rede ex aequo

Olá Visitante13.ago.2022, 01:26:26

Sondagem

Alguma vez pensaste em suicidar-te por seres homo ou bissexual?

Não, nunca tive problemas
146 (28.7%)
Não, embora tenha sofrido muito
106 (20.8%)
Sim, mas só por breves momentos
99 (19.4%)
Sim, e quase tentei
63 (12.4%)
Sim, e cheguei a tentar
45 (8.8%)
Sim, e ainda penso nisso
50 (9.8%)

Votos totais: 344

Autor Tópico: Alguma vez pensaste em suicidar-te por ser LGB?  (Lida 116308 vezes)

 
Alguma vez pensaste em suicidar-te?
#20

Offline x-pressiongirl

  • ****
  • Membro Sénior
  • Género: Feminino
  • Olá, nós somos os ursinhos maus!
    • sembikini
A meu ver não é tão incomum como pressupomos, haver pessoas que por qualquer motivo se sintam motivadas a terminar com a sua própria existência.  :( Acredito que um grande número de pessoas que o fazem, não o premeditam, simplesmente mergulham. O facto de ter uma orientação sexual diferente da norma não me causa qualquer disturbio ao ponto de pensar nisso, porém, tempos houve em que me sentia muito pressionada pelos meus próprios pais,  :-/   :'( quando a minha descobriu que eu era lésbica. Lembro-me que foi um grande choque para eles, reagiram da pior forma, sentiram-se enganados.  :'(
- Mas como é que isso é possivel? Tu és tão feminina...  :o - disse-me a minha mãe lavada em lágrimas. Infelizmente a minha mãe acredita(va) que as lésbicas têm de ter um ar masculino e os gays um ar efeminado.  ???  :o
- Preferia mil vezes que fosses a maior p*** da cidade! -  ???  :o é verdade, a minha mãe disse-me isto. Humilhou-me como nunca ninguém o fez, vieram os insultos, as ameaças, a agressão.  :-/
Senti que os meus pais me estavam a limitar, nunca me iriam deixar exprimir da forma que me faz sentir bem. Se eu não tenho liberdade de expressão, de que me serve o 25 de Abril?  :-/
Senti-me realmente mal porque para piorar as coisas havia terminado um relacionamento havia cerca de uma semana. :(
Se os meus próprios pais me discriminam, como posso eu esperar que a sociedade ( que é formada por muitos outros pais. lol) não me condicione?  :-/
Entrei em depressão, os diálogos em casa eram frios ( e a minha relação com a minha mãe sempre fora boa até então), os meus pais começaram a controlar-me muito, comecei a faltar  aulas para escrever na praia, chegava a casa e só me apetecia dormir porque acreditava que se dormisse o tempo passava mais rápido e no dia seguinte os problemas ía passar, emagreci 4 quilos numa semana, não tinha apetite nenhum, jantar era o meu maior sacrificio, brincava com a comida e se podesse dava-a ao cão. lol. Se alguém me telefonava para tomar café ou para sair, levava corte, na certa. Várias vezes pensava nas diferentes formas que tinha para acabar com a vida, era só escolher.
Eu fiz várias escolhas: Viver! Viver! Viver!  :D  :P  ;)
Se eu fosse a um bar gay, o meu pai ficava a saber, entrei em paranóia porque achava que alguem me perseguia e contava tudo ao meu pai. Tinha medo.
Gradualmente comecei a sair de casa, sempre com a minha mãe a perguntar-me com quem ía, para que sítios ía, se ía sair com gays. Apercebi-me que tinha amigos aos quais nunca dera muito valor, mas que se preocupavam comigo   :) (são poucos mas bons), as minhas amigas heterossexuais a quem contei reagiram muito bem, mudei de táctica com os meus pais e comecei a mostrar-lhes que era a mesma pessoa, e comecei a me impor de certa forma. Não puxava o assunto e eles também não, a regra era esta, a minha mãe não me fazia perguntas e eu não lhe mentia! lol.
Hoje levantei-me mais cedo e tomei o pequeno almoço com a minha mãe porque precisavamos falar, adiámos esta conversa há muito tempo. Falámos bastante sobre mim, sobre a forma como ela me vê, os medos que ela tem, tanta coisa.
Está quase a fazer dois anos, desde que ela descobriu,  penso eu e somente hoje, ouçam bem HOJE, após esta nossa conversa a propósito da minha sexualidade a minha mãe abraça-me a chorar e diz:
- Gosto muito de ti.
Quero com isto dizer que estou muito bem resolvida com a minha sexualidade, desde sempre, a minha sexualidade por si só nunca foi motivo para me suicidar. lololol. Gosto tanto de raparigas, aliás gosto tanto de UMA rapariga :-)
Os motivos que me fizeram pensar nisso foi mesmo a reacção dos meus pais, foram motivos exteriores. Actualmente não penso nisso, claro que  vezes tenho recaídas, mas quem não as tem?
Termino com uma frase de umaamiga minha, que se aplica muito bem à mensagem que quero transmitir.

