 
             Ocasionam: profunda sedação, amnésia anterógrada (o indivíduo não relembra eventos
enquanto estava sob efeito da substância). A vítima perde a consciência e pode não ser capaz
de resistir ou reclamar uma agressão sexual

Actualmente, e embora em alguns países seja considerado ilegal, o 'Rohypnol' está à venda em Portugal.


Wikipédia                                                                       (http://www.iconocast.com/00007_Portu/B1/News7_3.jpg)

Flunitrazepam- O Flunitrazepam (comercializado pela Roche sob a marca Rohypnol®) é um medicamento benzodiazepínico, que induz o sono de forma rápida e intensa, tendo também efeito ansiolítico (redução da ansiedade), anticonvulsivante e relaxante muscular. Ainda são efeitos de sua administração redução do desempenho psicomotor, com diminuição dos reflexos e da atenção, e ocorrência de amnésia (lapso de memória). O uso de Flunitrazepam deve ser feito sempre sob supervisão médica. De excelentes qualidades terapêuticas, nos Estados Unidos a substância é proibida devido ao seu uso associado ao álcool, causando grave risco de vida aos usuários, principalmente quando utilizado de forma abusiva.

Wikipédia                                                                                                                             (http://www.pontodosaber.com/drogas4.jpg)

Ácido gama-hidroxibutírico- O gama-hidroxibutirato (GHB) surgiu no início da década de 1990 do século XX como uma droga de abuso. Foi sintetizada como análogo do ácido gama-aminobutírico GABA, como o objetivo de se conseguir uma substância similar, capaz de atravessar a barreira hemato-encefálica. Foi investigado como agente anestésico, porém devido aos seus efeitos colaterais (contrações musculares involuntárias e delírio) foi abandonado. Posteriormente foi usado como estimulador do crescimento muscular, efeito que não foi comprovado cientificamente. Por causar diminuição do nível de consciência, depressão respiratória e convulsões, foi banido pelo FDA americano (United States Food and Drug Administration). Como medicamento, que em raros casos ainda são utilizados para o tratamento de distúrbio do sono e epilepsia no Brasil, tem seu uso controlado, sendo a importação do medicamento regumentada pelos controles da ANVISA. Como droga é produzido ilícitamente e permanece sendo frequentemente usado, quer individualmente "Droga" ou por terceiros como "Droga do Estupro" e "Boa Noite Cinderela". Casos de morte tem sido descritos tanto no uso individual como droga e também no uso para a prática de crimes de estupro e furtos.

GHB e seus análogos geralmente são comercializados (ilegalmente) na forma de um líquido incolor, com um sabor levemente salgado. Embora seja incomum, também existe o GHB em forma de um pó branco.


O uso desta droga entre os estudantes de nível superior é alarmante. Anualmente quase dois por cento destes usaram a droga pelo menos uma vez. O GHB provoca:

Desinibição
Sensação de bem-estar
Euforia
Mais energia
Relaxamento
Aumento da confiança
Tonturas
Abrandamento do ritmo cardíaco


                                       (http://lh3.ggpht.com/pr.lopes/SGReU49HIzI/AAAAAAAACyI/FVVOl98XEx0/drogas_thumb%5B2%5D.jpg)
"Para quem costuma frequentar discotecas ou lugares semelhantes tenha muito cuidado e esteja alerta quando alguém lhe oferecer uma bebida." O aviso que tem viajado o mundo através dos endereços de correio electrónico faz com que haja um alerta, nem que seja momentâneo.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Mirage em 25.jun.2009, 19:39:20
Quanto à história da boca de palhaço: Recebi esse mail há dias, falei nele aqui no fórum. Creio que é um mito urbano ou que se passou noutro local e alguem adaptou à nossa cidade. Se tivesse realmente acontecido, saberia-se, não? Mesmo assim, divulguei. Todo o cuidado é pouco e há malucos para tudo.

