rede ex aequo

Olá Visitante27.jan.2022, 08:03:40

Autor Tópico: O que se sente...  (Lida 328233 vezes)

 
O que se sente...
#5700

lark

  • Visitante
É tão bom poder ter momentos destes, amigos destes - não existe obrigação de nada, está cada um na sua, há o silêncio confortável de existirmos em conjunto no mesmo lugar e não é mesmo necessário mais nada.

    O que se sente...
    #5701

    Offline Mii

    • ***
    • Membro Total
    • Género: Feminino
    Serenidade e conforto.

    O que se sente...
    #5702

    Offline Her

    • *
    • Novo Membro
    • Género: Feminino
    Provavelmente é a isto que chamam paz. O rácio entre o que nos é dado e tirado. O equilíbrio. A paciência.


    Same!


    Bem descrito.  [smiley=sim.gif]

      O que se sente...
      #5703

      Offline dani_S

      • *****
      • Membro Ultra
      • Género: Feminino
      • Terror de te amar num sítio tão frágil como o mund
        • Tumblr
      stress com as proximas mudancas
        Terror de te amar num sítio tão frágil como o mundo

        O que se sente...
        #5704

        lark

        • Visitante
        És o amor da minha vida, pretty sure about that.

          O que se sente...
          #5705

          Offline Mii

          • ***
          • Membro Total
          • Género: Feminino
          Aborrecimento.

          O que se sente...
          #5706

          Mónicasas

          • Visitante
          Tristeza ou frustração  ???

            O que se sente...
            #5707

            Offline unfold

            • ***
            • Membro Total
            As palavras bonitas ficam nos ouvidos: já não têm a capacidade de me atravessar em direcção à alma, ou à amígdala, conforme a escola. Nos ouvidos é que essas palavras ficam bem.
              Dress code: lealdade.
              Se as minhas derrotas tiverem o cunho da minha verdade, nunca foram derrotas: foram sempre vitórias do princípio ao fim.

              O que se sente...
              #5708

              Offline Mii

              • ***
              • Membro Total
              • Género: Feminino
              Alívio

              O que se sente...
              #5709

              Offline unfold

              • ***
              • Membro Total
              É bom ter o leme de volta. A tripulação que não aguentar a viagem pode saltar borda fora.
                Dress code: lealdade.
                Se as minhas derrotas tiverem o cunho da minha verdade, nunca foram derrotas: foram sempre vitórias do princípio ao fim.

                O que se sente...
                #5710

                Offline Dreamer

                • *****
                • Associad@
                • Membro Total
                • Género: Masculino
                • Veni. Vidi. Vici.
                Receio e medo de fracassar, não corresponder ao que esperam de mim.  :-X
                  Não sabendo que era impossível, ele foi lá e fez.
                  Jean Cocteau

                  O que se sente...
                  #5711

                  Offline Mico

                  • ****
                  • Membro Sénior
                  • Género: Masculino
                  Uma coisa que não sentia há muito tempo.
                  Aquela ansiedade da espera de uma resposta quando metes conversa pela 1a vez com alguém online.
                  Será que vai ver? Será que vai responder? O que será que vai dizer?
                  Meu deus, parece que cada minuto se torna num dia inteiro!
                    É tudo uma questão psicológica...