"Todos caem, mas só os fracos ficam no chão!"  8)


Saudações x-pressivas  8)
x-pressiongirl  :-*
    "In Europe, it doesn't matter if you're a boy or a girl. We make love with anyone we find attractive."
    M. Dietrich
    "Apareço para ter sexo contigo às cinco. Se me atrasar, começa sem mim"
    Tallulah Bankhead
    "O que eu uso na cama? Chanel nº 5, é claro"
    M. Monroe  http://sembikini.blogspot.com

    Alguma vez pensaste em suicidar-te?
    #21

    Rhoda

    • Visitante
    x-pressiongirl :) deixa-me dizer que também passei mais ou menos uma fase assim com a minha família, mais concretamente com a minha mãe, o que foi muito doloroso para mim. Mas hoje ela aceita a minha sexualidade com muita tranquilidade e naturalidade :D Disseste e muito bem, se os nossos pais não nos aceitem como é que podemos esperar que a sociedade venha apoiar-nos... Enfim, felizmente nem todas as pessoas são iguais e o importante é não nos deixarmos ir abaixo por gente que nem sequer merece isso... 8)

    :-*  

      Alguma vez pensaste em suicidar-te?
      #22

      Offline bluejazz

      • *****
      • Associad@ Honorári@
      • Membro Vintage
      • Género: Feminino
        • Homofobia
      Responder
      - Mas como é que isso é possivel? Tu és tão feminina...   - disse-me a minha mãe lavada em lágrimas. Infelizmente a minha mãe acredita(va) que as lésbicas têm de ter um ar masculino e os gays um ar efeminado.


      x-pression, a minha mãe fez a mesmíssima coisa (embora não lavada em lágrimas)... aliás, ela depois da fase do choque ficou "entalada" na fase da negação. Ainda há um mês falámos sobre o assunto. Deu para progredir um pouco na conversa (e já passaram 3 anos), mas ela ainda não chegou lá. :( Enfim, é preciso ter paciência. De qualquer modo, também tive a experiência que tiveste de mau ambiente, mas isso mudou e agora está tudo bem, felizmente, embora o assunto seja muitíssimo pouco falado.

      :-*
        "I cannot be, as Bourdieu suggests, a fish in water that 'does not feel the weight of the water, and takes the world about itself for granted'" - Felly Simmonds

        Alguma vez pensaste em suicidar-te?
        #23

        Offline mega

        • *****
        • Associad@ Honorári@
        • Membro Sénior
        A primeira reacção da minha mãe foi dizer que era natural... todas as adolescentes passam por isto. O primeiro pensamento que me veio à cabeça foi... "err... amanhã faço 23 anos... hmmmm.... adolescente... ok, acho melhor ficarmos por aqui. Ela nunca vai captar a mensagem."
        Esta foi a fase da "fase". Depois veio a negação. Recusava-se a pensar que a sua filha, que sempre foi uma criança (novamente a recusa em deixar a sua cria crescer) tão inteligente e sensível, pudesse ser daquelas mulheres horrorosas que se vestem como homens, falam como homens, agem como homens (e ponho ênfase no agem!).... É esta a ideia que tem das mulheres homossexuais. A seguir veio a fase da  discriminação. De vez em quando atira as suas "pedrazinhas":
        Responder
        O que te faz falta sei eu o que é....

