Outras Conversas > Artes & Letras

Conlangs, conworlds - formas de criatividade

(1/2) > >>

paxaetherna:
Não fazia ideia em que categoria iria colocar este tópico portanto coloquei-o aqui.
Já alguém daqui ouviu falar em conlangs (constructed languages) e conworlds (constructed worlds)?

http://en.wikipedia.org/wiki/Conlang
http://en.wikipedia.org/wiki/Constructed_world

Eu desde a minha infância que faço ambas as coisas, mas só recentemente soube que existem estes termos para designar este tipo de actividades criativas. Faço-o desde os 9 anos, e criei desde então dezenas de países fictícios, histórias, personalidades, culturas, mapas, religiões, línguas, sociedades, culturas, alfabetos, etc. Tenho centenas de documentos em formato digital e papel. Particularmente intensa foi a criação de uma língua a posteriori (http://en.wikipedia.org/wiki/A_posteriori_%28languages%29) que se foi desenvolvendo comigo à medida que fui crescendo. Tenho outra língua a priori (http://en.wikipedia.org/wiki/A_priori_%28languages%29) mais recente que está em desenvolvimento.

Um outro conceito curioso que encontrei à pouco tempo foi o de Paracosmo. (http://en.wikipedia.org/wiki/Paracosm) --> é um conceito interessante até do ponto de vista psicológico. Fiquei surpreendido quando descobri que afinal havia mais pessoas no mundo a fazer este tipo de coisas!

Fica aqui o repto a quem quiser saber mais sobre o assunto ou para quem desconhecia, ou ainda para o acaso de alguém poder também identificar-se com estes conceitos.

diabo_a_quatro:
Muito interessante. Não tinha nunca ouvido falar desses conceitos.
Conheço algumas pessoas que fazem isso mas penso que não têm consciência da sua capacidade artística que poderia ser utilizada de uma forma mais ética  :-X  ::)  lol

Obrigada pela informação, paxaetherna :)

سامانتا:
Adoro.  :heart

Eu costumava fazer muito algumas destas coisas, nomeadamente a criação de idiomas. A maioria não chegava sequer a apontar: rabiscava coisas mas deitava para o lixo ou guardava-as simplesmente na minha cabeça.
Recentemente adquiri um caderno e recomecei a pensar e a criar e decidi começar a apontar. Estruturar algo. Engraçado este tópico ter aparecido aqui, nem me tinha apercebido que existiam definições para algo que me diverte bastante.  ;D

Uma das coisas mais interessantes disto é que realmente estes mundos e os seus próprios vocábulos não se ficam por hobbies apenas, alguns são levados aos livros ou aos ecrãs, como o Dothraki (Game of Thrones) ou Trigedasleng (The 100), ambas criadas por  David J. Peterson.  [smiley=hipnotizado.gif]

quiquo:
  Uau, desconhecia que estas práticas estavam definidas em conceitos! Muito obrigado por teres partilhado paxaetherna, é algo que me interessa bastante (também pratico  :)). Vou pesquisar mais  [smiley=sim.gif] (como é que este tópico tão fixe desapareceu no tempo  ???).
 
--- Citação de: diabo_a_quatro em 26 de Dezembro de 2015 ---Conheço algumas pessoas que fazem isso mas penso que não têm consciência da sua capacidade artística que poderia ser utilizada de uma forma mais ética  :-X  ::)  lol

--- Fim de Citação ---
  Podias desenvolver o teu pensamento diabo_a_quatro? Fiquei curioso e não percebi o que quiseste dizer...

  P.s.: Um dos links do artigo do Paracosmos que tem todo o interesse para a conversa: Fantasy prone personality-Wikipédia

diabo_a_quatro:
Posso desenvolver, sem problema :) Basicamente há pessoas que transpõem essa criatividade/imaginação - o que lhe queiram chamar - para a vida real criando identidades paralelas.

Navegação

[0] Índice de mensagens

[#] Página seguinte

Ir para versão completa