Outras Conversas > Outras Conversas

Será possivel amar até ao fim da vida a mesma pessoa?

<< < (151/151)

Lilium¥:
O que eu mais desejo é que isso não seja possível.
Outras pessoas passam, outras talvez fiquem...
Mas no fim do dia, é por aquele olhar que o meu coração suspira, já sem saber se aquilo é só saudade, mágoa, tristeza e vazio,... Ou se é tudo isso e um grande amor.


Como eu gostava de parar de te amar, mesmo que ache que vou amando aqui e acolá. Nas várias formas que a vida leva, encontro-te em toda parte. Gostava que fosses invisível como eu agora sou para ti.
Os erros, as desilusões, a falta súbita de respeito quebram imensos laços de amor. Mas no fim, as pontas ficam soltas em lados opostos com um profundo abismo no meio de nós. Todas as noites sonho em apagar esse abismo, pelo amor que ficou, pelo amor que te trago em cada dia da minha vida. Sinto-me culpada de te amar e tenho medo que a vida acabe sem te voltar a encontrar...

Dreamer:
Até ao fim da vida, o famoso "para sempre", acho que é possível sim, embora seja muito raro. O amor está em constante mutação e sofre ao longo dos anos alguns ajustes, transformando-se em outros sentimentos também mui nobres, como por exemplo, em amizade, companheirismo, confiança, fidelidade, etc. Para uma relação duradoura dar certo é necessário que os dois se completem, complementem, e acima de tudo se compreendam.  [smiley=sim.gif]

MónicaCarvalhoCasas:
amar sim, ou gostar da mesma pessoa até ao fim da nossa vida. Não quer dizer que fiquemos com ela para sempre... Mas sim, infelizmente podemos "ficar com aquela pessoa para sempre no nosso coração"!!  😅

unfold:

--- Citação de: MónicaCarvalhoCasas em 2 de Abril de 2021 ---amar sim, ou gostar da mesma pessoa até ao fim da nossa vida. Não quer dizer que fiquemos com ela para sempre... Mas sim, infelizmente podemos "ficar com aquela pessoa para sempre no nosso coração"!!  😅

--- Fim de Citação ---


Pois podemos! Mas também podemos - cada cabeça / cada coração, sua "sentença" - ultrapassar o "infelizmente" e viver em paz com isso. O amor tem muitos tons e muitas "possibilidades". A amizade também é um tipo de amor. Se calhar, o "infelizmente" aparece mais com as perguntas externas que nos fazem duvidar da "forma do nosso amor" e ficarmos tristes, do que internas. Escuta-te e descobre o que é bom para ti.


 ;)

carolinalg:
Não tenho dúvidas de que é possível, sim.
Somos seres com uma enorme capacidade para amar.
Por vezes, o amor muda de forma ou de dimensão (e por vezes, não!), mas continua lá.
Acho isso uma cena fantástica no ser humano.

Navegação

[0] Índice de mensagens

[*] Página anterior

Ir para versão completa