        É incrível o que as pessoas fazem para nos magoar, só por termos coragem de ser nós próprios. E não é só em relação à homossexualidade. Se analizarmos bem, todos que são verdadeiros consigo próprios são sujeitos a agressões  de todo o tipo. E a meu ver as piores são aquelas que não se sentem no corpo e sim no nosso mais intímo ser.

        Enfim, a esperança é a última a morrer, e mesmo que nunca aconteça, espero pelo dia em que a minha mãe sorria novamente para mim e me chame kikas, como fazia quando era pequena :)

        Bjs,
        Cristina
          "Grief is the price we have to pay for Love, it is the cost of Commitment"

          Alguma vez pensaste em suicidar-te?
          #24

          Offline SullenBoy

          • ****
          • Membro Sénior
          • Banido
          • Género: Masculino
          Ui! Tantas vezes!

          Mas eu acho que na hora da verdade eu não teria coragem. Una das razões que me impediu seria pensar no sofrimento que causaria nos outros e no sofrimento que teria nos momentos antes de morrer.
          vezes eu penso que aquilo que a pessoa q se suicida quer é chamar a atenção para o seu sofrimento.
          Há quem diga também que o suicidio é uma vontade de matar uma pessoa mas dirigida contra si própio.
          Mas eu acho que pensar em suicidio é extremamente "normal".


            Alguma vez pensaste em suicidar-te?
            #25

            Offline cacao

            • *****
            • Associad@ Honorári@
            • Membro Vintage
            • Género: Feminino
            • "There´s no sin, but stupidity" Oscar Wilde
              • Mais sobre mim...
            Pois toda a comunidade ciêntifica em geral pensa que  atentar contra a prórpia vida é PATOLÓGICO!
              Another one will bite the dust...

              "Se não houvesse nem mar nem amor, ninguém escreveria livros." -  Duras

              "A felicidade é o livre uso das nossas capacidades". - V. Woolf

              Alguma vez pensaste em suicidar-te?
              #26

              Offline Magia

              • *****
              • Membro Ultra
              • Género: Feminino
              • É preciso luz... senão a escuridão não descansa!
                • A minha galeria
              recuso-me a responder a essa kestao.
              sim, ja oensei em suicidar-me, mas nao por ser l, g, b ou ate mm t!! nao se pode por os motivos assim, por esse saco.. Grrr!!  :inq >:(
                Podem fazer-me de tudo que eu perdoo, desde que não me mintam.

                Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                #27

                Offline bluejazz

                • *****
                • Associad@ Honorári@
                • Membro Vintage
                • Género: Feminino
                  • Homofobia
                Ó magia, a pergunta é só para quem pensa em suicidar-se por ser L ou G ou B ou T ou queer, não é por outros motivos... e o objectivo é desabafar, ninguém é obrigado a responder nada... que se passa? :wor
                  "I cannot be, as Bourdieu suggests, a fish in water that 'does not feel the weight of the water, and takes the world about itself for granted'" - Felly Simmonds

                  Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                  #28

                  Offline Magia

                  • *****
                  • Membro Ultra
                  • Género: Feminino
                  • É preciso luz... senão a escuridão não descansa!
                    • A minha galeria
                  nd, so n gostei da forma como a pergunta da votaçao tava feita! sei la, algo bate mal... implika k o ppl so por ser lgbt se ponha a pensar em suicidio: o meu deus, sou lesbika.. morte, morte!...  :inq

                  kd o problema, na realidade, nao e sermos uns "bixos raros", mas sim o preconceito e a educaçao k tivemos, mais a moral castradora e td um conjunto de factores socio-economicos e nao, apenas por se ser lgbt.. sei la, axei demasiado... n sei o nome, mas n gostei! pontux!  :´
                    Podem fazer-me de tudo que eu perdoo, desde que não me mintam.

