a carregar...

rede ex aequo - associação de jovens lgbti e apoiantes

Esqueceste-te da password?

Comunicação

Notícias e comunicados

  1. home
  2. Comunicação
  3. Comunicados
  4. comunicado de imprensa: Projeto Educação LGBTI

comunicado de imprensa: Projeto Educação LGBTI

Lisboa, 15 de março de 2019

Face à desinformação e a declarações inverídicas que têm circulado em diversos meios da comunicação social, sobre as sessões do Projecto Educação LGBTI da rede ex aequo, a Direção da mesma vem por este meio esclarecer alguns pontos que considera necessários para afastar eventuais confusões ou mesmo intenções demagógicas que estão a passar para o debate público.

 

O que é a rede ex aequo?

A rede ex aequo é uma associação de jovens lésbicas, gays, bissexuais, trans, intersexo (LGBTI) e apoiantes. Nasce em 2003, para dar resposta à necessidade de apoiar os jovens LGBTI face ao bullying, ao isolamento, à violência e ao abandono aos quais, infelizmente, muitos destes jovens tendem a ser sujeitos.

A Associação organiza diversas actividades de âmbito cultural, lúdico e informativo. Ao longo dos anos tem trabalhado com o apoio de diversas instituições, entre as quais o IPDJ - Instituto Português do Desporto e Juventude, I.P., a Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, a secretaria de estado para a cidadania e igualdade, Fundação Europeia da Juventude do Conselho da Europa, entre outras entidades.

Sabendo que o ambiente escolar, apesar dos esforços feitos de melhoria a este nível, continua a ser, em muitos casos, um espaço onde o bullying homofóbico, bifóbico e transfóbico acontece diariamente, nasce o Projecto Educação LGBTI, que conta já com 13 anos de existência.

 

O que é o Projeto Educação LGBTI?

O Projeto Educação LGBTI nasce em 2005, com o objectivo de debater e passar informação sobre as diversas formas de preconceito e discriminação de que são vítimas muitas pessoas LGBTI.

Consiste, concretamente, na realização de sessões de esclarecimento. Estas são feitas através de educação não-formal, e incidem sobre cidadania e direitos humanos, sobre matérias ligadas ao campo da orientação sexual, identidade e expressão de género.

As sessões realizam-se única e exclusivamente quando existe um convite feito à associação. No ano lectivo de 2017/2018 foram realizadas 138 sessões, das quais 78 no ensino secundário, 31 no ensino básico e 29 noutros contextos, tais como faculdades, profissionais de educação, entidades da administração pública, empresas e associações.

Nas sessões é criado um espaço onde os participantes podem falar abertamente sobre questões de orientação sexual, identidade e expressão de género, sem preconceitos.

Estes debates, onde a palavra é dada aos intervenientes, visam somente esclarecer as dúvidas e questões apresentadas, de forma a desconstruir estereótipos sobre pessoas LGBTI, fomentar o respeito pelo outro e combater a discriminação, para assim diminuir os níveis de violência psicológica e física que pessoas LGBTI sofrem em contexto escolar.

Todas as pessoas da associação são voluntárias. Os donativos são oferecidos pelas instituições que assim o entendem e têm apenas o propósito de cobrir as despesas de deslocação e alimentação dos voluntários. A realização da sessão não fica, no entanto, dependente da existência de donativos.

A rede ex aequo não tenciona contribuir para debates demagógicos, desonestos, inflamatórios e sensacionalistas. Assim, é importante esclarecer, diante de algumas afirmações surgidas nos últimos dias, a necessidade de deixar espaço de debate para se poder falar, livremente, sobre matérias que precisam de ser abordadas com o cuidado e seriedade que merecem. É nisto, em suma, que consiste o Projecto Educação LGBTI e as suas sessões.

A Direção encontra-se disponível para esclarecer quaisquer dúvidas sobre o trabalho da Associação, através do e-mail geral@rea.pt ou o número de telefone 968 781 841.