Quanto ao "boa noite cinderela": Já se fala no assunto há uns anos. Tenho sempre cuidado com as minhas bebidas e aconselho quem me pareça estar em risco (por exemplo quem pousa a bebida sem lhe prestar atenção). Creio que se trata de facto de um perigo real...
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: dante cry em 25.jun.2009, 20:18:23
Quanto à história da boca de palhaço: Recebi esse mail há dias, falei nele aqui no fórum. Creio que é um mito urbano ou que se passou noutro local e alguem adaptou à nossa cidade. Se tivesse realmente acontecido, saberia-se, não? Mesmo assim, divulguei. Todo o cuidado é pouco e há malucos para tudo.

Quanto ao "boa noite cinderela": Já se fala no assunto há uns anos. Tenho sempre cuidado com as minhas bebidas e aconselho quem me pareça estar em risco (por exemplo quem pousa a bebida sem lhe prestar atenção). Creio que se trata de facto de um perigo real...

Exactamente por isso que se criou assim o titulo do tópico "noite/dia  realidades/mitos". No caso de já teres referido no caso da boca de palhaço Mirage não tinha conhecimento, mas assim mesmo reforça-se então este email, e se foi adaptado o local isso já não sei, agora que cada um assimile como mito ou realidade, mas o que me preocupou foi o caso em si, e o que poderá acontecer a outros, e malucos há pra tudo sim senhor...

Spoiler (clica para mostrar/esconder)
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Biki em 25.jun.2009, 23:21:47
Ainda hoje estive a falar com uma rapariga minha conhecida que foi violada aos 14 anos por um grupo de 6 rapazes. Foi a uma festa de um suposto "amigo", que a drogou. Quando acordou, estava numa sala, amarrada, nua e rodeada pelos rapazes. O resto já se sabe. Ainda publicaram fotografias dela na internet e costumam gozar com ela pelas fotografias.

É deprimente. Quando saio tenho sempre o maior cuidado, só vou com pessoas de confiança e tenho sempre cuidado com as bebidas.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: dante cry em 26.jun.2009, 02:07:57
Ainda hoje estive a falar com uma rapariga minha conhecida que foi violada aos 14 anos por um grupo de 6 rapazes. Foi a uma festa de um suposto "amigo", que a drogou. Quando acordou, estava numa sala amarrada, nua e rodeada pelos rapazes. O resto já se sabe. Ainda publicaram fotografias dela na internet e costumam gozar com ela pelas fotografias.

É deprimente. Quando saio tenho sempre o maior cuidado, só vou com pessoas de confiança e tenho sempre cuidado com as bebidas.

Oh deus  :o mas ela se encontra hoje como? conseguio ultrapassar de alguma forma?
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Symphonic em 29.jun.2009, 01:42:03
Ainda hoje estive a falar com uma rapariga minha conhecida que foi violada aos 14 anos por um grupo de 6 rapazes. Foi a uma festa de um suposto "amigo", que a drogou. Quando acordou, estava numa sala amarrada, nua e rodeada pelos rapazes. O resto já se sabe. Ainda publicaram fotografias dela na internet e costumam gozar com ela pelas fotografias.

É deprimente. Quando saio tenho sempre o maior cuidado, só vou com pessoas de confiança e tenho sempre cuidado com as bebidas.

Oh deus  :o mas ela se encontra hoje como? conseguio ultrapassar de alguma forma?

Terei sido o único a reparar que o texto da Biki foi copiado e colado de um e-mail deste tipo? :P

Se não foi, tem todo o ar disso.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Kiko20 em 29.jun.2009, 05:39:15
Esta história que vos vou contar aconteceu mesmo e não é mito urbano.

Há uns anos atrás um rapaz estava sozinho pela primeira vez numa cidade, e andava há procura de um bar/discoteca para ir beber um copo. Era uma da madrugada e no meio da rua viu três rapazes. Parou, abriu o vidro e perguntou qual era o melhor sítio para sair à noite. Eles aproximaram-se, e entraram de imediato no carro, e apontaram-lhe uma faca. Obrigaram-no a conduzir até outra cidade e a levantar 200 euros do multibanco, esfaqueram-no, urinaram e evacuaram na parte traseira do carro e depois tiveram um acidente. Sobreviveram todos ao acidente, e os outros três acabaram na cadeia.