                    Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                    #29

                    Offline bluejazz

                    • *****
                    • Associad@ Honorári@
                    • Membro Vintage
                    • Género: Feminino
                      • Homofobia
                    ;D Magia, isso não está na pergunta!... :) Quando ela foi feita está implícito que é por não nos sentirmos bem com o ser LGBT e porque não nos sentimos bem? Porque assimilamos ideias negativas externas sobre o que é ser LGBT! A questão foi baseada nos estudos que são feitos sobre o suicídio LGBT e nesses estudos o implícito não é ser "bicho raro" mas a discriminação e pressão externa que um pessoa LGBT recebe e pode causar mal-estar consigo próprio, medo ou situações de vida precárias que podem levar por isso o próprio a querer cometer suicídio. Não te zangues, please... :-*
                      "I cannot be, as Bourdieu suggests, a fish in water that 'does not feel the weight of the water, and takes the world about itself for granted'" - Felly Simmonds

                      Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                      #30

                      Offline Magia

                      • *****
                      • Membro Ultra
                      • Género: Feminino
                      • É preciso luz... senão a escuridão não descansa!
                        • A minha galeria
                      lol yah, klaro k não é, mas kem nao saiba e venha aki e ve akela pergunta assim pode pensar doutro modo, percebes? era so por isso..

                      naum, nao me zango, ora! tb tenho direito a mia opiniaozita, num tenho?? (e aos meus atakes, de X em kd..  ::) :´)??
                        Podem fazer-me de tudo que eu perdoo, desde que não me mintam.

                        Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                        #31

                        Offline cacao

                        • *****
                        • Associad@ Honorári@
                        • Membro Vintage
                        • Género: Feminino
                        • "There´s no sin, but stupidity" Oscar Wilde
                          • Mais sobre mim...
                        Magia,

                        todos temos de vez em quando... ;)
                          Another one will bite the dust...

                          "Se não houvesse nem mar nem amor, ninguém escreveria livros." -  Duras

                          "A felicidade é o livre uso das nossas capacidades". - V. Woolf

                          Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                          #32

                          ana

                          • Visitante
                          Há muito tempo, já pensei...
                          É estranho uma criança pensar nisso, mas pensava...
                          Passei por uma fase mesmo Muito má em que me aconteceram algumas coisas que certamente terão influenciado em muito a minha maneira de ser e a pessoa em que me tornei.
                          Mas o que passou passou. Não posso culpar-me por aquilo que os outros fizeram.

                          Já não penso mais nisso. Pûs um ponto final no assunto.


                            Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                            #33

                            Offline Videl

                            • *****
                            • Membro Ultra
                            • Género: Feminino
                            • Some place where no-1 calls it wrong
                              • Blog
                            :)ola
                            Eu sei k isto é eskisito, mas eu kuando era criança tb pensava em suicídio, mas era pk tinha (e ainda tenho, lol) mt curiosidade em saber o k havia depois da morte,  :blush lol! Mas nunca pensei suicidar-me por ser lgbt... :)
                            :up
                              "-Lesbian?? You think I´m a lesbian? (...)
                              - Well, u´re a girl in love with a girl, aren´t u?
                              - No! I´m Paulie, in love with Tory!!!Remember?And Tory is, she IS in love with me, because I´m hers, and she´s mine,and neither of us are lesbians!!" - Lost and Delirious

                              Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                              #34

                              ana

                              • Visitante
                              Olá Videl, aí está uma razão no minimo curiosa!  lol
                              Mas pelo sim pelo não, vamos com essa vidinha de agora até dar, enquanto der e logo  quando acabar vemos o que há (sehá...) lá para além... do lado de lá...