                    O que se sente...
                    #5712

                    Offline unfold

                    • ***
                    • Membro Total
                    O que esperas ganhar com isso, com essa forma de amar? Qual o objectivo de sentir assim? E eu continuo a sorrir para dentro, porque simplesmente não entendem que todas essas questões quanto ao amor estão erradas. Se o amor é para chegar a algum lado, se é para ter objectivos com ele, então não é amor. Estão cegos, têm a visão poluída e destroem aquele que podia ser o melhor sentimento do mundo. Ainda não estão preparados. Se não há formas certas ou erradas de amar, pode ser verdade, mas devíamos começar por perceber o que é realmente "isso" de amar. E também podiam não fazer perguntas tão "básicas"/redutoras que nada têm a ver. O terreno do amor deve ser fértil e não deve ser aniquilado por falta de oxigénio. O terreno do amor não deve ser desconfortável ou visto como uma "praga maliciosa", porque quando é verdadeiro, não o é. Mas depois começam as questões e essas questões começam a deixar tudo mais pequeno, a energia mais pequena, o brilho no olhar desaparece, quem está à volta perde com isso, todos perdem com isso, mas não entendem que aquilo que é suposto, por vezes, não é o que é real. É preciso uma coragem enorme para continuar a amar verdadeiramente num mundo que coloca a lógica no amor, que coloca o que é "suposto" naquilo que não deve ser suposto, mas quando a temos, quando conseguimos olhar para dentro e percebemos a realidade e a força do que sentimos, quando percebemos que ainda que não seja correspondido ou não possamos corresponder, podemos mover-nos e mover outros através da sua energia em vez de ficarmos sem energia, as possibilidades voltam a tornar-se infinitas (ou quase infinitas... depende da força que ainda resta), as amizades tornam-se mais significativas, tudo e todos vão mais longe com esse amor, com mais significado. Num mundo em que deixem de jogar aos jogos do amor, às manipulações, em que deixem de tomar partidos em vez de mediar situações para chegar a entendimentos, talvez os humanos consigam confiar mais uns nos outros. Infelizmente, deixei de confiar nas palavras, porque já não tenho mais energia a perder e decidi apenas partilhar a força do amor com aqueles em quem já confiava antes e com aqueles que não me deixaram para trás quando foi mais difícil ficar. É pena, mas num mundo em que me fazem perguntas destas não é possível dar mais. A confiança é o alicerce da paz. O mundo não tem mais paz e amor porque cada um não quer. Há pouca coragem. Para odiar não é necessário haver coragem. Para amar é, e muita! E os que têm coragem também se cansam pelo caminho, porque são poucos e o ruído do ódio ou da incompreensão é muito mais alto do que o do amor. Por vezes, quem ama acaba mais isolado do que quem é egoísta, maldoso, etc. Ainda vivemos num mundo bárbaro, talvez seja "culpa" da genética: dividir para reinar, ter instinto e força para encontrar alimento. Eu diria que para haver alimento podíamos todos contribuir mais e com mais amor há mais alimento para todos, mas não... grande parte ainda está nessa onda das cavernas, da força bruta.


                    Para os que entendem o que digo e estão "deste lado": também há que ter cuidado para que os aproveitadores maliciosos não suguem o que temos de bom. É a parte do mundo que não ama, que obriga quem tem muito a dar a criar uma muralha, para que possa conservar a força que ainda tem. Haja coragem.
                    « Última modificação: 10 de Abril de 2021 por unfold »
                      Dress code: lealdade.
                      Se as minhas derrotas tiverem o cunho da minha verdade, nunca foram derrotas: foram sempre vitórias do princípio ao fim.

                       

                      Tópicos relacionados

                        Assunto / Iniciado por Respostas Última mensagem
                      777 Respostas
                      176379 Visualizações
                      Última mensagem 6 de Abril de 2021
                      por unfold
                      108 Respostas
                      25317 Visualizações
                      Última mensagem 16 de Julho de 2014
                      por Dami
                      Pessoas que Ficam e Pessoas que Passam...

                      Iniciado por Imperatrix « 1 2 ... 5 6 » Outras Conversas

                      106 Respostas
                      30695 Visualizações
                      Última mensagem 19 de Julho de 2009
                      por _tiago_
                      140 Respostas
                      29341 Visualizações
                      Última mensagem 2 de Setembro de 2018
                      por Sekh
                      O que se sente depois?

                      Iniciado por Lust « 1 2 ... 5 6 » Apoio

                      101 Respostas
                      25951 Visualizações
                      Última mensagem 11 de Novembro de 2021
                      por unfold