Esta também é verdadeira.

Há cerca de 20 anos uma família vivia num monte isolado no campo e tinha uma grande quinta. Era bem abastada. Uma noite depois da hora do jantar estavam a ver a telenovela e os cães do monte não paravam de ladrar. Abriram a porta para ver o que se passava e imediatamente um negro entrou na casa. Esfaqueou mortalmente uma criança e a mãe e cegou de um olho a avô, que também foi esfaqueada mas acabou por sobreviver.

Esta não aconteceu de noite, mas fica aqui o aviso.

Há cerca de 5 anos uma rapariga nas férias da Páscoa foi caminhar sozinha numa praia. À beira-mar estavam vários pescadores a apanhar marisco. Um deles perseguu-a até uma zona mais isolada, apanhou-a, puxou-a até às dunas e violou-a. A jovem tinha apenas 15 anos.

Ah lembrei-me agora de outra história.

Um jovem que morava no campo tinha ido de mota a casa de um amigo e já era madrugada dentro. Regressava a casa por um caminho rural escuro e sem iluminação. Vinha a uma velocidade elevada, e começa a ver ao longe uns pequenos pontos luminosos e uns vultos negros a começar a fugir seara dentro. Quando chegou à encruzilhada, esta estava cheia de velas, com um simbolo desenhado a giz no asfalto, vários restos de latas, frascos com abelhas mortas e um cão morto com um pau espetado ao meio. Ainda perto, sentia a presença de pessoas ao longe na seara, a murmurar bem baixo. Estava lua cheia e dava para ver alguns vultos. A encruzilhada ficava perto de casa, mal chegou a casa foi chamar o pai, que pegou numa caçadeira e foi à encruzilhada, mas quando lá chegaram já tinha desaparecido tudo. Cerca de uns meses mais tarde outro rapaz vinha de madrugada e numa encruzilhada onde estava a decorrer um ritual teve um acidente, pois a estrada estava cheia de latas, fios e velas. Conseguiu identificar alguns presentes no ritual mas nunca revelou com medo de represálias. Nessa noite após a queda da mota ainda se consegiu levantar, pois tinha abrandado antes quando reparara que havia velas na estrada, e acelerou rapidamente para longe dali.


E de outra.

Uma noite estava em casa dos meus tios, que fica no campo num sitio isolado, e era Verão. À uma da madrugada, ouvi alguém bater à porta e fui ver quem era. Perguntava várias vezes e ninguém respondia. Comecei então a ouvir uma voz cava e susurrada a pedir para abrir a porta. Notava-se que tinha sotaque e não era português. Começou então a dar pontapés  na porta e eu fui imediatamente ligar a sirene do alarme. Desapareceu. No dia seguinte, viemos a saber que a vizinha do monte ao lado tinha sido assaltada nessa madrugada por um imigrante de Leste que tinha entrado pelo armazém agrícola do rés-do-chão, o  qual dava acesso ao piso de cima.


Mais uma, esta contaram-me ha uns anos atrás:

Uma noite  numa estrada rural de serra numa zona onde não habitava ninguém vinha um rapaz de um baile de Carnaval e viu ao longe  na estrada uns cachorrinhos. Abrandou para não os atropelar e queria abrir a porta da carrinha para recolhe-los. A namorada não deixou. Estavam numa zona muito escura , numa estrada rodeada de sobreiros, arbustos e terrenos inclinados. Mal parou o motor, ouviu uma pedra cair na parte de trás da carrinha, e do meio da vegetação começou a ver 2 vultos e começaram a chover pedras. Acelerou imediatamente e ainda conseguiu fugir a tempo, mas ficou com a carrinha toda danificada... Alguns km adiante, viu da estrada no alto do monte as luzes de um veiculo numa estrada não asfaltada no fundo do vale, que ia a circular muito devagar. Nessa serra correm histórias de tráfico de droga.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Biki em 05.jul.2009, 23:21:39
Ainda hoje estive a falar com uma rapariga minha conhecida que foi violada aos 14 anos por um grupo de 6 rapazes. Foi a uma festa de um suposto "amigo", que a drogou. Quando acordou, estava numa sala amarrada, nua e rodeada pelos rapazes. O resto já se sabe. Ainda publicaram fotografias dela na internet e costumam gozar com ela pelas fotografias.