                              :-*

                                Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                                #35

                                Offline Videl

                                • *****
                                • Membro Ultra
                                • Género: Feminino
                                • Some place where no-1 calls it wrong
                                  • Blog
                                yá Ana, é precisamente o k axo...pelo menos actualmente...lol, na epoca tb sabia isso, mas a curiosidade era tanta... mas nao era maluca, tanto nao era k ficava só pelo pensamento lol ;D :-X
                                  "-Lesbian?? You think I´m a lesbian? (...)
                                  - Well, u´re a girl in love with a girl, aren´t u?
                                  - No! I´m Paulie, in love with Tory!!!Remember?And Tory is, she IS in love with me, because I´m hers, and she´s mine,and neither of us are lesbians!!" - Lost and Delirious

                                  Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                                  #36

                                  nicsparks

                                  • Visitante
                                  Olá a tod@s!!

                                  De facto em relação a esta questão , eu escolhi a segunda opção...

                                  Não pensie e suicidar-me por ser gay, nem penso, pois sinto-me bem tal como estou e tal como sou... De facto após assumir-me , fiquei melhor comigo mesmo!

                                  E mesmo apesar das contrariedades , que apareceram devido á minha homossexualidade, nunca pensei em suicidar-me!!!

                                  A vida é algo tão belo na vida, para que a desperdiçar??? ;)

                                   :up :-* a tod@s!!

                                   Nicsparks

                                    Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                                    #37

                                    Offline mega

                                    • *****
                                    • Associad@ Honorári@
                                    • Membro Sénior
                                    E pensar em morrer?
                                    É diferente do que pensar em suicidio?

                                    :inq
                                    Bjs,
                                    Cristina
                                      "Grief is the price we have to pay for Love, it is the cost of Commitment"

                                      Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                                      #38

                                      Offline cacao

                                      • *****
                                      • Associad@ Honorári@
                                      • Membro Vintage
                                      • Género: Feminino
                                      • "There´s no sin, but stupidity" Oscar Wilde
                                        • Mais sobre mim...
                                      Mega,

                                      Pensar em morrer é diferente de Suicídio. O suicídio é terminar com a própria vida, pensar em morrer ou morte é bastate diferente, tu podes pensar em morrer ou pensar que podes e vais seguramente morrer sem de uma forma intencional tentares a auto-agressão máxima - suicídio.
                                        Another one will bite the dust...

                                        "Se não houvesse nem mar nem amor, ninguém escreveria livros." -  Duras

                                        "A felicidade é o livre uso das nossas capacidades". - V. Woolf

                                        Alguma vez pensaste em suicidar-te?
                                        #39

                                        Offline mega

                                        • *****
                                        • Associad@ Honorári@
                                        • Membro Sénior
                                        Portanto o suicidio será a acção de "pensar em morrer"?
                                        Não é na mesma angustiante?

                                        Cristina
                                          "Grief is the price we have to pay for Love, it is the cost of Commitment"

                                           

                                          Tópicos relacionados

                                            Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                                          1055 Respostas
                                          115523 Visualizações
                                          Última mensagem 7 de Junho de 2019
                                          por Fernando Pinheiro
                                          998 Respostas
                                          137583 Visualizações
                                          Última mensagem 29 de Agosto de 2016
                                          por Valkyr32
                                          24 Respostas
                                          7860 Visualizações
                                          Última mensagem 14 de Novembro de 2011
                                          por kiss
                                          3 Respostas
                                          2110 Visualizações
                                          Última mensagem 28 de Junho de 2013
                                          por patricia22
                                          12 Respostas
                                          2568 Visualizações
                                          Última mensagem 3 de Janeiro de 2015
                                          por Nats