É deprimente. Quando saio tenho sempre o maior cuidado, só vou com pessoas de confiança e tenho sempre cuidado com as bebidas.

Oh deus  :o mas ela se encontra hoje como? conseguio ultrapassar de alguma forma?

Terei sido o único a reparar que o texto da Biki foi copiado e colado de um e-mail deste tipo? :P

Se não foi, tem todo o ar disso.

Não foi copiado, não, de facto aconteceu.

Até porque não passo emails-corrente. ;)

Ela conseguiu ultrapassar, de certa forma. Teve de fazer um aborto. Nem consigo imaginar a carga psicológica que isso terá sobre alguém. Hoje ainda gozam com ela, não percebo como, mas ela conseguiu levar as coisas em frente.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Symphonic em 05.jul.2009, 23:37:47
Ainda hoje estive a falar com uma rapariga minha conhecida que foi violada aos 14 anos por um grupo de 6 rapazes. Foi a uma festa de um suposto "amigo", que a drogou. Quando acordou, estava numa sala amarrada, nua e rodeada pelos rapazes. O resto já se sabe. Ainda publicaram fotografias dela na internet e costumam gozar com ela pelas fotografias.

É deprimente. Quando saio tenho sempre o maior cuidado, só vou com pessoas de confiança e tenho sempre cuidado com as bebidas.

Oh deus  :o mas ela se encontra hoje como? conseguio ultrapassar de alguma forma?

Terei sido o único a reparar que o texto da Biki foi copiado e colado de um e-mail deste tipo? :P

Se não foi, tem todo o ar disso.

Não foi copiado, não, de facto aconteceu.

Até porque não passo emails-corrente. ;)

Ela conseguiu ultrapassar, de certa forma. Teve de fazer um aborto. Nem consigo imaginar a carga psicológica que isso terá sobre alguém. Hoje ainda gozam com ela, não percebo como, mas ela conseguiu levar as coisas em frente.

Fogo, desculpa Biki, pensei que estivesses a ser irónica...  :-\

Nem pensei que fosse posssível...  :-X
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Diva em 06.jul.2009, 11:33:06
Ainda hoje estive a falar com uma rapariga minha conhecida que foi violada aos 14 anos por um grupo de 6 rapazes. Foi a uma festa de um suposto "amigo", que a drogou. Quando acordou, estava numa sala amarrada, nua e rodeada pelos rapazes. O resto já se sabe. Ainda publicaram fotografias dela na internet e costumam gozar com ela pelas fotografias.

É deprimente. Quando saio tenho sempre o maior cuidado, só vou com pessoas de confiança e tenho sempre cuidado com as bebidas.

Infelizmente estas situações de se gozar com as vitimas de violação são muito frequentes.
Já Ryan referiu nos seus estudos sociologicos sobre a tendência cultural em censurar a vitima. Por exemplo, dizer que aconteceu porque a vitima andava sozinha a noite, que a vitima abriu a porta a algum desconhecido, etc.

Existe a tendência cutural de culpabilizar a vitima por ter feito algo inapropriado e que de certa forma convidou os agressores. Já não existe a mesma tendência cultural de culpabilizar os agressores. Há muitas pessoas que preferem dizer: "Se ela não andasse sozinha à noite isso não teria acontecido", em vez de culpabilizar os agressores.

Por exemplo, há alguns anos atrás, uma rapariga de 12 anos foi convidada pelo seu namorado para irem até a um sitio algures no mato, ela aceitou e quando lá chegou o namorado tinha convidado uns 5 ou 6 amigos para fazerem a festa com ele. A rapariga (com 12 anos é quase uma criança) foi violada por 5 ou 6 rapazes.

Isto aconteceu realmente, porque eu estive presente (anos mais tarde) no julgamento de 3 destes rapazes, os outros fugiram para o estrangeiro e safaram-se da pena que deveriam pagar. Estas situações acontecem na realidade, não são apenas ficção cinematografica.

Nesta altura havia muito quem culpasse a rapariga. Diziam muito: O que é que ela foi fazer com o namorado??? O que é que ela queria??? Os homens são assim... ela já sabia o que podia acontecer...

Enfim... eu na altura fiquei muito admirada com este culpabilizar socialmente da vitima e aceitar o comportamento do agressor... É uma barbaridade que as vitimas sejam ainda gozadas enquanto os agressores são quase que "socialmente entendidos".

Também estudei em sociologia que as mulheres (eu acredito que não são apenas as mulheres e também os homens) são todos os dias violados psicologicamente. O sair à noite ou de dia, mas o medo que se carrega constantemente, é uma forma de violação, só que psicologica.


Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Pink Elephant! em 24.out.2009, 03:05:35
Lembrei-me de pesquisar "boca de palhaço" no google para ver se consigo descobrir mais algumas infrmações quando reparo que um dos primeiros links que aparece é precisamente o do forum! x)

Eu nao sei no que acreditar, hoje contaram-me os rumores do que esse grupo de jovens faz em Faro e Olhão.. Que já foram mais de nao sei quantas raparigas parar ao hospital à pala dessa brincadeira, etc... Não sei até que ponto é verdade ou mentira, mas pelo que me disseram a policia já anda a par da situação e na feira de Faro há uns dias foi preso um rapaz que andava com uma faca num saco. E que a feira este ano está cheia de policias lá isso está..
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Nuno_18 em 24.out.2009, 03:25:23
boa noite pessoal
ora bem este tópico ja me é conhecido , eu sinceramente não acredito muito ora vejamos.
Todos nós sabemos (habitantes de Lisboa) que o bairro alto é um mundo pequeno.
Por exemplo :
Uma pessoa que esteja a levar porrada no meio da rua.
Sabe se logo na rua acima o sucedido.
Alem que agora a policia anda lá a rondar durante as sextas e sábados.
Pode se dar o caso de esse tal acontecimento ter acontecido durante um dia de semana onde nao inclua a sexta-feira, mas mesmo assim eu dúvido muito.
Porque no que toca a desgraças... A televisão está lá. E pessoas a gritarem não faltam.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: ♫✿Dri ✿♫ em 30.out.2009, 20:53:01
Não sei se é verdade ou mito, mas que essa história já aterrorizou o pessoal d évora o ano passado .... :-X
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Symphonic em 31.out.2009, 04:08:52
Não sei se é verdade ou mito, mas que essa história já aterrorizou o pessoal d évora o ano passado .... :-X

É mentira, gente, já anda aí a polícia a fazer esclarecimentos para sossegar o pessoal.

Irrita-me tanto como as pessoas não vêm que isso é uma desculpa para criar e-mails ou sms's corrente. Não vêem que isso acontecesse mesmo estaria por todo o lado na tv??
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: ♫✿Dri ✿♫ em 31.out.2009, 11:44:58
Não sei se é verdade ou mito, mas que essa história já aterrorizou o pessoal d évora o ano passado .... :-X

É mentira, gente, já anda aí a polícia a fazer esclarecimentos para sossegar o pessoal.

Irrita-me tanto como as pessoas não vêm que isso é uma desculpa para criar e-mails ou sms's corrente. Não vêem que isso acontecesse mesmo estaria por todo o lado na tv??

sim,depois soubemos que era mentira...andaram a inventar coisas....não tem mais nada que fazer do que assustar o pesoal ???
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Andreia. em 31.out.2009, 16:15:35
Credo!  :o

Epah, isso parece-me um bocado "horrivel" demais para ser verdade, e ainda por cima não se tendo falado disse na TV...
Mas mesmo assim, fiquei um bocado impressionada só de imaginar a cena da boca de palhaço.

E quanto a essas cenas de ser violada por 5 ou 6 rapazes, opaah... Isso mete-me taaaaaanta impressão.
Porra , pah! Como é que nao se faz nada quanto a isso? Isso é tão horrível!!

Ai, se isso me acontecesse, acho que nao suportava!  :'(
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: ♫✿Dri ✿♫ em 31.out.2009, 16:17:59
Credo!  :o

Epah, isso parece-me um bocado "horrivel" demais para ser verdade, e ainda por cima não se tendo falado disse na TV...
Mas mesmo assim, fiquei um bocado impressionada só de imaginar a cena da boca de palhaço.

E quanto a essas cenas de ser violada por 5 ou 6 rapazes, opaah... Isso mete-me taaaaaanta impressão.
Porra , pah! Como é que nao se faz nada quanto a isso? Isso é tão horrível!!

Ai, se isso me acontecesse, acho que nao suportava!  :'(

têmcalma, isto foi só para assustar o pessoal, depois tudo foi desmentido ;)
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: corema em 31.out.2009, 16:59:19
                                                                                                     
Actualmente, e embora em alguns países seja considerado ilegal, o 'Rohypnol' está à venda em Portugal.


Não há grande razão para proibir este medicamento... Seja como for não é um medicamento de fácil acesso.
O Rohypnol é muito usado, entre outras coisas na desintoxicação de heroinodependentes e com bastante sucesso. Os casos de pessoas drogadas e violadas com esta droga em Portugal são num número reduzidissimo e nada alarmante. O Rohypnol é basicamente aquilo a que se chamava de drunf nos anos 80. Não há quase niguém que tenha sido adolescente por essa década que não saiba o que é... A não ser quem andava muito distraído...
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Phantom em 01.nov.2009, 01:10:14
relativamente à questão da "boca de palhaço", tive conhecimento de um caso (concreto) mas por via de uma família amiga minha do brasil...aparentemente há registo de alguns casos desse género por lá  :(
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Symphonic em 01.nov.2009, 01:52:08
relativamente à questão da "boca de palhaço", tive conhecimento de um caso (concreto) mas por via de uma família amiga minha do brasil...aparentemente há registo de alguns casos desse género por lá  :(

em algum lugar do mundo pode ter acontecido, mas isso não torna aqueles e-mails alarmistas verdade. até porque falam disso como se fosse algo frequente, da parte de um grupo nómada sádico que se desloca por portugal para espalhar o terror...
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Shaulin em 01.nov.2009, 02:17:57
Ora boa noite, decidi ler este tópico porque adoro mitos e lendas urbanas, especialmente daquelas que tem cultos e coisas assim :devil
Sobre as várias histórias que li, tenho que referir que dantes passeava bué á beira-mar á meia-noite/uma da manha e estavam lá bué pescadores, claro que a mim não me fazem nada porque sou gajo e não sou uma criança indefesa mas é sempre bom ter cuidado.
Quanto á boca de palhaço, não querendo assustar ninguém.... hoje no pingo doce estavam la duas senhoras a dizer para não se descuidarem dos filhos porque há uns vândalos que andam a fazer a "boca de palhaço" raptam e cortam a boca toda as vitimas, isto para os lados da Golegã (Ribatejo).

Agora li isto e fiquei...  ???
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: corema em 01.nov.2009, 12:20:30
Relativamente a essa coisa da boca de palhaço...

Vocês acham mesmo que era possível que uma situação como essa estivesse a acontecer em vários sítios do país e já há algum tempo, sem que a TVI fizesse uma reportagem (provavelmente várias e com reconstituições) sobre o assunto?
É mentira gente!
Quando eu trabalhava no bairro, o que já foi há uns bons anitos, essa história já existia e segundo diziam era quase uma por noite no dito bairro alto... É mentira, obviamente...
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Andreia. em 01.nov.2009, 16:11:52
Ora boa noite, decidi ler este tópico porque adoro mitos e lendas urbanas, especialmente daquelas que tem cultos e coisas assim :devil
Sobre as várias histórias que li, tenho que referir que dantes passeava bué á beira-mar á meia-noite/uma da manha e estavam lá bué pescadores, claro que a mim não me fazem nada porque sou gajo e não sou uma criança indefesa mas é sempre bom ter cuidado.
Quanto á boca de palhaço, não querendo assustar ninguém.... hoje no pingo doce estavam la duas senhoras a dizer para não se descuidarem dos filhos porque há uns vândalos que andam a fazer a "boca de palhaço" raptam e cortam a boca toda as vitimas, isto para os lados da Golegã (Ribatejo).

Agora li isto e fiquei...  ???

OMG  :o

Será verdade? O.o'
Esperemos que nao ...
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Shaulin em 01.nov.2009, 16:47:01
Pois, é óbvio que é estranho já se ouvir isto à muito e nada aparecer nos media, mas também nem tudo aparece lá portanto...
Não é uma questão de medos, mas o cuidado nunca matou ninguém.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Symphonic em 01.nov.2009, 19:18:54
Pois, é óbvio que é estranho já se ouvir isto à muito e nada aparecer nos media, mas também nem tudo aparece lá portanto...
Não é uma questão de medos, mas o cuidado nunca matou ninguém.

Sempre que as pessoas são vítimas de crimes sangrentos aparece nos media, é algo que vende. Então se essa prática fosse frequente, ainda mais visível na comunicação social seria.

Mas então quais são os cuidados que tens para evitar seres vítima de "boca de palhaço"?
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Shaulin em 01.nov.2009, 21:41:40
Sim é verdade que a TVI também já tinha feito um verdadeiro drama com aquelas musicas de terror e tristeza à mistura  ;D

Eu não tomo "precauções" até porque não saio à noite. Mas para quem costuma andar de noite e tal, é o costume, tentar não andar sozinho, não andar em ruas escuras ou pouco frequentadas e não aceitar convites alheios, pode parecer cliché mas dentro da diversão tem que haver responsabilidade especialmente entre os mais novos. Isto serve para tudo obviamente, espero que não achem que isto é conversa de velho, mas também é só uma opinião.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Symphonic em 01.nov.2009, 22:51:32
Sim é verdade que a TVI também já tinha feito um verdadeiro drama com aquelas musicas de terror e tristeza à mistura  ;D

Eu não tomo "precauções" até porque não saio à noite. Mas para quem costuma andar de noite e tal, é o costume, tentar não andar sozinho, não andar em ruas escuras ou pouco frequentadas e não aceitar convites alheios, pode parecer cliché mas dentro da diversão tem que haver responsabilidade especialmente entre os mais novos. Isto serve para tudo obviamente, espero que não achem que isto é conversa de velho, mas também é só uma opinião.

Eu acho que tens razão nesses concelhos, mas isso já convém ter de qualquer maneira :P
Por isso a história da boca de palhaço é mesmo só para o alarmismo e para aterrorizar as pessoas...
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: JDelgado em 01.nov.2009, 23:18:13
e a q questão é que isso deixa cicatrizes, alguém já viu alguém com alguma cicatrizes desse género
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Shaulin em 02.nov.2009, 00:05:35
Sim, verdade, só achei estranho ver a mulher a falar disso ontem, e ela não parece ser das internets xD por isso fiquei uma beca  ???

Mas prontos é daquelas coisas que o vendo para acreditar realmente.
Título: Re: perigos da noite/dia realidades/mitos
Enviado por: Brisingree em 01.dez.2009, 01:39:49
Na realidade vim agora aqui ter a este tópico enquanto procurava pelo assunto.

Estava eu hoje na faculdade quando um amigo recebe um telefonema da namorada de Coimbra a chorar porque tinha ido ver ao hospital a amiga que tinha sido precisamente vitima do sorriso de palhaço. Quando ela a viu estava com a cabeça num apoio e ainda nao tinha sido cozida porque estavam a fazer exames para ver se tinha mais alguma complicação.

Fizeram-lhe a pergunta: "Morte, violação ou sorriso de palhaço".

Li os comentários e realmente é muito estranho estes casos ainda nao terem sido noticiados pela media, mas talvez isso seja explicado pelo facto de esta brilhante ideia já ter sido retirada do Batman ou lá o que foi e não quererem incentivar mais ninguém a começar com isto.